quarta-feira, 8 de junho de 2016

Ministro da Defesa, Raul Jungmann, faz visita ao Eixo Leste da Transposição e é entrevistado pelo Blog de Assis Ramalho e a Web Rádio Petrolândia

Integra da entrevista com o ministro da Defesa, Raul Jungmann (PPS-PE) vai ao ar na manhã desta quinta-feira (09) no programa ''Acordando com as Notícias'' na Web Rádio Petrolândia, apresentado por Assis Ramalho de segunda a sábado das das 5h30 as 8h30.
Ministro visitou o Eixo Leste da Transposição, em Floresta (Fotos: Assis Ramalho)



O ministro da Defesa, Raul Jungmann, verificou nesta quarta-feira (08) as atividades da Operação Carro-Pipa e o andamento das obras da Transposição do rio São Francisco, projetos com a atuação do Exército Brasileiro. Para minimizar a escassez de água em áreas críticas do semiárido, o ministro anunciou a construção de 2.500 poços artesianos em todo o Nordeste. A medida visa, segundo ele, à redução da pressão e dos custos do programa de abastecimento por carros-pipa. “Nós estamos aqui iniciando um novo projeto de exploração de água subterrânea. Com aproximadamente 40 perfuratrizes, iremos propiciar 2.500 novos poços. Isso vai significar água direto e a redução da pressão e dos custos do programa de entrega de água por meio de carros-pipa”, explicou Jungmann.

A visita do ministro às obras do Eixo Leste da Transposição, entre Floresta e Petrolândia, no Sertão de Pernambuco, aconteceu à tarde. Na oportunidade, o ministro foi entrevistado por Assis Ramalho em reportagem para o Blog de Assis Ramalho e a Web Rádio Petrolândia

Na entrevista, o ministro afirma que, com a conclusão da Transposição, prevista para o próximo ano, a indústria da seca chegará ao fim. Jungmann destacou a importância dos trabalhos realizados pelo Exército Brasileiro na obra.

Raul Jungmann: ''A Transposição é uma obra extraordinária, que está trazendo para o plano da realidade um antigo sonho nordestino, que é poder fugir do flagelo da seca, poder viver na terra em que nasceu e, sobretudo, viver com prosperidade. Viver com justiça e viver sem precisar de favores políticos, seja de quem for, e liquidar de uma vez por todas a indústria da seca. E é pra isso que o atual programa de distribuição de água do carro-pipa do Exército Brasileiro tem contribuido, com três milhões e novecentas pessoas sem ter qualquer tipo de direcionamento, e sem ter qualquer tipo de troca de água por consciência ou por votos''.

A nossa reportagem perguntou como o ministro está assimilando a transição, ao ter assumido, recentemente, uma pasta que pertencia ao outro governo.

Raul Jungmann: ''Olha, isso aqui é uma coisa que começou ainda no Império. Me lembro da famosa frase do Imperador D. Pedro que dizia “Venderei até a última jóia da coroa, mas solucionarei o problema da seca no Nordeste”. A verdade é que essa obra, tão sonhada, ela foi iniciada em governos anteriores e evidentemente que merece o nosso reconhecimento, mas sem sombra de dúvidas isso aqui é uma obra que diz respeito a todos os brasileiros e brasileiras, e particularmente aos nordestinos e que contam com o apoio decisivo do Exército, que está fazendo o canal de acesso, está fazendo barragens e que também está construindo estradas de acessos, ou seja, é um trabalho conjunto, tanto de governos anteriores quanto do governo atual, que vai, espero eu, em 2017 estar colocando definitivamente para funcionar a Transposição do Rio São Francisco''.

Perguntamos se o presidente Temer pretende fazer sua primeira viagem oficial ao Nordeste, fazendo visita às obras da Transposição do São Francisco.

Raul Jungmann:
  ''Olha, ainda não tem uma data definida, mas eu colhi uma informação, lá na Casa Civil, que o presidente pretende fazer sua primeira viagem [oficial], e que essa viagem seria exatamente para que ele possa conhecer de perto e monitorar as obras da Transposição. E que também nessa oportunidade ele estaria, muito provavelmente, definindo uma data para que a Transposição entre em operação. De qualquer maneira, eu acho de muita felicidade que a primeira viagem do presidente Temer seja ao Nordeste, seja à Transposição que é um grande sonho dos nordestinos''.

Perguntamos a opinião do ministro sobre o momento crítico pelo qual o país atravessa, como o mar de corrupção que se alastra em Brasília e sobre o futuro da Lava Jato.

Raul Jungmann:
 ''De um lado, eu estou vendo com tristeza, por verificar que a corrupção era muito maior do que a gente imaginava. Vejo com muita tristeza o dinheiro da saúde, da educação, da segurança ser desviado para o bolso de corruptos e isso, evidentemente, nos deixa muito triste. Mas, pelo outro lado, está um sentimento de alegria, porque o Brasil é maior do que a crise e vai sair muito melhor depois da Lava Jato, porque essa operação, que vai até o fim, e com o apoio do governo Temer, está passando a política e o Brasil a limpo''.

Ver fotos, clique > Visita ministro Raul Jungmann à Transposição Eixo Leste/Floresta-PE

Redação do Blog de Assis Ramalho
Fotos: Assis Ramalho


Promotores de Justiça devem recomendar aos prefeitos que avaliem pertinência dos gastos com os festejos juninos

O MPPE está de olho no gasto do dinheiro público para a realização de festas, em detrimento de serviços como saúde e educação, especialmente nos municípios com atrasos no pagamento dos servidores públicos.

Ante as notícias de realização de grandes festas de São João em vários municípios do interior do Estado com a contratação de artistas com recursos públicos, inclusive por aqueles municípios em dificuldades financeiras, o Conselho Superior do Ministério Público de Pernambuco (MPPE) recomendou aos promotores de Justiça que expeçam recomendações aos prefeitos, no sentido de que avaliem a pertinência do gasto, perante a situação financeira das cidades.

A recomendação aos promotores de Justiça foi proposta pelo corregedor-geral, Renato da Silva Filho, durante a 17ª reunião ordinária do Conselho Superior e aprovada por unanimidade pelos procuradores de Justiça presentes. De acordo com o corregedor, a ideia de recomendar aos promotores de Justiça que atentem para alertar os gestores sobre os gastos públicos com festas, em detrimento dos serviços como saúde e educação, surgiu após o corregedor ver uma notícia sobre o São João do município de Bom Conselho, com a contratação de um show no valor de R$ 500 mil, sem licitação.


Comissão de Finanças da Alepe aprova reserva de verba para fiscalização ambiental em pequenos municípios

Só poderão receber a verba municípios com menos de 30 mil habitantes, os quais, por lei, não podem criar suas próprias taxas ambientais. (Foto: João Bita/Alepe)

A Comissão de Finanças da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) acatou, nesta quarta-feira (8), o projeto de lei que reserva 30% do valor arrecadado através da Taxa de Controle e Fiscalização Ambiental de Pernambuco (Tfape) para custear o aparelhamento da Companhia Independente de Policiamento do Meio Ambiente (Cipoma). De autoria do Poder Executivo, o PL nº 786/2016 recebeu uma emenda do relator, deputado Henrique Queiroz (PR), a fim de garantir que a décima parte da contribuição, que deve ser repassada aos municípios, não possa ser utilizada por entes estaduais.

“Já faz nove anos que a Lei 13.361/2007 assegurou 10% da Tfape para estruturar a fiscalização ambiental feita pelos municípios, mas o Executivo não criou a ferramenta que permitiria esse repasse. Foram cerca de R$ 4 milhões que as prefeituras deixaram de receber nesse período”, informou o parlamentar.


STJD interdita Estádio Mané Garrincha para jogos de futebol

Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O presidente do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), Caio Cesar Rocha, interditou hoje (8) o Estádio Mané Garricha, localizado em Brasília, para realização de partidas de futebol. A decisão foi motivada depois de um pedido da procuradoria da entidade após brigas ocorridas no intervalo da partida entre Flamengo e Palmeiras, válida pela sexta rodada da Série A do Campeonato Brasileiro, quando torcedores palmeirenses tentaram invadir a área da torcida rubro-negra e ocorreu confronto com policiais militares.

Para Rocha, o local não reúne condições para receber partidas com a devida segurança. A interdição deverá ser mantida até que sejam apresentadas soluções que garantam a plena segurança do estádio. A decisão, em caráter liminar, se restringe para realização de jogos de futebol e não se aplica a outros eventos.

“O Estádio Mané Garrincha não reúne condições para receber partidas com a devida segurança, até que sejam apresentadas soluções que garantam a completa segurança no estádio, seja em relação à própria infraestrutura da arena, seja em relação à elaboração de protocolos de segurança específicos para tal estádio”, argumentou o presidente do STJD.


Mudanças climáticas já podem ser sentidas na bacia do São Francisco

Foto: Regina Lima/CBHSF

O rio São Francisco deve sofrer nos próximos anos um forte processo de degradação e desertificação das suas áreas territoriais. Estudos mostram que as intensas ações antrópicas – alterações do homem sobre o meio ambiente – estão contribuindo seriamente para o avanço da seca no Brasil. A informação foi repassada pelo especialista Lincoln Muniz, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), durante a programação do I Simpósio da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco, que acontece até quinta-feira (09.06), em Juazeiro (BA), às margens do Velho Chico.

“Haverá uma diminuição no regime de chuvas e um aumento considerável na temperatura média”, observou o especialista. Muniz lembrou que eventos extremos, como a seca, terão maiores impactos em setores estratégicos para o país, com o de recursos hídricos. “As mudanças climáticas estão aí, e já podem, claramente, serem sentidas nas bacias hidrográficas”, completou.


Amupe promove debate com membros dos consórcios públicos de Pernambuco sobre o Projeto de Lei da Alepe e Alerta de Responsabilização do TCE-PE


A Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe) realizou nessa quarta-feira (08/06/2016) uma reunião com integrantes dos 13 consórcios públicos intermunicipais do Estado. O encontro, que aconteceu no turno da manhã na sede da Amupe, reuniu secretários, contadores e advogados dos consórcios para analisar o Projeto de Lei Ordinária N° 851/2016 do ALEPE, que no seu atual texto, atrapalha o funcionamento dos consórcios. Também foi analisado o “Alerta de Responsabilização”, enviado pelo Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE-PE) aos prefeitos de Pernambuco.

No encontro, foi realizada a leitura do Projeto de Lei, que disciplina a realização de transferências voluntárias de recursos estaduais aos consórcios públicos formados exclusivamente, por Municípios pernambucanos, nos termos da Lei n° 11.107, de 6 de abril de 2005. Atualmente, em Pernambuco, existem 13 consórcios públicos, constituídos e funcionando, que reúnem um total de 162 municípios consorciados, representando 88% dos municípios do Estado.


Antropóloga sugere inventário do patrimônio intangível do São Francisco

Rachel Rocha (Foto: Regina Lima/Ascom CBHSF)

A dimensão social e a riqueza cultural da bacia do Velho Chico também estiveram presentes nos debates que marcaram o I Simpósio da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco, que foram encerrados nesta quarta-feira (08/06), no Campus de Juazeiro (BA) da Universidade Federal do Vale do São Francisco.

A coordenadora do Laboratório da Cidade e do Contemporâneo da Universidade Federal de Alagoas (UFAL), Rachel Rocha de Almeida Barros, apresentou sua pesquisa intitulada ‘Patrimônio Intangível do Baixo São Francisco: políticas públicas, sustentabilidade e geração de renda’. O objeto de estudo é a cooperativa Art-Ilha, que reúne mulheres artesãs da Ilha do Ferro, no município alagoano de Pão de Açúcar, no Baixo São Francisco.

“Das cercas de 400 pessoas que habitam a ilha, mais de cem são bordadeiras. A Ilha do Ferro é um lugar de muitas “manualidades”, pois, além da renda, há outros ofícios com valor cultural e artístico, como a fabricação de barcos, confecção de redes de pesca e os trabalhadores da madeira. É um rico patrimônio imaterial da bacia do São Francisco”, destacou Rachel Rocha, que possui doutorado em Antropologia pela Escola de Altos Estudos em Ciências Sociais de Paris (EHESS).


Desconfiança de investidores adiou leilões portuários, diz Moreira Franco

“Há uma desconfiança nas nossas regras, nos nossos procedimentos, nos nossos contratos, sobretudo na segurança jurídica. Investimentos de retorno prolongado exigem contratos que garantam o cumprimento no ambiente de segurança jurídica. E isso nós não temos”, disse o secretário executivo do PPI.

A falta de confiança dos investidores foi o principal motivo do adiamento do leilão de arrendamento de seis áreas portuárias no Pará, que estava marcado para a próxima sexta-feira (10). Segundo o secretário executivo do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI) da Presidência da República, Moreira Franco, a suspensão do leilão é reflexo do momento político delicado que o Brasil enfrenta, que traz uma insegurança institucional para o país. De acordo com o Ministério dos Transportes, Portos e Aviação Civil, os leições estão suspensos.

“Esses leilões foram adiados porque não há confiança do investidor. E é absolutamente compreensível. Enquanto essa situação institucional não estiver claramente definida, as pessoas têm receio, têm medo de colocar o seu dinheiro em regras e em contratos cujos responsáveis poderão não estar aqui amanhã”, disse hoje (8) o secretário durante encontro com empresários no Palácio do Planalto.


Silvio defende Pacto pela Saúde de Pernambuco


O deputado estadual Silvio Costa Filho voltou a sugerir nesta quarta-feira (08) a criação do Pacto da Saúde. A proposta foi retomada por ele nesta quarta-feira (08) durante audiência na Assembleia Legislativa na qual foi apresentado o balanço quadrimestral dos indicadores do setor em Pernambuco.

“Precisamos unir forças para evitar o colapso da saúde pública no Estado. O assunto é uma prioridade para a população e uma bandeira que une a todos. Queremos elaborar uma agenda conjunta independente de coloração partidária envolvendo a Alepe, prefeituras, governos estadual e federal, senadores e entidades da área, como o Sindicato dos Médicos e o Conselho Regional de Medicina. Propusemos isso em outra oportunidade e não entendemos o porquê de o Governo do Estado não ter aceitado e respondido com o silêncio”, comentou.


Prefeito de Cícero Dantas, BA, deve devolver dinheiro pago por serviço não prestado


O Tribunal de Contas dos Municípios, nesta quarta-feira (08/06), considerou procedente a denúncia formulada pelos vereadores Washington Andrade Matos, Jenilson Batista de Oliveira e José Cineido Santana do município de Cícero Dantas contra o prefeito, Helânio Calazans de Oliveira, pelo cometimento de irregularidades em procedimentos licitatórios, na modalidade convite, que teve como objeto a contratação de empresa especializada para prestação de serviços de engenharia na reforma e manutenção dos prédios da sede da Prefeitura e da Secretaria de Saúde, no exercício de 2013.

O relator do processo, conselheiro Fernando Vita, solicitou a formulação de representação ao Ministério Público Estadual contra o gestor para que seja apurada a eventual prática de improbidade administrativa, imputou multa de R$7.000,00 e determinou o ressarcimento aos cofres municipais na quantia de R$40.247,25, com recursos pessoais, sendo R$37.042,92 pelo pagamento indevido de serviço não realizado e R$ 3.204,33 por sobrepreço nos dois contratos.


Humberto critica tentativa de cercear defesa de Dilma na Comissão do Impeachment

Foto: Alessandro Dantas/ Liderança do PT no Senado

O líder do Governo Dilma no Senado, Humberto Costa (PT-PE), criticou, nesta quarta-feira (8), a tentativa de cerceamento de ampla defesa da presidenta na comissão especial do impeachment da Casa. O protesto foi feito pelo parlamentar em relação à tentativa de aliados de Michel Temer (PMDB) de limitar a quantidade de testemunhas arroladas pela defesa, em concordância com o relator do colegiado, Antonio Anastasia (PSDB-MG).

A defesa de Dilma arrolou 40 testemunhas, mas o advogado Miguel Reale Júnior, um dos autores do pedido de afastamento da presidenta, e o senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP), líder de Temer no Senado, entraram com recurso para reduzir o número a 16.

A ação foi recusada pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Ricardo Lewandowski, conforme anunciou na sessão de hoje o presidente da comissão do impeachment, Raimundo Lira (PMDB-PB).


Unesco defende educação em sexualidade e gênero prevista em lei

Um dos compromissos dos países-membros da ONU é garantir o cumprimento da Agenda 2030 para o Desenvolvimento Sustentável, adotada em 2015. Entre os 17 objetivos globais da agenda, está a garantia de ambientes de aprendizagem seguros e não violentos, inclusivos e eficazes, e a promoção da educação para a igualdade de gênero e os direitos humanos.

Aprofundar o debate sobre sexualidade e gênero na sala de aula contribui para uma educação mais inclusiva, equitativa e de qualidade. É o que diz comunicado divulgado pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) no Brasil. No texto, a Unesco propõe que a legislação e os planos educacionais brasileiros incorporem perspectivas de educação em sexualidade e gênero.

De acordo com o comunicado, isso se torna ainda mais importante porque a educação é compreendida como processo de formar "cidadãos que respeitem as várias dimensões humanas e sociais sem preconceitos e discriminações".

Segundo a Unesco, o ensino de gênero nas escolas é fundamental para prevenir e erradicar toda e qualquer forma de violência, em especial a violência de gênero. "Diante de recentes fatos ocorridos no país, no que se refere à violência sexual, a Unesco no Brasil reafirma seu compromisso com a garantia dos direitos das mulheres e da população LGBT [Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis, Transexuais e Transgêneros], sendo contrária a toda forma de discriminação e violação dos diretos humanos em qualquer circunstância e, em especial, em espaços educativo."


Venda de motocicletas recua 27,3% em maio


O número de motocicletas vendidas pelas concessionárias em maio foi de 76.644 unidades, um recuo de 27,36% em relação ao mesmo mês do ano passado. Mesmo com um dia útil a mais do que maio de 2015, a média diária de vendas no quinto mês deste ano apresentou retração de 30,8%, passando de 5.274 para 3.650 motocicletas. Na comparação com abril, o total de vendas no mês teve recuo de 3,8%.

Os dados, divulgados hoje (8) pela Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo), mostram que a produção também caiu. Em maio, saíram das linhas de montagem 92.308 unidades, uma retração de 20,5% em relação ao mesmo mês de 2015. No entanto, o resultado representa uma alta de 46,4% em relação a abril.


Prefeitura de Afogados da Ingazeira recebe até próxima segunda (13) inscrições para 4º Concurso Regional de Quadrilhas Juninas


A Secretaria de Cultura e Esportes de Afogados da Ingazeira está concluindo os preparativos para a realização do 4º Concurso Regional de Quadrilhas Juninas. Será na próxima semana, 18 de junho, a partir das 18h, no Centro Desportivo Municipal.

As inscrições continuam abertas até a próxima segunda-feira (13), e podem ser feitas presencialmente, no Centro Desportivo (Rua Antônio Vida, s/nº). Maiores informações podem ser solicitadas através do endereço eletrônico da Secretaria: culturaeesportes.afogados@gmail.com.

A Prefeitura irá distribuir dois mil reais em premiações para as três melhores quadrilhas classificadas. “Será uma grande festa e contamos com a presença de todos. Iremos, em breve, divulgar as atrações e a programação do nosso já tradicional Arraial Municipal,” informou o Secretário de Cultura e Esportes, Edgar Santos.

Prefeitura de Afogados da Ingazeira/Núcleo de Comunicação Social


Eleições 2018: Lula venceria 1º turno em todos os cenários apontados por pesquisa CNT/MDA


Pesquisa CNT/MDA feita com 2.002 pessoas em 137 municípios localizados de 25 unidades federativas mostra que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva seria o candidato mais votado em todos os cenários de primeiro turno para as eleições presidenciais de 2018.

De acordo com o levantamento divulgado hoje (8), em um cenário em que o principal adversário fosse o tucano Aécio Neves, Lula teria 22% das intenções de votos, enquanto Aécio teria 15,9%, seguido de Marina Silva (14,8%), Ciro Gomes (6%), Jair Bolsonaro (5,8%) e Michel Temer (5,4%). Brancos e nulos totalizariam 21,2%, enquanto o total de indecisos, neste cenário, seria de 8,9% dos eleitores.

Em um segundo cenário, no qual Aécio seria substituído pelo governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, Lula teria 22,3% das intenções de votos, seguido por Marina Silva (16,6%) e Alckmin ficaria em terceiro com 9,6%. Na sequência, viriam Ciro Gomes (6,3%), Michel Temer (6,2%) e Jair Bolsonaro (6,2%). Brancos e nulos totalizariam, neste cenário, 24% dos eleitores, enquanto 8,8% dos entrevistados se declararam indecisos.


Transplante de haploidênticos já é feito com doadores parcialmente compatíveis

Aumenta a possibilidade de se encontrar um doador de medula óssea entre os parentes de primeiro grauO transplante haploidêntico surgiu há pouco tempo nos Estados Unidos e já é realizado em alguns hospitais do Brasil.

Sempre pensamos em compatibilidade quando o assunto é transplante de medula óssea. Entre os familiares de primeiro grau, a possibilidade de encontrar um doador compatível é de 25%, esta porcentagem aumenta para 40% quando o doador vem de banco internacional de medula óssea e pode chegar a 70% quando o doador é parcialmente compatível.

Sabemos que existem três tipos de transplantes de medula óssea: o alogênico, autólogo e singênico. No alogênico, o doador recebe o transplante por meio de um parente de primeiro grau ou banco de medula óssea desde que a histocompatibilidade (semelhança ou identidade genética) tenha similaridade; no autólogo, a medula óssea ou as células-troncos periféricas são retiradas do próprio paciente; já o singênico é realizada entre irmãos gêmeos idênticos univitelino.


Petrolândia: Hospital Municipal realiza ações dos projetos 'Saúde na Feira' e 'Envelhecer com Saúde'






Na última sexta-feira (03), o Hospital Municipal Dr. Francisco Simões de Lima (HOMUPE), em Petrolândia, realizou ações de prevenção para a saúde dos munícipes. No Mercado Público foi realizado o projeto "Saúde na Feira", com aferição de pressão arterial, glicemia capilar, testes rápidos de HIV e sífilis, além de orientações sobre a dengue, zika vírus e chikungunya. Os serviços foram oferecidos aos comerciantes da feira livre e para todas as pessoas que circulavam pelo pátio da feira, durante todo o período da manhã. 

As ações tiveram continuidade no HOMUPE onde foi realizado mais um atendimento do projeto "Envelhecer com Saúde", no qual os idosos atendidos pelo CRAS-Petrolândia tiveram consultas médicas com o clínico geral Dr. Cícero Simões e orientação nutricional com a nutricionista Dra. Cíntia Letícia.

Ver mais fotos>HOMUPE: Projetos 'Saúde na Feira' e 'Envelhecer com Saúde'

Redação do Blog de Assis Ramalho
Com informações e fotos do Hospital Municipal Dr. Francisco Simões de Lima


Petrolândia: Flávio Henrique Gravações e Publicidade faz locução e divulgação em carro de som


Se você precisa fazer divulgação, locução ou qualquer serviço semelhante, procure quem entende do assunto. Petrolândia conta com um serviço de carro de som altamente qualificado, há quase 10 anos levando para o público informação e prestação de serviço com a mais alta qualidade: Flávio Henrique Gravações e Publicidades.

Divulgue com quem entende do assunto, entre em contato 87 9 9998 1768 ou pelo e-mail flaviohenrique95@hotmail.com.

Informações/fotos: Flávio Henrique Gravações e Publicidade


Humberto lança frente parlamentar em defesa do SUS


O líder do Governo Dilma no Senado, Humberto Costa (PT-PE), participou do lançamento da frente parlamentar em defesa do Sistema Único de Saúde (SUS), na noite terça-feira (7), no Congresso Nacional. Na última sexta-feira (3), ele já havia discursado em defesa do sistema no XXXII Congresso Nacional de Secretarias Municipais de Saúde, realizado em Fortaleza.

Junto com deputados e senadores, Humberto defendeu que a frente batalhe pelo aperfeiçoamento do sistema público universal brasileiro, um dos maiores do mundo, e rejeite as propostas sugeridas pelo governo interino de Michel Temer (PMDB) de redução do atendimento do SUS.


Danilo Cabral é titular da Comissão de Educação na Câmara

Deputado federal Danilo Cabral (Foto: Sergio Francês)

Com o retorno à Câmara Federal, o deputado Danilo Cabral assumiu cadeira na Comissão de Educação como titular. O parlamentar foi indicado pelo PSB para o colegiado por causa da sua experiência na área como ex-secretário de Educação de Pernambuco entre os anos de 2007 e 2010 e coordenador do Pacto pela Educação, vinculado à Secretaria de Planejamento e Gestão, nos últimos 16 meses.

Na primeira reunião com a presença do deputado, realizada na manhã desta quarta-feira (8), foi discutido o projeto de lei 465/1999, que permite ao trabalhador usar recursos do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para o pagamento de amortizações de parcelas de financiamento estudantil. O projeto terminou sendo retirado de pauta para melhor apreciação dos integrantes da Comissão. Além disso, foi lançado o Anuário Brasileiro de Educação Básica - 2016, uma publicação do Movimento Todos pela Educação.


Governo aumenta despesas não obrigatórias em R$ 38,5 bilhões


O governo federal pretende aumentar as despesas discricionárias (não obrigatórias) deste ano em R$ 38,5 bilhões, disse ontem (7) o ministro interino do Planejamento, Dyogo Oliveira. A liberação ocorre duas semanas depois de o Congresso Nacional aprovar a meta de déficit primário de R$ 170,5 bilhões para este ano. O decreto com a reprogramação orçamentária será publicado ainda hoje (7) em edição extraordinária do Diário Oficial da União.

Do total de recursos liberados, R$ 28,2 bilhões virão da recomposição de limites orçamentários que estavam contingenciados (bloqueados), R$ 8,8 bilhões dependerão de créditos adicionais no Orçamento, que precisam ser aprovados pelo Congresso, e R$ 1,5 bilhão virão da liberação de recursos para emendas parlamentares impositivas e para outros Poderes (Legislativo e Judiciário, além do Ministério Público).


CNT: reprovação do governo Temer é de 28%; 11% aprovam e 30% consideram regular

62,4% dos entrevistados consideram correta a decisão pelo afastamento, porém apenas 33,2% citam as 'pedaladas fiscais' como justificativa para o processo. A maioria aponta corrupção no governo federal e tentativa de obstrução à Lava Jato como motivos para o impeachment.

Pesquisa CNT/MDA divulgada hoje (8) indica que 11,3% dos brasileiros avaliam positivamente e 28% negativamente o governo interino do presidente Michel Temer. Para 30,2% dos entrevistados, o atual governo é regular, enquanto 30,5% dizem não saber opinar.

No que se refere ao desempenho pessoal do presidente, 40,4% desaprovam, e 33,8% aprovam. Na comparação entre os governos Temer e Dilma Rousseff, 54,8% dos entrevistados disseram que os governos estão iguais e que não percebem nenhuma mudança no país desde que Temer assumiu interinamente o governo. Para 20,1%, o atual governo está melhor do que o anterior, enquanto 14,9% o consideram pior.

A pesquisa revela que 46,6% dos brasileiros acreditam que a corrupção no governo Temer será igual à ocorrida no governo Dilma. Ainda segundo a CNT, 28,3% acreditam que ela será menor; enquanto 18,6% avaliam que será ainda maior.


Histórias reais ajudam a prevenir crianças do envolvimento com drogas

Cerca de 50 alunos de Fisioterapia do UniCEUB compartilharão conhecimentos durante ação que terá a presença de ex-usuários. Objetivo é prevenir lesões e riscos à locomoção 

Momentos de sofrimento a serviço do bem. Depoimentos reais de usuários de drogas serão apresentados a estudantes da Escola Parque 304 Norte, com o objetivo de alertar para a prevenção dos perigos causados pelo uso dos entorpecentes, sejam eles ilícitos ou lícitos. A ação será realizada na própria escola pelos alunos do 5º semestre de Fisioterapia doUniCEUB – Centro Universitário de Brasília na quarta-feira, dia 8 de junho, a partir das 14h.

O grupo de cerca de 50 alunos do campus da Asa Norte irá ajudar na prevenção de dezenas de crianças a partir de 8 anos de idade, e o evento deve contar com a presença de mais de 300 jovens. Ações parecidas já levaram conhecimentos a respeito da prevenção de acidentes de trânsito e de violência contra a mulher.


Defesa Civil nacional discutirá redução de riscos de desastres nas Américas

Objetivo é definir um plano de ações integradas visando metas como a redução da mortalidade e de perdas econômicas

O Ministério da Integração Nacional participará da primeira reunião de autoridades que irá discutir a construção de um plano de ação e a implementação do Marco de Sendai para a Redução do Risco de Desastres 2015-2030 nas Américas. A ideia é debater ações integradas e metas globais, dentre elas a de redução da mortalidade, do número de pessoas afetadas, das perdas econômicas, dos danos à infraestrutura crítica e da interrupção de serviços básicos em casos de desastres.

O objetivo do encontro, que acontece nesta quarta (8) e quinta-feira (9), no Paraguai, é estabelecer prioridades para uma agenda de ação regional, com a finalidade de reduzir os riscos de desastres e aperfeiçoar os modelos de resposta e recuperação de áreas atingidas. O Marco de Sendai é um compromisso assinado por 185 países membros da Organização das Nações Unidas, durante conferência mundial no Japão, em março do ano passado.


Lewandowski nega recurso de Dilma para juntar áudios ao processo de impeachment


O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Ricardo Lewandowski negou ontem (7) um recurso apresentado pela defesa da presidenta afastada Dilma Rousseff contra decisão da Comissão Especial do Impeachment no Senado. A comissão negou que sejam juntados ao processo os áudios feitos pelo ex-presidente da Petrobras Transporte S.A. (Transpetro) Sérgio Machado.

Segundo informações do STF, na decisão, o ministro citou manifestação de outro membro da Corte, ministro Teori Zavascki, que entende que os elementos colhidos no âmbito de delações premiadas estão protegidos pelo sigilo até que seja feita a abertura de inquérito. Zavascki é o relator dos processos da Operação Lava Jato no STF. O presidente do Supremo lembrou ainda que o tema abordado no recurso já foi debatido em outras decisões da Corte.


Eleições 2016: Grupo de oposição ganha força e volta a se reunir em Jatobá-PE


Nesta segunda-feira (6), voltou a se reunir a maior força política de oposição (Washington Souza -PCdoB, Nestor Soares - PP, Éder Rodrigues-PRB e Dionaldo Barbosa -PDT), do município de Jatobá-PE. O objetivo foi dar continuidade nos preparativos da construção da agenda propositiva do grupo até o final deste mês, com planejamento de definição da junção das propostas dos partidos aliados para uma só tese.

"Com os acordos estabelecidos anteriormente, é chegado o momento que a população almejava! Com essa inserção das propostas das forças políticas e inserindo as propostas das mesmas, se tornará mais viável no debate com a sociedade, escolhendo a tese para a disputa deste pleito. Desta forma, se tornará mais fácil, com a tese única, viabilizar o debate de propostas para restruturação do município e resgatar a autoestima dos habitantes de Jatobá", declara Washington Souza.

Assessoria do PCdoB Jatobá


Professora morre após acidente entre moto e carroça em Belo Jardim, PE


Professora morreu após colisão entre carroça e moto (Foto: Reprodução/Facebook)
Moto atingiu a carroça que seguia pelo acostamento da rodovia, em Belo Jardim (Foto: Divulgação/PRF)

Uma professora morreu e duas pessoas ficaram feridas em um acidente na noite dessa terça-feira (7) na BR-232, Belo Jardim, no Agreste de Pernambuco. De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), um motocicleta bateu em uma carroça no quilômetro 182. A carroça estaria tentando cruzar a rodovia.

Ainda segundo a polícia, a professora Ana Lúcia de Luna Morais, de 53 anos, que estava na moto, não resistiu aos ferimentos e morreu no local. O condutor da moto, Djalma Marques de Oliveira, de 54 anos, e o carroceiro José Edmilson Vilanova da Silva ficaram feridos. Eles foram socorridos no Hospital Regional de Belo Jardim em estado grave.

A PRF informou ainda que os passageiros da moto estavam indo para Sanharó, também no Agreste. O corpo da professora foi encaminhado ao Instituto de Medicina Legal (IML), em Caruaru, na mesma região.

NE 10


Inter aceita proposta e libera o zagueiro Réver por empréstimo ao Flamengo

 

Menos um zagueiro no grupo do Inter. Nos planos do Flamengo e sem conseguir se firmar com Argel, Réver foi liberado pela direção colorada e está próximo de ser anunciado pelos cariocas. O camisa 3, inclusive, não participou dos treinos na gélida manhã desta quarta-feira.  O atleta será emprestado pelo período de uma temporada ao Rubro-Negro. O anúncio depende da aprovação do jogador nos exames médicos.

O atleta nunca se firmou como titular, tanto em 2015 quanto na atual temporada. Com atuações irregulares, chegou a sobrar do banco. Além disso, também sofreu com lesões.  Sem Réver, o Inter agora conta no grupo apenas com Paulão - que cumprirá suspensão diante do América-MG neste sábado -, Ernando e Alan Costa. No início do ano, emprestou Eduardo ao Náutico e liberou Jackson para o Bahia.


Sem voos da FAB, Dilma diz que Planalto será responsável por sua segurança


A defesa da presidente afastada Dilma Rousseff protocolou nessa terça-feira (7), no Palácio do Planalto, uma comunicação ao presidente interino Michel Temer de que as viagens dela serão feitas “por meio de aviões de carreira ou por via terrestre” e que “quaisquer situações que violem a segurança pessoal” dela será de responsabilidade “exclusiva e pessoal” da presidência em exercício e do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência (GSI).

Ontem (6), o Planalto negou pedido de Dilma para se deslocar a Campinas com avião da Força Aérea Brasileira (FAB). A solicitação foi a primeira recusada após parecer da Casa Civil que limitou a autorização para deslocamentos de Dilma em aeronaves da FAB somente entre Brasília e Porto Alegre, cidade onde mora sua família.

Segundo a presidenta afastada, a negativa a obrigará a fazer os deslocamentos em voos comerciais ou por meio de transporte terrestre, “apesar do óbvio comprometimento da sua segurança pessoal”.


Entre a manipulação da Bíblia e a posse da Vagina


“Este Brasil que vai às ruas protestar contra a cultura do estupro, contra o genocídio da juventude negra, contra a corrosão das escolas públicas, onde estudam os mais pobres, representa a grande potência criativa deste momento”, escreve Eliane Brum, escritora, repórter e documentarista, em artigo publicado por El País, 06-06-2016.

Segundo ela, “é fundamental identificar onde está o movimento. E onde está a paralisia. Ou mesmo o retrocesso. Descolados do Brasil que se move, nem o governo nem o Congresso têm resposta. Em parte, porque sequer entendem o que dizem as manifestantes que ocuparam as ruas”.

“A desobjetificação das mulheres é – escreve a jornalista - ameaçadora à manutenção dos privilégios de quem ocupa o poder ou deseja ocupá-lo. Ou alguém acredita que deputados como Eduardo Cunha (PMDB) e o clero evangélico do Congresso estão de fato preocupados com a vida do feto quando tentam impedir as mulheres de fazer aborto legal? Ou quando determinam que família é homem com mulher?”

Eis o artigo.

O levante das mulheres contra a cultura do estupro no país governado pelo interino Michel Temer (PMDB) e pelo Congresso mais retrógrado desde a redemocratização forma o retrato mais preciso desse momento histórico tão particular do Brasil. A oposição atual não é entre um governo chamado de “golpista” e um governo que já foi apresentado como “popular”. Ou entre a presidente afastada pelo processo de impeachment e o vice que conspirou para afastá-la. O embate é entre o Brasil que emergiu das manifestações de junho de 2013 e o Brasil que se agarra aos privilégios de classe, de raça e de gênero. É esse o confronto político mais amplo que determina o curso dos dias.


MEC quer tirar dinheiro de programas para ampliar repasse a estados e municípios


O Ministério da Educação (MEC) quer rever o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) e programas da educação básica como o Mais Educação, que incentiva a educação integral nas escolas, para aumentar o investimento por aluno destinado a estados e municípios. De acordo com a secretária executiva da pasta, Maria Helena Guimarães de Castro, um diagnóstico preciso dos projetos vai possibilitar a ampliação dos repasses.

“O Pronatec tem uma evasão de 65% e um investimento de R$ 15 bilhões. O programa poderia ser avaliado, revisto, de tal modo que se possa alocar recursos previstos para ampliar o Fundeb [Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação]”, disse a secretária em audiência pública hoje (7) na Câmara dos Deputados para avaliar o segundo ano de implementação do Plano Nacional de Educação (PNE).

O PNE é uma lei federal que prevê 20 metas, da educação infantil à pós-graduação, incluindo a valorização dos trabalhadores em educação e a ampliação do investimento em educação dos atuais 6,1% para 10% do Produto Interno Bruto (PIB) por ano. As metas devem ser todas cumpridas até 2024.


Gustavo Gesteira apresenta Projeto Tô na Rede ao ministro Mendonça Filho


Gustavo Gesteira esteve em Brasília com Karla Paes e Andrea Cantarelli para apresentar ao Ministro da Educação, Mendonça Filho, o Projeto Tô na Rede, da Fundação Bill & Melinda Gates. Conhecido mundialmente como Global Libraries, o projeto tem por objetivo capacitar os funcionários das bibliotecas e conecta-las a instituições de todo o mundo. 

Na área da educação, a proposta é implementar o projeto em até 6.000 bibliotecas escolares até o ano de 2018, promovendo a utilização da internet como fonte de estudo e pesquisa para alunos da rede pública em todo o Brasil.

Ascom Gustavo Gesteira
Fotos: Divulgação


TCM-BA determina representação ao MP contra prefeito de Sítio do Quinto


O Tribunal de Contas dos Municípios, nesta terça-feira (07/06), solicitou a formulação de representação ao Ministério Público Estadual contra o prefeito de Sítio do Quinto, Cleigivaldo Carvalho Santa Rosa, para que seja apurado se houve a prática de improbidade administrativa na contratação das empresas N&Torres Serviços de Transportes e Viação Joseph Hyggor, para aluguel de veículos para serviços administrativos – no valor de R$282.350,00 -, e para transporte escolar da rede, no total de R$315.999,84, no exercício de 2009. O gestor foi multado em R$5 mil.

O relator do processo, conselheiro Fernando Vita, revelou que o gestor não encaminhou os procedimentos licitatórios questionados, nem providenciou a juntada dos dois contratos celebrados pelo município, teoricamente disponíveis nos arquivos da Prefeitura. A defesa não desmentiu a denúncia sobre as relações de parentesco que envolveram os sócios das duas empresas contratadas, sendo a N&Torres de propriedade do irmão do Diretor de Departamento de Administração Geral da Prefeitura e a Viação Joseph Hyggor de um primo do prefeito. O fato contraria a Lei nº 8.666/93, que veda a participação, direta ou indireta, de servidor ou dirigente de órgão ou entidade contratante ou responsável pela licitação.


Jatobá: Mancha verde em Jatobá levanta suspeita de cianobactérias no lago de Itaparica


Confira no vídeo

Uma vegetação que surgiu no Rio São Francisco na comunidade do Mari, Zona Rural de Jatobá, tem formado uma enorme mancha verde em boa parte do rio, e vem causando transtornos e prejuízos aos povoados beira rio e comerciantes dos balneários locais.

A mudança na água do rio foi percebida no último fim semana e, nesta quarta-feira (07), o comerciante do Restaurante Balneário, Ivanildo Palmeira, preocupado com a situação chamou o parlamentar Dione Laertison, para que o mesmo o pudesse ajudar levando a situação para algum órgão fiscalizador. O parlamentar esteve no local e chegou a recolher amostras da água.

Segundo informou o parlamentar, em um trecho do rio já se pode notar a presença de peixes mortos, e alguns moradores que chegaram a tomar banho na água ficaram com os corpos coçando.


PM troca tiros com suspeitos de vários crimes e três são mortos em AL


Na tarde desta terça-feira (7), em operação da Polícia Militar comandada pelo major Rocha Lima, subcomandante do 1º Batalhão, três suspeitos de vários delitos foram mortos durante confronto com a PM no bairro do Clima Bom, na parte alta de Maceió. Roberto dos Santos Sales, John Aldo Alves Leobino da Paz e um com identidade ainda não revelada tombaram após reagirem à ação dos policiais. Os três foram levados ainda com vida ao Hospital Geral do Estado (HGE) pelas guarnições do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), porém não resistiram aos ferimentos.

Participaram, além do 1º BPM, o Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), o Tático Integrado de Grupos de Resgates Especiais (Tigre), além do helicóptero da Secretaria de Segurança Pública (SSP). Duas pistolas e munição foram apreendidas na operação que cumpriu mandados de prisão.