domingo, 5 de abril de 2020

Petrolândia: Núcleo de Bombeiros procura capas de uso em serviço, desaparecidas de viatura


O Núcleo Avançado de Bombeiros sediado em Petrolândia pede a quem encontrou ou tiver informação da localização de duas capas de aproximação, usadas para no trabalho de combate a incêndios, que desapareceram de uma viatura estacionada na garagem.

Há informações de que o equipamento foi visto na prainha, mas, em buscas pelo local, os bombeiros não localizaram o material.

Pede-se que quem tiver informações ou encontrar o equipamento de proteção individual dos bombeiros, por favor, se dirija ao Núcleo de Bombeiros, localizado na Orla Fluvial.

Redação do Blog de Assis Ramalho

Nota / Interdição da ponte sobre o Rio Ipanema na PE-300, em Águas Belas



O Departamento de Estradas de Rodagem do Estado de Pernambuco (DER) informa que, por medida de segurança, a ponte localizada na rodovia PE-300, sobre o Rio Ipanema, em Águas Belas, no Agreste Meridional, foi interditada na tarde de sábado (4/4).

A rodovia interliga as cidades de Águas Belas a Itaíba e recebe grande circulação de veículos, inclusive de transporte pesado que escoa a produção da bacia leiteira da região, uma das maiores do país.

Na ação, os técnicos sinalizaram a interdição nas extremidades da ponte do Rio Ipanema. Como rota alternativa, para seguir viagem após a interdição do equipamento, quem vai de Águas Belas com destino a Itaíba, precisará percorrer 6,7 quilômetros na BR-423, a partir da entrada da PE-300. Depois disso, é necessário pegar o acesso à direita, dirigir por mais 7 quilômetros para, então, ter acesso à Rodovia PE-300 e continuar o percurso em direção ao seu destino. Quem vem no sentido contrário, deve seguir a mesma rota alternativa sugerida.

Comunicação DER-PE
Via Blog do Didi Galvão

Bíblia fica intacta em incêndio que destruiu casa no Domingo de Ramos em Marília; caso idêntico aconteceu em Petrolândia no final de 2019


Uma casa ficou destruída após pegar fogo na madrugada deste domingo (5), em Marília (SP). Os bombeiros foram até o local para combater o incêndio. A casa estava vazia no momento e ninguém ficou ferido.

Mas um detalhe chamou a atenção dos bombeiros e de vizinhos do imóvel. Apesar da casa ficar destruída durante o incêndio neste Domingo de Ramos, uma gaveta que guardava uma Bíblia ficou intacta.

Caso parecido aconteceu em Petrolândia, no Sertão de Pernambuco, no final de dezembro/2019.

Incêndio em residencia da Quadra 01 de Petrolândia [em dezembro do ano passado] destruiu colchão, fogão, roupas, calçados, entre outros objetos de valor, mas a Bíblia ficou intacta - Fotos: Assis Ramalho/BlogAR

Com exceção da bíblia, tudo foi destruído durante incêndio em residência na Quadra 01 de Petrolândia,

Na noite de 10 de dezembro de 2019, a dona de casa Jaqueline, conhecida popularmente por Kely, perdeu todos os seus pertences em decorrência de um incêndio, ocorrido na sua residência, localizada na rua Santa Luzia, na quadra 01, em Petrolândia-PE.  A casa estava vazia no momento e ninguém ficou ferido.

A exemplo do que aconteceu hoje [Domingo de Ramos] no interior de São Paulo, o ocorrido em Petrolândia também chamou a atenção dos bombeiro e da dona da casa, Kely. Uma Bíblia ficou intacta.

A surpresa aconteceu quando os bombeiros, juntamente com a dona da casa, começaram a revirar o imóvel para ter a certeza de que não havia ficado mais nenhum foco de incêndio, e se depararam com a imagem da bíblia intacta.

''Pedi tudo; cama, colchão, fogão, roupas, calçados, entre outros objetos de valor, mas
ter encontrado intacta justamente a Bíblia, de grande valor afetivo para mim, isso significou um sinal de Deus.'' disse Jaqueline, em entrevista a reportagem do Blog de Assis Ramalho e da Web Rádio Petrolândia

Covid-19 [ boletim deste domingo]: Pernambuco tem mais sete mortes e 25 novos casos; número de óbitos subiu para 21


Pernambuco registrou mais sete mortes de pacientes com o novo coronavírus (Sars-Cov-2). Com isso, subiu para 21 o número de óbitos de pessoas com a doença Covid-19. O estado teve 25 novos casos confirmados, totalizando 201, e dois novos pacientes curados, resultando em 25 recuperações clínicas. Os dados constam no boletim divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) neste domingo (5).
Os 25 novos casos confirmados são de pacientes entre 25 e 93 anos, sendo 15 mulheres e 10 homens. Das sete mortes, quatro são mulheres, de 69, 62, 84 e 55 anos, e três são homens, de 60, 64 e 75 anos. Seis pessoas morreram no Recife, e uma veio a óbito em Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana.

Há três óbitos de pessoas com menos de 60 anos. O primeiro foi de uma mulher de 37 anos, com cardiopatia, que morreu no Recife. A segunda foi de uma mulher de 51 anos, moradora do Cabo de Santo Agostinho, fumante e com problemas respiratórios. Ela morreu em Ipojuca.

A terceira, de 55 anos, que consta no boletim deste domingo, morava em Olinda e morreu no Recife. Ela tinha diabetes, doença renal crônica e pneumonia crônica.

No estado, há 68 pessoas internadas com a Covid-19, sendo 19 em Unidades de Tratamento Intensivo (UTIs) e 49 em leitos de isolamento. Além disso, 87 pessoas estão em isolamento domiciliar


Confira o perfil dos sete novos óbitos


Mulher de 69 anos, do Recife. Morreu no dia 31 de março, em uma unidade privada de Jaboatão.

Homem de 60 anos, de Olinda. Morreu em 29 de março, em uma unidade privada do Recife.

Mulher de 62 anos, do Recife. Tinha diabetes, doença cardiovascular crônica e doença renal crônica. Morreu na sexta (3), em uma policlínica do Recife.

Mulher de 84 anos, do Recife. Tinha doença cardíaca, diabetes e hipertensão. Morreu na sexta (3), numa UPA do Recife.

Mulher de 55 anos, de Olinda. Tinha diabetes, doença renal crônica e pneumonia crônica. Faleceu no sábado (4), no Hospital dos Servidores do Estado, no Recife.

Homem de 64 anos, de Palmares, na Zona da Mata. Ele se tratava de um câncer. Morreu no sábado (4), em um hospital privado no Recife.

Homem de 75 anos, do Recife. Morreu no sábado (4), em um hospital particular no Recife.

Por G1 PE

Petrolândia: CICATRIMED, onde você encontra artigos e acessórios para sua saúde avisa que chegou álcool em gel 70%



CICATRIMED, loja especializada na venda de curativos especiais e artigos e acessórios para saúde, localizada na avenida Sabino Costa, n 54, quadra 07, ao lado da Escola Delmiro Gouveia, avisa que chegou nova remessa de álcool em gel 70%  de  1 litro/880 g e 500 ml.

A CICATRIMED funciona de segunda a sexta-feira das 08h00 às 12h00 e das 14h00 às 18h00


CICATRIMED é a sua loja especializada na venda de curativos especiais e artigos e acessórios para saúde. Lá você encontra os melhores materiais para tratamento de estomas e feridas, além da assistência de profissionais especializados na área; como também artigos, equipamentos e materiais que irão auxiliar na prevenção, restabelecimento e cuidados à saúde, como materiais ortopédicos, cadeiras de rodas, cadeiras de banho, colchões pneumáticos, colchões de água, bengalas, muletas, jalecos, materiais médico-hospitalares e etc.

Sabemos que o processo de cicatrização de feridas nem sempre é tão fácil, principalmente em pacientes com problemas circulatórios, idosos, portadores de doenças crônicas, como diabetes e hipertensão, que as vezes demoram meses ou anos para cicatrizarem uma lesão. No entanto, com a inauguração desse novo empreendimento em nossa cidade, esses pacientes terão a oportunidade de sonharem com um restabelecimento mais eficaz dessas lesões, melhorando assim o conforto e qualidade de vida.

A CICATRIMED está localizada na avenida Sabino Costa, n 54, quadra 07, ao lado da Escola Delmiro Gouveia, e conta com a organização do Enfermeiro Estomoterapeuta Amaral ( profissional especializado no tratamento de feridas).

Em entrevista a Assis Ramalho, o Enfermeiro Amaral detalhou os procedimentos de funcionamentos da Loja de artigos e acessórios para a saúde do povo de Petrolândia e região.

Veja abaixo




Da Redação do Blog de Assis Ramalho

Funcionário da Caixa Econômica Federal de 55 anos é a 8ª vítima fatal de covid-19 na Bahia

O vice-presidente da Associação do Pessoal da Caixa Econômica Federal (Apcef-BA), Luiz Batista Felipe Filho morreu aos 55 anos (Foto: Reprodução/Facebook).

O vice-presidente da Associação do Pessoal da Caixa Econômica Federal (Apcef-BA), Luiz Batista Felipe Filho, morreu, aos 55 anos, neste sábado (4), vítima da covid-19, infecção causada pelo novo coronavírus. O bancário estava internado no Hospital Aeroporto, em Lauro de Freitas, e é o 8º morto pela doença no estado.

De acordo com amigos do bancário que não quiseram se identificar, o filho de Luiz Batista, que tem 34 anos e também é gerente da Caixa, está com covid-19 e está entubado há oito dias e ainda não sabe da morte do pai. Os dois voltaram dos Estados Unidos, onde contraíram a doença, há 15 dias.

Neste domingo (5) pela manhã, o Sindicato dos Bancários da Bahia lamentou a morte de Luiz Batista, que era bancário e trabalhava na Caixa há 31 anos.

"O Sindicato presta condolências aos familiares e amigos neste difícil momento de dor e prematura partida. O bancário deixa uma história de luta em defesa da Caixa e de grandes contribuições para o movimento dos empregados. Com certeza, vai deixar saudades por onde passou", diz a nota de pesar.

No texto, o Sindicato reforça a necessidade dos bancos e do poder público atuarem no sentido de diminuir os riscos de contaminação nas agências: "Os trabalhadores continuam expostos e o SBBA segue cobrando das empresas e dos governos atitude para impedir a ploriferação da doença nas unidades".

Luiz Felipe tomou posse como vice-presidente da Apcef-BA para o triênio 2020/2022 no dia 10 de janeiro deste ano.

9ª vítima
No final da manhã deste domingo (5), a Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) registrou, o nono óbito pelo novo coronavírus (covid-19) no estado. O paciente era um homem de 87 anos, que morreu na última sexta-feira (3) e cujo resultado laboratorial foi divulgado nesta manhã de domingo (5).

Segundo a Sesab, ele tinha Alzheimer e foi internado em estado grave um hospital público na capital baiana em 3 de março, com quadro de insuficiência respiratória. O paciente era residente de Salvador.

Bahia
No último boletim divulgado pela Sesab, na tarde de sábado (4), o estado somou 336 infectados pelo novo vírus na Bahia. Os números atualizados até às 17h, representam 5,17% do total das notificações. Destes, 1.913 casos foram descartados. O último boletim ainda registrava sete óbitos, sendo cinco em Salvador, um em Utinga e outro em Itapetinga.

Os dados contabilizam todos os registros desde o mês de janeiro. Ao todo, 63 pessoas estão recuperadas da doença e 33 encontram-se internadas, sendo 18 em UTI. Dentre os casos confirmados, 50,89% dos pacientes são do sexo masculino.

Mortes por coronavírus na Bahia
29/3 - Homem de 74 anos (Hospital da Bahia, em Salvador)
30/3 - Homem de 64 anos (Hospital Aliança, em Salvador)
1/4 - Mulher de 28 anos (UPA, em Itapetinga)
2/4- Homem de 88 anos (Hospital da Bahia, em Salvador)
3/4 - Homem de 79 anos (Cardiopulmonar, em Salvador)
3/4 - Mulher de 41 anos (Couto Maia, em Salvador)
3/4- Homem de 80 anos (Utinga)
4/4 - Ex-gerente da Caixa Econômica, 55 anos (Hospital Aeroporto, em Lauro de Freitas)
5/4 - Idoso de 87 anos (Salvador)

Novos casos
Ainda não foi inserido nas estatísticas oficiais os primeiros casos de contaminação pelo novo coronavírus nos municípios de Cachoeira e Jacobina. Por meio de suas redes sociais, A Secretaria de Saúde de Cachoeira divulgou a confirmação por volta das 17h deste sábado. O paciente já está sob cuidados hospitalares e recebe assistência da administração municipal e da Secretaria de Saúde da Bahia, conforme o protocolo do Ministério da Saúde.

No caso de Jacobina, a paciente é uma mulher entre 20 a 40 anos de idade, que teria chegado ao município, segundo informativo da prefeitura do município. A paciente está respondendo bem ao tratamento e encontra-se em quarentena de 14 dias em sua residência.

Em Alagoinhas, mais uma vítima atestou positivo para a Covid-19, somando quatro ocorrências na cidade. A informação foi divulgada pelo Núcleo de Saúde da Macrorregião Nordeste, antiga DIRES. A paciente é do sexo feminino, tem 36 anos e está em isolamento domiciliar. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde de Alagoinhas, seu quadro clínico é estável.

Cura
O mais recente caso de recuperação de um paciente com a Covid-19, divulgado pelo Hospital da Bahia também neste sábado, é mais um dado que deverá entrar no próximo balanço da Sesab. Neste sábado (04), a unidade deu alta a uma mulher de 57 anos que estava internada desde o dia 17 de março, após contrair o novo vírus. De acordo com o comunicado, ela era esposa do primeiro paciente que obteve alta no dia 26 de março, que também atestou positivo para a doença.

Mais dados
A capital baiana concentraa 72,24% dos casos de coronavírus no estado, com 215 ocorrências. Em seguida vem Feira de Santana, com 21 ocorrências, e Lauro de Freitas, com 11 registros. Porto Seguro e Ilhéus estão empatadas com 10 casos confirmados no período.

A média de idade dos pacientes é de 46,25 anos, variando de 6 meses a 95 anos. A faixa etária mais acometida é a de 30 a 39 anos, representando 25,30% do total. Porém, o coeficiente de incidência por 100.000 habitantes foi maior na faixa de 50 a 59 anos (4,18/100.000 hab), indicando o maior risco de adoecer entre os idosos, como aponta análise feita pela Sesab.

Por Correio da Bahia

Chesf eleva vazão da Usina de Xingó que passará de 1.100 metros cúbicos por segundo para 1300m³/s


A Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf) informa que, a pedido da Secretaria Estadual do Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade de Sergipe, a vazão da Usina Hidrelétrica de Xingó passará de 1.100 metros cúbicos por segundo para 1.300 metros cúbicos por segundo.

Essa medida, segundo a Secretaria, é importante para melhorar a qualidade da água do rio e possibilitar a normalização do abastecimento de água potável para consumo humano, tendo em vista que as chuvas na região e, principalmente, a cheia do Rio Ipanema, causaram alto teor de turbidez (sedimentos argilosos) da água no Baixo São Francisco, prejudicando algumas captações de água.

A vazão de 1.300 metros cúbicos por segundo começa a ser praticada hoje, dia 05/04, e permanecerá até novo comunicado.

A Chesf já informou a todas as entidades cadastradas, como prefeituras e defesas civis do Estado e municípios da Região.

A depender das condições de necessidade energética, a vazão de Xingó pode ser ampliada dos 1.300 metros cúbicos por segundo. Dessa forma, é fundamental deixar livre o espaço por onde o rio passa historicamente (calha do rio)

Por Companhia Hidro Elétrica do São Francisco (Chesf)

Paulo Afonso(BA): Morre a terceira vítima do acidente entre duas motos na BA-210; todos moravam no BTN

Leonardo, 22 anos; Fernanda, 19 anos e Eudes de 21. Foto: Reprodução: Facebook
BA-210, local do acidente fatal. Foto: Leitor PA4
Motos envolvidas no acidente foram levadas para o pátio da Delegacia de Polícia Civil de Paulo Afonso. Foto: Leitor PA4

Jorge Eudes Soares Souza, 21 anos, residente na Avenida Panorama, BTN 2, Paulo Afonso-BA. Fernanda Carolina Ferreira Lima, 19 anos, moradora da Rua Chico Mendes, BTN 2, Paulo Afonso-BA. Eram namorados e morreram por volta das 22:40 deste sábado, 4 de abril, vítimas de colisão entre duas motos na BA-210.

Eudes pilotava sua moto Honda CB1000R, na garupa estava Fernanda, sua namorada, quando houve a colisão com uma Shineray conduzida por Leonardo do Nascimento Silva, 22 anos, residente a Rua Itapagipe, Benone Resende, também no BTN, em Paulo Afonso-BA.

Eudes e Fernanda morreram no local. Leonardo foi socorrido ao Hospital Nair Alves de Souza pelo SAMU em estado gravíssimo. Durante a madrugada ele foi removido em uma ambulância UTI Móvel para uma unidade hospitalar em Arapiraca, Alagoas, mas não resistiu e morreu no início da tarde deste domingo (5). Leonardo era funcionário do Atacadista Assaí e voltava do trabalho para sua casa. A polícia ainda não divulgou as circunstâncias do acidente.

Familiares e amigos manifestaram condolências ao casal Eudes e Fernanda, e a Leonardo, por meio de redes sociais na web: “Não tenho mais palavras para falar sobre você irmão, cara humilde, brincalhão, guerreiro, ainda não caiu a ficha que tudo isso aconteceu…não sei onde mais encontrar lágrimas de tanta dor, descansa em paz irmão, que Deus te coloque em um bom lugar, você vai fazer falta nos rolês, más nunca será esquecido por nós aqui na terra.. Deus proteja sua família.”, disse Iago Miranda.

Tiago Cruz homenageou o colega Leonardo: “Sem palavras pra escrever em um momento tão triste como esse! Leonardo Nascimento que Deus te receba de braços abertos. Pessoa de fé, amigo e com muitos sonhos pela frente. Não esqueci das suas palavras na minha despedida e não tive tempo de te ver nas minhas idas a Paulo Afonso. Mas fica na memória as nossas risadas e aprendizados. #luto #leo.”

Eudes, 21 anos. Reprodução: Facebook

Leonardo, 22 anos. Reprodução: Facebook

Fernanda, 19 anos. Reprodução: Facebook

Fernanda, 19 anos. Reprodução: Facebook

Eudes e Fernanda. Reprodução: Facebook

Por Portal PA4.COM.BR

Petrolândia: Confira as 15 notícias mais lidas da semana do Blog de Assis Ramalho


Neste domingo 05 de abril de 2020, o Blog de Assis Ramalho agradece aos milhares de acessos da semana, e publica a relação das 15 notícias mais acessadas no período de 29/03 a 04/04/2020.

veja abaixo

Maioria é contra renúncia de Bolsonaro, diz Datafolha


Em meio à crise do coronavírus, 59% dos brasileiros apoiam permanência do presidente no comando do país, enquanto 37% defendem que ele deixe o cargo. Rejeição à renúncia é maior entre ricos, empresários e evangélicos.Apesar de apenas 33% considerarem a gestão da crise do coronavírus por Jair Bolsonaro como boa ou ótima, 59% dos brasileiros são contra a renúncia do presidente, apontam dados de uma pesquisa do instituto Datafolha divulgados neste domingo (05/04). Ao mesmo tempo, mais de um terço (37%) dos entrevistados defendem que Bolsonaro renuncie.

Entre os mais ricos, 59% são contra a renúncia. Ao mesmo tempo, 39% dos que têm renda mensal acima de dez salários mínimos defendem que o presidente deixe o cargo, assim como 44% dos jovens e 40% dos que têm formação até o ensino fundamental. Enquanto 74% dos empresários consideram que o presidente não deveria renunciar, 52% dos estudantes são a favor da ideia.

Entre as regiões, as Norte e Centro-Oeste são onde o presidente conta com maior apoio, com 66% contra a sua renúncia, e 30% a favor. O Nordeste, por sua vez, é onde mais se verificou apoio à renúncia (47%), ante 49% contrários à ideia. No Sul, onde Bolsonaro recebeu forte apoio nas eleições, apenas 28% defendem a renúncia. No Sudeste, são 37%.

Segundo o Datafolha, 44% dos brasileiros acreditam que o presidente não tem mais condições de liderar o país, mas 52% ainda endossam a capacidade do presidente de seguir na função. O apoio é maior entre moradores da região Sul (62%) e empresários (65%). Os que mais enxergam uma perda de capacidade de governar são estudantes (57%), enquanto 59% dos mais velhos avaliam o presidente de maneira positiva.

Entre os evangélicos, tradicionais apoiadores de Bolsonaro, 64% são contrários à renúncia, e 60% acreditam que o presidente tem condições de seguir liderando o país.

Em meio à pandemia de coronavírus, políticos da oposição lançaram um manifesto na última segunda-feira para pedir a renúncia de Bolsonaro, acusando-o de ser um líder "irresponsável" e de "cometer crimes, fraudar informações, mentir e incentivar o caos".

Bolsonaro vem defendendo uma forma de quarentena parcial, isolando apenas idosos e doentes crônicos. O presidente também minimizou repetidas vezes a pandemia, classificando a covid-19 como uma "gripezinha", inclusive num pronunciamento polêmico que gerou ondas de condenação. O presidente vem sendo alvo de panelaços pelo país.

Na semana passada, redes do Planalto chegaram a publicar uma propagando com o slogan "O Brasil não pode parar", alinhado com as ideias do presidente sobre a pandemia. No entanto, a campanha foi barrada por ordem da Justiça. O governo apagou as publicações e depois declarou que a campanha "nunca existiu", apesar de o material ter ficado disponível por três dias.

No último domingo, Bolsonaro passeou por estabelecimentos comerciais na região de Brasília, provocando aglomerações e desafiando as restrições impostas pelo governo do Distrito Federal para conter a circulação de pessoas. O presidente ainda publicou vídeos das visitas em suas redes sociais, que acabaram sendo deletado pelo próprio Twitter, numa rara ação contra um chefe de Estado, por violar as regras da plataforma.

Dados da pesquisa do Datafolha divulgados na última sexta-feira apontaram que Bolsonaro tem uma avaliação pior que governadores e prefeitos quanto à gestão da crise do coronavírus, enquanto a aprovação do Ministério da Saúde é mais que o dobro da do chefe de Estado.

Em comparação com o levantamento anterior do instituto, divulgado em 23 de março, a reprovação de Bolsonaro subiu de 33% para 39%. A porcentagem dos que consideram o desempenho do presidente como regular variou de 26% para 25%, e a dos que o avaliam como ótimo ou bom caiu de 35% para 33%.

Enquanto isso, a aprovação do Ministério da Saúde, comandado pelo ministro Luiz Henrique Mandetta, disparou para 76%, ante os 55% da pesquisa anterior. A reprovação caiu de 12% para 5%, e a avaliação regular foi de 31% para 18%.

Em relação aos governadores, uma média de 58% dos entrevistados considera a gestão do chefe do Executivo de seu estado como ótima ou boa; 23%, regular; e 16%, ruim ou péssima. Na pesquisa divulgada em março, essas avaliações eram de 54%, 28% e 16%, respectivamente.

O instituto Datafolha ouviu 1.511 pessoas, por telefone, entre os dias 1º e 3 de abril. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos.

LPF/ots

Maioria acha que Bolsonaro mais atrapalha do que ajuda na crise causada pela pandemia, diz Datafolha


Pesquisa Datafolha divulgada nesta sexta-feira mostra que, para mais da metade dos entrevistados (51%), o presidente Jair Bolsonaro mais atrapalha do que ajuda no combate ao coronavírus, enquanto para 40% ele mais ajuda do que atrapalha. O levantamento também indica que a aprovação do Ministério da Saúde é hoje o dobro da avaliação do presidente.

Segundo o instituto, a pasta é aprovada por 76% da população, enquanto o presidente recebeu aprovação de 33%. O levantament aponta que governadores e prefeitos também têm taxas de aprovação que superam o presidente. O Datafolha ouviu 1.511 pessoas por telefone entre os dias 1 e 3 de abril.

A aprovação do Ministério da Saúde cresceu 21 pontos, na comparação com pesquisa realizada há duas semanas.

Já a aprovação do presidente Bolsonaro oscilou dentro da margem de erro: de 35% para 33%. A avaliação é estável também entre os que consideram o presidente regular: de 26% para 25%. Bolsonaro também viu sua reprovação subir de 33% para 39%.

O Datafolha ainda incluiu na pesquisa uma avaliação do Ministério da Economia. Sobre as medidas da equipe de Paulo Guedes para minimizar os impactos da Covid-19 sobre a economia, a maioria dos entrevistados considera o trabalho da pasta bom e ótimo (37%) ou regular (38%). Para 20%, a gestão da economia é ruim ou péssima. A maior aprovação vem de empresários (43%). O pior desempenho, de funcionários públicos (27%).

Por Extra

Mortes por Covid na Espanha caem pelo 3º dia, veja últimas notícias neste domingo 5 de abril


O número de mortes por coronavírus na Espanha caiu neste domingo (5) pelo terceiro dia seguido, com 674 vítimas em 24 horas, elevando o saldo total para 12.418 pessoas, segundo dados do Ministério da Saúde. Apesar da alta, foi o menor número de mortos nos últimos 10 dias. O país é o segundo com mais vítimas, atrás apenas da Itália.

No Reino Unido, a rainha Elizabeth II gravou uma mensagem dirigida à nação que será transmitida na noite deste domingo (5) na qual pede aos britânicos que superem o tempo de "dor" e "enormes mudanças" que a nova pandemia de coronavírus trouxe.

Em um fragmento de seu discurso adiantado pelo Palácio de Buckingham, a soberana britânica de 93 anos admite que a doença está causando sofrimento entre os cidadãos pela perda de vidas, bem como "dificuldades financeiras para muitas e enormes mudanças diárias na vida de todos".

O Reino Unido tem, até o momento, 4,3 mil mortos e quase 42 mil infectados pelo coronavírus.

Nos Estados Unidos, o número de vítimas neste sábado chegou a 8.500, segundo os dados da Universidade Johns Hopkins. A instituição informou ainda que em todo o país são mais de 312 mil infecções por coronavírus. No sábado, foram 1.344 novas mortes, maior número em um dia.

O presidente Trump disse que as próximas semanas serão muito difíceis e que haverá mortes no país. Ele afirmou ainda que precisa de máscaras de proteção contra o coronavírus e, ainda, que não quer "outros conseguindo" os equipamentos. Países da Europa acusam os EUA de 'desviar' os equipamentos.

Casos no Brasil e no mundo

No Brasil, as secretarias estaduais de Saúde divulgaram, até as 20h30 deste sábado (4), 10.361 casos confirmados do novo coronavírus (Sars-Cov-2) no Brasil, com 445 mortes pela Covid-19. Apenas dois estados ainda não registraram mortes: Acre e Tocantins.
Na Alemanha, o número de mortes por coronavírus aumentou para 1.342, informou a agência de controle e doenças do país, o Instituto Robert Koch. Foram 184 vítimas a mais no sábado. Agora, a Alemanha possui 91.714 casos de coronavírus, um aumento de 5.936 em 24 horas.

A Grécia colocou em quarentena uma segunda instalação de migrantes depois que um homem de 53 anos deu positivo para o novo coronavírus, informou o Ministério da Migração neste domingo. O homem afegão vive com sua família no campo de Malakasa junto com centenas de requerentes de asilo. Ele foi transferido para um hospital em Atenas.

Ásia

A Índia confirmou 3.374 novos casos de coronavírus no país neste domingo (5). Um total de 302 casos e duas mortes foram relatadas desde sábado à noite. 77 pacientes morreram, enquanto 267 receberam alta, informou o ministério. O país está em isolamento total desde o último dia 24 de março. O bloqueio vai durar 21 dias.

No Japão, as autoridades confirmaram 336 novos casos de coronavírus - 130 apenas em Tóquio - informou o Ministério da Saúde do país neste domingo (5). Uma morte adicional foi confirmada, elevando o número de vítimas para 88. Quase 4.000 casos já foram identificados no país, 712 relacionados ao navio de cruzeiro Diamond Princess, sendo 11 mortes.

As autoridades japonesas informaram ainda que planejam aumentar sua produção do Avigan, um medicamento em teste para tratar a Covid-19. Essa medida será financiada pelo novo plano de estímulo econômico preparado pelo executivo japonês, cuja aprovação no parlamento japonês está prevista para a próxima semana, segundo o jornal japonês Nikkei

Na Coreia do Sul, foram registrados 81 novos casos de coronavírus no sábado (4), elevando o total nacional para 10.237. Um total de 6.463 pessoas se recuperaram e receberam alta. Mais seis pessoas morreram por causa da doença, elevando o número de vítimas para 183, anunciaram as autoridades neste domingo (5).

A China continental registrou 30 novos casos de coronavírus no sábado, acima dos 19 do dia anterior, com o aumento do número de casos envolvendo viajantes estrangeiros e de transmissões locais. A Comissão Nacional de Saúde disse em comunicado neste domingo (5) que 25 dos casos relatados no sábado envolveram aqueles que entraram no país do exterior, em comparação com 18 casos relatados no dia anterior.

'Guerra' de máscaras

Nos Estados Unidos, o número de vítimas neste sábado chegou a 8.500, segundo os dados da Universidade Johns Hopkins. A instituição informou ainda que em todo o país são mais de 312 mil infecções por coronavírus. No sábado, foram 1.344 novas mortes, maior número em um dia.

O presidente Trump disse que as próximas semanas serão muito difíceis e que haverá mortes no país. Ele afirmou ainda que precisa de máscaras de proteção contra o coronavírus e, ainda, que não quer "outros conseguindo" os equipamentos. Países da Europa acusam os EUA de 'desviar' os equipamentos.

Por G1

Jovem de 28 anos morta na Bahia por Covid-19 deixa filha recém-nascida

Rafaela e o marido Erisvaldo à espera do primeiro filho do casal na Bahia — Foto: Tiago Bottino/Itapetinga Agora

"A filha era o sonho dela. Ela também queria muito crescer comigo na empresa", conta Erisvaldo Lopes dos Santos, de 47 anos, companheiro de Rafaela de Jesus Silva, de 28 anos, há sete anos. A mulher foi a sétima paciente e a mais jovem que morreu infectada com coronavírus na Bahia.

Rafaela era professora, estudante de pedagogia e, além do marido, deixou uma filha recém-nascida. Ela morreu na última quarta-feira (1º), em Itapetinga e foi enterrada na quinta-feira (2), no mesmo município.

O marido dela conta que a esposa era batalhadora e que não desistia facilmente dos sonhos. Rafaela não podia engravidar, mas a impossibilidade não a fez desistir de ser mãe, ela recorreu a uma fertilização em 2019 e ficou grávida do primeiro filho.

Com o nascimento da pequena Alice, no dia 25 de março deste ano, ela imaginou que o destino seria ver a filha crescer, assim como a expansão da carreira de professora e dos negócios que tinha com o marido.

"Quando ela descobriu que não podia engravidar, fomos para outro método. Na fertilização, de primeira, ela ficou grávida. Era o sonho dela", contou Erisvaldo.

Ainda de acordo com ele, Rafaela estava no último ano do curso de pedagogia, ela era professora e passava a semana na cidade de Itaju do Colônia. Aos finais de semana, ela percorria quase 280 km até o distrito de Trancoso, em Porto Seguro, ao encontro do marido para ajudá-lo na empresa de turismo que Erisvaldo possui.

"A gente ainda não morava a maior parte do tempo aqui em Trancoso, ela se planeja para vir para cá. Ela ensinava lá [Itaju do Colônia] nos dias de semana e nos finais de semana vinha para cá [Trancoso]. Eu também ia para lá. Muito batalhadora, mulher forte. Era uma secretária, organizava tudo e de longe me ajudava também, resolvia muita coisa por telefone", relembra.

Sem a esposa, Erisvaldo agora planeja a educação da filha e manter os planos que eram do casal. Por enquanto, ele conta com apoio da filha de 28 anos, fruto de outro casamento, apara ajudá-lo no cuidado com a recém-nascida.

"Ficou um pouco difícil, mas tenho que seguir pela minha princesinha. Assim que essa epidemia acabar vou ter que levantar a cabeça e pensar no futuro. Temos uma pousada arrendada, onde eu moro e está fechada. A gente ia construir. Nós já temos uma casa, só faltava o acabamento e a gente estava começando a fazer a piscina. Ia ser uma casa para alugar no verão", releva.

Sobre como Rafaela foi infectada, Erisvaldo não tem informações, nem as Secretarias de Saúde de Itapetinga, nem da Bahia. Entretanto, Erisvaldo tem uma suspeita e opinou.

"Fizemos o transporte de um casamento aqui em Trancoso, no dia 14 de março. Ela [Rafaela], não estava, mas depois do casamento ela teve contato comigo e com todos os motoristas que fizeram o trabalho e também dirigiu meu carro, o que usei para transportar os convidados. Nesse casamento em Trancoso, tinham convidados que eram amigos em comum do outro casamento [o da irmã de Gabriela Pugliesi, em Itacaré, também no sul da Bahia]. Não sei se foi isso, mas ninguém sabe ao certo e quero ter certeza das autoridades que minha esposa morreu de coronavírus", ressaltou

Assim como ainda é forte na memória de Erisvaldo a personalidade, o carinho e a persistência da esposa, ele também relembra como a mulher começou a passar mal antes de ser internada e morrer.

Eles estavam em Itapetinga, já que era desejo de Rafaela que o parto ocorresse no local, pois tinha preferência por um obstetra que havia realizado o parto de uma prima dela. Cerca de seis dias após o parto, ela começou a sentir falta de ar.

"Ficamos em quarentena em Itapetinga, pois estávamos chegando de Trancoso. Depois, saímos no dia do parto, no dia 25, umas 8h. Ela passou por cesária e no dia seguinte estávamos em casa. Alguns dias depois ela começou a falar que estava com problema para respirar. Ela tinha bronquite, já tinha feito tratamento e resolveu problema. No dia 31 ela pediu para ir na UPA', disse Erisvaldo.

Erisvaldo disse que levou Rafaela na UPA, como solicitado pela esposa, junto com uma prima dela. No local, de imediato ela já foi isolada e depois disso ele não viu mais a esposa. Disse ainda que a mulher chegou na unidade de saúde febril, com 37ºC.

"Na UPA, deixei ela na recepção e voltei para fechar o carro. Quando estava voltando só ouvi uma enfermeira gritando: 'É suspeita de coronavírus. Isola ela'. De imediato ela tomou um susto, ficou internada, ainda ligou para mim do telefone da prima, depois entubaram ela e me disseram que iria vir uma ambulância de Vitória da Conquista [a 100 km de Itapetinga] para pegar ela, mas ela não resistiu", relembrou.

Por Maiana Belo, G1 BA

Petrolândia [Coronavírus]: Missa de Domingo de Ramos será feita on-line às 8h:30 da manhã de hoje


Celebração do Domingo de Ramos de 2019 em Petrolândia - Foto/arquivo: Assis Ramalho/BlogAR

O Domingo de Ramos é uma das datas mais importantes para a Igreja Católica, e marca o início da Semana Santa. Todos os anos, e há muitos anos, fiéis com ramos de plantas nas mãos enchem as ruas em procissões e vão à sua paróquia para celebrar a fé.

Este domingo (5) será o Domingo de Ramos de 2020. Apesar da pandemia da Covid-19, a celebração em Petrolândia, no Sertão de Itaparica, não deixará de acontecer, ela só será um pouquinho diferente. Seguindo a orientação de Decreto do Vaticano, a orientação  é que as missas aconteçam com as igrejas fechadas, e que os devotos acompanhem de casa pela TV, pela rádio ou – aí está a novidade – pelas redes sociais.

A orientação da Conferência Nacional de Bispos do Brasil (CNBB) para este Domingo de Ramos é que os padres incentivem os fieis a colocarem os tradicionais ramos nas portas, portões ou janelas de casa – onde for mais visível – e acompanhem as celebrações pelo meio de comunicação mais acessível.

Neste sábado, 04 de abril de 2020,  o pároco de Petrolândia [Padre Luiz Augusto], divulgou programação da Semana Santa 2020 da Paróquia de São Francisco, e a Missa de Domingo de Ramos será feita on-line às 8h:30 da manhã.

Veja abaixo programação completa da Semana Santa/2020 em Petrolândia

Paulo Afonso (BA): Colisão entre duas motos mata casal de namorados e deixa um ferido na BA-210


Uma colisão entre duas motocicletas, uma Honda CB 1000 e a outra 50cc, deixou dois mortos e um ferido na noite deste sábado (04), na BA-210 em Paulo Afonso (BA). Segundo testemunhas, uma moto colidiu na traseira da outra e duas vítimas foram arremessadas para a margem da rodovia, a terceira caiu no meio da pista.

Segundo as primeiras informações, o condutor e a passageira da Honda morreram no local, eles eram um jovem casal de namorados: Eudes Soares, 21 anos e Fernanda Lima.

O condutor da moto de 50cc ficou gravemente ferido e foi socorrido pelo SAMU para o Hospital Nair Alves de Souza. O estado de saúde dele não foi divulgado. O rapaz ferido estava com a farda do Assai Atacadista.

Os motivos do acidente ainda não foram revelados. Os corpos continuam no local. Técnicos do Instituto Médico Legal (IML) já foram acionados para a remoção. Política Militar está no local controlando o trânsito.

Nas redes sociais, amigos lamentaram a morte do casal: “Que Deus os receba de braços abertos Eudes e Fernanda ainda sem acreditar nessa tragédia que tirou a vida de vcs um jovem casal que tinham a vida toda pela frente que Deus conforte o coração de todos os familiares e amigos.”, escreveu Joelma Souza em sua página no facebook.

Por PortalPA4.COM.BR

Petrolândia: Clínica Mais Saúde informa atendimento da semana, de 06 a 09 de abril; Confira e marque sua consulta


A Clínica Mais Saúde, localizada na Av Auspício Valgueiro de Barros, em frente a Escola Delmiro Gouveia, informa atendimento desta semana, de segunda a sexta-feira [de 06 a 09/04]; confira acima!

Obs: Esse semana não haverá exames laboratoriais


Adquira já o seu cartão de desconto SYSTEM SAÚDE e ganhe excelentes descontos!
SAIBA SOBRE O SYSTEM SAÚDE

Veja abaixo: Profissionais, Farmácias e Empresas que são credenciados e as vantagens do convênio System Saúde; adquira já o seu!


Redação do Blog de Assis Ramalho
Informação: Clinica Mais Saúde