sexta-feira, 10 de julho de 2020

Petrolândia/Tacaratu/Itaparica-Jatobá: Laboratório Jaques tem novo teste que quantifica anticorpos de coronavírus


Agora no Laboratório Jaques, mais uma possibilidade de TESTE para CORONAVÍRUS.

Trata-se de um exame mais completo. que além de dizer se o paciente teve contato com o vírus, QUANTIFICA os anticorpos testados.

O teste auxilia o Médico no diagnóstico da COVID-19 e verifica se você já está recuperado da doença. 

Não fique em dúvida. Faça seu teste para coronavírus no Laboratório Jaques.

Para garantir a maior segurança do paciente, o Laboratório Jaques conta com profissionais especializados e capacitados para realizar a coleta domiciliar do material para exame.

INDICAÇÃO para a realização do teste de coronavírus:

- 10 dias após o início dos sintomas

- Repetição do Teste depois do tempo de isolamento

- Assintomáticos podem fazer para saber se já tiveram a doença em algum momento

- O resultado é entregue em aproximadamente 4 dias.

A Clínica e Laboratório Jaques está presente em Petrolândia (Contato: 99983-6517), Tacaratu (Contato: 99931-4556) e Itaparica/Jatobá (Contato: 98102-7957). 

Clínica e Laboratório Jaques

Petrolândia: Em entrevista a Assis Ramalho Coordenadora de Enfermagem do Hospital Municipal rebate acusações de descaso com saúde de profissionais durante a pandemia


Na manhã desta sexta-feira (10/07), a reportagem do Blog de Assis Ramalho e da Web Rádio Petrolândia conversou com Sarita Tavares, Coordenadora de Enfermagem do Hospital Municipal Dr. Francisco Simões de Lima, localizado em Petrolândia, Sertão de Pernambuco.


Na entrevista, ela rebate  (por meio de provas mostradas na reportagem) acusações feitas por dois funcionários, recuperados da Covid-19, em live do Canal da Gota, acerca de suposto descaso da instituição com a saúde de seus profissionais durante a pandemia. Sarita apresenta, inclusive, documentos para comprovar suas afirmações.

As fortes declarações - feitas na entrevista -  teve duração de cerca de 50 minutos.

Confira no vídeo abaixo.

Redação do Blog de Assis Ramalho

Petrolândia: Cristiano Nunes, do Icó-Mandantes, é aniversariante de 10 de julho e recebe felicitações


Nesta sexta-feira, 10 de julho, comemora idade nova Cristiano Nunes, do Icó-Mandantes. O aniversariante recebeu os cumprimentos de familiares e amigos, com votos de que 2020 seja mais um ano de vitórias e realizações em sua vida. Feliz aniversário, Cristiano! Que esta data se repita por longos anos, com saúde e prosperidade em seu caminho, sempre. 

Redação do Blog de Assis Ramalho

Belém do São Francisco [Covid-19]: Secretaria de Saúde divulga Boletim Epidemiológico desta sexta-freira [10/07/2020]; confira

Boletim COVID- 19: confira os dados atualizados de Belém do São Francisco.

Nesta sexta-feira (10) a Prefeitura Municipal, através da Secretaria Municipal de Saúde, registra doze casos SUSPEITOS e DESCARTA dois casos, através da realização de testes rápidos.

Esclarecemos a população que esta Secretaria está tomando todas as medidas cabíveis em relação aos cuidados com os familiares e pessoas que tiveram contato com os casos suspeitos/confirmados, através de monitoramento e orientações para o isolamento domiciliar.

Ressaltamos que a administração municipal está empenhada em conter o avanço da pandemia em nosso município. Por sua vez insiste para que toda a população respeite as medidas estabelecidas nos Decretos Municipais, que tem por objetivo resguardar a saúde de todos.

Blog de Assis Ramalho
Informação; Prefeitura Municipal de Belém do São Francisco


Operação do Ministério Público acha milhões de reais em dinheiro em casa do ex-secretário de Saúde do RJ Edmar Santos

Milhões de reais encontrados em espécie na casa de Edmar Santos, segundo o MP — Foto: Reprodução

A operação do Ministério Público que prendeu nesta sexta-feira (10) o ex-secretário de Saúde do Rio de Janeiro Edmar Santos encontrou em uma casa dele milhões de reais em dinheiro, segundo apurou o G1. Segundo as primeiras contagens dos agentes, foram encontrados pelo menos R$ 5 milhões.

O dinheiro estava numa casa em Itaipava, na Região Serrana. Até as 19h40, as autoridades ainda estavam contando quanto havia.

Prisão em Botafogo

Santos foi preso em casa nesta manhã, em Botafogo, na Zona Sul do Rio. Após ser levado à Cidade da Polícia e, em seguida, ao Instituto Médico Legal, o ex-secretário foi conduzido à Unidade Prisional da PM, em Niterói, Região Metropolitana do Rio.

O ex-secretário é investigado por suspeitas de irregularidades nos contratos de Saúde do RJ durante a pandemia de Covid-19, e deverá responder por peculato – corrupção cometida por funcionário público – e organização criminosa, segundo o MPRJ.

Áudios reforçam acusação

Os promotores apresentaram provas de que o próprio ex-secretário fazia a interface com empresas interessadas em contratar com a secretaria. Em certas ocasiões, diz o MPRJ, Santos realizava prévia indicação daqueles que seriam contratados em processos administrativos que estavam por vir.

Em uma conversa de áudio no celular de Neves, Edmar Santos determinava a criação de uma “lista secreta” daqueles que seriam fornecedores da pasta.

"(...)Mapeia para mim todos os endereços de depósito de distribuidor de medicamento, distribuidor de material médico e distribuidor de equipamento aqui no Rio de Janeiro. Cara, todos esses endereços de depósito, deixa uma lista aí secreta contigo. Só eu e você vamos ter acesso a isso", instruiu Santos a Gabriell Neves, ex-subsecretário que também está preso.

R$ 1 bilhão em contratos emergenciais

Além disso, há suspeitas de irregularidades nos contratos firmados sem licitação. Entre eles, o de compra de respiradores, oxímetros e medicamentos e o de contratação de leitos privados. O governo do RJ gastou R$ 1 bilhão para fechar contratos emergenciais.

Dos 1 mil respiradores comprados pela pasta, apenas 52 foram entregues e não serviam para pacientes com Covid-19. Os contratos foram firmados com três empresas, também investigadas.

Outros 97 aparelhos chegaram no fim de junho e estão no terminal de cargas do Aeroporto Internacional Tom Jobim, encalhados.

Por Leslie Leitão e Marco Antônio Martins, G1 Ri

Dr. Carlos, ortopedista na Clínica Cliof em Paulo Afonso vence a covid e deixa hospital sob aplausos, abraços da esposa e filhos e agradece ao povo de Paulo Afonso



O médico Carlos de Carvalho recebeu alta nesta sexta-feira (10), após ficar internado 21 dias no Hospital Primavera, em Aracaju por causa do novo coronavírus. Dr. Carlos é ortopedista na Clínica Cliof, em Paulo Afonso, Bahia.

Durante a saída, ele foi aplaudido, recebido com abraços pela esposa e filhos e agradeceu ao tratamento de todos os funcionários da saúde, com quem ele passou na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Carlos ficou entubado a maior parte do tempo em que esteve hospitalizado.

Em áudio enviado à rádio Angiquinho FM, Dr. Carlos agradeceu as orações dos pacientes e amigos:

“Gostaria de agradecer todas as manifestações de carinho feitas pelos pacientes, pelos amigos, pelos médicos, toda população de Paulo Afonso que sempre teve empenhada em saber notícias, qual tinha sido o desfecho da evolução do problema, a rádio Angiquinho na pessoa de Ozildo, e como ficaria até difícil para falar com todas as pessoas, a gente está se utilizando desse canal para agradecer todos os grupos de oração,” disse Carlos de Carvalho.

O médico também informou que entra agora na fase de reabilitação da doença: “A todas as pessoas que estavam preocupadas conosco, dizer que já saímos do hospital e já estamos em fase de recuperação.”, Ele deixou a unidade de saúde sob aplausos.


Por PA4.COM.BR

Petrolândia: Aniversariante do dia, Professora Leonor comemora 80 anos e recebe felicitações da família, amigos e ex-alunos





Nesta sexta-feira, 10 de julho de 2020, familiares, amigos e ex-alunos [entre eles, esse blogueiro] de Leonor de Sá Barbosa felicitam a professora aposentada pela passagem dos seus bem vividos 80 anos de vida.

Parabéns pelo seu aniversário! parabéns pelos bons serviços prestados a educação de Petrolândia!

Redação do Blog de Assis Ramalho

Secretaria de saúde de Manari divulgab boletim epidemiológico desta sexta (10/07); Após 120 dias de Covid-19 em Pernambuco, município segue como única cidade sem casos


A Secretaria de Saúde de Manari informa o boletim epidemiológico dessa sexta-feira (10). Para hoje não tivemos alteração. Manari continua sendo a única cidade do estado de Pernambuco sem casos confirmados de coronavírus, reforçamos o dever de nossa população manter o isolamento social, e colaborar com as ações estratégicas realizadas em nosso município.

Se puder fique em casa, se precisar sair, use máscara.

Blog de Assis Ramalho
Informação: Prefeitura Municipal de Manari


Covid-19: Cidade de Floresta soma 83 confirmações e 61 recuperados do coronavirus. Confira boletim oficial desta sexta (10/07) com dados em cada bairro


A Secretaria de Saúde de Floresta, com o compromisso de ser transparente em relação ao Coronavírus, vem atualizar o boletim epidemiológico.

Hoje,10/07, através de realização de teste rápido, três pacientes do sexo feminino testaram positivo para a Covid-19. Todas encontram-se em isolamento domiciliar. Registramos mais seis novos casos que estão em investigação.

Os bairros com casos confirmados são:

- Zona rural 02
- DNER 07
- Centro 21
- Santa Rosa 17
- AABB 02
- Caetano II 17
- Caetano I 07
- Caraibeiras 06
- Cohab 04

A colaboração da comunidade é uma das principais formas de combater a Covid-19. Fiquem em casa, se for necessário sair use máscaras.

Blog de Assis Ramalho
Informação: Prefeitura Municipal de Floresta.

Depois de reabrir setores da economia, prefeitura de Petrolina resolve fechar comércio novamente

Comércio na área central de Petrolina/Foto: Divulgação

Após um período de isolamento que começou em março, a cidade Petrolina, no Sertão de PE, estava voltando ao normal com o comércio funcionando, e terá que se isolar novamente. A decisão foi tomada após reunião do comitê local de Enfrentamento ao Coronavírus.

Os membros do comitê chegaram a conclusão que se consolidou uma tendência de crescimento de contágio na cidade. Por causa disso, a prefeitura resolveu determinar uma série de medidas de isolamento social.

A partir da próxima segunda-feira (13), deixam de ter autorização para funcionar comércio, shoppings, feiras livres, parques e serviços públicos. A orla e as pistas para caminhadas em avenidas de grande fluxo serão bloqueadas para evitar aglomerações.

Serviços como barbearias, salões de estética, concessionárias de veículos, escritórios jurídicos, de contabilidade entre outros segmentos também voltam a fechar.

O decreto, por fim, determina a proibição de reuniões religiosas como cultos e missas por 14 dias.

Somente no dia 26 de julho o comitê voltará a se reunir para avaliar como poderá fazer uma nova reabertura.

Havia uma discussão sobre o poder que o prefeito tem para tomar essas medidas, já que o governo do Estado vem reabrindo a economia e Petrolina estava liberada para seguir o calendário. Mas uma orientação recente do MPPE explicou que os gestores dos municípios podem desobedecer o calendário do Estado apenas se for para endurecer as medidas, nunca para aliviar. É o que está acontecendo.

Jornal do Commercio

Pastor Milton Ribeiro é o novo ministro da Educação


O pastor evangélico Milton Ribeiro é o novo ministro da Educação. O presidente Jair Bolsonaro já bateu o martelo. Ele foi indicado pelo ministro da Justiça, André Mendonça.

Ribeiro é membro da Comissão de Ética Pública da Presidência, é ligado à Universidade Mackenzie e apresenta no currículo doutorado em Educação. Ele tem ótimo trânsito com o ministro Alexandre Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), e com o presidente do PSD, Gilberto Kassab.

Pastor na Igreja Presbiteriana de Santos, Ribeiro havia conversado com Bolsonaro sobre a possibilidade de assumir a Educação na última terça-feira (04/07). Será a quarta pessoa a ocupar a pasta da Educação.

MPPE recomenda realização de campanha para uso obrigatório de máscaras em Serrita, Cedro, Jataúba, Buíque e Tupanatinga


O Ministério Público de Pernambuco (MPPE), por meio de suas Promotorias de Justiça locais, recomendou a mais cinco municípios que realizem campanhas de conscientização para o uso obrigatório de máscaras junto à população. Desta vez, as recomendações foram expedidas para os prefeitos de Serrita, Cedro, Jataúba, Buíque e Tupanatinga.

Conforme determinado pela Lei Estadual de nº 16.918 , de 18 de junho de 2020, todos aqueles indivíduos que tenham que sair de suas residências e circular pelas vias públicas para exercer suas atividades ou adquirir serviços e produtos essenciais devem utilizar a proteção facial (mesmo que artesanal). Embora a Lei Federal n.º 14.019/2020 tenha retirado a obrigatoriedade do uso da proteção facial em algumas situações, o MPPE lembra que prevalece o conjunto de medidas que é mais protetivo à saúde.

No caso de Buíque e Tupanatinga, o MPPE também recomendou aos prefeitos, aos presidentes das Câmaras de Dirigentes Lojistas (CDL), associações civis e entidades de classe sediadas nas cidades, que estimulem, com o apoio da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico, uma rede de atuação colaborativa entre cidadãos, empresas sediadas neste município que atuem no ramo de confecções e entidades da sociedade civil, para incentivar a produção, distribuição e entrega de máscaras, mesmo que artesanais, para a população.

Prova de vida de aposentados e pensionistas é suspensa até setembro


O recadastramento anual de aposentados, pensionistas e anistiados políticos está suspenso até 30 de setembro para evitar contaminações por covid-19. O prazo, que acabaria no próximo dia 16, foi prorrogado por causa da pandemia.

A instrução normativa do Ministério da Economia com o adiamento foi publicada na quarta-feira (8) no Diário Oficial da União. As visitas técnicas para comprovação de vida, interrompidas desde março, também continuam suspensas.

Segundo a Secretaria de Gestão e Desempenho de Pessoal do Ministério da Economia, cerca de 700 mil pessoas serão afetadas pelo adiamento. A instrução normativa esclarece que a suspensão não prejudica o pagamento dos benefícios aos aposentados, pensionistas e anistiados.

Realizada todos os anos no mês de aniversário do beneficiário, a comprovação de vida é exigida para a manutenção do pagamento do benefício. A prova de vida exige o comparecimento do segurado ou de algum representante legal ou voluntário à instituição bancária onde saca o benefício.

Desde agosto do ano passado, o procedimento pode ser feito por meio do aplicativo Meu INSS ou pelo site do órgão por beneficiários com mais de 80 anos ou com restrições de mobilidade. A comprovação da dificuldade de locomoção exige atestado ou declaração médica. Nesse caso, todos os documentos são anexados e enviados eletronicamente.

Por Agência Brasil

Senai define protocolo para retorno às aulas da educação profissional; Pernambuco aguarda decreto


Mesmo em tempos de pandemia do coronavírus, a educação pode exigir que o aluno aprenda botando a mão na massa. Desta forma, para o ensino profissional do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), os cursos que exigem etapas presenciais serão retomados seguindo as recomendações e melhores práticas de órgãos internacionais e nacionais para orientar o retorno seguro à escola.

Para isso, o Senai elaborou um protocolo com critérios de saúde e segurança a serem seguidos, além de reforçar a necessidade de se seguir as normas das autoridades sanitárias do município e da unidade da Federação em que estão localizados.

O documento do Senai foi elaborado por médicos do trabalho, epidemiologistas, engenheiros de saúde e segurança no trabalho, psicólogos e outros especialistas.

"O SENAI tem um vasto portfólio de cursos EaD que estão sendo utilizados juntos aos alunos. Porém, nossos cursos técnicos exigem momentos presenciais, então, vamos fazer isso de forma gradual, e da forma mais segura possível”, explica Felipe Morgado, gerente-executivo de Educação Profisssional do SENAI. “A continuidade da formação dos técnicos é de grande importância para a indústria enfrentar os desafios da retomada e o SENAI vai seguir preparando os profissionais com as melhores práticas em cuidados com a saúde de nossos alunos", diz o documento.

Antes da retomada, o Senai deve fazer uma pesquisa interna para detectar quais são os grupos de risco e quais realmente poderão voltar às atividades presenciais. As escolas também precisam identificar os cursos que devem ser priorizados na retomada gradual das aulas, levando em consideração as áreas que mais necessitam do momento presencial, como eletrotécnica, mecânica, automação industrial, entre outras que possuem etapas presenciais obrigatórias.

Os alunos deverão seguir regras como não usar bijuterias nem adereços de metal, além de usar o cabelo preso e serão orientados a levar o próprio “Kit aluno covid-19” com álcool gel (especialmente durante ou após o deslocamento para a escola), recipiente próprio para beber água, de uma a duas máscaras para trocar durante o período dentro da escola, lenço umedecido para higiene pessoal, e saquinho de lixo para colocar os produtos que manuseou e precisa descartar.

As aulas em oficinas e laboratórios, as escolas deverão realizar mudanças físicas nos ambientes para que o distanciamento de dois metros entre instrutores e alunos seja respeitado. Nas salas de informática, por exemplo, as mesas que eram para duplas, deverão ser ocupadas por uma só pessoa. Assim, as turmas terão apenas a metade de alunos do que o espaço costumava abrigar antes da pandemia.
Pernambuco

De acordo com a diretora de Educação do Senai Pernambuco, Carla Abigail, esta ação é do Senai nacional que orienta para as unidades de todo o Brasil se organizem com os protocolos para a reabertura em cada Estado. "Mas fica a critério do governo local com a liberação. Até agora, o nosso governo determinou que até 31 de julho nenhuma escola abre, tanto no ensino regular, quanto no profissional, que é o nosso caso. Estamos aguardando porque a liberação está sendo gradativa".

Abigail informou que independente da data que o governo libere a reabertura, o Senai Pernambuco já está preparado para a volta. "As nossas aulas teoricas continuarão online e o aluno vem para o Senal fazer as aulas práticas que, no nosso caso, todos os cursos têm aulas práticas, já que é educação profissional. As práticas serão agendadas para que não traga todos os dias a mesma turma, vamos alternar e a depender do número de alunos de cada turma, ela será dividida", explicou.

Carla fez questão de ressaltar que as precauções de rotina das escolas também estão mapeadas. "A triagem, termômetro na entrada para aferir a temperatura, tapete de higienização dos ambientes, álcool em gel, todo o monitoramento dos alunos e colaboradores estão sendo feitos. Só estamos aguardando a liberação do governo do Estado".
Ambientes de uso coletivo terão sinalização de alerta

Entre as orientações, as escolas precisarão definir como será a interação entre o aluno e o instrutor, com o objetivo de assegurar o distanciamento sem prejudicar o aprendizado. Além disso, é preciso definir os cuidados com pessoas com deficiência. Não é recomendado o uso de material em braile para os deficientes visuais.

Além dos cuidados com desinfecção e limpeza, as escolas deverão colocar cartazes com informações orientativas em ambientes coletivos. Estes locais deverão ser higienizados a cada duas horas. As estações de trabalho também devem ser desinfectadas antes e depois das aulas.

Catracas devem ser desativadas e será preciso identificar com faixas o distanciamento e corredores. Só poderá entrar uma pessoa por vez nos banheiros coletivos, que deverão ficar com a porta principal aberta para identificar que não há usuário. As torneiras com distância menor que dois metros entre elas deverão ser inutilizadas.

Os bebedouros só poderão ser usados para encher garrafas, que cada aluno deverá trazer de casa. Dependendo do curso, as escolas deverão fazer marcações no chão ou até barreiras físicas entre os alunos, no intuito de manter os dois metros de distância de afastamento.

Uma equipe médica deverá monitorar a temperatura de alunos e colaboradores. No caso de diagnóstico, o colaborador com coronavírus será afastado, e a recomendação é de que o restante da equipe que teve contato com o membro contaminado também cumpra home office pelos próximos 14 dias.

Por Jornal do Commercio

UFPE volta a ter aulas dia 17 de agosto. Mas num semestre extra e com ensino remoto



Recomeçam no próximo dia 17 de agosto as aulas nos cursos de graduação da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Mas não será a retomada do primeiro semestre letivo, que continua suspenso desde 16 de março por causa da pandemia do novo coronavírus e com previsão de retorno somente em 2021. Nesta data começará um semestre extra, chamado de Calendário Acadêmico Suplementar.

Todas as disciplinas serão ministradas virtualmente. A matrícula dos alunos é facultativa e os professores também têm autonomia para participar ou não. As regras desse novo semestre foram aprovadas nesta sexta-feira (10) pelo Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (Cepe), numa reunião online que começou às 8h e acabou por volta das 14h30.

A UFPE tem cerca de 40 mil alunos, dos quais pouco mais de 30 mil estudam nos 109 cursos de graduação. A comunidade acadêmica é formada também por 2.504 professores e 3.843 técnicos administrativos (números de junho de 2019).

As aulas presenciais na UFPE estão suspensas desde 16 de março. A previsão é que só voltem em 2021. "Não vamos retomar o semestre letivo de 2020.1 porque isso pressupõe que todos, alunos e docentes, teriam de participar, não seria facultativo. E o estudante que não participasse poderia ser prejudicado academicamente", explica a pró-reitora de graduação, Magna do Carmo.

A universidade está se organizando para ofertar internet e equipamentos para os alunos que não dispõem de acesso à tecnologia. No entendimento da atual gestão, somente quando todos tiverem condições de acompanhar as aulas remotas é que será possível recomeçar o primeiro semestre de 2020, provavelmente no modelo híbrido (aulas presenciais e remotas).

Quanto ao Calendário Acadêmico Suplementar, as coordenações das graduações terão liberdade para propor as disciplinas, desde que não haja atividades presenciais nem aulas de campo.

Cada aluno poderá se matricular em disciplinas que somem até 300 horas. A exceção será para discentes do penúltimo ou do último período do curso. Esses terão limite de até 450 horas. O estudante poderá desistir da matéria sem que isso conste em seu histórico escolar.

FORMATO

As aulas serão todas remotas. Poderão ser síncronas (alunos e professor ao vivo) e assíncronas (atividades no Classroom, aulas gravadas ou outras que não necessitem da interação ao vivo). As aulas síncronas devem ser entre 10% e 70% do total da carga horária da disciplina.

O acesso aos laboratórios será autorizado para os discentes concluintes, desde que tenha segurança sanitária e distanciamento, para realizar experimento e finalizar Trabalho de Conclusão de Curso (TCC). O orientador, o coordenador e o diretor do centro onde o aluno estuda precisam autorizar essa entrada. Os professores podem usar os laboratórios para gravação das aulas, desde que atenda as regras de segurança sanitária e distanciamento e não haja presença de alunos e técnicos.

Para os formandos, o TCC poderá ser defendido de forma remota, desde que o estudante, seu orientador e os membros da banca concordem.


Dois mil pacientes já receberam alta dos Hospitais de Campanha do Recife

Cem dias após abertura do primeiro hospital de campanha, PCR também chegou a marca de mais de 12 mil atendimentos realizados. (Foto: Cortesia.)

Cem dias após a abertura do primeiro hospital de campanha construído pela Prefeitura do Recife para atender pacientes com suspeita ou confirmação de covid-19, a rede municipal chega a marca de duas mil altas de pacientes. O prefeito Geraldo Julio anunciou a marca nesta sexta-feira (10), quando a rede de leitos municipais para covid-19 também superou a marca de mais de 12 mil atendimentos realizados.

"Os hospitais de campanha da Prefeitura chegaram a duas mil altas. Quero agradecer a todos que fizeram essas unidades virarem realidade. Aos pedreiros, pintores, eletricistas, arquitetos, engenheiros e também à equipe da Secretaria de Saúde. Gostaria de fazer um agradecimento especial aos profissionais de saúde e a todos os outros que trabalham no funcionamento desses hospitais", declarou o prefeito Geraldo Julio.

Para o gestor, notícias como esta fazem valer a pena o esforço que os recifenses estão fazendo para enfrentar a pandemia. "Muito mais importante que o número, essa marca representa famílias que viram uma pessoa ficar doente em casa, precisar de um atendimento hospitalar, ser atendida em um desses hospitais de campanha e agora voltar para casa, salva da covid. Isso mostra que o esforço feito pelos recifenses e pela Prefeitura para enfrentar a pandemia, tem sido muito importante", pontuou.

Em 40 dias, após a decretação da pandemia de covid-19, Prefeitura do Recife mobilizou uma rede com sete hospitais de campanha que chegaram a ter mil leitos, entre enfermarias e UTIs. Essa rede já realizou 12 mil atendimentos a pacientes com sintomas respiratórios, 4.200 internações e registrou as duas mil altas. Com a queda nos indicadores há mais de 45 dias na cidade, foi iniciada a reorganização da rede de emergência, com a desmobilização de 300 leitos de enfermaria e ampliação das UTIs. Hoje são 724 leitos, sendo 342 UTIs e 382 enfermarias.

Por Diário de Pernambuco

Restaurantes e academias reabrem em 20 de julho e futebol retorna dia 19, sem público, anuncia governo de PE

Governo de Pernambuco detalhou retorno de restaurantes e academias de ginástica — Foto: Pedro Menezes/Governo de Pernambuco/Divulgação

O governo de Pernambuco vai liberar o atendimento presencial em serviços de alimentação, como restaurantes e lanchonetes, e em academias de ginástica, no dia 20 de julho, no Plano de Convivência com a Covid-19. Os jogos profissionais de futebol, por sua vez, retornarão no dia 19, ainda sem torcida. As partidas ocorrerão na Arena de Pernambuco, em São Lourenço da Mata, no Grande Recife, para evitar aglomerações nos clubes.

Os restaurantes e academias que retornam as atividades, segundo o governo, terão horário reduzido, permanecendo fechados das 20h às 6h. Eles deverão funcionar com metade da capacidade e seguindo uma série de protocolos, que serão divulgados pelo governo, na internet.

Podem funcionar, inclusive, bares que vendem comida. A medida alcança os municípios da Região Metropolitana do Recife e da Zona da Mata.

Pela manhã, empresários e funcionários de bares e restaurantes fizeram uma carreata pela reabertura do setor, há quase quatro meses parado devido à pandemia. Os locais estão fechados desde o dia 21 de março.

A implementação da sexta fase do Plano de Convivência com a Covid-19 foi postergada pelo governo, no Grande Recife e Sertão. Nesta semana, a única região a avançar é o Agreste, já que Caruaru e Bezerros, que estavam em quarentena, reduziram os casos e, com isso, se igualam ao restante do estado.

"Não teremos avanço no Grande Recife e Sertão, por enquanto. Somente no Agreste, que vem apresentando uma melhoria mais expressiva nos indicadores e vão avançar para a fase 4. Prevemos, no dia 20, o avanço para a etapa 6, com abertura de serviços de alimentação e academias de ginástica", declarou o secretário estadual de Saúde, André Longo.

O Plano de Convivência com a Covid-19 tem 11 etapas e leva em conta a relevância dos setores econômicos, mas, também, o risco de contaminação e aglomerações de pessoas. Em acordo firmado com a Federação Pernambucana de Futebol (FPF), ficou definido que as duas partidas finais do Campeonato Estadual serão realizadas na Arena de Pernambuco.

Segundo o secretário de Turismo de Pernambuco, Rodrigo Novaes, a decisão de transferir os jogos para a Arena de Pernambuco é um dos itens de uma série de protocolos definidos para o setor.

"Temos uma série de medidas e restrições e um protocolo bastante rígido para a retomada, isso inclui as equipes, profissionais de imprensa, etc. As rodadas acontecerão na Arena de Pernambuco, porque fica mais distante e não é sede de nenhum clube, evitando aglomerações", declarou Novaes.

Interior

A partir da segunda-feira (13), municípios do Agreste, que estavam na etapa 2 do Plano de Convivência com a Covid-19, avançam para a etapa 4. O que permitirá o funcionamento das lojas de varejo de rua, os salões de beleza e estética, comércio de veículos, incluindo serviço de aluguel e vistoria, com 50% da carga, construção civil com 100% do efetivo e shoppings centers com atendimento presencial.

As cidades do Sertão pernambucano permanecem nesta mesma fase. Os dados de saúde desses municípios, no momento, não permitem o avanço dessa região no plano, segundo o governo.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Econômico do estado, Bruno Schwambach, houve um retardamento do retorno de avanço do plano devido aos números da epidemia no estado.

"Esses estabelecimentos poderão funcionar com 50% da capacidade, para evitar contaminação. É muito importante saber que algumas atividades como essa precisam voltar, para dar emprego e renda às pessoas, mas devemos ter um olhar sobre os dados da saúde. Passamos por um pico alto, começamos a ter uma descida e uma estabilização dessa descida, por isso postergamos a etapa seis", declarou.

Veja o que poderá funcionar dia 20 de julho

* Restaurantes e outros serviços de alimentação (com 50% da capacidade)

* Futebol, sem público

* Serviços de escritório (com 50% da capacidade)

* Comércio de veículos com 100% da capacidade

* Atividades esportivas individuais ao ar livre

* Praias, parques e praças

* Shoppings

*Comércio varejista nos bairros

* Salões de beleza

* Indústria
* Comércio atacadista

* Construção civil

No caso dos shoppings, os horários foram flexibilizados. Os centros de compras podem abrir das 11h às 19h ou das 12h às 20h, de acordo com medida divulgada no domingo (5) pelo governo estadual.

Por Pedro Alves, G1 PE

Reunião da Conmebol define volta da Libertadores 15 de setembro e Sul-Americana 27 de outubro


Em reunião por videoconferência nesta sexta-feira, a Conmebol definiu retorno das principais competições sul-americanas. A Libertadores da América volta dia 15 de setembro, como adiantou o jornal "O Globo". A Sul-Americana também tem data: 27 de outubro.

As finais das duas competições estão previstas para janeiro de 2021, atravessando a temporada de 2020, como também vai acontecer com o calendário brasileiro.

Até o momento da paralisação em razão da pandemia do novo coronavírus, em março, foram disputadas apenas duas rodadas da fase de grupos da Libertadores. Assim, faltam 11 datas para a conclusão da competição: quatro da fase de grupos, duas das oitavas de final, duas das quartas, duas 
das semifinais e uma da final.


No caso da Sul-Americana, que teve apenas uma fase até o momento, faltam nove datas: duas da segunda fase, duas das oitavas, duas das quartas, duas das semifinais e uma da final. Bahia e Vasco são os únicos brasileiros na competição por enquanto - podem entrar também equipes que ficarem na terceira posição em seus grupos na Libertadores.

Pelo calendário divulgado na quinta-feira pela CBF, há 11 meios de semana disponíveis a partir de 15 de setembro para a disputa das competições sul-americanas, sem Brasileiro da Série A ou oitavas de final em diante da Copa do Brasil (quando entram os times que jogam a Libertadores). Seguindo esse padrão, a fase de grupos da Libertadores deve acabar em outubro, enquanto o mata-mata iria de novembro a janeiro.

Por Raphael Zarko — Rio de Janeiro

Lei que proíbe fornecimento de canudos em Pernambuco é aprovada pela Alepe


A Comissão de Redação Final da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) aprovou, em sessão remota ocorrida nessa quinta-feira (9), o Projeto de Lei que proíbe o fornecimento gratuito de canudos plásticos em todos os estabelecimentos comerciais do Estado.

Segundo o texto do parecer, que segue para a sanção do governador Paulo Câmara e foi publicado na edição desta sexta-feira (10) do Diário Oficial do Estado, a partir de 1º de janeiro de 2022, a comercialização e distribuição gratuita dos canudos será proibida em estabelecimentos comerciais, como hotéis, restaurantes, bares, lanchonetes, padarias e similares.

Os estabelecimentos devem passar a disponibilizar canudos produzidos em papel, confeccionados em material biodegradável ou em metal ou em vidro, caso haja a necessidade de utilização por pessoas com deficiência. O uso dos canudos reutilizáveis ou de papel devem ser incetivados pelos estabelecimentos. O texto do projeto é de autoria da deputada estadual Simone Santana (PSB).

Caso os estabelecimentos descumpram as disposições contidas na Lei Estadual, estarão sujeitos a penas previstas na Lei Federal nº 9.605, de 12 de fevereiro de 1998, que dispõe sobre as sanções penais e administrativas derivadas de condutas e atividades lesivas ao meio ambiente. As multas variam de R$ 500 a R$ 5 mil.

Para a autora do projeto, a deputada Simone Santana, pequenas mudanças de hábito têm caráter pedagógico. "Esse PL é resultado de muito estudo e discussões com a sociedade civil organizada. É uma medida que visa contribuir com a disseminação do consumo sustentável no nosso Estado. É importante dizer que a legislação é um documento vivo e vamos trabalhar na Alepe para garantir ajustes", disse, em comunicado publicado em suas redes sociais.

A fiscalização do cumprimento da Lei será realizada pelos órgãos públicos nos seus respectivos âmbitos de atribuições. Os órgãos, inclusive, serão responsáveis pela aplicação das sanções decorrentes de infrações às normas. O Governo do Estado será responsável por regulamentar a Lei em todos os aspectos necessários para a sua efetiva aplicação.

Por Portal Folha de Pernambuco

Após 120 dias de Covid-19 em Pernambuco, Manari segue como única cidade sem casos

Manari continua sendo o único município, até o momento, sem casos confirmados da Covid-19 em Pernambuco (Crédito da foto: Andre Julio Lacerda)

A epidemia de Covid-19 em Pernambuco completa, nesta sexta-feira (10), 120 dias. Em 12 de março, a Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) confirmou os dois primeiros casos da doença causada pelo novo coronavírus no Estado.

Com 183 cidades com casos confirmados, além do Arquipélago de Fernando de Noronha, Pernambuco tem 99,46% de seus municípios com registros da doença, de acordo com o Instituto para Redução de Riscos e Desastres da Universidade Federal Rural de Pernambuco (IRRD/UFRPE). Apenas a cidade de Manari, localizada no Sertão pernambucano a 400 quilômetros do Recife, não tem notificações da Covid-19.

Em nota divulgada nessa quinta-feira (9), a Secretaria de Saúde de Manari descartou mais três casos suspeitos da doença na cidade de pouco mais de 21 mil habitantes. Com isso, não há mais nenhuma notificação em investigação. Outros 20 casos de síndrome gripal seguem sob análise pelas autoridades de saúde locais.

“Reforçamos o dever de manter o isolamento social. As ações estratégicas na prevenção ao coronavírus continuam seguindo os protocolos estabelecidos pelo Ministério da Saúde e pela Secretaria Estadual de Saúde”, diz a pasta na nota.

Entre as medidas elencadas para conter a disseminação da Covid-19 na cidade, a gestão municipal destaca o fato de ter sido um dos primeiros municípios na região a adotar restrições de funcionamento do comércio e cancelar feiras livres, além da sanitização de pontos de grande fluxo de pessoas e a implantação de lavatórios públicos e barreiras sanitárias. A cidade conta com um hospital de campanha ainda não utilizado.

Por Fabio Nóbrega
Folha de Pernambuco

Petrolândia: COVID-19 - Prefeitura anuncia entrevista coletiva para divulgar ações de enfrentamento ao coronavírus


Convidamos a todos vocês para participarem da nossa live em formato de Coletiva de Imprensa sobre os temas destacados na imagem. Será realizada pelo aplicativo Zoom e vocês podem confirmar presença até às 17h.

Lá poderão ser feitas perguntas sobre os temas a serem abordados. Todos os detalhes serão repassados meia hora antes da live ser iniciada.

Prefeitura Municipal de Petrolândia

Boletim desta sexta [10/07]: Pernambuco confirma 1.333 novos casos de Covid-19 e 73 óbitos


A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) confirmou, nesta sexta-feira (10), 1.333 novos casos da Covid-19. Também foram confirmados 73 óbitos, ocorridos desde o dia 11 de maio. Entre os casos confirmados hoje, 1.171 (88%) são leves, ou seja, pacientes que não demandaram internamento hospitalar e que estavam na fase final da doença ou já curados. Os outros 162 (12%) se enquadram como Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG). Agora, Pernambuco totaliza 70.100 casos já confirmados, sendo 20.850 (30%) %u202C graves e 49.250 (70%) leves.

Do total de mortes no informe de hoje, 49 (67%) ocorreram de 11/05 a 05/07. As outras 24 (33%) ocorreram nos últimos três dias. Com isso, o Estado totaliza 5.482 óbitos pela doença.

Os detalhes epidemiológicos serão repassados ao longo do dia pela Secretaria Estadual de Saúde.

Por Diário de Pernambuco

Cotação da cebola nesta sexta (10/07) no Ceasa de Belém do São Francisco; preços atrativos!


A cebola comercializada no Ceasa de Belém do São Francisco, tem bons preços para os produtores, em relação a feira da semana passada.

Sendo a cebola amarela comercializada a R$ 70 e a cebola roxa a R$ 90.

Por Didi Galvão

Petrolândia: Hoje é Dia da Pizza - faça o seu pedido na Pizzaria Delivery C&J


O Dia da Pizza é comemorado hoje, 10 de julho no Brasil

Esta data homenageia uma das invenções culinárias mais apreciadas por diversas pessoas ao redor do mundo, em especial os brasileiros: a pizza.

Pizza é um prato de origem italiana e famosa no mundo inteiro, que consiste em um disco de massa, regado com molho de tomate e coberto com ingredientes variados, como queijo, carnes, ervas. No Brasil, existem até pizzas doces.

As pessoas, obviamente, comemoram o Dia da Pizza comendo muitas fatias de pizza!

Em Petrolândia as pessoas contam com a C&J Pizzaria Delivery, com vários sabores deliciosos por apenas 10 reais[ taxa de entrega + 3 reais ].

Aproveite já o Dia da Pizza, entre em contato pelo telefone (87) 9 9802-3309.

A Pizzaria Delivery C&J está situada em Frente a Escola Jatobá.

Da Redação do Blog de Assis Ramalho

Chesf divulga plano de retomada das atividades presenciais a partir de 15 de julho

Foto: Reprodução/Google Street View

A Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf) apresentou, no dia 3 de julho, em reunião via aplicativo Teams, destinada a todos os empregados, o Plano de Retomada das Atividades Presenciais da Sede e Regionais, que será feita por etapas, iniciando no dia 15 de julho. Desde março, cerca de 65% dos empregados da Chesf estão em trabalho remoto.

Permanecem presencialmente, sob protocolos diferenciados de trabalho, principalmente as áreas de operação, manutenção e engenharia, para garantir a geração e transmissão de energia elétrica.

No dia 15 de julho, de acordo com o Plano apresentado, retorna primeira turma, mediante avaliação de baixo risco dos dados médicos. A segunda etapa acontecerá no dia 3 de agosto. A terceira etapa contempla aqueles que são responsáveis por crianças menores que 13 anos e o objetivo é que o retorno ao trabalho coincida com a retomada das aulas nas escolas. Em seguida, a última etapa é o retorno de todos. Cada uma das chamadas “onda de retorno” será avaliada e terá seus efeitos mensurados.

O corpo funcional já vem sendo esclarecido sobre as medidas de segurança a serem tomadas para a convivência segura, como o distanciamento social, a lavagem das mãos, o uso do álcool em gel, a higienização dos alimentos e produtos de adquiridos nos supermercados e os cuidados com delivery. Dentro da Empresa, as medidas de saúde e segurança foram reforçadas, com destaque para a aferição da temperatura corporal por meio de câmeras de reconhecimento facial e o monitoramento das condições de saúde dos empregados por meio de aplicativo de checkin diário.

Todos os guias, protocolos, medidas e comunicados da Chesf durante o período podem ser conferidos no Portal Chesf (www.chesf.gov.br), “Chesf contra o Coronavírus”, além das informações compartilhadas nas redes sociais oficiais da Companhia.

Os novos protocolos e ações de Comunicação seguirão principalmente para intranet, com peças de sinalização, disponibilização de equipamentos para uso de álcool em gel por todas as instalações, limpeza redobrada e sensibilização de todos para o cuidado individual e coletivo.

O presidente da Chesf, Fabio Lopes Alves, destacou, durante o evento on-line, que todo o planejamento de retomada está sendo feito cuidadosamente, respeitando os critérios estabelecidos, em consonância com o que vem sendo praticando em ou por todos os estados e/ou municípios nos quais a Companhia tem suas instalações. Ele destacou ainda a importância e seriedade do trabalho das áreas de saúde e segurança ocupacional da Chesf.

Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf)

Nascidos em maio já podem sacar primeira parcela de auxílio emergencial


Cerca de 400 mil beneficiários do auxílio emergencial, contemplados no terceiro lote do benefício, podem sacar hoje (10) os recursos da primeira parcela. O saque está liberado para os nascidos em maio.

O auxílio, com parcelas de R$ 600 (R$ 1,2 mil para mães solteiras), foi criado para reduzir os efeitos da crise econômica causada pela pandemia de covid-19. A liberação do saque e a transferência da poupança social da Caixa para outros bancos estão sendo feitas de acordo com o mês de nascimento dos beneficiários. Os recursos são transferidos automaticamente para as contas indicadas.

O calendário de saque segue o seguinte cronograma: segunda-feira (6) foi a vez dos nascidos em janeiro; terça-feira (7), nascidos em fevereiro, quarta-feira (8), nascidos em março; na quinta-feira (9), nascidos em abril; na sexta-feira (10), nascidos em maio; no sábado (11), nascidos em junho; na segunda (13), nascidos em julho; na terça-feira (14), nascidos em agosto; na quarta-feira (15), nascidos em setembro; na quinta-feira (16), nascidos em outubro; na sexta-feira (17), nascidos em novembro; e no sábado (18), nascidos em dezembro. No total, o saque será liberado para cerca de 4,8 milhões de pessoas.

Por Agência Brasil

Bolsonaro edita MP que libera R$ 3 bi para cultura e auxílio de R$ 600 para artista informal


O presidente Jair Bolsonaro editou nesta quinta-feira (9) medida provisória (MP) que libera R$ 3 bilhões a estados, municípios e ao Distrito Federal para o pagamento de auxílio financeiro ao setor cultural. A MP foi publicada na madrugada desta sexta (10) no "Diário Oficial da União" (DOU).

O projeto havia sido sancionado pelo presidente no dia 29 de junho. A lei ficou conhecida como Lei Aldir Blanc, em homenagem ao compositor e escritor que morreu em maio, vítima do coronavírus.

Segundo o projeto, de autoria da deputada Benedita da Silva (PT-RJ), o objetivo é ajudar profissionais da área e os espaços que organizam manifestações artísticas que, em razão da pandemia do novo coronavírus, foram obrigados a suspender os trabalhos.

O texto define ainda que cabe à União repassar, em parcela única, os R$ 3 bilhões a estados e municípios.

Na ocasião, Bolsonaro vetou o seguinte trecho: § 2º O repasse do valor previsto no caput deste artigo aos Estados, ao Distrito Federal e aos Municípios deverá ocorrer em, no máximo, 15 (quinze) dias após a publicação desta Lei.

O texto prevê o pagamento de três parcelas de R$ 600 para os artistas informais, a exemplo do auxílio emergencial pago a trabalhadores informais. O setor emprega mais de 5 milhões de pessoas.

G1

Petrolândia: Creuza homenageia seu esposo Louro do Vidro no dia de seu aniversário


Nesta sexta-feira, 10 de julho de 2020, é aniversário do vereador Louro do Vidro.
Na oportunidade, sua esposa Creuza felicita o marido com bonita mensagem;

Feliz aniversário, meu querido esposo! Todos os dias eu sou grata pela bênção de ter o homem da minha vida do meu lado. Quantas coisas maravilhosas já nos aconteceram nesta vida! Juntos somos mais fortes e temos provado isso a cada obstáculo. Temos vivido lindos momentos e eu não poderia ser uma mulher mais completa, pois você é um marido compreensivo e carinhoso, o companheiro perfeito para as alegrias e as tristezas.

Obrigada por tudo, meu amor!


E que você realize todos os seus sonhos, que a vida te proporcione ainda muitas oportunidades e chances de conquistar os seus objetivos. Parabéns pelo seu dia.

Sua esposa Creuza

Petrolândia: Confira escala e nomes de médicos que atenderão nesta sexta[10/07] na Clínica Mais Saúde; ligue e marque sua consulta



A Clínica Mais Saúde, localizada na Av Auspício Valgueiro de Barros, em frente a Escola Delmiro Gouveia, informa atendimento para esta sexta-feira 10 de julho de 2020; confira!

Confira abaixo profissionais médicos que atenderão na Mais Saúde de Petrolândia nesta sexta-feira (10/07/2020)

Governo de Pernambuco divulga previsão de data para reabertura de bares e restaurantes

Em tempos sem pandemia: Bar e Balneário Roça de Samyr, em Petrolândia. Foto/arquivo: Assis Ramalho/BlogAR

Os bares e restaurantes localizados no Recife podem abrir as portas a partir do dia 20 de julho, desde que sigam as medidas sanitárias previstas (que serão divulgadas nesta sexta) e com 50% da capacidade máxima dos ambientes. As regras são válidas também para restaurantes em shoppings e praças de alimentação. O anúncio foi feito nesta quinta-feira (9) pelo secretário de Desenvolvimento Econômico do Estado, Bruno Schwambach, em entrevista coletiva no Palácio do Campo das Princesas. O setor está com funcionamento presencial suspenso desde o dia 21 de março, como medida do governo do Estado para conter o avanço do avanço coronavírus.

Pelo cronograma inicial do Plano de Convivência com a covid-19, previsão era de que os bares e restaurantes retornassem na etapa 7. No dia 18 de junho, o governo anunciou que a reabertura passaria a integrar a fase 6 do plano, com previsão sem martelo batido para o dia 6 de julho. Mas, com uma demora maior para a liberação da fase 5, a etapa 6 foi empurrada. Desde o início, o governo não determina datas de forma antecipada para cada fase.

O anúncio do governo estadual definindo a data de reabertura dos bares e restaurantes foi feito no mesmo dia em que uma carreata de protesto percorreu as ruas da Zona Norte do Recife até o Palácio do Campo das Princesas. Uma comissão formada por dirigentes locais da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel-PE) foi recebida no final da manhã na sede governamental pelo secretário-executivo da Casa Civil, Eduardo Figueiredo.

A comissão entregou uma carta dirigida ao governador Paulo Câmara com as reivindicações da categoria. Os empresário alegam o momento de dificuldade que atravessam, com cerca de 50 mil trabalhadores demitidos desde o último mês de abril, cerca de 25% dos estabelecimentos anunciando fechamento definitivo e dificuldade de acesso a linhas de crédito.

Para André Araújo, presidente da Abrasel-PE, o pleito principal da categoria foi atendido porque estava se batalhando por uma data. Mas ele diz que que não foi acordado com os empresários o horário de fechamento dos estabelecimentos. “Nós havíamos pedido o fechamento às 22h, e eles reduziram para 20h. Essas duas horas, pode parecer que não fazem muita diferença, mas inviabilizam 80% dos bares do Recife”, diz André Araújo.
Ele argumenta que os bares do Recife tem uma característica forte que é o happy hour, no final da tarde, e que se estende pela noite. O protocolo final com as determinações de segurança e higiene só será apresentando pelo governo do Estado nesta sexta. “Não entendemos também por que esperar mais um dia para conhecermos como será o protocolo”, indagou.

No dia 30 de junho último, a Abrasel-PE já havia reagido ao adiamento da volta do setor. Na ocasião, a entidade afirmou que a medida do governo de Pernambuco “atinge em cheio um setor que vem sendo duramente penalizado” e pediu revisão da data de reabertura.

O pedido da Abrasel-PE foi apoiado pelo Movimento Pró-Pernambuco (MPP), que reúne 32 entidades empresariais. Na quinta-feira (2), o grupo enviou uma carta ao governador Paulo Câmara e ao secretário de Desenvolvimento de Pernambuco pedindo que fosse feita a retomada das atividades dos bares e restaurantes. No documento, os empresários defenderam que o uso obrigatório da máscara e a implantação de protocolos de higiene pelos setores produtivos são o “melhor caminho para a convivência com o novo coronavírus”. “Importante lembrar que já estamos há um mês com várias atividades de volta às suas operações, e não se verifica o avanço da doença.”

Na última segunda-feira (6), cinquenta cidades da Região Metropolitana do Recife (RMR), Agreste e Zona da Mata haviam avançado para a etapa 5 do plano de reabertura econômica. Nesta fase, foram liberadas as atividades comerciais de vendas de automóveis com 100% do efetivo e os serviços de escritório com 50%.

INTERIOR

Na segunda-feira, a região que engloba os municípios do Agreste, que estavam na fase 2, avançam para a etapa 4. Será permitido o funcionamento das lojas de varejo de rua, os salões de beleza e estética, comércio de veículos, incluindo serviço de aluguel e vistoria, com 50% da carga, construção civil com 100% do efetivo e shoppings centers com atendimento presencial.

As cidades do Sertão pernambucano permanecem nesta mesma fase porque os números dos municípios sugerem essa necessidade.

Protocolo para reabertura

O Jornal do Commercio teve acesso ao protocolo que será divulgado nesta sexta-feira (10) com as orientações que os estabelecimentos precisarão seguir para efetuar a reabertura. Confira:

Distanciamento social

- Proibida a realização de shows. Música ambiente respeitando limitação de 35db;
- Se possível, ampliar número de acessos, com entradas e saídas separadas;
- Distanciamento mínimo de 1,5m entre clientes em mesas diferentes, locais de espera e caixa. Mesas até 10 pessoas;
- Mesas em espaços públicos com autorização do público municipal;
- Avaliar a redução dos trabalhadores na entrega, turnos diferenciados ou zonas separadas de trabalho;
- Evitar reuniões presencias, aglomerações nos intervalos, capacidade máxima em áreas comuns, distribuir e coordenar intervalos entre diferentes setores;
- Reduzir e controlar rigorosamente o acesso de pessoas externas às áreas de produção e manipulação de alimentos, incluindo fornecedores;
- Guichês de atendimento de coleta com anteparos de vidro ou acrílico para proteção;
- Mercadorias para coleta e entrega devem estar em local com controle exclusivo do estabelecimento;

Higiene

- Todos os funcionários de máscaras;
- Clientes sem máscaras só quando estiverem nas mesas ou se alimentando;
- Reforço da limpeza e desinfecção das superfícies mais tocadas e banheiros a cada duas horas;
- Álcool 70% em todos os pontos de entrada e de atendimento;
- Na cozinha, reservar espaço para a higienização dos alimentos de acordo com o Programa Alimento Seguro ou outro protocolo similar;
- Cardápios em material que possibilite a higienização a cada atendimento;
- Priorizar sachês individuais para temperos como sal e pimenta, além de palitos de dente e adoçantes;
- Em caso de existência de bufê, alimentos cobertos por protetores salivares com fechamento frontal e lateral. Em self-service, devem ser entregues luvas de plástico descartáveis no começo da fila, antes do toque nas bandejas e/ou pratos. Talheres em embalagens individuais;
- Limpar e higienizar mesas, cadeiras, superfícies de comer (bandejas) após o uso de cada cliente. Desinfetar com produtos a base de cloro, álcool, fenóis, quaternário de amônia, álcool a 70% líquido ou gel.

Jornal do Commercio

Covid-19: Pernambuco registra redução de quase 80% nas mortes entre maio e julho


Pernambuco registrou uma queda de quase 80% no número de mortes pela Covid-19 entre a semana com a maior quantidade de óbitos ocorridos no estado - de 10 a 16 de maio - e a última semana epidemiológica - de 28 de junho a 4 de julho. O pico no quantitativo de casos graves da doença e de mortes ocorreu em maio, na 20ª semana epidemiológica, quando foram contabilizados 2.231 casos considerados graves e cerca de 700 mortes. Nesse período, a média de mortes por dia era de aproximadamente 100. Entre os dias 28 de junho e 4 de julho, isto é, na 27ª semana epidemiológica, o estado teve 571 casos graves e 158 óbitos, ou seja, houve uma redução de 75% nos casos e de 79% nas mortes, comparando os dois períodos.

Apesar da redução drástica entre maio e final de junho, foi registrado um aumento no número de casos no início de julho, sinalizando relaxamento da população com relação aos cuidados. "Mesmo assim, notamos, na última semana, em comparação com a anterior, uma mudança no comportamento, uma atenuação da queda, que era notada, além de um pequeno incremento no número de casos", afirmou o secretário estadual de Saúde, André Longo, em coletiva de imprensa transmitida virtualmente nesta quinta-feira (9). No entanto, segundo ele, essa tendência não gerou um aumento no número de internações. "A nossa ocupação de leitos, que continua em queda, chegou a patamares inferiores a 68%, em especial na Região Metropolitana do Recife", pontuou o secretário.

Longo enfatizou que os cuidados recomendados à população continuam válidos no estado. "Temos visto aglomerações e pessoas sem máscara. O vírus ainda está entre nós. Para seguirmos em frente, precisamos dos cuidados e da responsabilidade de todos em cada momento em que se permite conviver com a nova normalidade", destacou o secretário. O gestor ressaltou ainda que, caso haja impacto no sistema de saúde, novas medidas serão tomadas. "Se tivermos impacto na rede hospitalar, comprometendo a saúde das pessoas, não iremos hesitar em dar passos para trás no plano de convivência", disse.

O secretário de Saúde ressaltou que o distanciamento social deve ser praticado, mesmo com a reabertura de alguns setores. "Além disso, lavem as mãos corretamente e usem máscara quando for necessário sair de casa. A batalha contra a Covid-19 continua e está longe de acabar. Todos nós precisamos ter compromisso neste momento com o enfrentamento desta doença no estado", afirmou. "Estamos acompanhando os dados de todas as cidades e, se for necessário, vamos tomar medidas", completou Longo, que não descarta a possibilidade de decretar quarentena mais rígida em cidades cujos dados não estiverem satisfatórios, como ocorreu em cinco municípios da Região Metropolitana do Recife e em Caruaru e Bezerros, no Agreste.

De acordo com o secretário, não há filas para leitos no sistema de saúde do estado atualmente. Pernambuco chegou a ter, em maio, mais de 300 pessoas aguardando por uma vaga. "Hoje, temos ociosidade de leitos, tanto na UTI adulta quanto na pediátrica e também nas enfermarias. A taxa de ocupação é de menos de 70% nas UTIs para adultos e menor que 80% na UTI pediátrica, que tem 30 leitos. Se houver necessidade, conseguimos expandir os leitos pediátricos, inclusive contratando da rede privada", explicou Longo. Dos 801 leitos de UTI, 69% estão ocupados. Nas enfermarias, com 968 vagas, a taxa de ocupação é de 46%.

Aulas

Suspensas no estado até o dia 31 de julho, as aulas nos diversos segmentos da educação ainda não têm previsão para serem retomadas em Pernambuco. "Ainda estamos em fase de discussão dos protocolos. Temos observado os movimentos no Brasil e no mundo. Fred Amancio (secretário estadual de Educação e Esportes) tem feito um diálogo com diversas instituições para fazer o melhor desenho para os nossos estudantes e para ser possível aproveitar da melhor forma os conteúdos ainda neste ano. Isso será feito com toda a segurança e cautela que esse setor merece para a sua retomada", esclareceu André Longo. O secretário de Saúde disse que o setor educacional - das creches ao ensino superior, além de cursos livres e de idiomas - movimentam cerca de 2,5 milhões de pessoas no estado.

Boletim

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) confirmou, nesta quinta-feira, 1.163 novos casos da Covid-19 em Pernambuco. Entre os confirmados hoje, 1.050 (90,3%) são casos leves, ou seja, pacientes que não demandaram internamento hospitalar e que estavam na fase final da doença ou já curados. Os outros 113 (9,7%) se enquadram como Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag). Agora, Pernambuco totaliza 68.767 casos já confirmados, sendo 20.688 graves e 48.079 leves.

Dos casos confirmados em Pernambuco, 132 foram registrados em mulheres grávidas. O boletim de hoje registra ainda um total de 47.996 pessoas recuperadas da doença. Desse total, 10.187 são de casos graves, que demandaram leitos no sistema de saúde, e 37.809 casos leves. Os casos graves confirmados da doença estão distribuídos por 180 municípios pernambucanos, além do arquipélago de Fernando de Noronha e de ocorrências de pacientes de outros estados e países.

Foram confirmados laboratorialmente 86 óbitos, sendo 45 de pacientes do sexo feminino e 41 do sexo masculino. Com isso, o estado totaliza 5.409 mortes pela doença. As mortes registradas no boletim de hoje ocorreram entre 21 de abril e 8 de julho. Dos óbitos no informe de hoje, 61 (71%) ocorreram de 21 de abril a 5 de julho. Os outros 25 (29%) aconteceram nos últimos três dias. Os pacientes tinham idades entre 15 e 94 anos. As faixas etárias eram: 10 a 19 (1), 20 a 29 (2), 30 a 39 (5), 40 a 49 (8), 50 a 59 (10), 60 a 69 (19), 70 a 79 (21), 80 anos ou mais (20).

Os novos óbitos confirmados são de pessoas residentes nos municípios de Aliança (1), Barra de Guabiraba (1), Belo Jardim (1), Bom Jardim (1), Buíque (1), Cabo de Santo Agostinho (2), Camaragibe (5), Canhotinho (1), Caruaru (5), Catende (1), Escada (1), Igarassu (1), Jaboatão dos Guararapes (12), Jurema (2), Olinda (10), Panelas (3), Paulista (5), Petrolina (3), Primavera (2), Recife (19), Rio Formoso (1), Sanharó (1), Santa Cruz do Capibaribe (3), São Caitano (2), São Lourenço da Mata (1) e Surubim (1).

Dos 86 pacientes que vieram a óbito, 59 apresentavam comorbidades confirmadas, como diabetes (26), hipertensão (24), doença cardiovascular (20), doença respiratória (7), doença renal (6), obesidade (6), tabagismo/histórico de tabagismo (6), histórico de AVC/AVE (6), doença de Alzheimer (5), câncer (4), doença pulmonar (3), doença hepática (3), doença neurológica (2), doença vascular (1), etilismo (1), doença hematológica (1), esquistossomose (1), hipertireoidismo (1), desnutrição (1), doença cromossômica (1), dislipidemia (1) e epilepsia (1). A SES-PE esclarece que um paciente pode ter mais de uma comorbidade. Nove não tinham doenças preexistentes, e os demais casos ainda estão em investigação pelos municípios.

Com relação à testagem dos profissionais de saúde com sintomas de gripe, em Pernambuco, até agora, 16.695 casos foram confirmados e 21.453 descartados. Outros 95 casos ainda estão em investigação no estado. As testagens entre os trabalhadores do setor abrangem os profissionais de todas as unidades de saúde, sejam da rede pública - estadual e municipal -ou privada.

Diário de Pernambuco

Bolsonaro promete anúncio de novo ministro da Educação nesta sexta


O presidente Jair Bolsonaro deve anunciar o novo ministro da Educação nesta sexta-feira (10). O cargo está vago desde a semana passada, quando a nomeação de Carlos Alberto Decotelli foi revogada, sem que ele tivesse tomado posse, depois de uma série de inconsistências curriculares terem vindo à tona. O perfil desejado pelo presidente é de um pessoa "conciliadora" e que "promova o diálogo".

"Temos que ter uma pessoa que promova o diálogo, o que não é fácil, com todas as esferas da educação. Essa é nossa vontade, ter uma pessoa lá [que seja] conciliadora", afirmou durante a live semanal, transmitida pelas redes sociais. Segundo o presidente, ele manteve conversa com "cinco ou seis" candidatos, nos últimos dias. "Então, a gente espera amanhã resolver essa questão aí do Ministério da Educação, que é um ministério muito importante", acrescentou. O novo ministro da Educação será o quarto no cargo desde o início do governo, em 2019.

Vetos a indígenas

Durante a live, Bolsonaro afirmou que não há recursos disponíveis para medidas de prevenção à disseminação do novo coronavírus voltadas à indígenas, quilombolas, pescadores artesanais e comunidades tradicionais e que por isso vetou alguns dispositivos da Lei nº 14.021/2020, sancionada por ele ontem (8).

O texto cria o Plano Emergencial para Enfrentamento à Covid-19 nos Territórios Indígenas, coordenado pela União, para assegurar o acesso às ações e aos serviços de prevenção e tratamento de covid-19, com a participação efetiva dos povos indígenas por meio de suas entidades representativas.

"Quando o Congresso apresenta um projeto e ele cria despesa para nós, ele precisa dizer onde está a fonte de recursos. Tinha artigos que mandava eu fornecer EPIs [equipamentos de proteção individual] para quilombolas, comunidades indígenas, um montão de categorias, vamos assim dizer, que não tem recurso para isso. Agora, se eu sancionar, nós temos a obrigação de cumrprir. E, se não tem recurso, vai arranjar dinheiro de onde? É uma lei completamente inócua. Agora, se o Congresso quiser derrubar o veto, o Parlamento pode derrubar o veto. Se for o caso, a gente entra na Justiça arguindo inconstitucionalidade ou inadequação financeira", afirmou.

Ao todo, o presidente da República vetou 16 dispositivos da medida aprovada no Congresso Nacional no mês passado. Entre os trechos vetados está o que garantia o acesso à água potável e distribuição gratuita de materiais de higiene, de limpeza e de desinfecção para as comunidades indígenas. Pela nova lei, será ofertado acompanhamento diferenciado nos casos de média e alta complexidade, nos centros urbanos, com a construção de hospitais de campanha nos municípios próximos às aldeias, contratação emergencial de profissionais de saúde e disponibilização de ambulâncias para transporte, seja fluvial, terrestre ou aéreo.

O presidente, entretanto, vetou a oferta emergencial de leitos hospitalares e de unidade de terapia intensiva (UTI) aos indígenas e aquisição de ventiladores e de máquinas de oxigenação sanguínea.

Por Agência Brasil

Belém do São Francisco [Covid-19]: Secretaria de Saúde divulga Boletim Epidemiológico desta quinta [09/07/2020]; confira

Divulgação/Prefeitura de Belém do São Francisco

Floresta: Com mais 5 casos positivos, secretaria de saúde divulga o Boletim Epidemiológico de quinta (09/07/2020); município tem 80 confirmações com 61 recuperados



A Secretaria de Saúde de Floresta, com o compromisso de ser transparente em relação ao Coronavírus, vem atualizar o boletim epidemiológico.

Nesta quinta-feira (9) cinco pacientes tiveram resultados positivos para Covid-19. Quatro encontram-se em isolamento domiciliar, um não apresenta sintomas e seu exame mostrou que o mesmo já obteve a cura do Coronavírus.

Os bairros com casos confirmados são:

- Zona rural 02
- DNER 07
- Centro 20
- Santa Rosa 17
- AABB 02
- Caetano II 15
- Caetano I 07
- Caraibeiras 06
- Cohab 04

A colaboração da comunidade é uma das principais formas de combater a Covid-19. Fiquem em casa, se for necessário sair use máscaras.

Blog de Assis Ramalho
Informação: Prefeitura Municipal de Floresta.