sexta-feira, 12 de fevereiro de 2021

Auxílio emergencial: Governo e Congresso chegam a acordo para retomada do pagamento que pode durar até quatro meses com uma mensalidade de R$ 250


O governo e a cúpula do Congresso Nacional fecharam, nesta sexta-feira, um acordo para destravar a prorrogação do auxílio emergencial. Após uma reunião, o ministro da Economia, Paulo Guedes, e os presidentes da Câmara, Arthur Lira (PP-AL) e do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), afirmaram que o benefício será viabilizado por meio de uma "cláusula de calamidade" a ser incluída em medidas de ajuste fiscal defendidas pela equipe econômica.

— É fundamental que haja cláusula de calamidade pública para que possamos fazer flexibilização necessária para o auxílio — disse Pacheco, em pronunciamento à imprensa.

O que diz a proposta:os gastos que governo e Congresso querem cortar para destravar o auxílio

O parlamentar disse ainda que o auxílio emergencial e a vacinação só deixarão de ser prioridades após o fim da pandemia de Covid-19.

— Nessa reunião externamos ao ministro Guedes e ao ministro Ramos (Eduardo Ramos, ministro da Secretaria de Governo) o que é o desejo e expectativa do Congresso em relação a esse momento. A prioridade absoluta é vacina e auxílio emergencial, que só deixarão de ser prioridade quando a pandemia acabar.

Guedes tem cobrado do Congresso a aprovação de medidas de corte de gastos como compensação para uma nova rodada do auxílio emergencial. Nesta quinta-feira, ele indicou que o programa pode durar até quatro meses com uma mensalidade de R$ 250.

Pacheco disse ser “fundamental” que o Congresso também faça sua parte e há um cronograma de reformas, citando como exemplo a reforma tributária. Ele afirmou que a expectativa é que o auxílio seja pago a partir de março.

— Há uma expectativa do Congresso, que é da sociedade, de que seja aprovado o auxílio. Que seja um auxílio suficiente para alcançar o maior número de pessoas com a responsabilidade fiscal que é preciso ter no Brasil. A expectativa é que possamos ter (o auxílio) no mês de março, abril, maio e eventualmente no mês de junho — disse o presidente do Senado.

A “cláusula de guerra” que permitirá ao governo gastar mais durante a pandemia em 2021 e abrirá caminho para o auxílio emergencial deve ser inserida no Pacto Federativo, proposta por meio da qual Guedes pretende fazer um ajuste fiscal com corte de gastos.

Pacheco disse que irá submeter o assunto à reunião de líderes da próxima quinta-feira, além de conversar com o relator da proposta, o senador Márcio Bittar (MDB-AC).

Já o presidente da Câmara afirmou que o Congresso irá cumprir uma “agenda básica, mínima” após o carnaval.

— Há uma perspectiva de retorno de alguns dispositivos que são inerentes a momentos de dificuldade, e o mais rápido possível para que tenhamos tranquilidade no brasil de enfrentar o problema da vacinação — disse Lira.

Por O GLOBO

Novo marco fiscal suspenderá concursos públicos, diz Guedes




O ministro da Economia, Paulo Guedes, anunciou, em pronunciamento nesta sexta-feira (12/2), que o governo tem compromisso com “auxílio, vacinação em massa, reformas” e, principalmente, “com o marco fiscal”, que vedará a realização de concursos públicos. O ministro participou de um almoço com líderes do Congresso, Arthur Lira (PP-AL) e Rodrigo Pacheco (DEM-MG), para discutir a extensão do benefício que ajudou famílias de baixa renda a se estabilizarem em meio à crise promovida pela pandemia da Covid-19, entre março e dezembro do ano passado.

“Avançamos bastante. Nosso compromisso é com a saúde, vacinação em massa e auxílio emergencial. E compromisso com a responsabilidade fiscal. [Encontro] extraordinariamente construtivo. Estamos todos na mesma luta: auxílio, vacinação em massa, e reformas, principalmente o marco fiscal”, disse Guedes.

As propostas de emenda constitucional (PECs) referentes ao ajuste foram sintetizadas, com o objetivo de se criar um novo marco fiscal, que será composto pela união do teto de gastos com a Lei de Responsabilidade Fiscal. O documento foi enviado aos membros da liderança do Senado pela equipe do parlamentar Marcio Bittar (MDB-AC).

O texto dispõe que as medidas de controle de gastos serão colocadas em prática se as despesas federais obrigatórias ficarem acima de 95% do total previsto. Em casos de emergência, o legislativo pode aprovar que a medida seja acionada quando as despesas chegarem a 85%.

Na prática, com o seguimento do texto, não poderão ser criados cargos ou empregos que aumentem as despesas, será interrompida a realização de concursos públicos e não haverá reestruturação de carreiras em caso de aumento de despesa.

A redução de 25% dos salários dos servidores e da jornada de trabalho ficaram de fora da proposta.

Por METRÓPOLES

Petrolândia: Delgado Construções avisa aos clientes que terá expediente normal durante os dias de Carnaval cancelado

 

Devido à decisão do Governo do Estado de Pernambuco de suspender o Carnaval 2021, em razão da pandemia da Covid-19, a Loja Delgado Construções avisa aos clientes que terá expediente normal durante o peíodo. 

Horário de Atendimento de Segunda à Sexta, das 08:00 às 12:00 e das 14:00 às 18:00 horas.Aos Sábados das 08:00 às 12:00 horas.

A Delgado Construções, organização de Verônica Delgado, situada na Av. Manoel Borba, 112 - centro de Petrolândia, oferece aos seus clientes o CARTÃO DELGADO CONSTRUÇÕES.Peça já o seu!

Visite a Delgado Construções, peça o seu cartão e compre na mesma hora. Aproveite esta oportunidade!

Delgado Construções - Aqui tem economia e novidade todos os dias!


Da Redação do Blog de Assis Ramalho

Petrolândia: Conselho Municipal de Turismo convida para reunião nesta segunda-feira (15) no Centro Cultural; confira temas que serão discutidos

 

Blog de Assis Ramalho 
Informação: Mabel

Petrolândia: Sindicato dos Trabalhadores Rurais se reúne para dialogar assuntos relacionados a melhorias de atendimento aos agricultores


A diretoria do  Sindicato dos Trabalhadores Rurais - STR de Petrolandia PE, reuniu se na tarde de hoje para dialogar assuntos relacionados a melhorar a cada dia o atendimento aos nossos agricultores (as),esta semana a diretoria recebeu capacitação através de nossas federações (CONTAG/ FETAPE ),para em breve realizar a campanha sindicato de portas abertas destinada a sindicalização de agricultores e agricultoras, quitação de sócios inadimplentes e a conscientização da autorização com seu sindicato.

 De forma pratica o sindicato disponibiliza de um sistema( FETAPESINDWEB ), fazendo atualizações de dados de todos associados ativos.Foi discutido também assuntos relacionados ao desbloqueios de DAP's e uma breve avaliação do período desses dois meses de gestão ns organização como na comunicação entre a direção e seus associados ."Agricultor (a) sindicalizado e agricultoras (a,)bem informado (a)".

Por STR-Petrolândia

PSDB frustra plano do governador de São Paulo, João Doria, e mantém o pernambucano Bruno Araújo na presidência

Bruno Araújo - Foto/arquivo: Blog de Assis Ramalho

Em mais um revés para o governador de São Paulo, João Doria, a executiva nacional do PSDB aprovou nesta sexta-feira a permanência do presidente nacional do PSDB, Bruno Araújo, no posto por pelo menos mais um ano. Doria também desejava o posto, segundo aliados.

Após a decisão, que foi referendada numa reunião virtual, Doria falou em coletiva à imprensa sobre as disputas no partido e pregou "paz, respeito ao contraditório e entendimento".

A prorrogação do mandato de Araújo foi colocada à mesa após o grupo político de Doria aventar a possibilidade de assumir o comando do partido, postular sua candidatura a presidente em 2022 e afastar o deputado mineiro Aécio Neves, um antigo desafeto do governador paulista.

O movimento do governador de São Paulo deixou claro que ele está distante de obter apoio unânime no PSDB. A proposta de recondução de Araújo na chefia da sigla foi feita pelos diretórios regionais do partido — inclusive com a chancela de São Paulo, na tentativa de acalmar os ânimos — , e teve o aval de parte da bancada federal e de todos os sete senadores da sigla.


Em nota, o presidente estadual do PSDB e secretário de Desenvolvimento Regional na gestão Doria, Marco Vinholi, comentou sobre o resultado.“Parabenizo o presidente Bruno Araújo e os demais integrantes da executiva nacional que prorrogou os mandatos dos dirigentes partidários. Agora, é momento de continuarmos o enfrentamento à pandemia", disse Vinholi.

A ofensiva de Doria aconteceu após uma crise atingir o PSDB desde a eleição da Câmara dos Deputados, na semana passada, quando parte da bancada contrariou o apoio formal do partido e votou em Arthur Lira (PP-AL), candidato apoiado pelo presidente Jair Bolsonaro. O movimento de Doria sofreu forte reação interna após o assunto vir à tona numa reunião na segunda-feira com alguns líderes da sigla, no Palácio dos Bandeirantes.

Além de ver o seu movimentado frustrado, Doria ainda viu surgir um contraponto à sua candidatura com uma ala adversária do partido que passou a incentivar Eduardo Leite, governador do Rio Grande do Sul, a entrar na disputa pelo posto de presidenciável.

Pelo menos 13 dos 31 deputados da bancada do PSDB e um senador foram almoçar com Leite nesta quinta-feira, em Porto Alegre, e pediram ao governador para que se coloque em campo como pré-candidato e passe a viajar outros estados. Leite aceitou o convite e disse que não tem medo de prévias para a escolha de um candidato tucano.

Nesta tarde, Doria se descreveu como um defensor das prévias e lembrou que já havia passado por esse processo no partido em 2018 e 2018, quando venceu as disputas à prefeitura e ao estado.

— Eu sou filho das prévias. Não estou dizendo que sou candidato, que serei candidato. Mas apenas para ficar claro, que eu sou um defensor das prévias - disse Doria. — A minha posição é francamente favorável. É uma medida democrática, justa e correta. Ela é ativadora, irrigadora e entusiasma o partido que utilizar esse recurso, seja o PSDB ou qualquer outro partido.

O nome de Leite costuma ser citado ao lado de Doria pelo presidente Fernando Henrique Cardoso como entre as candidaturas mais fortes do PSDB para 2022. Nesta quinta-feira, Doria se reuniu com o ex-presidente. Segundo aliados, o encontro foi uma tentativa de baixar a poeira, já que o ex-presidente costuma pregar unidade na sigla.

— A posição do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso é de paz e harmonia, assim como a minha. Nós precisamos de entendimento, respeitando o contraditório. O PSDB tem uma história a preservar. Mas também tem histórias de contrapontos ao longo dos seus 30 anos. Isso nunca enfraqueceu o PSDB - minimizou Doria.

O Globo

Argentino Hernán Crespo assina contrato e é o novo técnico do São Paulo


Hernán Crespo assinou contrato para ser o novo técnico do São Paulo. Superadas as pendências finais entre o clube e o argentino, a expectativa é de que o anúncio oficial seja feito nesta sexta-feira.

São Paulo e Crespo resolveram os últimos detalhes que faltavam após o acordo verbal encaminhado. O contrato será de dois anos.

Ainda não há previsão de quando Crespo comandará o time em campo. O São Paulo entende que o processo de mudança de país leva tempo. Neste domingo, contra o Grêmio, pelo Brasileiro, o auxiliar e interino Marcos Vizolli estará no banco mais uma vez

Na negociação, ficou acertado que Crespo terá mais cinco profissionais na sua comissão técnica no São Paulo: o auxiliar Juan Branda, o preparador de goleiros Gustavo Nepote, os preparadores físicos Alejandro Kohan (este elogiado nos bastidores) e Gustavo Satto, além do analista Tobías Kohan.

Campeão da Copa Sul-Americana com o Defensa y Justicia no mês passado, o ex-atacante argentino de 45 anos foi o escolhido da diretoria após uma série de entrevistas com candidatos ao cargo que era de Fernando Diniz.

Hernán Crespo, o português Pedro Martins e o espanhol Miguel Ángel Ramírez foram os três escolhidos pelo São Paulo, depois de um processo de entrevistas com uma dezena de candidatos. A conclusão final foi de que Crespo é a melhor opção para o momento.

O clube do Morumbi vê em Crespo conceitos de Fernando Diniz, de saída de bola construída, mas com transição mais rápida e correndo menos riscos. O clube também identifica no modelo de jogo do argentino a estratégia de pressionar adversários no campo de ataque.

A ideia com Crespo passa por aproveitar parte do processo construído por Fernando Diniz, com um time que proponha o jogo. O desejo da diretoria é que o São Paulo tenha mais espírito de competição.

O São Paulo está em quarto no Brasileiro, com 59 pontos, a sete do Internacional, líder do torneio, e com dois pontos a mais do que o Fluminense, quinto colocado. O time tem quatro jogos a fazer no campeonato, contra Grêmio, Palmeiras, Botafogo e Flamengo.

Na última quarta-feira, o time empatou com o Ceará em 1 a 1 em casa. O São Paulo não vence há oito jogos.

Por Joanna de Assis, Leonardo Lourenço e Marcelo Hazan — São Paulo

Mensagens interceptadas por hackers e investigadas na Operação Spoofing aponta que procuradora da Lava Jato disse ser prioridade “atingir Lula na cabeça”



Em mais uma petição apresentada ao Supremo Tribunal Federal (STF), a defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva aponta um novo pacote de mensagens interceptadas por hackers e investigadas na Operação Spoofing.

No documento, os advogados do petista destacam ações dos procuradores da Lava Jato de Curitiba com o objetivo de ocultar provas da inocência do ex-presidente, atingir e desestabilizar ministros de tribunais superiores e orientações para a juíza Gabriela Hardt.


Hardt substituiu Moro na força-tarefa e, na opinião expressada pelo coordenador, Deltan Dallagnol, não sabia o que era prioridade do grupo.

A petição ainda aponta perseguição ao ex-presidente mesmo antes da obtenção de provas contra ele.

A ação faz parte de uma série de recursos que a defesa do ex-presidente pretende enviar ao ministro relator informando todos os passos das análises feitas sobre os áudios obtidos da Operação Spoofing. A defesa de Lula é assinada pelos advogados Cristiano Zanin, Valeska Martins, Maria de Lourdes Lopes e Eliakin Tatsuo.

“Na cabeça”

Em um dos diálogos, ocorridos no dia 5 de março de 2016, um dia depois de Lula ser conduzido coercitivamente para depor na Polícia Federal. A procuradora Carolina Rezende, da PGR, escreve: “Depois de ontem, precisamos atingir Lula na cabeça (prioridade número 1), para nós da PGR, acho que o segundo alvo mais relevante seria Renan [Calheiros]”.

Carolina Resente integrava a equipe do então procurador-geral da República Rodrigo Janot.

No chat, ela também argumenta que tentar “atingir ministros do STF” naquele momento poderia fazer com que os procuradores comprassem brigas “com todos ao mesmo tempo”.

Para ela, o melhor para o grupo seria eleger um alvo e apontou o ministro mais novo do Superior Tribunal de Justiça (STJ), na época, Marcelo Navarro Ribeiro Dantas.

O ministro chegou a ser alvo da força-tarefa depois que Bernardo Cerveró, filho do ex-diretor da Petrobrás Nestor Cerveró, disse saber de uma “movimentação política” para que seu pai fosse beneficiado com um habeas corpus de um ministro de sobrenome “Navarro”.

“Ocultação de provas”

Para a defesa de Lula, outro diálogo aponta que procuradores da Lava Jato optaram por não incluir nos autos provas da inocência do ex-presidente.

A mensagem apontada é de 11 de março de 2016. Um procurador identificado como Paulo narra que um dos delatores da Lava Jato, Paulo Dalmazzo, depôs que, em uma palestra na Andrade Gutierrez, o ex-presidente Lula “saiu ovacionado”. Por isso, deixou de colocar a menção positiva nos autos do processo.

“Tem outras palestras da AG?”, questiona. “Se for só essa, talvez não precise investir nisso. O cara já saiu da empresa, tem até raiva e não teria muito por que proteger o 9” (“9” é a forma jocosa pela qual os procuradores se referiam a Lula, que perdeu um dedo em acidente de trabalho).
Planilha

Em outros diálogos apontados pelo advogados do ex-presidente, o ex-ministro Sergio Moro teria deixado na 13ª Vara Federal de Curitiba, uma planilha elaborada pelos procuradores para que a juíza Gabriela Hardt julgasse com prioridade aquilo que era de interesse da Lava Jato.


A conversa ocorreu no dia 19 de dezembro de 2018, logo depois ex-juiz aceitar o convite do então presidente eleito Jair Bolsonaro para se tornar ministro da Justiça e Segurança Pública.

Deltan Dallagnol disse em um chat para os colegas de MPF: “Gente, importante: 1) Gabriela não sabe o que é prioridade. Há 500 processos com despacho pendentes e não sabe o que olhar. Combinei de criarmos uma planilha google e colocarmos o que é prioridade pra gente”.

Dallagnol também indicou que quem quisesse que “suas decisões saiam logo, favor criar e indicar os autos, prioridade 1, 2 ou 3 e Sumário ao lado, e me passar o link para eu passar pra ela”.

Além disso, os procuradores acertaram de encaminhar a juíza, que iria substituir Moro nos processos, uma minuta inacabada para que ela fosse apreciando a petição antes que o documento ficasse pronto.

Hardt foi responsável pela sentença que condenou o ex-presidente no processo que o aponta ligações de Lula com um sítio em Atibaia, que teria passado por reformas bancadas por empreiteiras.

Neste processo, Lula foi condenado a 12 anos e 11 meses.

No chat, Dallagnol teria dito: “Gente, importante: 1) Gabriela não sabe o que é prioridade. Há 500 processos com despacho pendentes e não sabe o que olhar. Combinei de criarmos uma planilha google e colocarmos o que é prioridade pra gente”.

Por Portal Metrópoles

Boletim desta sexta-feira (12/02/): Com mais 1.380 confirmações e 24 óbitos, Pernambuco soma 277.832 pacientes e 10.621 mortes pela Covid-19




Nesta sexta-feira (12), Pernambuco confirmou mais 1.380 casos e 24 óbitos por Covid-19. Dessa forma, o estado passou a totalizar 277.832 pacientes confirmados e 10.621 mortes de pessoas que foram infectadas pelo novo coronavírus.

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (SES), 70 dos 1.380 pacientes confirmados nesta sexta tiveram Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag). Outras 1.310 pessoas tiveram a forma leve da doença.

Considerando essa divisão, o estado passou a ter 31.672 casos graves e 246.160 casos leves da Covid-19. A contagem começou há exatos 11 meses, em 12 de março de 2020.

Em relação às mortes, os óbitos confirmados nesta sexta ocorreram entre os dias 11 de maio de 2020 e a quinta (11). Outros detalhes devem ser divulgados pela SES ao longo do dia

Por G1 PE

Petrolândia: Compesa informa falta de água por vazamento em Rua da Quadra 17


Por motivo de vazamento de grande porte (em Rua da Quadra 17 ),  foi fechada a rede de abastecimento e a equipe de manutenção já está no local realizando os devidos reparos.
Assim que for concluído o conserto voltaremos ao abastecimento normal.

COMPESA agradece a compreensão de todos.

Blog de Assis Ramalho
Informação: Escritório/Compesa-Petrolândia

Petrolândia: Quer retomar o estudo do ensino fundamental? Vem pra EJA na Escola Municipal Doutor Francisco Simões de Lima!


A Escola Municipal Doutor Francisco Simões de Lima (Petrolândia-PE) tem vagas disponíveis para pessoas que queiram ingressar na EJA (Educação de Jovens e Adultos) nas seguintes turmas:

.3ª fase (que corresponde ao 6º e 7º ano do ensino fundamental)

.4ª fase (que corresponde ao 8º e 9º ano do ensino fundamental)

Para se matricular, o interessado deve comparecer na escola levando os seguintes documentos:

1. Xerox da certidão de nascimento;

2. Número do NIS (número de identificação social) do aluno;

3. Histórico escolar (transferência) ou declaração;

4. Xerox do cartão do Bolsa Família e RG do titular;

5. Xerox do RG e CPF do pai ou responsável

6. Xerox do RG e CPF da mãe;

7. 01 foto 3x4

8. Xerox do comprovante de residência com CEP;

9. Xerox do cartão de vacina

10. Número de contato do responsável (e do próprio estudante se tiver)

OBS: Para matricular-se na EJA é necessário ter 15 anos ou mais de idade




Blog de Assis Ramalho
Informação: Escola Municipal Doutor Francisco Simões de Lima!
Fotos: Assis Ramalho

Petrolândia: Família comunica o falecimento de Maria Anita Sobreira; sepultamento será amanhã 09:00hs no cemitério local


Faleceu na manhã desta sexta-feira (12), a Sra Maria Anita Sobreira.  O corpo está sendo velado na RUA FRANCISCO SOARES SANTOS, 154  QUADRA 03. O sepultamento será amanhã 09:00hs no cemiterio desta cidade.

Maria Anita tinha 86 anos e é mãe de RINEIDE; RENILDA; FATIMA; SAÚDE; CEIÇA; DEDÉ; DADÁ, DÃO; LEILMA e LETICIA

Blog de Assis Ramalho

Informação: Família

Petrolândia: Vereador Said Sousa solicita ao prefeito Fabiano Marques providências para construção de Centro de Abastecimento de micros e pequenas empresas no Conj. Residencial Dr Francisco Simões

 


Na segunda Sessão Ordinária da Câmara Municipal de Petrolândia [ legislatura 2021/2024], realizada na manhã de quarta-feira, 10 de fevereiro de 2021, o vereador Said Sousa (PODE) apresentou indicação para solicitação ao prefeito Fabiano Marques providências para construção de um Centro de Abastecimento de micros e pequenas empresas no Conj. Residencial Dr Francisco Simões

CONFIRA JUSTIFICATIVA NA ÍNTEGRA

O vereador Said Oliveira de Sousa, abaixo subscrito, indica à Mesa Diretora, após ouvido o Plenário e cumprida as formalidades regimentais, que seja solicitado ao Exmo. prefeito do município de Petrolândia, Fabiano Jaques Marques, providências cabíveis, com o objetivo de interceder junto ao Secretário de Infra-estrutura do município de Petrolândia,  a construção de um Centro de Abastecimento de micros e pequenas empresas no Conjunto Residencial Dr Francisco Simões.

JUSTIFICATIVA

O pleito em tela deve-se à necessidade premente, que exige-se , em disponibilizar aos moradores daquele Conjunto Residencial, um Centro de Abastecimento , tendo em vista que, muitos dos residentes não possuem qualquer meio de  transporte para realizar o deslocamento até o centro comercial de Petrolândia.

Cumpre salientar, que existe um amparo legal, para o supracitado pleito, o qual est´s proconizado no Art. 156,II da Lei Orgânica Municipal de Petrolândia.

Isto posto, justifico aqui o supracitado pleito, com a certeza plena da atenção a qual será destinada a esta solicitação. 

Do teor desta, conto com o aval dos Nobres Pares para avaliação e inconteste aprovação pedido elencado.

Said Oliveira de Sousa

Vereador (PODEMOS) 


Assista abaixo discurso do vereador Said Sousa na reunião do dia 10/02/2021

Vídeo: Assis Ramalho

Bancos não terão expediente durante feriado de carnaval


Agência do Banco do Brasil de Petrolândia (Foto: Assis Ramalho/BlogAR)


Em razão da pandemia de covid-19, muitos estados e munícipios brasileiros revogaram seus pontos facultativos e cancelaram suas festas e desfiles de carnaval.

Apesar disso, a Federação Brasileira de Bancos (Febrabab) informa que, de acordo resolução do Banco Central, o calendário de feriados bancários está mantido e nos dias 15 e 16/02 - segunda e terça-feira de carnaval - não haverá atendimento ao público nas agências.

Na quarta-feira de cinzas (17) o início do expediente será às 12h, com encerramento em horário normal de fechamento das agências.

Por Agência Brasil

Petrolândia: Nutricionista Yslaine Lisboa atende na Clínica São Gabriel; agende sua consulta

 

Blog de Assis Ramalho
Informação: Yslaine Lisboa

Petrolândia: Aproveite o Carnaval de Ofertas da Delgado Construções; em até 15 vezes

 

Petrolândia: Aproveite o Carnaval de Ofertas da Delgado Construções; em até 15 vezes

Delgado Construções tem cartão de crédito; parcele suas compras em até 15 vezes

A Delgado Construções, organização de Verônica Delgado, situada na Av. Manoel Borba, 112 - centro de Petrolândia, oferece aos seus clientes o CARTÃO DELGADO CONSTRUÇÕES.Peça já o seu!

Visite a Delgado Construções, peça o seu cartão e compre na mesma hora. Aproveite esta oportunidade!

Horário de Atendimento de Segunda à Sexta, das 08:00 às 12:00 e das 14:00 às 18:00 horas.
Aos Sábados das 08:00 às 12:00 horas.


Delgado Construções - Aqui tem economia e novidade todos os dias!


Da Redação do Blog de Assis Ramalho

Antecipação do 13º dos aposentados do INSS deve ficar para março



Os aposentados e pensionistas do INSS esperam receber o adiantamento da primeira parcela do 13º no final do mês de março, segundo informações de representantes dos segurados. A expectativa é que o pagamento seja feito com a folha mensal de benefícios. Pelo calendário, a grana começaria a ser depositada a partir do dia 25 de março.

João Inocentini, presidente do Sindnapi (Sindicato Nacional dos Aposentados da Força Sindical), afirma que o sindicato fez, em janeiro, o pedido de antecipação dos valores da primeira parcela do 13º. Segundo ele, extraoficialmente o pagamento teria sido confirmado pelo ministro Paulo Guedes (Economia), mas não houve resposta oficial. "A esperança é sair em março; no final de março, começo de abril."

Os representantes dos aposentados dizem acreditar que, no mês de fevereiro, não haverá o adiantamento, como havia sido sugerido inicialmente. O motivo é que a folha de pagamentos de aposentadorias e pensões deste mês já teria começado a ser processada, sem o 13º.

"Neste mês não vai ser mais", afirma Warley Martins Gonçalles, presidente da Cobap (Confederação Brasileira de Aposentados, Pensionistas e Idosos). Ele diz que a entidade tenta um encontro com representantes do governo federal para debater o adiantamento dos valores ainda neste primeiro semestre sem que os aposentados sejam prejudicados.

O prejuízo ao qual se refere está ligado a portaria publicada pelo governo em janeiro, que cobra dos herdeiros do aposentado que morre e já havia recebido o adiantamento as parcelas pagas "a mais". "Estamos tentando falar com alguém do governo, mas até agora não conseguimos. Nossa preocupação é com essa regra. "Do que adianta a gente receber adiantado e depois ter que devolver. Antes, se a gente morria, a viúva não tinha nada que devolver o dinheiro."

Para Inocentini, o governo tinha que dar mais apoio aos aposentados, que têm sofrido muito nesta pandemia. "O governo ajudou todo mundo, menos os aposentados. Ele simplesmente antecipou o que já era um direito e não deu ajuda nenhuma. Hoje, quem está sustentando as famílias é o aposentado, ajudando filho, genro e neto que estão desempregados."

Dinheiro foi liberada por causa da pandemia

Embora o adiantamento do 13º tenha ocorrido nos últimos anos, a antecipação da primeira e da segunda parcelas do 13º dos aposentados e pensionistas foi feita para tentar minimizar os efeitos da crise econômica gerada pela pandemia de coronavírus.

Na época, com o isolamento social, o governo optou por liberar o valor nas competências de abril e maio, injetando o equivalente a R$ 23,7 bilhões na economia, com pagamento dos valores a 30,7 milhões de segurados. Têm direito ao 13º aposentados, pensionistas e beneficiários de auxílio-doença, auxílio-acidente ou auxílio-reclusão.

Quem ganha BPC ou renda mensal vitalícia não recebe 13º. A primeira parcela da grana equivale a exatamente metade do valor do benefício mensal. Já a segunda tem os descontos de Imposto de Renda, para quem é obrigado a pagar.

Procurado, o Ministério da Economia informou que não comentaria o assunto. Já o INSS disse que não comenta estudos do governo em andamento

Adiantamento do abono | Expectativa dos aposentados

Os aposentados e pensionistas do INSS esperam que, neste ano, ocorra novamente o adiantamento do 13º. A liberação da grana antes do final do ano, como ocorreu em 2020, já foi sinalizada por Paulo Guedes, ministro da Economia, mas não há uma data fechada.

Dinheiro pode sair em março

Segundo representantes dos aposentados, não há mais tempo hábil para o pagamento da primeira parcela do 13º em fevereiro. O motivo é que já teria começado o processado da folha mensal de benefícios, sem essa parcela extra. A expectativa é que o dinheiro saia em março.

Se for confirmada a liberação do 13º ainda neste primeiro semestre, a primeira parcela sairia entre o final de março e o começo de abril. Isso ocorre porque há uma divisão de pagamento dos benefícios do INSS da seguinte forma: Quem tem direito a até um salário mínimo de aposentadoria ou pensão começa a receber nos últimos dias do mês. Benefícios acima do salário mínimo são pagos no primeiro dia do mês seguinte.

Segunda parcela

Se seguir o esquema do ano passado, a segunda parcela sairia entre o final de abril e o começo de maio.

Como foi em 2020

Com o isolamento social iniciado em todo o país por causa da pandemia de coronavírus, o governo antecipou o 13º para os meses de abril e maio. A primeira parcela foi paga entre os dias 24 de abril e 8 de maio. A segunda parcela saiu entre 25 de maio e 5 de junho.

Decreto antecipa valores

Mesmo se não for pago no primeiro semestre, o adiantamento da primeira parcela do INSS será feito na competência de agosto. A antecipação está no decreto 10.410, de julho de 2020, que regulamentou a reforma da Previdência. Pela nova norma, a primeira parcela sai em agosto e a segunda, em novembro, como vinha ocorrendo em anos anteriores. No entanto, todos os anos, era necessário esperar decreto presidencial antecipando os valores O que diz o governo

O Ministério da Economia informou que não comentaria o assunto. O INSS disse que não comenta estudos do governo em andamento.

FOLHA DE S.PAUO