quinta-feira, 14 de janeiro de 2021

Policiais civis de Petrolândia-PE cumprem em Maribondo-AL mandado de prisão contra acusado de feminicídio em Jatobá-PE


Na manhã desta quinta-feira (14/01/2001), em cumprimento a mandado de prisão preventiva expedido pela Comarca de Petrolândia, em desfavor de M. M. da Silva, que responde pelas tipificações penais descritas no Art. 121, parágrafo 2º, itens I, IV e VI; parágrafo 2º, item I; e parágrafo 7º, item III, do Código Penal, foi realizada a prisão preventiva de Marivaldo Mateus da Silva, na cidade de Maribondo, interior do Estado de Alagoas. 

Marivaldo é acusado de feminicídio pela morte da ex-companheira, a facadas, na cidade de Jatobá, no sertão de Pernambuco, em 2019. Ele cumpria prisão domiciliar na cidade de Maribondo, em Alagoas, com uso de tornozeleira eletrônica. Por descumprir as medidas cautelares impostas pela Autoridade Judiciária, ele teve a prisão domiciliar revogada e decretada sua prisão preventiva. 

Com apoio do Centro de Monitoramento Eletrônico de Reeducandos (Cemer), o mandado de prisão foi cumprido por policiais da Delegacia de Polícia Civil de Petrolândia e da cidade de Maribondo, que realizaram a captura e condução de Marivaldo à Cadeia Pública de Petrolândia, onde ficará à disposição da Justiça. 

Blog de Assis Ramalho
Com informações da Polícia Civil de PE/Delegacia de Petrolândia

Celpe doa refrigeradores científicos para armazenar vacinas contra Covid-19 em 136 municípios

A empresa da Neoenergia contribui para a conservação e distribuição das vacinas contra a Covid-19. Equipamentos são adequados para armazenamento de imunizantes

A Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) e as demais distribuidoras da Neoenergia serão as primeiras empresas do setor elétrico a contribuir com as prefeituras na campanha de imunização contra a Covid-19. A empresa fará a doação de refrigeradores científicos para armazenar as vacinas em 136 municípios de Pernambuco. Além das localidades pernambucanas, serão beneficiadas 296 na área de concessão da Coelba (BA), 95 no Rio Grande do Norte (Cosern) e 131 em São Paulo (Elektro), totalizando 658 cidades contempladas. A iniciativa levou em consideração os municípios com os menores Índices de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) e faz parte do Programa de Eficiência Energética (PEE) regulado pela Agência Nacional de Eficiência Energética (Aneel). A doação desses equipamentos totaliza R$ 6 milhões, que se somam às outras ações já realizadas pela empresa voltadas ao combate da pandemia como a compra de testes em parceria com a Fiocruz e doação de respiradores, num montante que já alcança R$ 20 milhões.

“Neste momento em que a campanha de vacinação é a saída para conter a pandemia de Covid-19, apoiamos os municípios mais necessitados das nossas áreas de concessão, que precisam dos refrigeradores adequados para a vacinação da população com segurança. Reafirmamos, com essa iniciativa que teve todo o apoio e suporte da Aneel, nosso compromisso em levar mais do que energia para a sociedade”, afirma o CEO da Neoenergia, Mario Ruiz-Tagle.

Bhaskar se apresenta na Igreja Submersa de Petrolândia em Pernambuco; Confira live set do DJ e produtor

Fotos: @filipemiranda
Confira live-set gravada em Petrolândia no canal de Bhaskar no Youtube

Apresentando seu primeiro set de 2021, Bhaskar surpreende mais uma vez com a autenticidade e beleza do local escolhido: a Igreja Submersa Sagrado Coração de Jesus, localizada na cidade de Petrolândia, em Pernambuco. Seguindo a linha de sets gravados em locações em meio a natureza e de beleza abundante, o DJ e produtor apresenta sua sonoridade em um long-set de 4 horas, presenteando os fãs. 

Definido como um "oásis no meio do sertão nordestino" por Bhaskar, DJ e produtor que alcançou o auge de sua carreira no último ano com produções musicais impecáveis e projetos que fugiram do padrão, a Igreja que foi submersa há mais de 30 anos por conta de uma construção elétrica foi a localização escolhida aleatoriamente pelo artista e sua equipe. "Começamos a pesquisar locais bonitos e inusitados no Brasil, quando nos deparamos com Petrolândia. Em julho fizemos uma visita técnica para entender as dificuldades e no final das contas foi mais difícil do que a gente imaginava. Tentamos fazer a gravação em um dia e não deu certo, tivemos que fazer no dia seguinte e confesso que quando terminamos de gravar, me deu vontade de chorar", conta o DJ sobre o cenário tão desafiador, que acabou se tornando tão especial.

Além de toda a história que a Igreja carrega, que será contada em um making off liberado em breve, o local tem grande apego na região. Diante de todo o valor emocional que as ruínas têm para os moradores, Bhaskar e sua equipe buscaram tornar esse momento especial também para quem mora nas redondezas, engrandecendo a Igreja e respeitando os limites da estrutura.

Quando questionado se acontecerão mais live sets este ano, o produtor afirmou que esse é o primeiro de muitos. "Independente da pandemia acabar e a gente começar a fazer o Follow The Sun ao vivo, vou continuar gravando também os sets para a galera", confirma Bhaskar, completando que 2021 promete!

Assessoria de Imprensa Bhaskar

Jatobá: Família procura por homem desaparecido desde a última terça-feira (12/01)


O senhor Alessandro Bezerra Belarquino (Sandro), 43 anos, está desaparecido desde a última terça-feira (12/01), no Bairro de Itaparica, em Jatobá, sertão de Pernambuco.

Segundo informações dos seus familiares, a esposa de Alessandro, Cristiane chegou por volta das 22h na residência de sua mãe que reside no Bairro de Itaparica no nível III, pediram para o chamar, o homem entrou no veículo e até a finalização desta matéria não tinha retornado nem dado notícias.

Ainda segundo o filho de Sandro, a mãe de Cristiane recebeu uma ligação, a qual foi para a caixa postal, onde a mensagem eram gritos de pessoas como se estivessem em perigo.

Quem tiver qualquer informação entrar em contato com nossa redação ou através do WhatsApp (87) 99982-6704.

Por  Portal Jatobá

Petrolândia: Matrículas abertas nas Creches Vice-Prefeito Raimundo Nunes da Costa e Criança Feliz



Mais informações:

Sede das Creches:

Creche Vice-Prefeito Raimundo Nunes da Costa
Rua Belo Jardim, s/n - Quadra 01

Creche Municipal Criança Feliz
Rua Maria Francisca da Conceição - Quadra 04

Horário:

07:30 as 13:30h
De 11 a 15/01/2021


Blog de Assis Ramalho
Informação: Lucilene Viana

Petrolândia: Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer, realiza entrega de EPI e materiais de trabalho para manutenção do Estádio O Galegão e Ginásio de Esportes




PETROLÂNDIA-PE: A Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer, realizou a entrega de EPI - Equipamentos de Proteção Individual e materiais de trabalho para manutenção do Estádio Anísio da Mota (O Galegão) e o Ginásio de Esportes.

Na ocasião, a Secretária Maria Helena, fez reunião com servidores para divisão das tarefas, assim como, orientações administrativas para o cadastro de todas as Associações que utilizam o espaço, para que possam dialogar e verificar as demandas para melhorias do Esporte da nossa cidade.


Blog de Assis Ramalho
Divulgação/Prefeitura de Petrolândia

Justiça nega mais uma vez o adiamento do Enem e mantém prova para este domingo

Provas presenciais do Enem serão realizadas em janeiro de 2021

O Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF-3) manteve nesta quinta (14) a decisão da Justiça Federal em SP que negou o adiamento do Enem e manteve as datas para o próximo domingo (17) e o seguinte (24).

No texto da decisão, o desembargador Antonio Carlos Cedenho diz que "a aplicação do exame não foi uma decisão isolada e política do Ministério da Educação. Houve a participação de setores diretamente interessados no Enem, inclusive estados e municípios, dando legitimidade e representatividade para a nova data de realização", referindo-se a remarcação da prova de novembro de 2020 para janeiro.

"Embora as infecções pelo novo coronavírus tenham se intensificado, devido, sobretudo, às festas de fim de ano, a observância das normas sanitárias minimiza o risco durante a prova. Similarmente às eleições para prefeitos e vereadores, o Enem sintetiza um interesse público de difícil postergação."

Na decisão da última terça, mantida nesta quinta pelo TRF-3, da juíza Marisa Claudia Gonçalvez Cucio, da 12ª Vara Cível Federal de SP, caso uma cidade tenha elevado risco de contágio que justifique medidas severas de restrição de circulação, caberá às autoridades locais impedirem a realização da prova. Se isso acontecer, o Inep, responsável pela prova, terá que reaplicar o exame.

No documento do desembargador, afirma-se que "a suspensão do exame levará à desestabilização da educação básica e do ensino superior, em prejuízo das deliberações tomadas, do planejamento de realização da prova, dos programas de governo, de cunho assistencial e afirmativo (Sisu, Prouni, Fies e cotas sociais e raciais), e da vontade de parte significativa do corpo discente".

Ele também diz que "o próprio Inep já cogita de novas datas para os municípios que, no exercício da autonomia federativa - reconhecida pelo STF no combate aos efeitos da pandemia da Covid-19 -, decidirem suspender o exame em função do crescimento de mortes e infecções" e cita reportagem do G1.

A nota foi baseada em informação transmitida pela assessoria de comunicação do Inep. A autarquia procurou o site posteriormente e retificou a informação passada à reportagem. Disse que ainda não há data definidas.

O presidente do Inep afirmou no começo da tarde desta quinta ao G1 que não há como "assegurar que vamos fazer aplicações em cidades que vão pedir reaplicação".

A realização do Enem 2020 colocará 5,78 milhões de candidatos em circulação. O exame terá 14 mil locais de prova e 205 mil salas em todo o país. O balanço com número de cidades que terão Enem só será divulgado após a aplicação, segundo o Inep.

Em relação aos estados, SP é o que tem o maior número de inscritos (910.482), seguido por MG (577.227) e BA (446.978). Os estados com menor número de inscritos são RR (16.897), AC (41.841) e AP (47.279).

Amazonas suspendeu a prova

Nesta noite de quarta, a Justiça Federal do Amazonas suspendeu a realização da prova no estado. A decisão liminar foi concedida pelo juiz federal José Ricardo de Sales.

De acordo com a determinação, as provas devem ficar suspensas enquanto durar o estado de calamidade pública decretado pelo poder executivo estadual, sob pena de multa de R$ 100 mil por dia de descumprimento, até o limite de 30 dias.

Na decisão, o magistrado considera o surto de casos da Covid-19 que acomete o Amazonas. Até esta quarta-feira (13), mais de 219 mil pessoas foram infectadas pela Covid em todo estado, e mais de 5,8 mil morreram com a doença.

Em Manaus, o número de mortes passa de 3,8 mil e a capital voltou a sofrer com hospitais e cemitérios lotados por conta de um novo surto da Covid. A prefeitura da capital decidiu não liberar as escolas municipais para a realização do exame.

Avaliação de infectologistas

O G1 procurou no último domingo (10) a avaliação de especialistas sobre a data marcada para o Enem nesse momento da pandemia nas condições descritas pelo Inep.

Márcio Sommer Bittencourt, da Clínica Epidemiológica do Hospital Universitário da USP, diz que, "de forma bem subjetiva", o risco com "pessoas em silêncio, usando máscara, com distanciamento e janelas abertas poderia ser considerado moderado" nas condições anunciadas pelo Inep.

Em sua avaliação, a decisão de manter ou adiar o Enem é "muito complicada, mas acho que estamos fazendo o exame no pior momento da pandemia no Brasil. Está pior do que na data em que foi adiado [maio do ano passado]".

Para o infectologista Jamal Suleiman, do Instituto Emílio Ribas, de São Paulo, "o risco de transmissão nesse cenário é mínimo, porque a possibilidade de disseminação de gotículas é praticamente zero. Não há comunicação oral nem contato físico durante a permanência nas salas".

Suleiman ressalta que "atenção especial deve ser dada aos momentos de entrada e saída da prova para que não ocorra aglomeração". "O ponto central é que, se o processo seguir rigorosamente protocolo de segurança, estaremos executando a flexibilização de maneira correta."

Miriam Dal Ben, infectologista do hospital Sírio-Libanês, de São Paulo, diz que as medidas adotadas pelo Inep "são as indicadas para mitigar o risco, mas o risco não é zero".

Por G1

Boletim desta quinta (14/01/2021): Com mais 1.412 casos da Covid-19 e 27 mortes, Pernambuco soma 237.453 infectados e 9.946 óbitos



Foram confirmados, nesta quinta-feira (14), 1.412 casos e 27 óbitos por Covid-19 em Pernambuco. Com esse acréscimo, o estado passou a totalizar 237.453 infectados pelo novo coronavírus e 9.946 mortes devido à pandemia, números que começaram a ser registrados em março de 2020.

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (SES), 84 dos 1.412 novos casos foram de pacientes com Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag). Outros 1.328 pacientes foram diagnosticados com a forma leve da Covid-19. Ao todo, Pernambuco totalizou 30.101 casos graves e 207.352 quadros leves da doença.

Com relação às mortes, os 27 óbitos contabilizados nesta quinta-feira (14) ocorreram entre o dia 28 de novembro de 2020 e a quarta-feira (13). Outros detalhes epidemiológicos devem ser divulgados ao longo do dia pela SES, segundo o governo estadual.

Por G1 PE

Prefeitos dizem que Pazuello anunciou início da vacinação em todo o país para o dia 20 de janeiro


Após uma reunião com o Ministério da Saúde nesta quinta-feira (14), prefeitos disseram que, de acordo com o ministro Eduardo Pazuello, a vacinação contra a Covid-19 começará em todo o país na quarta-feira (20) da semana que vem. A data depende de a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) liberar o uso emergencial das vacinas Coronovac e Astrazeneca. A decisão da Anvisa sai no domingo (17).

"De acordo com @ministropazuelo, próxima segunda chegam as 2 milhões de doses da Astrazeneca para estados. Há também as 6 milhões da Coronavac. Anvisa liberando domingo, distribuem na terça para iniciar na quarta, dia 20. Ou seja: 8 milhões de doses para janeiro", escreveu o prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro (DEM), em uma rede social.

Algumas outras prefeituras que também saíram da reunião informando que o governo marcou a data do dia 20 foram as de: Salvador, Curitiba, Cuiabá, Maringá, Ribeirão Preto e Araucária (PR).

"Em Curitiba, vamos vacinar primeiro os grupos prioritários. Os 70 mil profissionais de saúde, e todos os idosos de Curitiba, que são perto de 300 mil pessoas", afirmou o prefeito Rafael Greca (DEM). "Será em 20 de janeiro".

Procurado pelo G1, o Ministério da Saúde ainda não confirmou a data. Pazuello recebeu mais de 130 prefeitos. A maioria participou virtualmente.

O presidente da Frente Nacional dos Prefeitos, Jonas Donizete, ex-prefeito de Campinas, afirmou que eventual atraso no voo que vai buscar doses de vacina na Índia pode alterar a data.

"Embora tenha sido mencionado a data do dia 20, às 10h da manhã, essa data está pendente deste dois fatores: da logística de voo e da aprovação da Anvisa", afirmou.

Doses

A Frente Nacional dos Prefeitos disse ainda que, na reunião, Pazuello apresentou a seguinte previsão de quantas doses de vacina o país terá nos próximos meses:

Janeiro: 8 milhões
Fevereiro: 30 milhões
Abril: 80 milhões

Equipamento

Jonas Donizete também disse que a maioria das cidades tem quantidade suficiente de agulhas e seringas para iniciar a vacinação.

"A gente vai passar para o ministro uma ideia de como estão as cidades. E para isso eu fiz uma conversa antes com os prefeitos. A notícia boa para a população é que a maioria das cidades está preparada para a vacinação, com seringas, agulhas”, afirmou.

Por Luiz Felipe Barbiéri, G1 — Brasília


Petrolândia: ''Respeitando a vontade do povo, desmontamos o palanque e fizemos uma transição de forma transparente, responsável e propositiva até o último dia de nossa gestão'' Diz nota da ex-prefeita Jane Souza

ENFRENTAMOS A CRISE MANTENDO OS EMPREGOS, PAGANDO OS SALÁRIOS E SENDO TRANSPARENTES


A respeito de informações que circulam nas redes sociais e blogs da cidade sobre a situação financeira do município cumpre-me esclarecer o seguinte:

1) Respeitando a vontade do povo, desmontamos o palanque e fizemos uma transição de aproximadamente 40 dias de forma transparente, responsável e propositiva até o último dia de nossa gestão, ouvimos inclusive elogios e agradecimentos da equipe atual.

2) Durante os 41 meses de nossa atuação nunca escondemos as dificuldades financeiras. Cada mês foi um desafio para o pagamento das contas. Funcionários, prestadores de serviços e fornecedores sempre estiveram informados das dificuldades. Medidas de contenção de despesas foram tomadas, mantivemos o essencial. Com a pandemia a situação piorou e tivemos a atitude, inclusive com orientação do Tribunal de Contas de não demitir nenhum servidor durante esses tempos de enormes dificuldades.

Restos a pagar é uma realidade não somente de nossa gestão. Os salários há algum tempo já vinham sendo pagos com recursos do mês subsequente, bem como fornecedores e prestadores de serviços que também mantivemos com muita dificuldade. O ajuste das contas públicas passa pela demissão em massa de servidores comissionados, contratados e parte dos concursados, além da redução e/ou suspensão de alguns serviços, o que seria desumano. 

3) Vale ressaltar que nos últimos dias de nossa gestão tivemos funcionários que testaram positivo para a covid19 e isso atrasou o fechamento das contas e a conciliação bancária que já é prevista para entrega posterior. Entretanto, o trabalho está em andamento e não é impedimento para que a gestão atual possa movimentar as contas. A propósito é importante informar que deixamos cerca de 5,5 milhões em contas vinculadas e diversos da saúde, educação, desenvolvimento social e algumas de obras que podem ser utilizados pela gestão atual mediante os objetivos de cada uma, além dos valores que já ficaram retidos em contas da saúde e educação provenientes de receitas de arrecadação ainda do ano de 2020, dentre outros. 

4) Fizemos tudo que estava ao nosso alcance e fora dele no sentido de buscar soluções para os problemas. Pagamos 40 meses de salários e obrigações sociais e esperamos que a atual gestão continue cumprindo esse dever. Informamos ainda que os pagamentos efetuados através de cheques e TEDs no final do ano passado e não cumpridos pelo Banco do Brasil, não tem qualquer razão de natureza legal para terem sido suspensos, pois tudo seguiu as normas, e deixamos saldo para os pagamentos. Quanto a isso, estamos tomando todas as providências legais contra essa interferência em nossa gestão;

5) Por fim, quero dizer que compreendo a angústia e a frustração do atual gestor em relação a situação financeira do município, até porque fui gestora e "senti na pele" essas dificuldades por mais de 3 anos. Esse não é um problema criado pela nossa gestão e muito menos pela gestão atual. Trata-se da realidade de Petrolândia ampliada pela pandemia mundial. 

É preciso admitir o nosso esforço em fazer o máximo possível e desejar que a atual gestão continue avançando e melhorando o município. Enquanto cidadã, me somo aos demais para unirmos esforços em prol da melhoria desejada, na esperança de que tudo dê certo! 

Abraço, 
Jane Souza
Ex-prefeita de Petrolândia

Eleições 2020: termina hoje prazo para justificar ausência no 1º turno

 

O eleitor que não compareceu às urnas no primeiro turno das eleições municipais de novembro tem até esta quinta-feira (14) para justificar a ausência. Caso o procedimento não seja realizado, será preciso pagar uma multa. Quem não regularizar a situação pode ficar sujeito a restrições. Para o segundo turno, o limite é 28 de janeiro


O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) recomenda que a justificativa seja feita, preferencialmente, por meio do aplicativo e-Título, disponível para celulares com sistemas operacionais Android ou iOS.

O procedimento pode ser feito também pela internet, em um computador, por meio do Sistema Justifica. Ou ainda de modo presencial, no Cartório Eleitoral. Em todo caso, o eleitor precisará preencher um Requerimento de Justificativa Eleitoral (RJE), descrevendo porque não votou. O TSE pede que seja anexada documentação que comprove a razão da falta.

Isso porque o RJE pode ser recusado pela Justiça Eleitoral, se a justificativa não for plausível ou se o formulário for preenchido com informações que não permitam identificar corretamente o eleitor, por exemplo.

Se tiver o requerimento negado, para regularizar sua situação o eleitor precisará pagar a mesma multa de quem perdeu o prazo para a justificativa. A multa pode variar de acordo com o valor estipulado pelo juízo de cada zona eleitoral. Existe a possibilidade de o eleitor solicitar isenção, se puder comprovar que não tem recursos para arcar com a penalidade.

Cada justificativa é válida somente para o turno ao qual o eleitor não compareceu por estar fora de seu domicílio eleitoral. Ou seja, se não tiver votado no primeiro e no segundo turno da eleição, terá de justificar a ausência a cada um, separadamente, obedecendo aos mesmos requisitos e prazos de cada turno.

Nas eleições 2020, foi registrada abstenção recorde tanto no primeiro (23,14% do eleitorado) quanto no segundo turno (29,5%). Quando foram realizadas as votações, o Brasil tinha 147.918.483 eleitores aptos a votar.

A justificativa para a ausência é necessária porque o voto é obrigatório para quem tem entre 18 e 70 anos, conforme o Artigo 14 da Constituição. Quem não justificar e não pagar a multa para regularizar a situação na Justiça Eleitoral fica sujeito a uma série de restrições legais, impedido de:

- obter passaporte (1) ou carteira de identidade;

- receber vencimentos, remuneração, salário ou proventos de função ou emprego público, autárquico ou paraestatal, bem como fundações governamentais, empresas, institutos e sociedades de qualquer natureza, mantidas ou subvencionadas pelo governo ou que exerçam serviço público delegado, correspondentes ao segundo mês subsequente ao da eleição;

- participar de concorrência pública ou administrativa da União, dos estados, territórios, do Distrito Federal, dos municípios ou das respectivas autarquias;

- obter empréstimos nas autarquias, nas sociedades de economia mista, nas caixas econômicas federais e estaduais, nos institutos e caixas de Previdência Social, bem como em qualquer estabelecimento de crédito mantido pelo governo, ou de cuja administração ele participe, e com essas entidades celebrar contratos;

- inscrever-se em concurso ou prova para cargo ou função pública, e neles ser investido ou empossado;

- renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo;

- praticar qualquer ato para o qual se exija quitação do serviço militar ou imposto de renda;

- obter certidão de quitação eleitoral;

- obter qualquer documento perante repartições diplomáticas a que estiver subordinado.

Por Agência Brasil 

Petrolândia/Covid-19: Boletim de 13/01/2021 informa que o município tem 12 pacientes infectados, 14 óbitos e 20 suspeitos - confira os números completos

Centro da cidade de Petrolândia - Foto: Assis Ramalho/BlogAR

PETROLÂNDIA - COVID-19 - BOLETIM DIVULGADO PELA SECRETARIA DE SAÚDE DE PETROLÂNDIA NESTA QUARTA-FEIRA, 13 DE JANEIRO DE 2021

Com12 pacientes contaminados pelo novo coronavírus [5 em isolamento domiciliar e 7 em internamento], 14 óbitos e 20 suspeitos  - a Secretaria de Saúde de Petrolândia [sob nova administração] divulga o boletim informativo da Covid-19 (veja abaixo).

Para maiores informações e esclarecimentos, entre em contato com a vigilância epidemiológica pelo número abaixo. (87) 9646-5830


 Confira abaixo dados ativos por localidades



Confira abaixo quadro comparativo com o ultimo boletim divulgado na segunda-feira, 11 de janeiro de 2021.



Redação do Blog de Assis Ramalho
Com informações da Assessoria de Imprensa da Prefeitura Municipal de Petrolândia

Petrolândia: Grupo Rical inaugura novo empreendimento na cidade, o Posto R3


O Grupo Rical inaugura mais um novo empreendimento, o Posto R3 , localizado na avenida Djalma Wanderley em frente a Marcos Pneus e a loja Pisebem funcionando 24 horas para maior conforto e comodidade dos clientes com um atendimento e qualidade garantida pelo Rical.

O Posto Rical funciona em Petrolândia há 23 anos e é um dos empreendimentos mais bem colocados no GAT-4 da Petrobrás Distribuidora. De acordo com Geraldo, contratar pessoas que sabem prestar bom atendimento ao cliente é uma das chaves do sucesso.

Notícias relacionadas (clique para ler)

>> Petrolândia: Posto Rical recebe a van de Prêmios do Desafio Petrobras
>Premiação do Desafio Petrobras 2013 leva proprietários do Posto Rical (Petrolândia) e Rical Combustíveis (Paulo Afonso) à África do Sul
>Petrolândia: Posto Rical e Ricall Combustíveis recebem premiação do Desafio Petrobras em Cancún, no México
>Petrolândia: Posto Rical é premiado com convite para assistir Grande Prêmio de Fórmula 1 em São Paulo
>Petrolândia: Posto Rical envia funcionário para conhecer a Fórmula Truck em Brasília

Blog de Assis Ramalho

Petrolândia: Equipe PROVIDA realiza apresentação do Sisteminha Embrapa na agrovila 1 do bloco 1, Projeto Barreiras


Nesta quarta-feira (13/01/2021) a equipe da Associação PROVIDA esteve na cidade de Prtrolandia - PE, Agrovila 1, Bloco 1, apresentando o Projeto Sisteminha Embrapa para a Associação de Mulheres da localidade, que também já estavam na companhia do Programa de Educação Ambiental e da CHESF. Onde os mesmo realizaram uma capacitação de elaboração e projetos. Durante a reunião conjunta houveram debates e esclarecimentos de todas as partes.

#ClaudiaLeal, um trabalho por amor!

Confira fotos do evento










Blog de Assis Ramalho

Informação; Associação PROVIDA/ #ClaudiaLeal, um trabalho por amor!

Pernambucana Yane Marques é eleita presidente da Comissão de Atletas do Comitê Olímpico e comandará a Cacob até a Olimpíada de 2024 na França

Yane Marques concede entrevista a reportagem do Blog de Assis Ramalho e Web Rádio Petrolândia

Nesta terça-feira, 13 de janeiro de 2021, a pernambucana [natural de Afogados da Ingazeira (PE)] Yane Marques, bicampeã dos Jogos Pan-Americanos e medalhista de bronze nos Jogos Olímpicos de Londres no Pentatlo Moderno, foi eleita a nova presidente da Comissão de Atletas do Comitê Olímpico do Brasil (COB) para o mandato 2021/2024.


A escolha ocorreu de forma virtual, e Yane Marques recebeu 73% dos votos. Diogo Silva, do taekwondo, e Bárbara Seixas, do vôlei de praia, ficaram com 11% cada. Fabiano Peçanha recebeu 60% dos votos para o cargo de vice-presidente. Rodrigão, do vôlei, teve 24%. E Fernanda Nunes, do remo, 16%.

Fabiano Peçanha, do atletismo, com 60% dos votos, foi eleito vice-presidente da comissão, seguido por Rodrigão, do vôlei, com 24%, e Fernanda Nunes, do remo, com 16%.


Agora, Yane comandará a Cacob até a Olimpíada de 2024, na França, com a missão de manter as conquistas da última gestão, gerida por Tiago Camilo, do judô, onde a pentatleta foi vice.

Junto com a comissão dos atletas, o atual presidente do COB, Paulo Vanderlei, tomou posse para o seu segundo mandato. Além dele, os membros do conselho administrativo também foram empossados.

Para 2021, o COB tem um orçamento de R$ 388 milhões, valor recorde. Significa um aumento de 20% na comparação com 2020. Já as 32 federações olímpicas brasileiras dividirão R$ 150 milhões (o maior valor desde 2001) em recursos referentes ao aporte das loterias federais. Um aumento de 25% na comparação com 2020.


Acompanhe abaixo um pouco da rica história de Yane Marques:

Yane Márcia Campos da Fonseca Marques, que nasceu em Afogados da Ingazeira(PE) em 7 de janeiro de 1984 é uma pentatleta brasileira, única detentora de medalha olímpica no pentatlo moderno na América Latina e no Hemisfério Sul.

Em 2011 tornou-se a número 3 no ranking mundial da União Internacional de Pentatlo Moderno (UIPM). Após os Jogos Olímpicos de Londres 2012, no qual obteve a medalha de bronze, passou a ser a número 2 do mundo, atrás somente da campeã olímpica Laura Asadauskaite, da Lituânia.

Em 2013 conquistou a medalha de prata no Campeonato Mundial de Pentatlo Moderno, disputado na cidade de Kaohsiung, em Taiwan. Esta foi a primeira medalha de prata do Brasil na história da competição.

Yane Marques concede entrevista a reportagem do Blog de Assis Ramalho e Web Rádio Petrolândia

Yane Marques começou a carreira esportiva como nadadora no Clube Náutico Capibaribe, em Recife, para onde se mudou aos onze anos de idade. Descoberta sua vocação para o pentatlo, na primeira competição que participou já foi campeã de uma etapa do campeonato nacional, em Porto Alegre. Em 2006, venceu o Campeonato Sul-americano e, em 2007, conquistou a medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos, ambos realizados no Rio de Janeiro. Esse último fato a tornou conhecida nacionalmente, devido ao feito alcançado ser em um esporte pouco conhecido pelo público brasileiro.

Participou dos Jogos Olímpicos de Pequim 2008, onde ficou em 18º lugar geral no pentatlo moderno. Suas colocações nas cinco provas foram: 14ª lugar na esgrima, 6ª na natação, 33ª no hipismo, 7ª no tiro e 24ª na corrida.

Em 2011, Yane, que cursa Educação Física, atingiu a terceira colocação no ranking mundial do pentatlo moderno, a melhor posição já conquistada por uma atleta sul-americana no esporte.

Esteve nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara 2011, onde obteve a medalha de prata no pentatlo moderno. Yane reclamou da estrutura montada para as provas, classificando-a como "terrível". A medalha de ouro ficou com a norte-americana Margaux Isaksen, que viria mais tarde a ser a 4ª colocada do pentatlo moderno nas Olimpíadas de 2012.

Londres 2012
Participando do pentatlo moderno nos Jogos Olímpicos de Londres 2012, Yane ficou em 6º lugar na esgrima, com 21 vitórias e 14 derrotas. Na natação, também ficou em 6º lugar com o tempo de 2m12s39, subindo para a 2ª colocação geral. Na terceira prova, de hipismo, Yane ficou em 9º lugar, e assumiu o 1º lugar geral junto com a lituana Laura Asadauskaite, líder do ranking mundial. Na última prova, o combinado de corrida e tiro esportivo, foi a primeira atleta a acertar os tiros e partir para a corrida, modalidade na qual acabou perdendo duas posições, para Laura Asadauskaite e para a número 7 do ranking mundial e atleta da casa Samantha Murray, terminando a disputa na terceira colocação, e ganhando a medalha de bronze. Foi a primeira latino-americana a ganhar medalha no pentatlo moderno na História dos Jogos Olímpicos: fora da Europa, apenas os Estados Unidos, a China e o Cazaquistão (país ex-integrande da União Soviética) têm alguma medalha neste esporte, que tem como nações mais vitoriosas a Hungria e a Suécia.


Principais resultados de Yane Marques:
Medalha de Ouro no Campeonato Pan-Americano de Pentatlo Moderno 2007
Medalha de Ouro nos Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro 2007
18ª colocada nos Jogos Olímpicos de Pequim 2008
Medalha de Ouro no Campeonato Pan-Americano de Pentatlo Moderno 2009
Medalha de Prata na grande final das etapas da Copa do Mundo 2009
Medalha de Prata nos Jogos Mundiais Militares 2011
Medalha de Ouro no Campeonato Pan-Americano de Pentatlo Moderno 2010
Medalha de Prata nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara 2011
Medalha de Bronze na grande final das etapas da Copa do Mundo 2012
Medalha de Ouro no Campeonato Francês de Pentatlo Moderno 2012
Medalha de Bronze nos Jogos Olímpicos de Londres 2012
Medalha de Prata no Campeonato Mundial de Pentatlo Moderno de 2013


Redação do Blog de Assis Ramalho

Fotos: Lúcia Xavier

Prefeitura de Petrolândia comemora acatamento de proposta do tombamento das ruínas da igreja submersa Sagrado Coração de Jesus


A Igreja Sagrado Coração de Jesus, agora é patrimônio histórico de Pernambuco.
A Fundarpe define que o tombamento foi deferido em razão da relevância histórica e simbólica da igreja. A ação visa assegurar ao bem em exame até a resolução final, o mesmo regime de preservação dos bens tombados de acordo com a legislação estadual.

O tombamento é o ato de reconhecimento do valor histórico, artístico ou cultural de um bem, transformando-o em patrimônio oficial público.

Prefeitura Municipal de Petrolândia


 VEJA TAMBÉM


Um dos principais destinos turísticos do Estado de Pernambuco, igreja agora é considerada patrimônio

Em publicação na edição desta terça-feira (12) do Diário Oficial do Estado, a Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe) deferiu a proposta de tombamento das ruínas da Igreja do Sagrado Coração de Jesus, em Petrolândia, no Sertão de Pernambuco.

A igreja foi submersa em 1987, quando a antiga sede do município de Petrolândia foi inundada para a construção da Usina Hidrelétrica Luiz Gonzaga. Apenas o topo do templo ficou visível e o ponto, localizado no Lago Itaparica, se tornou um dos principais destinos turísticos pernambucanos, sendo conhecida como a "Atlântida Brasileira", em referência à lendária ilha submersa cuja origem remonta a Platão.

No texto publicado no Diário Oficial, a Fundarpe define que o tombamento foi deferido em razão da relevância histórica e simbólica da igreja. "A ação visa assegurar ao bem em exame até a resolução final, o mesmo regime de preservação dos bens tombados de acordo com a legislação estadual", traz o texto.

No fim de novembro, o Instituto Geográfico e Histórico de Petrolândia (IGH), entidade que busca preservar a memória da cidade, protocolou o pedido de tombamento junto à Fundarpe. A iniciativa contou com um abaixo assinado que recolheu mais de mil assinaturas.

No pedido, é destacado que a edificação histórica corre riscos de preservação, uma vez que, sem a regulamentação, visitantes podem subir na estrutura, fazer fotos e até saltar das ruínas.

Para a presidente do IGH, Paula Rubens, o tombamento da igreja era urgente. “Antes, a gente não podia nem denunciar, mas agora podemos. Ninguém pode fazer nada sem pedir autorização da Fundarpe. Se algum evento precisar ser feito, precisará de autorização da Fundarpe”, contou Paula, por telefone, à Folha de Pernambuco.

“O mundo todo quer visitar e queremos muito isso. Entendemos que a cidade pode ter essa vocação ao turismo, mas queremos um turismo responsável. Esperamos muito tempo achando que estava ali de certa forma protegida, o pessoal que transporta também tem interesse que seja preservada”, acrescentou Paula Rubens.

O pedido foi protocolado no final de novembro, após o uso do espaço para a gravação de um clip do DJ Bhaskar, irmão gêmeo do também DJ Alok. O show provocou revolta na cidade de 37 mil habitantes.

Segundo a Fundarpe, quando há um pedido de tombamento, existe um processo inicial chamado de tombamento prévio. É feita uma coleta de dados, que gera relatórios do conselho de preservação.

Em seguida, essa equipe de preservação confirma se o patrimônio será ou não tombado. Quando há o deferimento, como o da igreja de Petrolândia, o bem passa a compor o rol de patrimônios tombados no Estado. Não há um prazo específico para a finalização do processo.

A partir da publicação no Diário Oficial, ressalta a Fundarpe, o "bem já se encontra protegido legalmente contra destruição e/ou descaracterizações até que haja a homologação do tombamento com inscrição no Livro do Tombo específico e averbação em cartório de registro de imóveis onde esse bem estiver registrado".

“O cenário é muito bonito, tem muita gente fazendo ensaio fotográfico, mas queremos que a Fundarpe envie seus técnicos. Podemos fazer 10 visitas por dia, 20 vai complicar, por exemplo”, completou a presidente do IGH.

Paula finaliza ressaltando que este projeto de tombamento foi fruto de um trabalho coletivo. “Há alguns anos tentamos essa questão porque não tinha sido feito dentro das normas. O pessoal das Juntas ajudou muito, colocou o Jurídico à nossa disposição, do [grupo] Direitos Urbanos também. A geógrafa Milena Gomes, que representa a sociedade civil, assina o documento junto ao IGH”, completou a presidente do instituto.

De acordo com a gestora de Patrimônio Histórico da Fundarpe, Neide Fernandes de Sousa, o próximo passo do processo é apresentar o tombamento ao proprietário do patrimônio - neste caso, a Companhia Hidrelétrica do São Francisco (Chesf).

"A legislação não existe tempo. Às vezes, por várias razões, os processos demoram mesmo. Nesse caso, não deve demorar muito. Dois anos é um tempo razoável. Temos uma lista, precisamos fazer pesquisas, a gente nem sabe o que vai exigir, porque é um bem que está submerso. Vamos fazer análises o que vai acarretar a proteção de um bem submerso, não é algo que fazemos todo dia", explicou, reiterando que a igreja já conta com a proteção dos bens tombados com a publicação do edital.


VEJA TAMBÉM
Presidenta do IGH de Petrolândia, Paula Francinete Rubens detalha movimento que levou ao acolhimento do pedido deTombamento da Igreja Sagrado Coração de Jesus

Paula Francinete Rubens de Menezes, é educadora, escritora e presidenta do IGH de Petrolândia.

Por: Paula Francinete Rubens de Menezes - Presidenta do IGH de Petrolândia.


O movimento que levou ao acolhimento do nosso pedido de Tombamento da igreja semi-submersa de Petrolândia não começou agora.

Em 24.03.2011, o então prefeito Lourival Simões já encaminhava oficio ao Secretário de Cultura e à CHESF, solicitando recursos e levantamentos técnicos para um projeto de recuperação da estrutura do prédio, com objetivo de garantir a preservação do patrimônio para uso turístico, sem obter êxito.

No anos seguinte, em 15.03.2012, a Secretaria Municipal de Turismo apresentou projeto de construção de um píer flutuante no entorno da Igreja, com objetivo de facilitar o acesso do turista em visitação. Um orçamento no valor de quase R$ 200 mil chegou a ser apresentado, mas o projeto não avançou, provavelmente em função do custo.

Inspirado na mesma ideia, o professor Paulo Campos, em 2014, encaminhou ao IPHAN projeto semelhante na intenção de obter o tombamento, porém teve seu pedido indeferido.

Em abril de 2019, desta vez sob a gestão de Janielma de Souza, a prefeitura novamente encaminhou oficio à Secretaria de Cultura solicitando recursos para recuperação da estrutura, com o objetivo de garantir visitas turística e educacionais às ruínas.

Em nenhum dos casos há, conforme a lei, um pedido formal de tombamento, mas sim de ajuda a projetos baseados no interesse turístico.

Foi também visando a divulgação do lugar para fins turísticos que este ano foi autorizada a gravação do clipe do DJ Bhaskar. Com instalação de equipamentos de som e iluminação nas ruinas da igreja, o evento gerou polêmica e dividiu opiniões, não só em Petrolândia, mas nas redes sociais de modo geral.

Apesar do risco ao patrimônio, tal evento serviu para despertar o interesse pelo cuidado deste que é único símbolo visível da antiga Petrolândia.

A partir dele, uma série de atitudes é desencadeada: imediatamente o IGH publica nota de repúdio com relação ao evento e denuncia o descaso ao MP. O blog Gota D.Agua publica texto da geógrafa petrolandense, Milena Barros Gomes, contendo duras críticas ao turismo predatório. O Vereador Prof. Evaldo faz visita ao IPHAN a fim de obter orientação sobre possíveis medidas em garantia ao patrimônio. Em seguida propõe à Câmara projeto de Lei considerando a Igreja patrimônio Histórico e Cultural de Petrolândia. Um abaixo assinado é iniciado e rapidamente consegue mais de mil assinaturas em apoio ao tombamento.

Em paralelo, atendendo ao nosso apelo, Leo Cisneiros, do Movimento Direitos Urbanos de Recife, com larga experiencia em lutas pela proteção do Patrimônio material, prontamente coloca-se à disposição para colaborar na formatação do requerimento de solicitação do Tombamento . A nós juntam-se as deputadas do co-mandato JUNTAS, o movimento Rio de Lutas , de Paulo Afonso, e a Câmara de Vereadores com uma moção de aplauso ao IGH pela inciativa da ação.

Assim, juntos, cada uma à sua maneira e ao seu tempo, fomos dando os passos que culminaram na aprovação ao requerimento de pedido de tombamento da Igreja do Sagrado Coração de Jesus.

Vencemos a primeira batalha. Seguimos agora na torcida pela aprovação do tombamento no Conselho Estadual de Cultura.

Somos gratos à todos os que colaboraram até aqui nessa luta.

No entanto, todo esse esforço coletivo somente será válido, se a população e o poder público passarem a olhar aquela paisagem ( a igreja em meio ao lago), como uma herança cultural a ser preservada para as gerações futuras.

Desta forma, e só assim, como produto da cultura, o turismo local poderá favorecer economicamente a cidade de forma duradoura.


Blog de Assis Ramalho
Por : Paula Francinete Rubens de Menezes - Educadora, Escritora e Presidenta do IGH de Petrolândia.