sábado, 24 de maio de 2014

Exposição apresenta modos de fazer e relações do brasileiro com bens imateriais


Apresentar a história por trás de um bem cultural, seus usos, o modo de fazer e a importância para um determinado grupo é o objetivo da exposição Patrimônio Imaterial Brasileiro – A Celebração Viva da Cultura dos Povos. A mostra está aberta ao público até 20 de julho, na Caixa Cultural, no centro do Rio de Janeiro e exibe todos os 30 bens registrados pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), incluindo o mais novo: a cajuína, do Piauí.

O curador da mostra, Luciano Figueiredo, conta que correu para incluir a cajuína. Em um dos três blocos da mostra, as garrafinhas da bebida amarela de caju aparecem acompanhadas de explicações sobre o modo de preparo artesanal e a relevância cultural daquelas famílias que ofertam a bebida como símbolo de hospitalidade e em comemorações. O Iphan registrou a cajuína neste mês de maio, a pedido da Cooperativa de Produtores de Cajuína do Piauí.

Quem for a exposição da Caixa também poderá conhecer o Fandango Caiçara, uma expressão musical de comunidades litorâneas que vão de São Paulo ao Paraná. Lá, estão instrumentos como o banjo, o violão e a viola artesanais, além de um vídeo com depoimentos de praticantes, sobre a relação com a religiosidade, o trabalho, a dança e o entretenimento. O estudante Leonardo Cristiano de Oliveira, que adora música e esteve na mostra, se disse emocionado com o fandango. “Chama atenção pelo fato artesanal de preparo dos instrumentos. Vivemos em um mundo em que as coisas são feitas de forma rápida, por máquinas e essa aqui é diferente”, disse.

Câmara: "Armando não representa Eduardo"

Foto: Rodrigo Lobo
De acordo com socialista, senador "sequer tem experiência de gestão"

Em entrevista coletiva a rádios e blogs de Serra Talhada e região, neste sábado (24), o pré-candidato da Frente Popular de Pernambuco ao Governo do Estado, Paulo Câmara (PSB), rechaçou a tentativa feita pelo PTB, em suas inserções de TV, de associar o seu pré-candidato a uma suposta continuidade do Governo Eduardo Campos (PSB). "Armando não representa Eduardo. Ele sequer tem experiência de gestão. Nunca administrou nada público. Para governar Pernambuco, tem que saber gerir. Eu conheço. Sou servidor público há 22 anos e, nos últimos sete, ocupei três secretarias de Estado: a de Administração, do Turismo e da Fazenda", disparou o socialista.

Além da experiência, argumentou Câmara, é necessário ter uma equipe eficiente para governar. "O mesmo time que ajudou Eduardo a fazer uma revolução em Pernambuco, do qual eu fiz parte nesses sete anos, estará ao meu lado para dar continuidade a este projeto. E, como vamos encontrar uma máquina azeitada, vamos poder fazer ainda mais e mais rápido", garantiu o socialista.

Ministério do Esporte cancela bolsa de 36 atletas


O Ministério do Esporte cancelou a concessão da Bolsa-Atleta a 34 lutadores de taekwondo e dois atletas de badminton. O cancelamento foi publicado no Diário Oficial da última quinta-feira, que justificou o motivo: os atletas “deixaram de satisfazer os requisitos necessários para a concessão”. A Portaria não especificou, no entanto, quais requisitos cada atleta deixou de cumprir. Procurada, a assessoria do Ministério do Esporte não foi encontrada para comentar o caso.

No regulamento do programa, consta que os atletas podem ter o benefício cancelado caso deixem, sem justa causa, de treinar ou faltem às competições de que devam participar; sejam condenados por dopping ou se comprovada a utilização de documentos ou declaração falsos para obter o benefício. O cancelamento também está previsto caso deixem de cumprir requisitos exigidos para sua concessão, como conquistar, no mínimo, o 3º lugar no ranking nacional – no caso de bolsa na categoria nacional, bem como apresentar declaração de patrocínio.

Agência Brasil

Armando e João recebem propostas de 3 mil pessoas do Agreste

Foto: Leo Caldas/Divulgação
Com Armando e João: índios Fulniô fizeram apresentação no final da plenária

Cerca de três mil pessoas de todo o Agreste Meridional reuniram-se no Tavares Correia, em Garanhuns, na noite desta sexta-feira (23), para discutir temas como a integração entre as redes estadual e municipais de ensino, a oferta de exames clínicos e a assistência técnica à agricultura familiar. Durante mais de quatro horas, participaram dos debates do Pernambuco 14, projeto que objetiva colher propostas, ideias e sugestões das comunidades de todas as regiões pernambucanas para formar o programa de governo da chapa liderada por Armando Monteiro (PTB) e João Paulo (PT), pré-candidatos a governador e a senador nas eleições deste ano.

A economista e socióloga Maria Vicência Tenório foi uma das participantes das reuniões temáticas do Pernambuco 14. Ela apresentou contribuições voltadas à agricultura familiar e à pecuária, que, em sua opinião, estão abandonadas por falta de assistência técnica e extensão rural. “O IPA não chega nem com extensão, nem com assistência que eles merecem. Não adianta recursos e tecnologia, se faltam técnicos e análise de solo. Não adianta contratar técnicos para prestar serviços direcionados, se o pequeno produtor rural fica esquecido”, lamentou.

“Vamos valorizar as micro e pequenas empresas”, garante Armando

Foto: Leo Caldas/Divulgação

Garanhuns – Acompanhado do deputado João Paulo (PT), pré-candidato a senador, em mais uma reunião ampla com representantes de micro e pequenas empresas, o senador Armando Monteiro (PTB) assegurou que o setor será fortalecido em sua administração à frente do governo de Pernambuco nos próximos anos. Armando tem uma trajetória longa de defesa dos pequenos empreendedores no Brasil.

“É importante e vamos continuar incentivando os grandes empreendimentos que estão chegando ao Estado, mas não podemos esquecer os pequenos”, afirmou, durante palestra para uma plateia de quase 150 microempresários do Agreste, reunidos na Câmara de Dirigentes Lojistas de Garanhuns, na noite desta sexta-feira (23).

Responsável por liderar um movimento nacional que permitiu a aprovação do SIMPLES, o sistema simplificado de tributação das micro e pequenas empresas, Armando diz que o desenvolvimento de um Estado só acontece de maneira equilibrada quando há grande número de negócios de pequeno porte, que são responsáveis pela geração de mais de 70% dos empregos no país. “Há maior distribuição de renda e o consumidor sai ganhando. A economia se deforma quando existem os monopólios e oligopólios”, ressaltou.

3º BPM evita homicídio em Buíque


Durante a operação Risco Zero no município de Buíque-PE, na tarde desta sexta-feira, dia 23 de maio de 2014, Policiais Militares do 3ºBPM, componentes das guarnições do CECOP e Operação Polígono 3ºB, suspeitaram de duas pessoas em uma motocicleta Honda XRE-300, de placa OYV-9214, e ao abordá-los foi verificado com L.C., 20 anos, desocupado, 02 (dois) papelotes de maconha escondido em um dos bolsos da calça. Com o passageiro da motocicleta, o menor B. S. N., 16 anos, desocupado, ex-interno da FUNASE, ambos residentes em Arcoverde-PE, foi encontrado em sua cintura o revolver calibre 38mm, marca Taurus, municiado com 05 (cinco) cartuchos intactos.

Em conversa com os policiais militares que executaram a abordagem, ambos se negaram a indicar o nome da suposta vítima de homicídio, mas, em outras palavras, confirmaram que a intenção era essa. Imediatamente os envolvidos foram conduzidos à Delegacia de Polícia Civil, onde foram autuados pelo crime de porte ilegal de arma de fogo.

Já no início da manhã, na BR-232, Km 268, em Arcoverde-PE, Policiais Militares da guarnição Operação Polígono 3ºA, utilizando-se da ferramenta SINESP/Cidadão, aplicativo disponível pela SENASP na internet e para smartfones, conseguiram recuperar o veículo Mercedes Benz de cor branca, placas OGF-9029/PB, o qual havia sido tomado de assalto naquela madrugada, no município de Taquaritinga do Norte-PE. O veículo pertence à empresa paraibana Andréia Calçados, o qual foi encaminhado à Delegacia local.

Alex Bezerra/3ºBPM-Arcoverde

Paulo assume compromisso de incluir carne na merenda escolar três vezes por semana

Demanda dos produtores de caprinos e ovinos do Sertão Central integrará programa de governo do socialista (Foto: Aluísio Moreira)

Na manhã desta sexta-feira (23), o pré-candidato da Frente Popular de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB), se reuniu com produtores de caprinos e ovinos do município de Parnamirim, para conhecer as demandas e sugestões do setor. Ele ressaltou o papel das ações do Governo Estadual que fortaleceram a atividade nos últimos sete anos e defendeu a sua ampliação. "São boas ideias que melhoram a qualidade de vida de toda a região. Como a inclusão da carne produzida aqui na merenda das escolas da rede estadual", ressaltou.

O socialista ouviu dos produtores o pedido para aumentar essa frequência para três dias por semana - hoje, a carne é fornecida duas vezes. Câmara avaliou a proposta como plenamente viável e afirmou que vai incluí-la em seu Plano de Governo.

Outro pedido feito pelos produtores foi a construção de uma escola técnica na cidade. "Vamos avaliar com muito carinho a inclusão dessa demanda em nosso Plano de Governo", respondeu o pré-candidato. Ele lembrou que já apresentou a proposta da Rede Estadual de Educação e Qualificação Profissional, unindo 40 escolas técnicas, com cursos voltados para a potencialidade de cada região.

Geraldo Júlio: "Campanha de Armando é baseada em mentiras"


Nesta sexta-feira (23), o prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB), disparou suas críticas em cima do pré-candidato ao Governo de Pernambuco, Armando Monteiro (PTB). Aproveitando a presença da imprensa em um ato administrativo na capital, o prefeito disse que a campanha do senador se baseia em duas mentiras e uma omissão.

Segundo Geraldo, a primeira mentira é que Armando tem experiência administrativa. “O senador Armando Monteiro não tem nenhuma experiência administrativa para se colocar como uma pessoa experiente para governar Pernambuco”, afirmou. A outra é que Armando é o candidato do governador Eduardo Campos. “O senador não é o candidato de Eduardo Campos”, reforçou o socialista.

Para o prefeito, o petebista também omite que é contra os trabalhadores. “O senador sempre votou contra os trabalhadores. Todos os votos dele no Congresso Nacional foram contra os trabalhadores”, disse.

Assessoria de Imprensa do PSB

Memória: Há 21 anos, Inocêncio Oliveira assumia a Presidência da República pela 1ª vez


Inocêncio Oliveira em entrevista a Assis Ramalho 

Neste sábado (24), há exatos 21 anos, em 24 de maio 1993, o presidente da Câmara dos Deputados, deputado Inocêncio Oliveira (PFL/PE) assumiu a Presidência da Republica em virtude de viagem do titular, presidente Itamar Franco, ficando neste cargo até o dia 29 de maio.

Era a primeira vez que deputado federal Inocêncio Oliveira assumiu em caráter provisório o comando da nossa nação, antes disso, havia ele assumido por apenas 12 horas na segunda semana de fevereiro, porém, sem a passagem do comando, pois a viagem de Itamar Franco foi tão curta que ele voltou no mesmo dia. Já esta, em 24 de maio de 1993, teve o cerimonial de entrega do cargo, onde o serra-talahdense ficou no comando por cerca de uma semana.

Fato inusitado foi que nesse dia o corneteiro do cerimonial desmaiou ao fazer o toque do Dragões da Independência. Atuante em diversas legislaturas e sempre presente na Mesa Diretora da Câmara dos Deputados, o deputado Inocêncio Oliveira assumiria ainda outras 17 vezes a cadeira presidencial, sempre no afastamento do titular, sendo ele o único serra-talhadense e o quarto pernambucano a sentar nesta cadeira desde o início da republica, em 1889.

( Do Blog de Serra Talhada- Por Luiz Ferraz Filho )

Paulo Câmara junta adversários políticos em Mirandiba e Verdejantes

O pré-candidato da Frente Popular de Pernambuco ao Governo Estadual, Paulo Câmara (PSB) tem conseguido unir adversários políticos locais em boa parte dos municípios por onde tem passado. Mirandiba e Verdejante, visitados pelo socialista nesta sexta-feira (23), durante o giro que a chapa está fazendo pelo Sertão até domingo, são exemplos disso. Em ambas as cidades, a justificativa para a pacificação é a defesa da continuidade do modelo de gestão implantado pelo ex-governador Eduardo Campos (PSB), que Câmara dará prosseguimento.

Paulo Câmara agradeceu os apoios e manifestou a sua satisfação em receber as diferentes adesões à sua pré-candidatura. "Pernambuco vai dar ao Brasil uma lição de como se unir pelos que mais precisam. E é isso o que representa a continuidade do projeto que vem mudando nosso Estado nos últimos sete anos e quatro meses", comemorou o socialista.

Em Mirandiba, o prefeito Dr. Bartolomeu (PR), dividiu a mesa com Hailton Rodrigues (PRP), contra quem disputou as eleições municipais de 2012. Ambos garantiram pôr de lado as divergências em prol do engajamento na pré-candidatura de Câmara. "Eu e Hailton fizemos campanha um contra o outro. Mas há um projeto maior em questão. Pernambuco não pode parar, nem voltar atrás. Por isso que estas duas forças políticas do município se uniram", explicou o republicano.

Em Verdejante, embora em eventos diferentes, o prefeito Péricles Tavares (PMDB) e seu antecessor, Haroldo Tavares (DEM), também asseguraram o apoio ao nome de Paulo Câmara. Ambos se enfrentaram nas urnas nas ultimas eleições municipais, em uma disputa acirrada, decidida por uma vantagem de apenas 61 votos para o peemedebista. "Não é a picuinha política que vai nos colocar contra um projeto amigo dos municípios e que vem revolucionando o Estado. Não fazemos o jogo do quanto pior, melhor", discursou o democrata.

Péricles Tavares ressaltou as ações do Governo Estadual em Verdejante, como o reforço no sistema de coleta e abastecimento de água no município, quadras, a Academia das Cidades e outros. "Não tenho como ficar contra a pré-candidatura de Paulo Câmara, pois ele vai manter essas ações e, com certeza, fazer muito mais pelo nosso município", explicou o prefeito.

Assessoria de Imprensa

Datena vai narrar os jogos da Copa, e promete um estilo diferente


Olhar crítico? Sim, sem medo de falar a verdade. Só que mais focado no lado esportivo, sem querer ser o protagonista ou concorrer com as grandes estrelas que já estão no ramo há algum tempo. Isso é um pouco do que quer o apresentador José Luiz Datena em sua curta temporada como narrador na Copa do Mundo, para os canais Band e BandSports.

Mas isso é só um pouco, como dito. O âncora do Brasil Urgente fala ainda como pretende fazer tabelinhas com os comentaristas para que o telespectador tenha uma transmissão no melhor do modelo americano de TV; pouca descrição do que se passa, e muita opinião e bate papo. “Não quero ser protagonista, quero só tocar na banda. Não quero ser um tenor, só o quarto violino, quero ficar lá atrás.”

O hoje apresentador já foi narrador na própria Band e na Record e comandará todos os jogos do Brasil no Mundial pelo BandSports, além de os de algumas outras seleções na Band. Na Copa, ele conviverá com o “fantasma” da promessa feita de que se o Brasil não for hexacampeão apresentará seu programa só de cuecas. E diz que não vai torcer a favor só por isso.

Em entrevista ao UOL Esporte, Datena fala ainda de uma tristeza que terá ao cobrir a competição: não ver em ação o experiente Silvio Luiz, um de seus companheiros nos tempos de jornalismo esportivo e que não fará narrações porque a RedeTV não tem os direitos de transmissão e não o liberou para a Fox Sports.

UOL Esporte: Qual a grande dificuldade de se fazer uma narração depois de um longo tempo parado?

“O debate que interessa é o futuro de Pernambuco”, afirma Armando em entrevista à JC News

Foto: Léo Caldas

Em entrevista à rádio JC News nesta sexta-feira (23), o senador Armando Monteiro (PTB) voltou a defender uma discussão qualificada sobre os desafios que se colocam para Pernambuco nos próximos anos e que é preciso fugir do que chamou de “debate eleitoral rasteiro”.

Reconhecendo que o Estado teve avanços importantes nos últimos anos, Armando enfatizou que é preciso assegurar a manutenção de certas linhas programáticas que permitiram um maior dinamismo na economia. Contudo, ele ressalta a necessidade de se fazer um desenvolvimento que chegue a todos os pernambucanos e cita, por exemplo, o investimento em educação. “Alguém imagina que Pernambuco vai ingressar efetivamente em um processo de desenvolvimento pleno se não investirmos mais e melhor na educação?”, indagou.

Na entrevista, Armando também falou sobre sua experiência na vida pública, lembrando que sempre foi conduzido aos cargos que ocupou – seja como deputado federal, líder sindical e senador -, por meio do voto. “Todas as funções que exerci foram através do voto, quando já estava na vida pública. E alguns estiveram sempre na vida pública pela via da nomeação”, sublinhou.

Abaixo, as declarações do senador sobre estes temas.

A experiência na vida pública

Armando Monteiro – “A função pública não é aquela que deriva apenas de quem participa da administração pública e do executivo. A função pública é exercida nos poderes que constituem o Estado. Portanto, o exercício da atividade parlamentar é função pública. Eu efetivamente não fui da burocracia nunca, nunca integrei a burocracia. Agora, a diferença é que minhas funções foram sempre exercidas através do voto. E alguns estiveram sempre na vida pública pela via da nomeação”.

PF e MPF expõem ligações entre máfia italiana e traficantes brasileiros


Investigações da Polícia Federal (PF) e do Ministério Público Federal (MPF) expuseram as relações de uma das mais poderosas organizações criminosas do mundo, a ´Ndragueta [Andrângueta], com grupos criminosos locais. Entre especialistas em segurança, a presença de pessoas ligadas à máfia italiana em território brasileiro já é discutida há anos, mas as menções à organização criada na Calábria ganharam as páginas policiais depois que a PF deflagrou, em março deste ano, a Operação Monte Pollino, que desarticulou um esquema de envio de cocaína sul-americana para a Europa.

Na quarta-feira (21), o Ministério Público Federal (MPF) denunciou seis pessoas investigadas por supostamente integrarem uma quadrilha que usava o Porto de Santos, o maior da América Latina, para enviar toneladas da droga para a Europa.

Convencidos de que todos os investigados na Operação Monte Pollino “integram uma ampla rede criminosa, com ramificações em diversos países e ligações com a máfia italiana Ndrangheta”, procuradores da República em Santos já anunciaram que vão denunciar pelo menos outras 14 pessoas.

Segundo o instituto italiano Demoskopika, a máfia calabresa, também conhecida como Família Montalbano, movimentou cerca de 53 milhões de euros em 2013. O instituto garante ter chegado a essa cifra a partir dos dados de documentos oficiais a que teve acesso. O montante é quase o mesmo que a rede de lanchonetes McDonald's e do Deutsche Bank movimentaram, juntos, no ano passado.

A maior fonte de renda da organização calabresa seria o tráfico de drogas, com o qual obteve 24,2 bilhões de euros. Os tentáculos da ´Ndragueta, contudo, se estendem para a reciclagem ilegal, extorsão, desvio de recursos públicos, jogos de azar, venda de armas, prostituição, falsificação de documentos e imigração clandestina. Ainda de acordo com o instituto, a ´Ndragueta conta com cerca de 60 mil associados que atuam em pelo menos 30 países. De acordo com a crônica especializada, há tempos a ´Ndragueta sobrepujou em poder econômico e capilaridade as mais conhecidas Cosa Nostra e a Camorra.

Fernando Bezerra Coelho destaca obras hídricas no Sertão


Segurança hídrica para fortalecer a produção local, especialmente a caprinocultura. Esta foi a principal demanda apresentada pelo prefeito de Parnamirim, Ferdinando “Nininho” Carvalho (PSD), durante a visita da Frente Popular ao município, nesta sexta (23), pela manhã. Nininho destacou que durante o período em que o pré-candidato ao Senado, Fernando Bezerra Coelho (PSB), esteve à frente do Ministério da Integração Nacional, diversas obras chegaram a Parnamirim.

“Fernando tem uma importância fundamental para a economia da nossa cidade. Só temos a agradecê-lo pelo empenho e sensibilidade. Graças às obras aqui realizadas, hoje temos mais água para produzir. O trabalho dele é um orgulho para nós, sertanejos”, disse Nininho, durante uma plenária que reuniu quase 100 pessoas num clube local. Enquanto ministro, Fernando autorizou a construção de 5 barraginhas, 10 poços cristalinos, compra de tratores, recuperação de aguadas e obras de saneamento básico. O total de investimentos na cidade ultrapassou a casa dos R$ 10 milhões.

“Eu me sinto muito honrado em ter podido colaborar para o desenvolvimento de Parnamirim e de toda a região. Precisamos trabalhar aqui para garantir segurança hídrica. Com as águas da transposição, podemos estabelecer aqui uma nova fronteira de agricultura irrigada em Pernambuco”.

Assessoria de Imprensa de Fernando Bezerra Coleho

Câmara Municipal de Garanhuns entrega Títulos de Cidadãos e Medalhas de Mérito neste sábado


A Câmara de Vereadores de Garanhuns viverá mais uma noite especial, quando reconhece a importância e os serviços prestados a Garanhuns por cidadãos e cidadãs, realizando um Sessão Solene para entrega de medalhas e títulos de Cidadãos Honorários. A solenidade acontece neste sábado, dia 24, às 19:30h, no Plenário Álvaro Brasileiro Vilanova.

"É de fato um reconhecimento a quem colocou sua profissão, seus conhecimentos e muitas vezes sua vida, dedicados a Garanhuns, ao nosso desenvolvimento, demonstrando o amor e o respeito por esta terra que tão bem acolhe." - registra o Presidente da Casa Legislativa, Vereador Audálio Ramos Filho.

Recebem os Títulos de Cidadãos Honorários:
Dr. Nivaldo de Azevedo Costa
Dr. Marco Antônio de Oliveira Maciel
Sr. Marcéu Fernando Nogueira
Dr. José Carlos Vasconcelos Filho
Srª. Maria Edilene Vilaça Souza e Silva

Recebem as seguintes condecorações:
Medalha do Mérito Político: Dr. José Tinôco M. Albuquerque
Medalha Luís Souto Dourado: Sr. Severino José Alves Paes (Mano Imóveis)
Medalha Luís Souto Dourado: SESC Garanhuns

Assessoria de Comunicação Câmara Municipal de Vereadores de Garanhuns

Dilma assina decreto que beneficia mais de 3 mil pontos de cultura


A presidenta Dilma Rousseff assinou nesta sexta-feira (23) decreto para facilitar o funcionamento dos pontos de Cultura do país. O decreto regulamenta os convênios entre União, estados e municípios com organizações da sociedade civil e, segundo informações no portal do Ministério da Cultura (MinC), a norma vai beneficiar mais de 3 mil pontos.

As novas regras alteram o Decreto 6.170, de 2007. Entre as principais alterações da legislação estão a reorganização do acesso aos recursos públicos e um aprimoramento na prestação de contas, que passa a ter um acompanhamento sistemático. A análise das contas deverá ser feita num prazo máximo de um ano, podendo ser prorrogado por igual período.

Petrolândia sedia solenidade do MPPE para adesão do Sertão de Itaparica ao 'Pacto dos Municípios pela Segurança Pública'






O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) e as prefeituras de Petrolândia, Jatobá, Floresta, Belém de São Francisco, Tacaratu e Itacuruba assinaram, no início da tarde desta sexta-feira (23), em evento realizado na Câmara Municipal de Petrolândia, o “Pacto dos Municípios pela Segurança Pública”. A mobilização é uma iniciativa do MPPE que já conta a adesão de municípios em todo o Estado, e propõe que todas as autoridades e sociedade civil unam forças e empreendam esforços na busca pela diminuição da violência. 

Estiveram presentes na solenidade o Procurador Geral do MPPE,  Aguinaldo Fenelon de Barros, os prefeitos Lourival Simões (Petrolândia), Robson Leandro (Jatobá), Gerson Silva (Tacaratu), Gustavo Caribé (Belém de São Francisco), Rorró Maniçoba (Floresta) e Gustavo Cabral (Itacuruba). Também estiveram presentes o Promotor de Justiça Paulo Augusto de Freitas, criador do Projeto Pacto dos Municípios, Secretário Geral do MPPE Carlos Guerra, Promotora de Justiça do Município de Petrolândia Sarah Lemos, Promotor de Justiça do Município de Tacaratu Edeilson Lins, Presidente da Câmara Municipal de Petrolândia, Fabiano Jaques Marques, Vereador de Petrolândia, Sílvio Rogério, Vereadora de Petrolândia, Maria do Socorro (Dona Santa), Comandante da 4ª CIPM Major Fabrízio Ferraz e o Delegado Regional de Polícia Civil Jairo Marinho.

Durante o evento, foram apresentadas sugestões que deverão contribuir para a diminuição da violência, como o cadastramento de bares e restaurantes, com ajustamento de estabelecimentos apontados como principais focos de desentendimentos e ocorrências de natureza violenta. Também foi chamada atenção para o cumprimento da Lei Estadual nº 10.454/1990 que determina a retirada de ambulantes e fiteiros do perímetro de segurança escolar, respeitando a distância mínima de localização a 100 metros de instituições de ensino públicas ou privadas.

O promotor Paulo Augusto de Freitas, idealizador do “Pacto dos Municípios pela Segurança Pública”, afirmou que o trabalho ostensivo da polícia é importante, mas violência se combate também com cidadania. Paulo Augusto também  falou  da instalação de câmeras de segurança nos principais locais das cidades, como um inibidor de violência. “Nos estabelecimentos privados, como lanchonetes, lojas, sempre têm câmeras instaladas. A câmera inibe, traz uma barreira para o criminoso. Se ele ousar ultrapassar essa barreira, o trabalho da polícia será facilitado, porque ele estará sendo identificado”.

Paulo Augusto destacou também sobre cumprimento de horário nos eventos realizados em praça pública.

"Hoje, o que a gente vê é que os organizadores dos eventos fazem a festa, ganham o seu dinheiro, e no outro dia só deixam problemas: a cidade suja, o patrimônio do município danificado, a prática de crimes, entre outros problemas. Se alguém quer fazer um evento, ele vai ter hora de começar e hora de acabar. E as bandas musicais que costumam chegar fora de hora, vai ter que chegar na hora certa. Tem que ter respeito com a sociedade."

Em seu pronunciamento, o presidente da Câmara Municipal de Petrolândia, Fabiano Jaques Marques, parabenizou o Procurador Geral Agnaldo Fenelon pela implantação do Projeto e afirmou que, se as instituições se preocupassem mais com o bem comum da sociedade, talvez não fossem necessários projetos como esse.  Fabiano também afirmou que Agnaldo Fenelon um dia vai sair do cargo, mas que o seu nome vai ficar gravado no Ministério Público como o melhor Procurador de Justiça que já passou por Pernambuco.

Em seu discurso, Aguinaldo Fenelon disse ser uma honra estar em Petrolândia pela terceira vez e ressaltou a importância do Pacto e do diálogo entre as autoridades e a população. “As instituições não conversam nesse país, isso é um grande erro. O Ministério Público vem com essa proposta de conversar com essas entidades e com os poderes públicos. Enquanto os que promovem o crime se falam todos os dias, as autoridades não se falam, e o Ministério Publico está provocando isso. O Ministério Público está trazendo um projeto novo e vai ajudar os prefeitos dessa região a combater a violência". A entrevista realizada pelo Blog de Assis Ramalho com o Procurador Geral Aguinaldo Fenelon será postada em breve.

O prefeito de Petrolândia, Lourival Simões, foi o último a discursar. O prefeito enalteceu o fato de Aguinaldo Fenelon estar em Petrolândia pela terceira vez, ressaltando que suas visitas se dão sempre em momentos de grande importância para o município.

"Durante muito tempo, o Ministério Público não era visto como um órgão que ajudasse as gestões, muito pelo contrário. Porém, de alguns anos pra cá, isso vem mudando. O Ministério Público não está mais trancado dentro de um gabinete, está muito mais presente na sociedade e, muitas vezes, puxando para si a responsabilidade. Hoje, com o Pacto dos Municípios, que todos nós prefeitos iremos assinar, é a demonstração de um  compromisso de querer fazer e ajudar a Polícia Militar e a Polícia Civil, com a responsabilidade que é nossa também. Se há a predisposição minha, como prefeito do município de Petrolândia, eu tenho certeza de que também é a predisposição de todos prefeitos que estão aqui presentes, e é importante pra gente receber algumas instruções, porque  afinal de contas nós não somos donos da verdade. Não sabemos de tudo, sabemos um pouco de tudo, e a troca de ideias que o Ministério Público coloca ajuda na gestão, para que a gente possa fazer um governo mais em sintonia com as pessoas."

Após a apresentação do projeto, os Procuradores de Justiça e Prefeitos assinaram o convênio para implantação do “Pacto dos Municípios pela Segurança Pública” em suas cidades.


O Pacto dos Municípios pela Segurança Pública é uma das diretrizes da Gestão Estratégica 2013/2016 do MPPE. A iniciativa consiste em despertar os gestores públicos municipais para a responsabilidade com a segurança pública e incentivar os prefeitos a construírem políticas de segurança, efetivamente materializadas por meio de ações preventivas e metas definidas.

Os municípios que conseguirem atingir o maior número de metas e, como consequência, a diminuição da violência receberão certificados fornecidos pelo MPPE, em três categorias: bronze, prata e ouro. Ao final do ciclo, após a avaliação da Comissão de Certificação, a ser nomeada pelo procurador-geral de Justiça, Aguinaldo Fenelon de Barros, será publicado o resultado no Diário Oficial do Ministério Público e formalizada a entrega dos certificados, em solenidade.


Redação Blog de Assis Ramalho
Fotos: Assis Ramalho
 
Sara Lemos, Promotora de Justiça de Petrolândia, e Agnaldo Fenelon, 
Procurador Geral de Justiça de PE
 
Lourival Simões, Prefeito de Petrolândia, Aganaldo Fenelon
 e Dona Santa, Vereadora de Petrolândia
 
Crédito: Blog de Assis Ramalho

Policial Civil é morto a tiros durante assalto a supermercado em Petrolina, PE


Um policial civil, de 44 anos, foi morto a tiros dentro de um supermercado no bairro Cohab VI, Zona Oeste de Petrolina, Sertão de Pernambuco, nesta sexta-feira (23). Ele trabalhava em Casa Nova, na Bahia, mas morava na cidade pernambucana.

Segundo a polícia, a vítima entrou no supermercado para fazer compras no momento em que o estabelecimento estava sendo assaltado. Ainda não há informações oficiais do que houve dentro do local. O policial foi morto pelos bandidos.

A polícia informou que seriam quatro assaltantes e que eles fugiram em um carro branco. De acordo com o perito, o policial foi atingido com tiros na cabeça.

G1 Petrolina e Região
Foto: Blog  O Sistema é Bruto

Alunos de Direito são suspeitos de rifar serviços de garota de programa na PB


Uma rifa para arrecadar recursos a serem utilizados na festa de formatura de estudantes de direito do Centro Universitário de João Pessoa (Unipê) vai resultar em inquérito policial em João Pessoa, segundo a delegada adjunta da Mulher de João Pessoa, Vanderleia Gadi. A rifa, que custa R$ 10, garante ao sorteado o direito a escolher uma acompanhante de luxo de João Pessoa em um site de anúncios sexuais no valor de R$ 400 e uma suíte em um motel da cidade. A foto do bilhete da rifa, compartilhado nas redes sociais, dá uma segunda opção aos interessados que é o de não se valer dos serviços sexuais e embolsar a quantia de R$ 600.

Para a delegada Vanderleia Gadi, não há dúvidas de que a rifa configura a facilitação da prostituição. Ela teve acesso à imagem a partir do grupo de alunos da instituição e a investigação será centrada na identificação da turma e dos organizadores. “Na rifa não há dados, por isso nós vamos começar a investigação para identificar a turma de onde ela surgiu e começar a colher depoimentos sobre o caso”, afirmou.

Valderleia Gadi explicou que o fato da comissão organizadora se utilizar do serviço da acompanhante de luxo já se configura como favorecimento à prostituição. Ela contou que em 2013 aconteceu um fato similar atribuído a um grupo de alunos da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), mas não foi possível comprovar e adiantar a ponto de abrir inquérito policial.

A pena prevista para quem favorece a prostituição e lucra com ela, segundo Vanderleia Gadi, está tipificada no artigo 228 do Código Penal. A pena é a reclusão de até cinco anos. O G1entrou em contato com alguns estudantes da instituição. Um deles, que preferiu não se identificar, disse que a polêmica existe no campus. “Todo ano tem isso. Mas, ninguém sabe nem se é verídico”.

Petrolândia: Bar e Restaurante Geração 2 anuncia promoção de cerveja SKOL ao preço de R$ 3, 99: Hoje tem decisão da Liga dos Campeões da Europa

Assista a grande decisão em Petrolândia saboreando cerveja SKOL, estupidamente gelada, ao preço de R$ 3, 99 no Bar e Restaurante Geração 2, na Orla da cidade

Neste sábado Real e Atlético, arquirrivais da capital espanhola, fazem a grande decisão da Liga dos Campeões da Europa a partir das 15h45 (de Brasília), no estádio da Luz, em Lisboa. Será a primeira final de Champions com dois clubes da mesma cidade envolvidos.

Em Petrolândia, no Sertão de Itaparica, o torcedor vai assistir as emoções do jogão de bola no Bar e Restaurante Geração 2, localizado na Orla da cidade.

Para apimentar ainda mais a grande decisão, o Bar e Restaurante Geração 2 anuncia a partir deste sábado(24), promoção de cerveja SKOL(600 ml) ao preço de R$ 3, 99. Essa promoção, segundo o proprietário do estabelecimento Naldinho, vai até a Copa do Mundo.




Confira resultado das loterias da Caixa desta sexta (23); em Petrolândia as apostas são realizadas na Loteria Styllus


23/05
Quina (Concurso 3496):
04 27 46 64 78

Dupla Sena (Concurso 1283):
Primeiro Sorteio
14 17 26 34 41 45

Segundo Sorteio
01 17 19 27 33 39

Lotofácil (Concurso 1059):
01 02 03 05 07
08 11 14 15 16
19 20 21 22 24

>Veja os últimos resultados