terça-feira, 23 de abril de 2019

Petrolândia: No dia de seu aniversário, Roberta Pereira da Silva recebe os parabéns de amigos e da família


Familiares e amigos de Roberta Pereira da Silva, residente da Quadra 05 de Petrolândia, felicitam a jovem pela passagem do seu aniversário.

Feliz Aniversário! são os votos de todos que o cercam de carinho.

Blog de Assis Ramalho
Foto: Divulgação

Edital com 1.000 vagas para a Secretaria de Educação da Paraíba é lançado


Anunciado na semana passada, o edital de abertura do novo concurso público da Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba (SEECT/PB) foi publicado! São nada menos que 1.000 vagas! De acordo com o regulamento, disponibilizado pelo Instituto AOCP, banca organizadora da seleção, as chances são para o cargo de professor de Educação Básica 3, da carreira do Magistério Estadual. 

O posto tem vencimento de R$ 2.110,12 para 30 horas de trabalho semanal. O edital reserva 5% das chances a pessoas com deficiência.

Confira as áreas de atuação:

Artes: 72 vagas
Biologia: 150 vagas
Educação física: 68 vagas
Física: 47 vagas
Geografia: 72 vagas
História: 78 vagas
Língua Inglês: 61 vagas
Língua Espanhola: 18 vagas
Língua Portuguesa: 195 vagas
Matemática: 199 vagas
Sociologia: 6 vagas
Filosofia: 6 vagas
Química: 28 vagas

Etapas
A seleção será composta por provas objetivas e provas de títulos. A prova objetiva será composta por língua portuguesa, legislação básica em educação, conhecimentos pedagógicos e específicos.

A fase será realizada nos municípios sede de cada Gerência Regional de Educação (João Pessoa, Guarabira, Campina Grande, Cuité, Monteiro, Patos, Itaporanga, Catolé do Rocha, Cajazeiras, Sousa, Princesa Isabel, Itabaiana, Pombal e Mamanguape).

Concorra
As inscrições no concurso poderão ser feitas entre 24 de abril e 6 de junho, pelo site www.institutoaocp.org.br. A taxa custa R$ 39. Haverá isenção de taxa para candidatos que sejam doadores de sangue, doadora regular de leite materno e doador de medula óssea. O pedido deverá ser feito de 24 a 30 de abril, pelo site da banca.

O prazo de validade do presente Concurso Público é de 06 meses, a contar da data da publicação da homologação de seu resultado final, podendo ser prorrogado, uma vez, por igual período, à critério da Administração e de acordo com a disponibilidade orçamentária.

Confira o conteúdo programático no edital de abertura.

Por Correio Braziliense

Wesley Safadão e Jorge e Mateus no São João de Petrolina


O arrasta-pé está chegando e o público já fica ansioso para os festejos do São João! E para animar ainda mais a festa junina, atraindo públicos de todas as idades, o São João de Petrolina 2019 vai contar com cantores de peso na programação. Nada mais nada menos que Wesley Safadão, Jorge e Mateus e Mano Walter estão entre as atrações da festa, que acontece de 14 a 23 de junho, no Pátio de Eventos da cidade.

> Programação completa
O prefeito Miguel Coelho vai anunciar, na próxima segunda-feira (29), a programação completa do São João de Petrolina 2019, no Beco da Cultura, às 19h. Além de divulgar as atrações do pátio principal, Miguel também irá divulgar do São João dos Bairros, as datas da Vaquejada, Jecana, Forró da Espora e Missa do Vaqueiro. Estamos aguardando ansiosamente!

Por Folha de PE

Petrolina/Petrolândia: Orisvaldo Joaquim (Nenen), aniversariante desta terça (23), recebe mensagem da família e de amigos


Nesta terça-feira, 23 de abril de 2019, familiares e amigos de Orisvaldo Joaquim do nascimento felicitam pela passagem do seu aniversário. Empresário no ramo de vidraçaria em Petrolina, Nenen, como popularmente é conhecido, é irmão do empresário e vereador de Petrolândia Louro do Vidro

Feliz aniversário! São também os votos do Blog de Assis Ramalho e da Web Rádio Petrolândia!

Redação do Blog de Assis Ramalho
Informação e foto: Louro do Vidro e Creuza

Petrolândia: Reunião do PPVI - Pacto Pela Vida Interno é realizada no Plenário da Câmara com a participação de várias autoridades


Na manhã desta terça-feira, 23ABR2019, foi realizada no Plenário da Câmara Municipal de Petrolândia, a Reunião do PPVI - Pacto Pela Vida Interno, da AIS 22, onde foram debatidas novas metas para esse trimestre, bem como foi enaltecido o índice de resolução de inquéritos ligados a crimes violentos CVLI e CVP, com uma taxa de resolubilidade de 80%, sendo um exemplo de redução no Estado.

Foi debatido também a respeito da possibilidade de videomonitoramento nas cidades, da criação de uma AIS e uma Delegacia Seccional na cidade de Petrolândia, bem como, houve o fortalecimento dos laços de amizade, confiança e credibilidade das instituições.

A reunião teve a participação de várias autoridades civis e militares, sendo o tenente coronel PM Alexino, comandante da 4ª CIPM, o presidente a mesa, que contou com a presença do Juiz da comarca de Petrolândia, Dr. Altino, do Promotor de Justiça, Dr. Filipe, dos delegados Bel. Roberto Fonseca, de Petrolândia, Bel. Daniel Angelin, de Jatobá e Bel. Edvaldo Veiga, de Tacaratu e Inajá, bem como a participação da prefeita de Petrolândia, a Srª Janielma, e o prefeito de Tacaratu, o Sr. Gerson e outras autoridades e policiais civis e militares.

Ver abaixo vídeo e fotos



SEÇÃO DE COMUNICAÇÃO
4ª CIPM - Companhia Ten PM Cirilo de Souza Araujo
Fotos: Assis Ramalho/BlogAR e 4ª CIPM

Energia elétrica em Pernambuco fica 5% mais cara a partir do próximo dia 29


A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), responsável pela regulamentação do setor elétrico no país, definiu nesta desta terça-feira (23) as novas tarifas de energia elétrica para a área de concessão da Companhia Energética de Pernambuco (Celpe). O índice médio do reajuste tarifário anunciado pela Aneel foi de 5,04%, valor que entra em vigor a partir do dia 29 de abril. Em todo o estado, o aumento atingirá 3,7 milhões de clientes, que sentirão o novo valor de forma mais consolidada nas contas registradas no final de maio.

Para os clientes atendidos em baixa tensão, que inclui os clientes residenciais, o reajuste médio será de 5,56%. Já os clientes atendidos em alta tensão, como indústrias e comércio de médio e grande porte, o reajuste será de 3,76%, em média. De acordo com nota divulgada pela Celpe, do valor cobrado na fatura, 41,8% são destinados para pagar os custos com a compra e transmissão de energia.

Os tributos (encargos setoriais e impostos) continuam tendo uma grande participação nos custos da tarifa de energia elétrica, representando 35,8% da mesma. Apenas 22,3% ficam na Celpe para cobrir os custos de operação, manutenção, administração do serviço e investimentos. Isso significa que, para uma conta de R$ 100, por exemplo, cerca de R$ 22 são destinados efetivamente à empresa para operar e expandir todo o sistema elétrico de distribuição de energia no estado.

Segundo dados da Aneel, o pagamento do empréstimo da Conta ACR e ajustes em rubrica (retirada CDE Decreto) da Conta de Desenvolvimento Energético (CDE) contribuíram para reduzir o reajuste em aproximadamente – 3,03%. A Conta-ACR foi um mecanismo de repasse de recursos às distribuidoras para cobertura dos custos com exposição involuntária no mercado de curto prazo e o despacho de termelétricas entre fevereiro e dezembro de 2014. Já a bandeira tarifária contribuiu para reduzir em – 4,5% o índice final do reajuste da Celpe.

Por Diário de Pernambuco
 
 

Caminhão carregado de umbu tomba na PE-360 em Floresta, PE


Um caminhão carregado com “umbu” tombou na PE-360 nesta terça-feira (23) em Floresta, no Sertão de Pernambuco. De acordo com informações recebidas pela redação do Blog do Elvis, a fatalidade aconteceu na conhecida “Curva do Airi”.

Não há informações sobre as causas do acidente e se houve feridos. Parte da carga foi saqueada no local.

Via Blog do Elvis/NE10

Decisão unânime do STJ reduz pena de Lula no caso triplex


A Quinta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu nesta terça-feira (23) manter a condenação, mas reduzir a pena imposta ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no caso do triplex no Guarujá.

O relator, Felix Fischer, e os ministros Jorge Mussi, Reynaldo Soares da Fonseca, presidente da turma, e Marcelo Navarro concordaram em reduzir para 8 anos, 10 meses e 20 dias de reclusão a pena de 12 anos e 1 mês por corrupção passiva e lavagem de dinheiro imposta pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4).

Os votos foram proferidos durante julgamento de um recurso apresentado pela defesa do ex-presidente e atenderam parcialmente ao recurso.

De acordo com os votos dos ministros, a pena imposta ao petista ficou da seguinte forma:

Corrupção passiva - 5 anos, 6 meses e 20 dias (TRF-4 havia fixado em 8 anos e 4 meses)
Lavagem de dinheiro - 3 anos e 4 meses de prisão (TRF-4 havia fixado em 3 anos e 9 meses)
Pena total - 8 anos, 10 meses e 20 dias de reclusão (TRF-4 havia fixado em 12 anos e 1 mês)

Atualmente, Lula cumpre pena em regime fechado, na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba.

De acordo com a legislação penal, um preso tem direito a reivindicar progressão para o regime semiaberto depois de cumprir um sexto da pena. A pena imposta a Lula pelo TRF-4, portanto, exigiria pelo menos dois anos de prisão em regime fechado.

Com a decisão da Quinta Turma do STJ, Lula terá que cumprir 17 meses para reivindicar a transferência para o semiaberto, regime pelo qual é possível deixar a cadeia durante o dia para trabalhar. Como Lula já cumpriu cerca de 13 meses, faltariam quatro. A leitura na prisão pode contribuir para reduzir ainda mais os dias de punição.

Defesa vai recorrer

O advogado de Lula, Cristiano Zanin, afirmou que vai recorrer da decisão do STJ.

"Certamente, nós iremos apresentar todos os recursos previstos em lei para buscar o resultado que entendemos cabível nesse caso. O único resultado que ao nosso ver é compatível com o caso concreto é a absolvição do ex-presidente Lula porque entendemos, com base em tudo aquilo que consta no processo, que ele não praticou qualquer crime", afirmou.

Zanin afirmou que, embora considere "pouco", a decisão do STJ, segundo ele, reconhece as penas anteriormente impostas a Lula foram "abusivas".

"Pela primeira vez, um tribunal reconheceu que as penas aplicadas ao ex-presidente Lula, tanto pelo juiz, ou ex-juiz, Sergio Moro, quanto pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região, são abusivas. É pouco, mas é o início. Esperamos que as instâncias que ainda irão se manifestar sobre o caso, como o Supremo Tribunal Federal e o Comitê de Direitos Humanos da ONU, possam nos ajudar a restabelecer a plenitude do estado de direito", declarou.

Votos

O relator Felix Fischer afirmou que, em relação à corrupção, as penas foram fixadas em patamar elevado, e, em relação à lavagem de dinheiro, disse que foi aumentada de modo vago, com agravantes como o de ter sido presidente, por exemplo:

Corrupção passiva - “Quanto ao crime de corrupção passiva, no que se refere às circunstâncias descritas no artigo 59 do Código Penal, não verifico ilegalidade ou mesma arbitrariedade na valoração negativa das quatros circunstâncias judiciais: culpabilidade, circunstâncias, motivos e consequências do crimes consideradas pelo egrégio tribunal de origem. Todavia, dado o excesso, reduzo o patamar estipulado pela egrégia corte.”
Lavagem de dinheiro - “Quanto ao crime de lavagem de dinheiro no que se refere as circunstâncias descritas no artigo 59 tenho que deverá se manter presente apenas aquela atinente à culpabilidade, extirpando-se pela fundamentação inadequada, vaga, e sem embasamento fático e jurídico as circunstâncias e consequências do crime.”

O ministro Jorge Mussi seguiu entendimento semelhante ao do relator. Para ele, as penas impostas ao ex-presidente foram exageradas.

Assim como Fischer, Mussi votou para reduzir as penas pelos crimes de lavagem de dinheiro e corrupção passiva, totalizando 8 anos, 10 meses e 20 dias de prisão.

“O magistrado de primeiro grau havia fixado a pena base do crime de corrupção passiva a em 5 anos de reclusão. Ou seja, majorando três anos além do mínimo legalmente previsto, que era de 2. Oitava turma do TRF-4, contudo, exasperou tal reprimenda muito mais, aumentado a basilar para 7 anos e 6 meses. Ou seja, elevou-a em 375 %”, afirmou.

O ministro criticou a justificativa da Oitava Turma do TRF-4 para aumentar a pena do ex-presidente. Para o ministro, os desembargadores levaram em conta fatos externos ao processo.

“Não se pode agravar a pena dos agentes pelo fato de outros acusados em processos distintos terem fixada esta ou aquela reprimenda. Pouco importa se em relação a outras pessoas a pena foi superior ou inferior a 7 anos. Essa fixação não pode ser influenciada com base em elementos externos, principalmente na situação de outros envolvidos”, disse Mussi.

O ministro Reynaldo Soares, presidente da turma, também acompanhou o voto do relator em relação à pena e fixou a punição em 8 anos, 10 meses e 20 dias.

Soares também reduziu, como os demais, a multa de reparação de R$ 29 milhões para R$ 2,4 milhões.

Ele completou que não vê prescrição de nenhuma pena.“Não vislumbro prescrição porque atos de corrupção ocorreram até 2009 e lavagem vai até 2014”, afirmou.

O ministro Marcelo Navarro Ribeiro Dantas foi o último a votar. Ele também acompanhou o relator para diminuir a pena para 8 anos, 10 meses e 20 dias e reduziu a multa imposta ao ex-presidente.

“No duro, no duro, o valor teria que ser menor. Ele não recebeu a propriedade, não poderia vender, dispor do imóvel. Mas não fiz essa diminuição porque não tenho elementos para fazer isso aqui”, afirmou Ribeiro Dantas.

Multa

Os ministros também votaram pela redução da multa de reparação, inicialmente fixada em R$ 29 milhões, para R$ 2,4 milhões, que é o valor do apartamento.

“Reduzir a reparação de danos ao objeto do suposto proveito econômico decorrente da diferença do apartamento 141 com a cobertura 164, mais as reformas cujo valor alcança R$ 2.424.991”, disse o relator.

Além disso, decidiram também reduzir parte da multa ao ex-presidente em razão dos crimes pelos quais foi condenado.

Eles haviam decidido aplicar 175 dias-multa a Lula, com cada dia-multa equivalente a cinco salários mínimos de junho de 2014.

Consideraram, entretanto, reduzir para 50 dias-multa, por considerarem o valor anterior desproporcional ao que seria aplicado aos demais condenados na ação.

Recurso

No fim de 2018, o recurso de Lula foi analisado pelo relator da Lava Jato no STJ, ministro Felix Fischer. Em decisão individual, Fischer negou o recurso e decidiu encerrar a questão na Corte.

A defesa de Lula, contudo, recorreu por meio de um agravo regimental. Nesta terça, Fischer manteve a própria decisão, mas atendeu parcialmente a defesa para reduzir a pena.

Condenação

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foi condenado em 12 de julho de 2017 a 9 anos e 6 meses de prisão no caso do triplex. A sentença, em primeira instância, foi dada pelo então juiz Sérgio Moro, atual ministro da Justiça, que condenou Lula por corrupção passiva e de lavagem de dinheiro.

Em janeiro do ano passado, a condenação foi confirmada pela Oitava Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), tribunal de segunda instância, que aumentou a pena para 12 anos e um mês de prisão.

Diante disso, o ex-presidente foi preso em São Paulo, em abril do ano passado, e levado a Curitiba, onde cumpre pena desde então.

No entendimento de Moro e dos três desembargadores da Turma, Lula recebeu da OAS um apartamento triplex em Guarujá em troca de contratos fechados pela empreiteira com a Petrobras.

Veja as provas que basearam a decisão do TRF-4
A defesa de Lula, então, recorreu ao STJ e pediu que o ex-presidente seja absolvido. Argumentou que ele é inocente e não recebeu apartamento como propina. Afirmou também que não há provas no processo. Os advogados do ex-presidente argumentam que Lula foi condenado por corrupção e lavagem pelo mesmo ato e, por isso, a pena deve ser reduzida.

Outro pedido é que a Justiça Federal não tinha competência para analisar o caso, conforme decisão recente do Supremo em relação a crimes cometidos em conexão com o crime de caixa dois (usar recursos em campanha eleitoral não declarados à Justiça).

Diante disso, os advogados pediram anulação da condenação e o envio da ação à Justiça Eleitoral. O relator rebateu esse ponto levantado pela defesa, dizendo que não há nexo com caso eleitoral.

Resumo do caso

1ª instância: condenado em julho de 2017 pelo então juiz federal Sérgio Moro a 9 anos e 6 meses de prisão;
2ª instância: em janeiro de 2018, 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) ampliou pena para 12 anos e 1 mês de prisão;
3ª instância: 5ª Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decide reduzir a pena imposta pelo TRF-4 para 8 anos, 10 meses e 20 dias de reclusão.

Por G1
Boletim JN: Ministro do STJ vota por diminuir a pena do ex-presidente Lula para oito anos
Jornal Nacional
--:--/--:--

Petrolândia: Cirurgiã dentista Dra Arianny Cantarelli atende na Clínica Mais Saúde nesta sexta (26)


A Clínica Mais Saúde, localizada em Petrolândia na Av. Auspício Valgueiro Barros, em frente à Escola Delmiro Gouveia, informa que a cirurgiã dentista Dra Arianny Cantarelli atende nesta sexta-feira (26)


Agende sua consulta pelo cel: 87 99659-3298 - 87 3851 0533.

Confira abaixo demais atendimentos da semana


Veja os especialistas médicos que atendem na Mais Saúde.


Redação do Blog de Assis Ramalho
Com informações da Clínica Mais Saúde

Petrolândia: Aniversariante do dia, Neidinha recebe carinhosa mensagem de sua irmã Edna Carvalho


Neide Carvalho, mais conhecida como Neidinha, residente em Petrolândia, é aniversariante desta terça-feira (23/04/2019), e recebe no Blog de Assis Ramalho o carinho de sua irmã Edna Carvalho.

Eita irmã!!! Graças a Deus ficando mas velha. Só na idade, por que o sorriso é de criança, corpo de mocinha e Espírito TOTALMENTE JOVIAL; Queria muito ta aí nesse momento pra te dar um abraço beeeemmm apertado e um beijo, mas não posso, apesar de tão perto. Mas quero te dizer irmã que você é uma irmã muito ESPECIAL não só pra mim, mas tenho certeza que pra toda família, não é a toa que você é rodeada de amigos, que se sentem bem com a sua PRESENÇA, E COM ESSE SORRISÃO do tamanho do mundo que você tem estampado em seu rosto. Menina, menina ❤ Saiba que te DESEJO tudo que existe de bom nesse mundo para a sua VIDA, principalmente a PRESENÇA DO NOSSO DEUS, por que sem ele não somos nada. E saiba que você é muito Valiosa para os olhos  de Deus e para todos que tem a sorte de desfrutar da sua PRESENÇA; Te amooo muito irmã, você mora no meu ❤ e não paga Aluguel. PARABÉNS não só pelo o dia de hoje , mas pelo os 365 dias do ano, por que vc é SUPER ESPECIAL.

De sua irmã Edna e família






 

Blog de Assis Ramalho
Informação e fotos: Edna Carvalho 

Petrolândia: Mulher procura por irmão desaparecido há 5 dias

Cícero Donizete da Silva teria sido visto pela última vez na quinta-feira (18) no Mercado Publico de Petrolândia

A família de Cicero Donizete da Silva pede ajuda da comunidade petrolandense. O homem de 35 anos, conhecido como Ciço, está desaparecido desde a última quinta-feira (18). A informação foi passada à Redação do Blog de Assis Ramalho e da Web Rádio Petrolândia [na tarde desta terça-feira (23], por meio da irmã do desaparecido, Maria do Carmo da Silva. Veja abaixo

Boa tarde Assis Ramalho! Estou precisando de sua ajuda, por favor. Meu irmão está desaparecido e queria que por gentileza que você divulgasse em seu blog. O nome dele é Cicero Donizete da Silva tem 35 anos e é conhecido por Ciço ou Galego. O mesmo saiu de casa no Bairro Nova Esperança onde mora com o pai. Saiu na ultima quinta-feira, dia 18/04/2019,  para o Mercado Público de Petrolândia, onde costumava ficar diariamente. Lá ele foi visto pela ultima vez. Se alguém souber o paradeiro dele, ligue para o meu numero (87) 996599624.

Maria do Carmo da Silva
Sou irmã dele e moro na Avenida Auspício Valgueiro Barros, na quadra 11 número 756.
Por favor! me ajude.



Redação do Blog de Assis Ramalho
Informação e fotos: Maria do Carmo da Silva (Carminha)

Ex-jogador do Vasco, Valdiram é enterrado em Canhotinho, PE

Valdiram teria sido morto a pauladas em São Paulo 
Foto: Reprodução/TV Jornal Interior

Na tarde da última segunda-feira (22), Valdiram Caetano de Morais, 36, foi enterrado na cidade de Canhotinho, no Agreste de Pernambuco. O ex-jogador da equipe do Vasco teria sido morto a pauladas na cidade de São Paulo, onde residia. De acordo com familiares, Valdiram morava nas ruas e lutava contra o vício em drogas.

Confira na reportagem do programa "TV Jornal Notícias"


Por NE 10 - TV Jornal

Presidente do TCE-PE, Marcos Loreto lamenta o falecimento do ex-deputado Fernando Coelho ocorrido nesta terça-feira (23)

Ex-deputado federal e ex-presidente da Ordem dos Advogados do Brasil em Pernambuco, Fernando Coelho morreu, aos 86 anos, nesta terça-feira (23), em João Pessoa

O presidente do TCE-PE, conselheiro Marcos Loreto, lamentou nesta terça-feira (23) a morte, ocorrida em João Pessoa (PB), do ex-presidente da OAB-PE e ex-deputado federal Fernando Vasconcelos Coelho, de quem era sobrinho por parte da mãe. Ele disse que o ex-deputado foi um dos homens públicos mais “corretos e éticos” que conheceu ao longo de sua vida, tendo deixado exemplos de correção e respeito à coisa pública em todos os cargos que ocupou, tais como o de procurador da Prefeitura do Recife, presidente do Ipsep, diretor do Banco do Nordeste e chefe da Assessoria Especial do terceiro governo de Miguel Arraes (1995-1998).

“Independente do parentesco que tinha com ele, admirava-o muito para sua cultura e coerência política”, disse o presidente do TCE. Fernando Coelho era paraibano de João Pessoa, mas fez toda sua carreira política e profissional em Pernambuco. Tinha 86 anos de idade e era irmão do ex-prefeito de Olinda, Germano Coelho e do ex-procurador do TCE, Gilvandro Coelho. Ele estava internado num hospital da capital paraibana havia 18 dias após ter sofrido um AVC hemorrágico.

Fernando Coelho teve dois mandatos de deputado federal (1975-1978 e 1979-1982), na Câmara se destacou com um dos parlamentares mais atuantes em defesa da revogação dos atos de exceção, da concessão de uma anistia “ampla, geral e irrestrita” para as vítimas do golpe militar e da convocação de uma Assembleia Nacional Constituinte. Em novembro de 1982 foi candidato a vice-governador na chapa encabeçada pelo então senador Marcos Freire, derrotado pelo candidato governista Roberto Magalhães Melo. No governo Eduardo Campos (2007-2014) coordenou a Comissão Estadual da Verdade, que teve como principal finalidade apurar os casos de violação aos direitos humanos ocorridos em Pernambuco durante a ditadura militar.

O sepultamento está previsto para esta quarta-feira (24), às 8h, no cemitério de São João Batista, na capital paraibana.

Por TCE-PE

Petrolândia: Facetas de porcelana nos dentes ajudam a embelezar o sorriso - Dica da semana do Dr. Jefferson Almeida


Para aquelas pessoas que estão insatisfeitas com seu sorriso, têm dentes manchados, com formato inadequado, cor e tamanho indesejado, e isto está interferindo no seu dia a dia, está te deixando triste, as FACETAS DE PORCELANA podem ser a solução para seus dentes.

Muito utilizado pelos artistas, as facetas de porcelana são peças finas de porcelana usadas para recriar a aparência natural dos dentes, ao mesmo tempo em que fornece força e elasticidade comparável ao esmalte do dente natural, elas são indicadas para quase todas as necessidades de alteração da estética dos dentes.

Além dos benefícios estéticos, as facetas podem ser usadas para fechar espaços ou corrigir pequenos desalinhamentos. Os pacientes também escolhem facetas como uma solução cosmética para realçar o brilho dos dentes e reforçar o sorriso, corrigindo questões como descoloração, fraturas ou lascas.

Petrolândia: Prefeitura divulga edital de inscrições para o Programa Minha Casa, Minha Vida



A Prefeitura Municipal de Petrolândia, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social Cidadania e Juventudes, torna público os procedimentos e regras para a inscrição de candidatos que visem a aquisição de unidades habitacionais do Programa "Minha Casa, Minha Vida" (PMCMV).

 Clique e veja>Edital inscrições Programa "Minha Casa, Minha Vida".

Prefeitura de Petrolândia

Petrolândia: Vereador Delano Santos pede religação de energia elétrica da Quadra de Esportes da Orla


O vereador Delano Santos (PSB) apresentou Indicação à prefeita Janielma Souza para que seja religada a energia da Quadra de Esportes localizada na Orla Fluvial de Petrolândia, próximo à pista de caminhada. Segundo o vereador, a falta de energia tem prejudicado a prática das caminhadas no entorno e outras atividades esportivas realizadas no equipamento público.


Redação do Blog de Assis Ramalho