Web Radio Petrolândia

domingo, 31 de maio de 2020

Quarentena atinge objetivo e curva da epidemia estabiliza em Pernambuco, diz governador Paulo Câmara


O governador Paulo Câmara comandou, neste domingo (31), uma reunião de avaliação da quarentena nas cidades do Recife, Olinda, Jaboatão dos Guararapes, Camaragibe e São Lourenço da Mata. A disseminação da epidemia do novo coronavírus estabilizou em Pernambuco, e há uma tendência de redução nos municípios que entraram no isolamento mais rígido. Levantamentos feitos pelo Instituto para Redução de Riscos e Desastres de Pernambuco (IRRD), da Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE), e pela Escola de Higiene e Medicina Tropical da Universidade de Londres, também apontam para a estabilização da epidemia em Pernambuco.

"Nosso objetivo foi atingido com muito esforço de todos, sobretudo da grande maioria da população, que compreendeu a importância do isolamento social. Os números são importantes, mas não querem dizer que vencemos a guerra. Ainda temos um longo caminho pela frente. Precisamos manter o foco", afirmou Paulo Câmara.

A desaceleração da epidemia também foi sentida no sistema de saúde. Com a expansão da rede e o aumento da quantidade de profissionais, a fila de espera por leitos de UTI atingiu o menor patamar desde o mês de março. Nesta segunda-feira (01), o Governo do Estado vai apresentar o plano de retomada das atividades econômicas. O cronograma de flexibilização das regras para cada setor será divulgado, assim como os protocolos de higiene e distanciamento social que serão exigidos para que as empresas reabram as portas.

Vale destacar que alterações no cronograma de abertura e a possibilidade do retorno de medidas mais duras de isolamento não estão descartadas. Os dados de saúde serão monitorados diariamente e vão orientar as decisões do Gabinete de Enfrentamento ao Coronavírus.

Por Assessoria do Governo de Pernambuco

Prefeitura de Petrolândia decreta luto oficial de 3 dias pelo falecimento da professora Pollyana Viana, vítima de Covid-19



A prefeita Jane Souza, no uso de suas atribuições legais, decreta Luto Oficial de 03 dias, pelo falecimento de Pollyanna Viana da Silva Souza, servidora municipal, que veio a óbito neste domingo, em Recife, vítima de COVID-19.

O Governo Municipal se solidariza com familiares e amigos neste momento de dor e lamenta profundamente essa grande perda.

Petrolândia: Primeiro óbito por Covid-19 no município é de professora com gestação de alto risco; Bebê também não resistiu



A Prefeitura de Petrolândia-PE confirmou, na noite deste domingo (31/05), a primeira morte por Covid-19 na cidade. Veja nota abaixo e confira o Boletim Epidemiológico Municipal divulgado neste dia 31/05.

É com muito pesar que comunicamos o primeiro óbito por COVID-19 registrado em Petrolândia.

A paciente vinha lutando contra a doença há dias e seguia em internamento no IMIP, na cidade do Recife. Trata-se de Pollyanna Viana da Silva Souza, professora da Rede Municipal de Ensino, ofício ao qual se dedicou com determinação e amor.

Pollyanna havia sido encaminhada para tratamento em Recife, no Hospital Agamenon Magalhães para tratar de problemas cardiológicos, onde contraiu Covid-19. A paciente estava grávida em uma gestação de alto risco, e no início da semana perdeu o bebê. pollyanna teve uma parada cardíaca neste domingo e as tentativas de reanimação não obtiveram sucesso.

Nos solidarizamos com familiares e amigos neste momento de grande dor.

Veja boletim




As informações são da Prefeitura de Petrolândia

Covid-19: veja o total de casos confirmados em Petrolina e região neste domingo 31 de maio


O estado de Pernambuco chegou a 33.427 casos confirmados da Covid-19, com 2.740 óbitos pela doença, de acordo com o mais recente boletim divulgado no sábado (30). Na área de cobertura do G1 Petrolina e Região, segundo boletins divulgados na noite de sábado (30) e domingo (31), são 621 casos confirmados.

Petrolina confirmou mais quatro casos do novo coronavírus e o oitavo óbito causado pela doença. A paciente que foi a óbito tinha 54 anos e estava internada no Hospital Universitário. Ela tinha doença cardiovascular crônica. De acordo com boletim divulgado pela prefeitura, o município contabiliza 253 casos do novo coronavírus, com 97 curas clínicas e oito óbitos. Do total de casos registrados, 182 foram detectados através de testes rápidos e 71 pelo Lacen-PE.

Trindade chegou a 61 casos confirmados de Covid-19, com 38 curas clínicas, quatro óbitos e 17 casos em investigação.

Araripina também registrou aumento no número de casos. Com mais três confirmações, agora o município contabiliza 55 casos confirmados da doença, 25 curas clínicas, três óbitos e seis em investigação.

Em Ouricuri, mais quatro casos da doença foram registrados no sábado (30). O município contabiliza ao todo 23 casos do novo coronavírus, com 13 curas clínicas, um óbito e sete casos em investigação.

Em Afrânio houve o registro de mais três casos. Agora o município contabiliza 32 pacientes no total, com quatro curas clínicas e quatro casos seguem em investigação.

Belém do São Francisco também registrou aumento no número de casos. Com mais duas confirmações, agora o município soma seis casos, com duas curas clínicas e seis casos em investigação.

O município de Ipubi, também confirmou mais quatro casos do novo coronavírus. Agora são 38 casos registrados no total, com 16 curas clínicas e três óbitos.

Em Santa Maria da Boa Vista, o quarto caso de Covid-19 foi confirmado. Do total de pacientes, dois são considerados recuperados e um caso segue em investigação.

Nos demais municípios da área de cobertura do G1 Petrolina não houve mudanças no número de casos.

Curas:

De acordo com os boletins divulgados na noite de sábado (30), 248 pacientes estão recuperados da doença. Em Santa Cruz, mais uma cura foi registrada. Agora, o município tem dois casos confirmados de Covid-19 e duas curas clínicas.

Por G1 Petrolina


Paulo Afonso (BA): Mulher é assassinada a facadas em casa pelo namorado no centro da cidade


Uma mulher de 34 anos foi morta a facadas pelo namorado na Travessa Pedro Álvares Cabral, no Centro de Paulo Afonso-Bahia, na madrugada deste domingo (31). Segundo a polícia, Rosane Carla da Silva foi assassinada por volta das 2h.

De acordo com informações, o casal estava em casa após participar de um aniversário quando aconteceu o feminicídio. Rosane foi apunhalada com uma faca peixeira pelo namorado. O autor tinha muito ciúmes dela e estavam juntos há apenas alguns meses.

Policiais militares foram acionados e ao chegarem ao local, foram informados que a vítima estava toda ensanguentada no chão da casa, após ser esfaqueada pelo namorado. Uma equipe do SAMU também esteve na residência da vítima, mas a mulher já estava sem vida. O suspeito fugiu após o crime.

Rosane era mãe de um garoto. Nas redes sociais, amigos lamentaram o ocorrido, deixaram mensagens de despedida e de solidariedade aos familiares:

“Eu estou chocada , não paro de pensar no filho dela, meu Deus do céu como pode essa menina chegar a acontecer isso . Meus sentimentos! Que seja feita a justiça.”, disse uma amiga.

“Que Papai do céu bote você em um bom lugar amiga Rosane Karla que crueldade fizeram com você. Descanse em Paz!”, escreveu outro amigo.


Por PA4.COM.BR - Blog de Ozildo Alves

Manifestantes pró e contra Bolsonaro entram em confronto em SP; PM usa bombas e tiros para dispersar ato

Atualizada às 16:10
 

Manifestantes contrários e defensores do governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) entraram em confronto, hoje, em frente ao Museu de Arte Moderna (MASP), no centro de São Paulo (hoje) e foram dispersados pelo Batalhão de Choque da Polícia Militar com bombas de gás lacrimogêncio e tiros de borracha. O confronto ocorreu quando um grupo de manifestantes pró-democracia, vestidos de pretos e usando máscarasse encontraram com manifestantes pró-Bolsonaro na Avenida Paulista.

O grupo de manifestantes pró-democracia ocupou inicialmente a faixa sentido Consolação da via, na frente do Masp, e o vão livre do museu. Antes, fizeram uma caminhada, entoando gritos em defesa da democracia. A manifestação chegou à região da Avenida Paulista por volta das 12 horas. A Policia Militar acompanhava o movimento.

A organização envolve grupos antifascistas ligados a torcidas organizadas de futebol, de Palmeiras, Corinthians, São Paulo e Santos, em conjunto com movimentos sociais. A maioria dos manifestantes usa máscaras, mas há alguns sem proteção, numa aglomeração de pessoas que também contraria orientações de autoridades sanitárias para manter distanciamento social como medida de contenção ao avanço do novo coronavírus.

Inicialmente, as manifestações eram pacíficas, mas após uma confusão entre os dois grupos, a PM agiu paa isolá-los, lançando bombas de gás lacrimogênio, o que acabou fazendo com que o conflito se intensificasse e se espalhasse.

Por volta das 14 horas, torcedores do Corinthians, Palmeiras, São Paulo e Santos, que se manifestavam contra o fascismo, entraram em confronto com simpatizantes do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), que também realizam ato no local em favor da reabertura do comércio durante a pandemia.

Nas duas ações, policiais usaram bombas de efeito moral e avançaram contra os manifestantes para dispersar os tumultos. De acordo com a corporação, pessoas começaram a se reunir pela manhã no vão livre do Museu de Arte de São Paulo (Masp), e depois caminharam pela Paulista.

Segundo a PM, um grupo da Gaviões da Fiel, torcida organizada do Corinthians, entrou em confronto com um grupo rival, e policiais militares intervieram com bombas de efeito moral para dispersar o tumulto. A Polícia Militar não soube informar se o grupo rival era de outra torcida ou de apoiadores de Bolsonaro, que se encontram perto do prédio da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp).

Segundo a PM, pessoas usando camisetas amarelas e simpatizantes do presidente Jair Bolsonaro também estavam circulando pela região. Por esse motivo, existia o risco de tumulto entre os manifestantes. Entre os atos que ocorriam perto da Avenida Paulista tem os que pedem a reabertura do comércio durante a pandemia.

Bem Paraná

Tensão entre movimentos pró-democracia e pró-governo na Paulista


Dois grupos de manifestantes tiveram um rápido momento de tensão neste domingo, 31, na Avenida Paulista. De um lado, manifestantes pró-governo, vestidos de verde e amarelo. Do outro, um grupo pró-democracia, vestidos de pretos e usando máscaras. O princípio de confusão logo foi desmobilizado pela Polícia Federal, que usou bomba de efeito moral para separar os dois grupos.

O grupo pró-democracia ocupava a faixa no sentido Consolação da via, na frente do Masp, e vão livre do museu. A organização envolve grupos antifascistas ligados a torcidas organizadas de futebol, de Palmeiras, Corinthians, São Paulo e Santos, em conjunto com movimentos sociais. A maioria dos manifestantes usa máscaras, mas há alguns sem proteção, numa aglomeração de pessoas que também contraria orientações de autoridades sanitárias para manter distanciamento social como medida de contenção ao avanço do novo coronavírus.

Do outro lado da rua, o grupo pró-governo se concentra para ato em defesa do presidente Jair Bolsonaro na tarde de hoje. A Policia Militar acompanha a movimentação. Hoje, apoiadores do presidente Bolsonaro também realizaram atos em Brasília, na Esplanada dos Ministérios. Eles carregaram cartazes com pedidos de “intervenção militar” e “fim da ditadura do STF”.


Por Equipe BR Político
Vídeo: UOL/SP

Petrolândia: Segurança pública será tema da 3ª live FALA PETROLÂNDIA, na terça-feira (02/06)


Agora chegou a vez de SEGURANÇA PÚBLICA, nosso tema do próximo FALA PETROLÂNDIA. Envie suas perguntas aqui nos comentários ou através da caixa de perguntas nos stories. Participe! #petrolandia #pernambuco #falapetrolândia #cuidado #fabianomarques #compromisso #sociedade #força.

Fabiano Jaques Marques e Rogério Novaes

Petrolândia: Confira escala e nomes de médicos que atenderão de 1º a 05 de junho na Clínica Mais Saúde; Confira e marque sua consulta


A Clínica Mais Saúde, localizada em Petrolândia na Av Auspício Valgueiro de Barros, em frente a Escola Delmiro Gouveia, informa atendimento da próxima semana, de segunda a sexta-feira, de 1º a 05 de junho de 2020; confira acima!

A Clínica Mais Saúde realiza Exames Laboratoriais de segunda a sexta-feira (veja abaixo).

Em Brasília, Bolsonaro vai até apoiadores e anda a cavalo


Bolsonaro anda a cavalo diante de apoiadores neste domingo (31)

O presidente Jair Bolsonaro compareceu à manifestação de apoio ao seu governo realizada neste domingo (31). Apoiadores e manifestantes se reúnem na Esplanada dos Ministérios e diante do Palácio do Planalto nesta tarde.

Em carros, com bandeiras do Brasil, ou a pé, os manifestantes buzinam e carregam faixas de apoio ao governo e contrárias ao Judiciário. Algumas placas carregam mensagens de apoio à intervenção militar e parte dos manifestantes usam máscaras. “Supremo é o povo”, dizia uma das faixas.

Pouco antes de deixar o local, Bolsonaro montou em um cavalo da Polícia da Militar do Distrito Federal, que fazia parte da segurança do local, e cavalgou diante dos manifestantes acompanhado pela cavalaria da PM.



Por Portal Jovem PAN
Vídeos: UOL e Canal Focos do Brasil

Bolsonaro vai ao Planalto cumprimentar manifestantes que criticam STF



O presidente Jair Bolsonaro realizou um sobrevoo de helicóptero para acompanhar uma manifestação de apoio ao seu governo e com críticas ao Supremo Tribunal Federal e ao Congresso Nacional e, em seguida, foi ao Palácio do Planalto cumprimentar os manifestantes, sem usar máscara.

Após passar aproximadamente meia hora cumprimentando os manifestantes que se aglomeravam na frente do Planalto, Bolsonaro montou em um cavalo da Polícia Militar. Deu uma volta na frente do Planalto, em direção aos manifestantes, e retornou ao comboio de veículos presidenciais, para em seguida deixar a manifestação

Os participantes do ato começaram a chegar à Esplanada dos Ministérios por volta das 9h. O trânsito foi bloqueado na região da Praça dos Três Poderes, para permitir que os manifestantes se concentrassem no local.

A segurança do Congresso Nacional e do STF foi reforçada, para evitar atos de depredação contra seus prédios. Em frente ao Congresso, aproximadamente dez viaturas da Polícia Militar ficaram monitorando a manifestação.

O ato novamente gerou aglomerações desaconselhadas pelas autoridades de saúde devido à pandemia do coronavirus.

A maioria dos manifestantes, entretanto, usava máscaras e álcool gel. Bolsonaro estava sem máscara ao cumprimentar os apoiadores, apesar de o uso do acessório atualmente ser obrigatório no Distrito Federal.



Por Portal Jovem PAN
Vídeos: UOL e Canal Focos do Brasil


Quatro vacinas contra a Covid-19 podem começar a ser produzidas ainda este ano


O mundo corre contra o tempo para achar uma vacina contra a Covid-19. No momento, há seis promissoras sendo testadas, sendo que quatro poderiam começar a ser produzidas ainda este ano. Para que a pandemia acabe, os especialistas dizem que 60% da população têm que estar protegidos, com anticorpos contra o novo coronavírus. É por isso que a vacina é fundamental para que o mundo volte ao normal.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), há 120 projetos de vacina em desenvolvimento, usando diferentes tecnologias. Desses, seis já estão na primeira fase dos estudos clínicos com humanos, alguns encerrarão essa etapa agora em junho, com resultados preliminares positivos. Depois há mais duas fases de estudos clínicos.

— Nunca em momento algum se viu tantas instituições e governos investindo no desenvolvimento de uma vacina. É um negócio fantástico — afirma Akira Homma, assessor científico sênior de Bio-Manguinhos/Fiocruz e um dos maiores especialistas em vacinas do Brasil: — Todo mundo está com expectativa, ainda que tenha que ter muita cautela.

Dentro dessas seis, a empresa de biotecnologia americana Moderna afirmou que oito voluntários vacinados desenvolveram defesas contra a Covid-19 de forma segura. A Universidade de Oxford, no Reino Unido, que desenvolve um imunizante em parceria com a empresa AstraZeneca, também disse que os estudos têm sido “encorajadores” e ressalta que a vacina deles teria baixo custo. As outras candidatas em destaque são da Pfizer/BioNTech, CanSino, Johnson&Johnson e Sanofi/GSK. As quatro primeiras, segundo os analistas, poderiam começar a ser produzidas até o fim deste ano. E as duas últimas, em meados de 2021.

De acordo com Akira Homma, o mais difícil é garantir que, além de a vacina ser eficaz e realmente proteger contra o vírus, ela seja segura:

— Tem que dar tempo para ver o que acontece, se não há reações adversas. E não há dinheiro que compre o tempo.

Existem ainda questões que a ciência precisa responder. Será preciso verificar, por exemplo, se todo mundo que recebe a vacina está mesmo protegido; se idosos e crianças respondem da mesma maneira; se a imunização é definitiva; e quantas doses são necessárias. Só então, com a vacina descoberta e todas essas questões respondidas, será possível saber os laboratórios capazes de produzir e com que velocidade.

— É imprevisível, mas acho que em 2021 o mundo vai ter uma vacina de eficácia razoável. Podemos até ter mais de uma vacina licenciada. Ainda tem muita coisa para avançar — avalia Akira Homma.

Brasil em negociação

Quando a vacina for descoberta, haverá uma nova pergunta: quando ela chegará por aqui? No país, também há projetos sendo desenvolvidos, mas que não estão tão avançados como em outros lugares. Por isso, pesquisadores brasileiros buscam estratégias para que a produção local comece logo.

— O Brasil está envolvido no desenvolvimento da vacina, mas sabemos que estamos atrasados — diz Homma.

Os 194 Estados-membros da OMS aprovaram no último dia 19 uma resolução que apoia a possibilidade da quebra de patentes de futuras vacinas ou remédios para a Covid-19, atendendo a uma demanda dos países mais pobres para que seja garantido o acesso global igualitário a futuros tratamentos. Apesar de não terem bloqueado a aprovação da resolução, os Estados Unidos rejeitaram trechos que falavam de propriedade intelectual.

Essa preocupação não é só do Brasil, mas de vários outros países, afinal, as empresas farmacêuticas se arriscam, investem dinheiro e querem recuperar o investimento. E os países mais ricos, como os EUA, querem proteger sua população logo.

— Mas o Brasil tem condições de negociar porque nós temos infraestrutura industrial de produção de vacinas aqui e recursos humanos com experiência de trabalho — explica Homma.


Extra-RJ

Prefeitura de Petrolândia responde ofício do IBVASF e Dr João anuncia LIVE URGENTE nesta segunda, às 20h:00 '' DESCUBRA A VERDADE!''


LIVE URGENTE

Prefeitura de Petrolândia responde ofício protocolado pelo hospital e maternidade IBVASF.

Contradição, perseguição e despreparo.

Acompanhe para saber a verdade.

Data: Segunda (01/06)
Horário: 20:00 horas
Participação: Said Souza

#Live #Urgente #Oficio #COVID19 #Saúde #Petrolândia

Por Assessoria de Dr João

Veja abaixo notícia relacionada ao tema


>> Petrolândia; Dr João comemora mais de 200 atendimentos realizados via TeleMedicina; população clama por reabertura dos serviços do IBVASF

Da Redação do Blog de Assis Ramalho

Novo normal já é realidade. Confira fotos de atrativos turísticos reabertos no Brasil, Europa e Ásia

Parque da Serra Bondinhos Aéreos já abre de sexta a domingo em Canela (RS) - DIVULGAÇÃO

Praia com hora marcada, controle de acesso via aplicativo e contador de banhistas. Atrativos turísticos abertos até a noite para distribuir melhor os visitantes. Capacidade de bares, restaurantes e cafés reduzida em até 50%. Check in online, menu por QR code e cada vez mais processos digitalizados. Distanciamento de pelo menos dois metros nos aeroportos e nada de serviço de bordo. Trabalhadores e clientes sempre de máscara e álcool em gel para todo lado. A retomada gradual das atividades turísticas na Europa e na Ásia, assim como em cidades do Brasil como Gramado e Foz do Iguaçu, já dão um gostinho, nem sempre doce, de como será o novo normal no setor (veja no fim da matéria os locais já reabertos ou próximos de voltar a funcionar).

Por um bom tempo, os deslocamentos em longas distâncias sofrerão restrições e os viajantes habituados a desbravar a “grande aldeia global” ficarão restritos às chamadas “bolhas de viagens”. O conceito, já em uso na Lituânia, Letônia e Estônia, no Leste Europeu, prevê a circulação de pessoas apenas em regiões com curvas semelhantes de controle do contágio. Alemanha, Áustria, Suíça, Austrália e Nova Zelândia planejam adotar o mesmo modelo.


Das práticas já em curso em alguns dos destinos preferidos pelos brasileiros, a exemplo de Portugal, Espanha e Itália, o desconfinamento em fases tem se mostrado a mais replicável no momento. O objetivo é evitar um novo ciclo de contaminação pelo coronavírus. Neste caso, o afrouxamento das medidas ocorre de acordo com a queda no número de casos e de mortes por covid-19.

PERNAMBUCO

Esse é o caminho que deve ser trilhado em Pernambuco. O governo do Estado anunciou na quinta-feira (28) que o plano de abertura da economia está pronto e terá duração de 11 semanas (quase três meses), mas os detalhes só devem ser conhecidos amanhã (1º), após o fim do lockdown em Recife, Olinda, Jaboatão dos Guararapes, Camaragibe e São Lourenço da Mata.

Caso siga o exemplo do vizinho Ceará, a volta integral do turismo e dos eventos ficará para o fim do processo, lá marcado para 20 de julho, data de início da quarta e última etapa. Aqui, os protocolos de higienização para o setor, já discutidos com o trade, estão em fase de análise pela Vigilância Sanitária e ainda não se sabe quando serão publicados. A informação é da Secretaria Estadual de Turismo e Lazer, que também prepara um selo para certificar os estabelecimentos.

PORTO DE GALINHAS

Um dos principais indutores do turismo de Pernambuco, Porto de Galinhas também anunciou que lançaria um Manual de Boas Práticas, mas ainda não apresentou o documento.

A agilidade em implantar padrões que garantam segurança sanitária definirá quem sairá na frente na conquista da confiança do turista e na consequente recuperação econômica do setor.

Por enquanto, a corrida é liderada por Cancún (México), Portugal, Barcelona e Sevilha (Espanha), além de Arábia Saudita, primeiros locais a receberem o Safe Travels, chancela do Conselho Mundial de Viagens e Turismo (WTTC, na siga em inglês) que reconhece governos e empresas em todo o mundo pela adoção de protocolos padronizados globais de saúde e higiene.

No Brasil, o Ministério do Turismo prevê para amanhã (1º) o lançamento do portal do selo Turista Protegido, para identificar equipamentos turísticos com boas práticas em questões sanitárias. A certificação, no entanto, é obtida por autodeclaração. Basta o prestador de serviço aceitar o termo de cumprimento das obrigações relativas a cada segmento e imprimir o documento. Em contrapartida, os empreendimentos poderão ser avaliados pelos consumidores, a partir de um QR code associado ao certificado.

No novo normal do turismo, cuidado com a saúde agora é o item mais relevante da experiência.

Confira alguns dos atrativos que já reabriram ou estão próximos de voltar a funcionar.

BRASIL

DIVULGAÇÃO
Parque da Serra Bondinhos Aéreos já abre de sexta a domingo em Canela (RS) - DIVULGAÇÃO

Em Gramado (RS), Mini Mundo, Museu de Cera, Museu do Automóvel e GramadoZoo estão funcionando com 50% da capacidade e horário reduzidos. Snowland, Mundo do Chocolate e Aldeia do Papai Noel estão previstas para voltar a operar entre 1 e 5 de junho. A comercialização dos ingressos deve ser feita preferencialmente pela internet e por aplicativos. Na vizinha Canela (RS), o Parque Estadual do Caracol, o Alpen Park e o Parque da Serra Bondinhos Aéreos também retomaram as atividades. Mundo a Vapor volta no dia 5.

MONA LISA DOURADO/JC
Parque Nacional do Iguaçu, onde ficam as Cataratas, tem previsão de reabertura em 10 de junho - MONA LISA DOURADO/JC

No próximo dia 10 de junho, várias atrações famosas de Foz do Iguaçu (PR) devem reabrir. Entre elas, o Parque Nacional do Iguaçu, onde se localizam as Cataratas, a Usina Itaipu, o lado brasileiro do Marco das 3 Fronteiras e o Parque das Aves. Todos funcionarão com 30% de capacidade.

EUROPA

Em Portugal, cafés, restaurantes e museus reabriram, todos com 50% de capacidade. Na charmosa Sintra, próxima a Lisboa, atrações como o Palácio da Pena e o Castelo dos Mouros, já recebem visitantes. As praias também começam a ser liberadas de Norte a Sul, mas há regras e limitações. Elas incluem distância de pelo menos 1,5 metro na areia e a proibição da prática de esportes por grupos a partir de duas pessoas. Um semáforo instalado nos principais acessos indicará a ocupação dos balneários. Antes de sair de casa, os banhistas também são orientados a verificar o aplicativo InfoPraias, que também atualiza os dados em tempo real. Por outro lado, os famosos festivais de verão, que atraem milhares de pessoas nesta época do ano, foram adiados para 2021 e todos os shows foram proibidos oficialmente pelo menos até 30 de setembro.

O Miradouro de Nossa Senhora do Monte, também conhecido como um dos miradouros da Graça, em Lisboa, aos poucos volta a ser ocupado por moradores e turistas - CARLOS DIOGO SANTOS/CORTESIA

Na Espanha, estão abertos os museus, como o Picasso de Barcelona e o Prado, em Madri, mas apenas com um terço de sua máxima capacidade. As praias só serão liberadas na metade de junho. Estão em estudo controle de acesso para evitar aglomerações e divisórias transparentes entre espreguiçadeiras.

Os museus também foram priorizados na Itália e no Vaticano, onde os Musei Vaticani e a Basílica de São Pedro já começaram a receber visitantes. As praias italianas poderão ser frequentadas, mas com hora marcada, reserva por aplicativo e distância entre guarda-sóis.

Na Basílica de São Pedro, no Vaticano, visitantes usam máscaras em frente à Pietà, de Michelângelo - VICENZO PINTO/AFP

A França anunciou para esta semana a reabertura de restaurantes, cafés, museus, praias e parques, como Buttes Chaumont e Montsouris, em Paris. Como ainda haverá muitas restrições para evitar novos surtos de contaminação, há soluções criativas sendo pensadas em todos os segmentos. Uma das mais inusitadas é a do restaurante parisiense H.A.N.D, que criou uma cápsula de plástico parecida com um abajur pendurado no teto para garantir distanciamento social à mesa.

Cafés, museus, jardins e galerias retomaram a rotina na Alemanha, caso do Museum Barberini, em Potsdam. As fronteiras serão reabertas a cidadãos da União Europeia a partir de 15 de junho
.
Adesivo indica necessidade de distanciamento social em frente do Partenon, na Acrópole de Atenas, na Grécia - ARIS MESSINIS/AFP

A Acrópole de Atenas, na Grécia, e outros sítios arqueológicos se somam aos atrativos liberados para visitação na Europa. A partir do próximo dia 15 de junho, o país passará a receber turistas estrangeiros, mas os brasileiros ficaram de fora, embora chineses e sul-coreanos sejam bem-vindos. Restaurantes e shoppings também estão abertos.

ÁSIA

Na China, parte da Grande Muralha já pode ser visitada e o complexo da Disney de Xangai é o primeiro parque da empresa no mundo a retomar suas atividades, com ingressos rapidamente esgotados no dia da reabertura. Disneytown (complexo de lojas, restaurantes e entretenimento), Wishing Star Park (área de recreação) e Shanghai Disney Hotel também tiveram parte das suas atividades restabelecidas.

Tokyo Tower e o parque de diversões Fuji-Q Highland, aos pés do Monte Fuji, são alguns dos pontos turísticos abertos no Japão. Nesta segunda-feira (1), museus, galerias e outros parques temáticos engrossam a lista, mas apenas as atrações que ofereça serviços ao ar livre.

Mona Lisa Dourado
Jornal do Commercio