quarta-feira, 22 de agosto de 2018

Petrolândia: Dr. Ítalo Porto, psicólogo da Petroclínica, fala sobre aumento de depressão e suicídio entre os jovens, em entrevista na Web Rádio Petrolândia

Entrevista foi concedida a Assis Ramalho na Web Rádio Petrolândia 


A Petroclinica, clínica localizada na Av. Auspício Valgueiro Barros, na Quadra 09 de Petrolândia, conta com renomado psicólogo no seu quadro de profissionais médicos. Trata-se de Dr. Ítalo Porto. O médico foi entrevistado pelo radialista e blogueiro Assis Ramalho, na Web Rádio Petrolândia. Na conversa, o especialista esclareceu, entre outros temas, a síndrome da depressão. Quando não tratada, a depressão pode trazer riscos capazes de comprometer seriamente a qualidade de vida do indivíduo afetado.

A depressão é um transtorno afetivo que se caracteriza por uma tristeza intensa e de longa duração. Estima-se que aproximadamente 350 milhões de pessoas sejam atingidas por diferentes tipos de depressão em todo o mundo. Por isso, se você apresenta sintomas de síndrome de depressão, procure ajuda profissional. Quanto mais rápido você iniciar um tratamento, menores serão as chances de a doença se agravar e, especialmente, de desenvolver quadros mais complexos. 

De acordo com Dr. Ítalo, algumas pessoas talvez ainda não saibam exatamente o que é depressão. Por conta disso, acabam confundindo – ou simplesmente acreditando – que a doença se iguala a outros aspectos da mente humana como tristeza, desânimo e mau humor.

''O que eu acho interessante é que, às vezes, as pessoas já chegam dizendo que é depressiva. Aí eu pergunto: 'quem foi que te disse que você é depressiva?' Ontem, uma pessoa me procurou dizendo que era depressiva, mas quando essa pessoa me passou o que estava sentindo eu disse 'então, você não é depressiva, é ao contrário do que você está dizendo. Isso por que ela ainda não tinha passado por um especialista, ela simplesmente estava no achismo mesmo. Tem pessoas que já nascem doentes. Mas, uma pessoa com depressão, ela não nasceu com depressão. Ela está depressiva, o que é diferente. A depressão vem, mas ela pode passar'', disse o médico para, em seguida, chamar a atenção sobre o aumento da depressão entre os jovens e a busca pelo suicídio, que é a quarta causa de morte entre jovens no país

"Antes, as pessoas que nos procuravam com problema de depressão, eram mais os adultos. Mas, ultimamente, os adolescentes também estão entrando em depressão, e não é à toa que está havendo este surto de suicídios. Antes, começou uma onda de mutilações, o [desafio] "baleia azul" e, depois, a onda de suicídios. Isso são indícios de que o mundo está complicado e os adultos têm que ver onde estão errando com essas crianças e com esses adolescentes. Como é que pode você ouvir uma criança, um adolescente, dizer que não tem mais vontade de viver?'', questiona o psicólogo.

Dr. Ítalo afirma que os pais devem prestar atenção no comportamento dos seus filhos. ''De acordo com pesquisas, na maioria dos suicídios, as pessoas que se suicidam deram indício antes de fazer. Eles pediram ajuda, eles tentaram chamar atenção de várias maneiras e ninguém levou a sério'', diz.

Dr. Ítalo Porto atende na Petroclínica (87 99805-0774 ou 3851-2333), nesta quinta-feira (23)

Assista no vídeo abaixo à íntegra da entrevista.


Redação do Blog de Assis Ramalho


0 comentários:

Postar um comentário