domingo, 27 de junho de 2021

Petrolândia: Onde está Lázaro? - Artigo de Fernando Batista


Por: Fernando Batista

Pode parecer ofensivo ou até mesmo estranho afirmar que todo ser humano tem um "Lázaro" dentro de si. Pasmem! Existe sim. Isso se explica podendo sustentar que há entre nós, seres humanos e ceras humanas. Existe uma solidariedade muito forte, tanto para o bem quanto para o mal. Explico: Se toda a humanidade participa das virtudes heroicas para a prática do bem, por via inversa, participa também da monstruosidade de um Lázaro Barbosa, de um Dr. Jairinho, por exemplo.

Por essa razão, pode-se sustentar que o caso "Lázaro", queiramos admitir ou não, fala dos conteúdos de almas humanas, de seus pântanos e selva. Dialogar com os "Lázaros" que habitam as florestas de nossa alma é tarefa indispensável para o desenvolvimento da nossa personalidade e da consciência. Existe um Lázaro Barbosa em cada Esquina. Somos, pois, o alto e o baixo, o grande e o pequeno, o sim e o não, o ruim e o bom, a luz e a sombra, a bela e a fera. Quem menos aceita suas sombras, menos cresce e menos amadurece como ser humano.

Não raro, dormimos, comemos, dançamos, beijamos e rezamos como "Gandhi" ou "Lázaros". "Lázaros" conosco. "Lázaros" em nós, nas matas de nossas almas. Esta é, inclusive, uma perspectiva de cristianismo. Somos Joio e trigo. Essa é a nossa condição. Achando o Lázaro, a história humana segue o baile com seus incontáveis, pretéritos e futuros, genocídios, racismos, homicídios, feminicídios, etc.

Lá fora, nas bandas de Goiás, busca-se o Lázaro Barbosa. Desejo que o encontre e o puna. Mas, e o Lázaro interior que habita nas matas ocultas de nossas almas, quem o procurará?

Artigo de Fernando Batista

Fisioterapia não oferece riscos para pacientes com câncer de mama

Estudo do Inca mostra benefícios na movimentação de ombros e braços

Estudo feito pelo Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (Inca) com 461 mulheres operadas de câncer de mama ao longo de um ano confirmou que não há riscos para a realização de exercícios livres, acima do ombro, na rotina do pós-operatório para essas pacientes. Os pesquisadores afirmam que exercícios de ombro são seguros e trazem benefícios para a vida das pacientes. Os resultados do estudo foram publicados na revista Breast Cancer Research and Treatment.

A pesquisa foi conduzida pela fisioterapeuta e doutoranda do Inca, Clarice Gomes Chagas Teodózio, sob orientação da pesquisadora e fisioterapeuta Anke Bergmann e do pesquisador Luiz Cláudio Santos Thuler.

“Com esse estudo, confirmamos que o movimento acima da altura do ombro, que a gente intitulou como movimento livre, não significa que é completo. Significa que a paciente vai fazer exercícios até o limite do desconforto dela”, disse Erica Alves Nogueira Fabro, responsável pelo Serviço de Fisioterapia do Hospital do Câncer III, do Inca.

Escritor pernambucano Diogo Monteiro vence o Prêmio Sesc de Literatura

O livro “O que a casa criou”, de autoria do escritor pernambucano Diogo Monteiro, foi vencedor na categoria Conto

O Prêmio Sesc de Literatura, um dos mais importantes do país na distinção de escritores inéditos, acaba de anunciar os vencedores da edição 2021, nas categorias Romance e Conto. Os selecionados foram o paraense Fábio Horácio-Castro, com o romance “O réptil melancólico”, e o pernambucano Diogo Monteiro, com a coletânea de contos “O que a casa criou”. A origem dos autores reafirma o estímulo à diversidade por parte do Prêmio e sua capacidade de projetar escritores das mais distintas regiões do país. Os livros dos dois vencedores serão publicados em outubro pela editora Record, parceira do Prêmio Sesc desde a sua criação.

“O réptil melancólico” trata de colonialidade, colonialismo e colonização, das alegorias sobre a Amazônia e da Amazônia como alegoria. A narrativa parte do retorno de Felipe para sua cidade, após longa estadia fora do país. Ele seguira para o exílio na primeira infância, levado por sua mãe, militante política perseguida e torturada pelo regime militar brasileiro. Nesse processo de retorno, restabelece contato com a família paterna, particularmente com seu primo Miguel, que está fazendo o caminho oposto: o de partir da cidade.

“O que a casa criou” é um livro sobre o espanto. Todos os seus 16 contos, inclusive o que dá nome ao volume, tratam de alguma forma sobre a possibilidade de encontrar o inusitado a qualquer momento, na virada de uma esquina ou no abrir de uma porta. São histórias sobre a fragilidade do real e do nosso confortável conceito de realidade, e sobre como a quebra dessa normalidade age sobre pessoas, lugares e coisas.

Incentivo à divulgação de feiras orgânicas é aprovado em Comissões da Assembleia Legislativa de Pernambuco


Prefeituras deverão divulgar na internet feiras de produtos orgânicos e agroecológicos realizadas nos municípios. É o que prevê o substitutivo que reuniu os Projetos de Lei (PLs) nº 1635/2020 e nº 1641/2020, de iniciativa dos deputados Gustavo Gouveia (DEM) e João Paulo Costa (Avante), respectivamente. A proposta foi acatada nas reuniões virtuais das Comissões de Saúde e de Desenvolvimento Econômico da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) na última terça-feira (22).

A proposição inclui a medida na lei estadual que regulamenta as feiras orgânicas, editada em 2018. Além da publicidade do local de funcionamento, serão acrescentadas duas novas atribuições para as prefeituras: conscientizar a população a respeito dos benefícios da alimentação saudável e incentivar o empreendedorismo e o cooperativismo para a produção de orgânicos.

Plantio de cebola é destaque na Estação Experimental do IPA em Belém do São Francisco

Com 64 dias após o transplante, o plantio de cebola na Estação do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA), em Belém do São Francisco, desenvolve-se da melhor maneira possível. A cebola IPA-11 é conhecida em todo Brasil pela excelente qualidade genética.


A maior concentração da produção situa-se ao longo do submédio São Francisco, compreendendo os municípios da região de Petrolândia a Petrolina. A melhor época para o plantio, no Nordeste, cultiva-se cebola durante todo o ano, entretanto para atender à demanda dos mercados consumidores das regiões sul e sudeste, a melhor época da semeadura, para obter melhores preços, é o período de janeiro a março.

Virtual e gratuita: Semana de Conhecimento do Artesanato está com inscrições abertas


Estão abertas as inscrições para a "Semana de Conhecimento do Artesanato de MS". O evento será realizado de 12 a 15 de julho, de forma virtual e gratuita. Serão palestras no segmento do artesanato, uma parceria da Fundação de Cultura e Sebrae.

“Percebemos, durante a Semana do Artesão de 2021, que alguns temas despertaram muito interesse nos artesãos de MS e dúvidas também. Pensando nisso, a Gerência de Desenvolvimento de Atividades Artesanais da Fundação de Cultura de MS e o Sebrae idealizaram a Semana de Conhecimento do Artesanato de MS”, diz Katienka Klain, gerente de Desenvolvimento de Atividades Artesanais da FCMS.

Covid: Pfizer entrega, na manhã deste domingo (27), mais 936 mil doses da vacina ao Brasil e completa 2,4 milhões em três voos


Avião com mais 936 mil doses da vacina contra Covid-19 da Pfizer pousou no Aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP), na manhã deste domingo (27) — Foto: Polícia Federal

Mais um lote com 936 mil doses de vacinas contra a covid-19, fabricadas pela Pfizer/BioNTech, chegou ao Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas (SP), na manhã deste domingo (27).

Com essa entrega, o laboratório completa 2,4 milhões de imunizantes fornecidos ao Brasil em menos de uma semana. Na terça-feira (22), foram 529 mil doses entregues e outras 936 mil chegaram na quinta (24).

Velha Petrolândia, uma saudade que não passa; momentos de recordações neste domingo 27 de junho de 2021


Imagem de uma das Feiras livres realizadas às sextas-feiras na Rua Regente Feijó


Banda Marcial pronta para dá início a um dos desfiles do 7 de Setembro da velha Petrolândia 


Banda Marcial, desfile de 7 de Setembro de 1970: Primeiro da esquerda, Moacir (Picolé ), atrás, Vitorino. A esquerda de Vitorino, Pepe de Caju.


Jogo de Voleybol disputado no pátio do Colégio Municipal de Petrolândia


Neste domingão, 27 de junho de 2021, o Blog de Assis Ramalho vai no fundo do Baú, e mostra imagens para nos lembrar da nossa saudosa velha Petrolândia ,hoje submersas as águas do Rio São Francisco.

Redação do Blog de Assis Ramalho

CLIQUE AQUI e veja acervo do quadro do Blog de Assis Ramalho ''Veha Petrolândia uma saudade que não passa''

Petrolândia: Domingo é dia de saborear o delicioso baião-de-dois no Maria Fumaça, na Orla (Funcionamento das 10:00 às 18:00)

 


Neste domingo, 27 de junho de 2021, é dia de saborear o delicioso baião-de-dois do Bar e Restaurante Maria Fumaça, quiosque localizado na Orla Fluvial de Petrolândia, com ambiente confortável e deliciosas opções em carnes .e peixes.

Adotando todas medidas especiais de prevenção contra o coronavírus, o Bar e Restaurante Maria Fumaça funciona neste domingo das 10h00 às 18h00.

Usufrua das delícias do Bar e Restaurante Maria Fumaça, cada vez melhor - APROVEITE!

Petrolândia: Secretaria de Saúde promoveu, neste sábado (26), vacinação contra a Covid-19


Mais um dia vacinando a nossa população! 

Neste sábado (26), a força tarefa da vacinação contra covid-19 estiveram na zona rural e urbana. Equipes de Saúde unidas para imunizar nossa gente querida.

Vamos juntos! A esperança se renova.

Divulgação: Secretaria de Saúde de Petrolândia

Veja fotos:






Blog de Assis Ramalho

Fotos: Assessoria da Secretaria de Saúde de Petrolândia


Maior prêmio da história da Quina de São João sai para oito apostas; veja dezenas sorteadas e os demais sorteios deste sábado (26)




A Quina de São João, concurso especial 5.590 da Quina, sorteou R$ 204,8 milhões, neste sábado (26). Os números sorteados foram 25 - 28 - 36 - 60 -61.

A bolada será dividida entre oito apostas registradas em Manaus/AM, Pinheiro/MA, Blumenau/SC, Avaré/SP, São Paulo/SP, Conceição do Pará/MG e duas apostas em Belo Horizonte/MG. Cada uma levará R$ 25.601.717,66.

O prêmio deste sábado foi o maior da história da Quina, batendo o recorde anterior, que era de R$ 153,7 milhões, ofertado no concurso 5.002, de 2019.

Na segunda faixa de premiação, para o acerto de quatro números, 2.143 apostadores vão levar R$ 9.276,34 cada, e os 158.391 apostadores que acertaram três números vão receber R$ 188,73 cada.

Prêmios com valor superior a R$ 1.903,98 são pagos exclusivamente nas agências da Caixa.

O bilhete é ao portador, sendo recomendável que o apostador escreva no verso do recibo da aposta premiada, seu nome completo e CPF. Dessa forma, ninguém mais poderá retirar o prêmio.

Em caso de bolão, cada participante pode fazer o mesmo no verso de seu recibo individual de cota.

Os ganhadores também devem ficar atentos às datas. Os prêmios prescrevem após 90 dias da data do sorteio. Decorrido esse prazo, o prêmio prescrito é repassado ao Fundo de Financiamento ao Ensino Superior (FIES).