quarta-feira, 30 de dezembro de 2020

Presidente da Chapecoense morre aos 58 anos vítima da covid-19


Paulo Ricardo Magro, presidente da Chapecoense, morreu nesta quarta-feira (30) em decorrência da covid-19. O dirigente, de 58 anos, estava internado na UTI de um hospital particular em Chapecó, no Oeste de Santa Catarina, desde o dia 18 de dezembro.

Vice-presidente da gestão anterior, ele assumiu a direção da equipe em agosto de 2019, depois do desligamento do ex-presidente Plínio David de Nes Filho. Em agosto de 2020, a atual diretoria, que ficaria à frente do clube até o final da temporada, teve o mandato prorrogado por mais um ano.

No final da tarde desta quarta, em nota oficial, a Chapecoense lamentou a morte de Paulo Ricardo Magro e pediu que a torcida orem pela família do dirigente.

Abaixo a nota do clube:

Extremamente consternados e com os nossos corações tomados pela tristeza e incredulidade, comunicamos o falecimento do presidente da Associação Chapecoense de Futebol, Paulo Ricardo Magro, ocorrido nesta quarta-feira (30). Paulo tinha 57 anos e foi um dos grandes responsáveis pela retomada da Chapecoense, dentro e fora de campo. Com a sua coragem, idoneidade e sabedoria, ele permitiu que o time alviverde voltasse a trilhar um caminho vitorioso, pavimentado pela dignidade e pelo trabalho - valores tantas vezes pregados pelo nosso querido presidente. ⁣Diante da perda irreparável, o sentimento é de tristeza, mas, acima de tudo, de gratidão ao homem que entrou para a nossa história e nela se eternizou ao, novamente, reconstrui-la. ⁣Neste momento de profunda dor, pedimos que os torcedores se unam em orações pela família e pelos amigos. Que a força que tantas vezes deram ao nosso clube nunca os falte.

Por Agência Brasil

Salário mínimo será de R$ 1.100 em 2021, diz Bolsonaro


O presidente Jair Bolsonaro informou, nas redes sociais, que assinará nesta quarta-feira medida provisória (MP) estabelecendo salário mínimo de R$ 1.100,00 a partir de 1º de janeiro.

O valor representa um aumento de 5,26% em relação ao piso atual, de R$ R$ 1.045, mas não se trata de aumento real. 

O salário mínimo é calculado com base do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), medido pelo IBGE. A previsão do governo é que esse índice feche no ano em 5,22%. Portanto, não haria aumento real no mínimo.

— Este aumento do salário mínimo está considerando uma previsão do INPC de 5,22%, que computa os 11 meses que temos e a previsão do mês de dezembro. O valor é superior ao que nós temos no projeto de lei do Orçamento do ano que vem — disse o ministro da Economia substituto, Marcelo Guaranys.

O número também é maior que o autorizado pelo Congresso, que é de R$ 1.088. Na proposta aprovada pelos parlamentares, o governo revisou de R$ 1.067 para R$ 1.088 em razão do crescimento da inflação nos últimos meses.

"O valor de R$ 1.100,00 se refere ao salário mínimo nacional. O valor é aplicável a todos os trabalhadores, do setor público e privado, e também para as aposentadorias e pensões", disse Bolsonaro.

Com juros da dívida:rombo nas contas públicas vai a R$ 939 bilhões no ano

Ao conceder um reajuste maior para o salário mínimo, o governo federal também gasta mais, porque os benefícios previdenciários não podem ser menores que o valor do mínimo.

Cada um real a mais no piso nacional representa um aumento de R$ 351 milhões nas despesas federais. A diferença ocorre porque a maior parte das aposentadorias do INSS são atreladadas ao mínimo.

Assim, um reajuste R$ 43 maior para o salário mínimo em 2021 representaria uma alta de cerca de R$ 15 bilhões nas despesas para o governo federal.

Esse valor precisará ser cortado de outras despesas, por conta da regra do teto de gastos, que impede o crescimento das despesas da União acima da inflação.

O Globo

Tacaratu/Inajá: Mãe do prefeito eleito Washington Ângelo morre aos 84 anos; sepultamento será nesta quinta no Cemitério de Inajá às 09 horas da manhã

 

Joselia de Araújo Torres, mãe do prefeito eleito de Tacaratu  Washington Ângelo de Araújo, morreu nesta quarta-feira (30), em sua residencia em Inajá-PE.

Ela tinha 84 anos, e passava por complicações de saúde.

O velório está sendo realizado na residencia da família,na Rua joaquim Gonçalo 129 (Inajá).  O enterro está marcado para esta quinta-feira (31), no Cemitério de Inajá às 9 horas da manhã.

Dona Joselia, que perdeu o esposo Ângelo José Torres, falecido em junho do ano passado, deixa FILHOS: Washington, Adi, Vilma, Matildes, Auria, Vanderlan, Rosângela, Regina e Sival - além de Netos, bisnetos, noras e Genros

Nossas condolências à família enlutada.

Redação do Blog de Assis Ramalho
Informação e foto: Família

Governo muda idade para pagamento da pensão por morte do INSS e de servidores



O Ministério da Economia alterou a idade para a duração do pagamento da pensão por morte aos dependentes de segurados do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) e dos servidores públicos federais. A idade-limite subiu um ano.

A portaria nº 424 foi publicada no "Diário Oficial da União" desta quarta-feira (30) e é assinada por Marcelo Pacheco dos Guaranys, ministro substituto de Paulo Guedes, titular da pasta. As novas idades começarão a valer no dia 1º de janeiro de 2021, ou seja, a partir desta sexta-feira.

Segundo o documento, a idade mínima para que a viúva ou viúvo passam receber a pensão por morte de forma vitalícia, ou seja, por toda vida, sobe de 44 anos para 45 anos. Para segurados com idades abaixo deste limite, o benefício não é pago por toda vida e também tem um tempo-limite.

A regra vale para mortes que ocorrerem após o pagamento de ao menos 18 contribuições mensais cujo casamento ou união estável tenha ao menos dois anos. A portaria não traz explicações para o aumento da idade-limite, mas conforme a lei 13.135, de 2015, que alterou a regra de pagamento da pensão, a alteração da idade pode ser feita, respeitando a expectativa de vida do brasileiro.


Segundo a lei publicada em 17 de junho de 2015, a idade mínima para pagamento da pensão por morte pode ser acrescida de um ano, a cada três anos, conforme a expectativa de vida dos brasileiros. A regra vale tanto para homens quanto para mulheres e deve se aplicada no INSS e no serviço público.

O fim da chamada pensão-brotinho foi instituído por meio de medida provisória no início do segundo mandato de Dilma Rousseff (PT), no polêmico pacote de ajuste fiscal encabeçado pelo então ministro da economia, Joaquim Levy. Dilma determinou idade-limite para pagamento da pensão por morte e chegou a aplicar cotas por dependentes no benefício.

As cotas foram derrubadas pelo Congresso e, ainda em 2015, o INSS pagou revisão a quem teve as regras mais duras aplicadas no benefício na vigência da MP. Em 2019, porém, o governo Bolsonaro enviou ao parlamento a reforma da Previdência, implantando as cotas e mudando o cálculo da pensão.

Desde 13 de novembro de 2019, quando a emenda constitucional 103 passou a valer, dependentes do segurado que morreu não recebem mais 100% da pensão; foram instituídas as cotas. É paga uma cota de 50% mais 10% por dependente. Além disso, ao atingir a maioridade, as cotas dos filhos não são mais revertidas para mães ou pais.

Todas as mudanças na pensão trazidas pela reforma valem tanto na iniciativa privada quanto no serviço público federal. Há questionamentos no Supremo.

Portaria
Para o advogado Rômulo Saraiva, a mudança não poderia ser feita por meio de portaria, mesmo estando prevista em lei. O motivo é que ela altera duas legislações, do INSS e do serviço público federael, e, com isso, deveria ser discutida por deputados e senadores antes de passar a valer.

"Normalmente, a lei federal pode ser alterada ou por meio de outra lei federal, ou por medida provisória, que será convertida em lei federal, ou por lei complementar também. Portaria é um ato administrativo interno", afirma ele.

Para a advogada Gisele Kravchynchyn, a alteração pode ser feita por portaria, como ocorre com portarias de reajustes, por exemplo. Ela alerta para o fato da validade da medida, que começa partir de 1º de janeiro. "Tem q observar porque, na via administrativa, às vezes usam o critério da data de requerimento, não do óbito", diz

Por Folhapress

FGTS emergencial: prazo para solicitar o saque termina nesta quinta, 31



Junto com o ano, acaba também nesta quinta-feira (31) o prazo para solicitar o saque emergencial de até R$ 1.045 do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

O calendário de pagamentos do Saque Emergencial do FGTS no valor de R$ 1.045 começou em junho e terminou em novembro. Durante todo o calendário, foram disponibilizados R$ 37,8 bilhões para mais de 60 milhões de trabalhadores.

Cerca de R$ 7,9 bilhões creditados em poupança digital não foram movimentados e, em razão disso, retornaram para as contas vinculadas dos trabalhadores, devidamente corrigidos.

Esses trabalhadores, porém, ainda podem pedir o crédito até esta quinta. O prazo também vale para quem informou à Caixa que não desejava retirar os recursos, mas mudou de ideia.

A solicitação deve ser feita pelo aplicativo FGTS. O saldo será transferido novamente para a conta digital aberta pela Caixa e ficará disponível para movimentação pelo aplicativo Caixa Tem.

Consulta de saldo e informações de saque

Para receber o Saque Emergencial FGTS, é preciso estar com os dados cadastrais atualizados. Segundo a Caixa, os trabalhadores que ainda não receberam devem acessar o aplicativo FGTS, complementar os dados cadastrais e solicitar o saque dos valores, que serão creditados na Conta Poupança Social Digital. O valor e a data do crédito serão informados em seguida.
A Caixa disponibiliza os seguintes canais de atendimento para o saque emergencial FGTS:

Site fgts.caixa.gov.br
Central de Atendimento CAIXA 111, opção 2:
Internet Banking Caixa:
APP FGTS

POR G1

Em meio a críticas por festa, Neymar aparece em Santa Catarina e muda destino do Réveillon

 


Neymar Jr. viajou nesta quarta-feira (30) para Santa Catarina. O jogador de futebol foi filmado e marcado em alguns posts feitos por amigos no Instagram, em que também citam seus 'parças' Guilherme Pitta e Gil Cebola, além de seu pai, Neymar. Depois, o craque foi fotografado na praia Caixa D’aço em um iate. Outras fotos e vídeos foram divulgados com exclusividade no Instagram Gossip do Dia. Procurada por Quem, a assessoria confirmou que Neymar está em Balneário Camboriú e disse que ele irá passar a virada do ano por lá.

A ida de Neymar ao Sul acontece em meio à polêmica festa de cinco dias que o jogador está promovendo em Mangaratiba, no Rio, para centenas de pessoas. Ele está recebendo muitos críticas na web por realizar evento de grande proporção em meio à pandemia da Covid-19.

De acordo com o colunista Ancelmo Gois, a festa deve custar 4 milhões de reais para o craque

QUEM COM G1

Pelo menos 5 prefeitos e 10 vereadores eleitos foram mortos e não irão assumir o mandato - A maioria deles foi vítima da Covid-19


Pelo menos cinco prefeitos e dez vereadores eleitos morreram e não irão assumir o mandato em 2021. A maioria deles foi vítima da Covid-19.

Os prefeitos eleitos que foram vítimas do vírus são: Didi Filgueira (PTB), de Itaguaru (GO); Dr. José Castro (PSD), de Conceição de Macabu (RJ); Aristóteles Temponi Catarina (MDB), de Santa Maria do Suaçuí (MG); Izalda Bocaccio (PP), de Santo Antônio das Missões (RS). Ronaldo Cardoso (DEM), eleito para a prefeitura de Tapiraí, em Minas Gerais, morreu em um acidente de carro no último dia 17.


Já os vereadores eleitos mortos pela Covid são: Carlos Boechat (PDT), de Niterói (RJ); Edson Silva (PSD), de Assaré (CE); Vilmar Ballin (PT), de Sapucaia do Sul (RS); Antônio Marcos (Republicanos), de Paranaíba (MS); Salvador Philomeno Poli (Podemos), de Itupeva (SP); Charles Saraiva (MDB), de Rio Grande (RS); Alberto Ribeiro (PSB), de Flores (PE).

Larri Bangemann (PTB), de Santo Antônio do Planalto (RS); Adelson Carlos Fernandes (PSD), de Joaquim Felício (MG); e Maria Barbosa (Patriota), de Limeira do Oeste (MG) morreram de outras causas que não a Covid.

O Globo

Petrolândia: Blogueiro Alex Santos recebe Título de Cidadão Honorário de Petrolândia


A Câmara Municipal de Petrolândia conferiu no dia 16/12/2020, sessão solene para entrega dos Títulos de Cidadão Honorário a personalidades que contribuem, ou já contribuíram - em setores diversos -, para a história do município. O título é concedido para reconhecimento dos relevantes serviços prestados a Petrolândia pelos homenageados.

Devido a pandemia da COVID-19, o evento ocorreu com restrição do número de pessoas, sem a presença do público externo.

A solenidade foi conduzida pelo presidente da Casa, Joilton Pereira e contou com as presenças dos vereadores, Sílvio Rogério, Dedé de França, Louro do Vidro, Evaldo Nascimento, Delano Souza, Jorge Viana e Zé Pezão.

Na oportunidade foi concedido o título de Cidadão Honorário ao blogueiro Alex Santos da Silva, do Blog Petrolândia Notícias (PN). A indicação foi do vereador Evaldo Nascimento e aprovada pelos demais edis.

(Veja abaixo a relação dos demais homehageados)

CONFIRA ABAIXO  O HISTÓRICO DE ALEX  SANTOS DA SILVA

Alex Santos da Silva, nasceu no dia 23 de janeiro de 1985 na cidade de São José do Egito, no Sertão do Pajeú, estado de Pernambuco.


Filho de Maria Aparecida Santos da Silva e Severino Amaro da Silva, veio a Petrolândia com apenas 2 anos de idade no ano de 1987, onde seu pai que trabalhava no comércio de feira, vendendo confecçõe, em busca de melhores condições de vida, já que Petrolândia Nova estava sendo construída.

Aos quatro anos de idade Alex, viveu algo que o marcou para sempre pois seus pais se divorciaram, e ele e suas duas irmãs Carla Simone Santos da Silva e Cilene Santos da Silva, tiveram que optar em acompanhar sua mãe ou ficar em Petrolândia com seu pai,. Na ocasião, Alex e sua irmã Cilene optaram por ficar na companhia de seu pai, e somente sua irmã Carla resolveu acompanhar sua mãe.

Alex concluiu o 2º grau na Escola Maria Cavalcanti, onde sempre se destacou em Português, e literatura. Seu pai sempre preocupado, buscou sempre oferecer uma melhor qualidade de vida na cidade em que buscou viver. Desde cedo Alex ajudava seu pai na feira, com idade de 10 anos, ele já se dividia entre a escola e a lida na feira, e, em suas horas vagas, um dos seus principais hobes era ouvir rádio, sempre sonhando, em um dia vir a ser locutor de rádio.

Entre 14 a 15 anos conseguiu com a ajuda de um amigo montar uma pequena emissora que tinha pequeno alcance na quadra-01 onde residia com seu pai e sua irmã. O sonho de Alex em ser comunicador teve uma pausa, na ocasião, pois
precisava estudar e trabalhar na feira.

No ano de 2000, Alex com idade de 16 anos viajou para o estado de São Paulo, onde passou um período com sua mãe, sendo que nesta ocasião, o jovem teve que
ajudar na renda da casa, trabalhando como pintor, panfletagem e ajudante de pedreiro. No ano de 2001 Alex retorna a Petrolândia, e volta a ajudar seu pai na feira. Até que no ano de 2006 conhece sua esposa Ana Paula a qual é casado até hoje, com que teve dois filhos de 12 e 2 anos, respectivamente, chamados Sarah Vitória e Davi Gabriel.

Durante este tempo, Alex precisou afastar-se da feira em busca de novas oportunidades, vindo a trabalhar por 7 anos na Construção Civil, especificamente na Obra de Transposição em Floresta e Salgueiro e na ampliação do Aeroporto Internacional Salgado Filho em Porto Alegre-RS, ocasião esta, em que , com muito orgulho foi promovido, passando de ajudante a apontador e encarregado
de obra. No entanto, a comunicação sempre esteve ao lado de Alex, e muito o ajudou na conquista dos seus objetivos - o menino que era o mais tímido da sala de aula, se tornou um adolescente falante e curioso.

No ano de 2014, desempregado resolveu criar o blog PN Petrolândia Notícias, de maneira despretensiosa, sendo este apenas u veículo de comunicação, tornando-se no entanto, sua atual profissão, sendo reconhecido, não só em Petrolândia, mas, em toda região.

Atualmente seu trabalho tem uma dinâmica que não se traduz apenas em noticiários, mas cumpre também o papel social, dando voz à população petrolandense.

Neste contexto, somam-se o seis anos de um trabalho que muitas vezes, requer ousadia , para conseguir dar notoriedade à notícia de fato como ele é. Traduzindo em palavras... É um trabalho que envolve muita dedicação,responsabilidade e sobre tudo amor com o jornalismo.

Por tudo isso, e por toda dedicação a esta Cidade, nada mais justo, que esta Casa Legislativa possa atribuir-lhe esta homenagem, concedendo o Título de

Cidadão Honorário do Município de Petrolândia/PE.

Sala das Sessões, em 16 de Dezembro de 2020


Os demais homenageados foram;

Antônio Fabiano de Carvalho - 'Fabiano do Banco do Brasil'

*Edson Manoel da Silva - Edson Rosa

*Claudemir Lucena de Sousa - Sargento Lucena do Corpo de Bombeiros

*Jefferson Luis Freire de Almeida - Cirurgião Dentista Dr Jefferson

*Marcos Alfredo Souza Barros Junior - Empresário da empresa Marcos Pneus

*Raimundo Dias de Almeida - Empresário da fábrica de côco situada na Ag. 02 do Bl 01 (Ausente, em seu lugar recebeu a homenagem a secretária Janille Souto.

*Valdecione Benjamim da Silva - Cione - Empresário proprietário da empresa Transcione Viagens e Turismo

CONFIRA ABAIXO VÍDEO (DISCURSO DE ALEX) E FOTOS DO EVENTO


























Redação do Blog de Assis Ramalho

Médico é indiciado por homicídio culposo ao atestar morte de paciente ainda viva no HGE, em Alagoas

 

Um médico de 42 anos que atestou a morte de uma paciente quando ela ainda estava viva, internada no Hospital Geral do Estado (HGE) após sofrer um acidente vascular cerebral (AVC), foi indiciado pela Polícia Civil de Alagoas por homicídio culposo. A informação foi divulgada nesta quarta-feira (30).

O nome do médico não foi divulgado pela polícia. A vítima era Audeci da Silva Ferreira, de 65 anos. A denúncia foi feita pela irmã dela.

Segundo a Polícia Civil, Audeci deu entrada no hospital no dia 4 de julho. Por volta das 17h, o médico atestou a morte da mulher, mas quando ela foi transportada em um saco funerário para o necrotério do HGE, funcionários perceberam que ela ainda estava viva e a levaram de volta para o hospital, onde veio a falecer às 21h10 do mesmo dia.

A irmã da vítima alegou que foi chamada pela assistente social para uma sala onde, em um computador, foi mostrado a ela o relatório do óbito e solicitado que ela fosse ao necrotério do hospital fazer o reconhecimento.

Chegando ao necrotério, com base no nome apresentado, disseram que o corpo da irmã dela não estava ali. A irmã da paciente contou que presenciou uma outra funcionária do hospital sair assustada da sala dizendo que "o corpo da mulher estava se debatendo", mas sem citar nomes.

Diante disso, a irmã da paciente foi retirada do local. Com a insistência por esclarecimentos, momentos depois, ela foi recebida por um médico que disse ter se enganado ao atestar o óbito da paciente, pediu desculpas pelo erro e disse que a irmã dela ainda estava internada, viva. Ela foi levada para um quarto onde viu a irmã em coma, respirando com ajuda de aparelhos.

À época, o HGE não confirmou que a paciente tinha sido levada viva para o necrotério, mas admitiu que o óbito foi comunicado à família antes do início do protocolo de morte encefálica.

Depois de ouvir testemunhas e funcionários, o delegado Robervaldo Davino, do 6º Distrito da Capital, concluiu que houve negligência por parte do médico. O inquérito já foi enviado à Justiça.

Por G1 AL

Lívia Leite agradece a todos pela parceria durante o tempo que esteve a frente da Secretraria Municipal de Saúde de Petrolândia - PE


"Ciclos se encerram e novas oportunidades surgem. A forma que a gente encara cada situação é que faz a diferença. Precisamos nos permitir viver bem e fazer o bem. E se esse for, pelo menos o princípio do caminho estamos indo certo..."

Com esta frase reflexiva venho agradecer a todos os companheiros da militância da saúde do Município de Petrolândia.

Agradeço a nossa prefeita Jane Souza pela confiança depositada em mim enquanto gestora da saúde deste amado Município, sendo agora pela terceira vez que atuei na gestão desta pasta adquirindo assim ainda mais experiência. Cada oportunidade foi única e cada vez mais desafiadora e complexa;

Agradecer aos colegas secretários e controle interno pela disponibilidade, respeito e carinho;

Agradecer a todos os diretores e coordenadores que se dedicaram comigo a fim de oferecer os serviços com qualidade;

Agradecer também a cada profissional que contribuiu com os trabalhos, cada um com seu jeitinho próprio, todos foram essenciais para levar da melhor forma possível o atendimento necessário.

A vocês colegas da Secretaria Municipal de Saúde, Atenção Básica, TFD, NASF, Vigilância Ambiental, Vigilância Sanitária, Vigilância Epidemiológica, Planejamento, Regulação, Cartão SUS, Digitação, Motoristas, meu agradecimento mais profundo, estarão sempre no meu coração ❤️...

Funcionários do Hospital Municipal Dr. Francisco Simões de Lima, Unidades Básicas de Saúde, CAPS Nova Mente, Centro de Atendimento a Covid, cada um dos funcionários, meu muitíssimo obrigada.

Encerro minha gestão com muita gratidão e tranquilidade, pronta para novos desafios como deve ser e desejando que cada colega siga seu novo ciclo com muita esperança, afinco, determinação e honestidade. Um abraço fraterno para todos!

Lívia Leite

Secretária Municipal de Saúde

Petrolândia - PE, 29/12/2020