sábado, 4 de abril de 2020

Inajá-PE: Ex Vereador Lafrank Laranjeira é o novo integrante do PP municipal



Após uma longa negociação política, o ex vereador Lafrank aderiu ao grupo Amarelo na tarde deste sábado! Leonardo Martins se diz bastante satisfeito em trazer o velho aliado de volta ao grupo político do Partido Progressista (11).

Eu, Gomes de Inajá, preenchi a ficha colhi a assinatura de Lafrank e procedi com a sua inclusão na lista de filiados do Sistema Filiaweb da Justiça Eleitoral!

Lafrank é um político de três mandatos de Vereador e já foi Presidente da Câmara Municipal!
Bem vindo amigo!!!

O Amarelo sempre foi a sua casa!!

Gomes de Inajá

Lions Clube de Tacaratu parabeniza a companheira Adenira Carvalho, aniversariante deste sábado (04)


O Lions Clube de Tacaratu parabeniza nossa companheira "Adenira Carvalho" pela passagem do seu aniversário. Pessoa dedicada que não mede esforços em ajudar o próximo.

Lions Clube de Tacaratu

Coronavírus: casos no Brasil ultrapassam 10 mil e Saúde confirma 432 mortes


O balanço deste sábado (4/4) do Ministério da Saúde sobre a situação do novo coronavírus no país revelou que 1.222 pessoas foram diagnosticadas com Covid-19 nas últimas 24 horas. Com isso, já são 10.278 casos confirmados no Brasil. Quanto ao número de óbitos, a pasta registrou 73 novas mortes, que fizeram o país chegar a um total de 432.

Seguindo uma tendência dos últimos boletins epidemiológicos divulgados pelo Ministério, as novas ocorrências tanto de casos confirmados quanto de mortes voltaram a bater recorde de crescimento diário. O incremento de pessoas infectadas foi de cerca de 13,5%, enquanto o de óbitos foi de 20,3%.

Como consequência, também cresceu a taxa de letalidade da Covid-19 em território nacional. A estatística, que era de 4% na sexta-feira, subiu para 4,2%.

Segundo os números da Saúde, 61,2% dos casos estão concentrados na região Sudeste: 153 no Espírito Santo, 430 em Minas Gerais, 1.246 no Rio de Janeiro e 4.466 em São Paulo. A região também é a que mais registrou mortes até o momento: 329. Dessas, 260 foram em São Paulo, estado com a maior quantidade de óbitos no país.

A região Nordeste já contabiliza ao menos 1.642 casos confirmados e 59 mortes. Na região Sul, 1.139 pessoas foram diagnosticadas com Covid-19 e 17 morreram após serem infectadas pelo novo coronavírus.

Já na região Centro-Oeste, a estatística de casos confirmados chegou a 675, e a Saúde já registrou 11 mortes. Sete delas aconteceram apenas no Distrito Federal, que ainda conta com 454 contaminados, segundo a pasta. Por fim, a região Norte tem 527 infectados e 16 mortos por Covid-19.

Agência

Ministra do STF mantém prazo para filiação partidária para eleições


A ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou a manutenção os prazos de filiação partidária, domicílio eleitoral e desincompatibilização para as eleições 2020, que termina neste sábado, 4. Ao negar liminar solicitada pelo partido Progressistas (PP) nesta sexta, 3, Rosa destacou que prazos como o de desincompatibilização - afastamento obrigatório do servidor público para que possa concorrer ao pleito - "não são meras formalidades, pois visam assegurar a prevalência da isonomia na disputa eleitoral, e sua inobservância poderia afetar a legitimidade do pleito".

Na avaliação da ministra, "não foi demonstrado que a situação causada pelo combate à pandemia da Covid-19 viola os princípios do Estado Democrático de Direito, da soberania popular e da periodicidade do pleito previstos na Constituição Federal".

As informações foram divulgadas pelo Supremo. No pedido ao Supremo, o PP alegava "potenciais impactos nas Eleições de 2020 decorrentes da continuidade do cenário de calamidade ocasionado pela pandemia da Covid-19".

TCM-BA tira dúvidas de prefeitos sobre gastos em função da pandemia de Covid-19



Prefeitos de municípios que têm reconhecidos a situação de calamidade pública em função da pandemia de Covid-19 poderão adquirir equipamentos de proteção individual, equipamentos médicos e também medicamentos para atender a demanda da população – especialmente a mais carente – até mesmo sem licitação pública, segundo entendimento do Tribunal de Contas dos Municípios.

A consulta, foi feita pelo prefeito de São Sebastião do Passé, Breno Moreira, à Assessoria Jurídica do TCM, que montou um plantão especial para tirar dúvidas dos prefeitos sobre os procedimentos legais que devem ser obedecidos na contratação de bens e serviços para o atendimento da população durante este período de emergência.

CREF12/PE alerta para exercício ilegal da profissão: "Exercício físico prescrito por leigos ou influenciadores fitness sem registro é crime"


O fechamento de academias e o isolamento das pessoas para evitar a transmissão do novo coronavírus, tem feito muita gente buscar treinos e aulas para fazer em casa. Aplicativos, vídeos, blogs e sites pipocam na internet, com dicas de treinos, aulas completas e exercícios físicos do básico ao avançado. O Prof. Lúcio Beltrão (CREF 003574-G/PE), Presidente do Conselho Regional de Educação Física da 12ª Região/Pernambuco (CREF12/PE), alerta: “Um dos princípios mais importantes de um treinamento equilibrado é a individualidade biológica de cada pessoa. A sociedade precisa ficar atenta. Não sou contra os bons aplicativos ou treinos online, mas eles devem apenas auxiliar e não substituir o Profissional de Educação Física.”

A recomendação é ficar em casa, mas é importante se movimentar. O Prof. Lúcio Beltrão, profissional de educação física, explica que os benefícios dos exercícios físicos orientados são inúmeros, inclusive especificamente voltados para a questão imunológica. “Internet não é terra sem lei. Estamos monitorando e recebendo inúmeras denúncias de pessoas que dão dicas ou aulas sem ter registro no CREF. Vamos representar criminalmente contra todos. Ministério Público, Procon, Delegacia de Polícia e Poder Judiciário serão acionados para defender a sociedade.

Danone emprega: Multinacional oferece novas vagas de emprego; confira


O grupo Danone é uma empresa do ramo alimentício que tem grande destaque em produtos lácteos, especialmente iogurtes. A multinacional, que surgiu em 1919, na Espanha, está presente em mais de 120 países, contando com cerca de 95.000 colaboradores.

No Brasil, o grupo iniciou suas atividades no ano de 1970, em Poços de Caldas – MG. No período, foi lançado o primeiro iogurte com polpa de frutas do país. O sucesso foi enorme, tanto que apenas nove meses após o lançamento, a produção de iogurtes subiu de 6 mil para 24 mil potes por hora.

A multinacional Danone, em busca de aumentar seu quadro de colaboradores, anunciou novas vagas de emprego. As oportunidades são destinadas aos seguintes estados: Minas Gerais (MG), São Paulo (SP), Paraíba (PB), Pernambuco (PE), Rio de Janeiro (RJ) e Rio Grande do Sul.
A Danone oferece vagas de emprego para os seguintes cargos:

Supervisor de produção;
Representante comercial;
Coordenador de Marketing;
Gerente de área;
Gerente de recursos humanos;
Representante de visitas médicas;
Analista pleno de trade marketing;
Gerente de projetos pleno;
Representante comercial.

Para conferir outras oportunidades, basta acessar a página de recrutamento da Danone. No portal, é possível saber quais os requisitos necessários para cada função, além de encaminhar o currículo.

O interessado em qualquer oportunidade deve saber que as funções variam segundo o estado. Ainda mais, as vagas podem ser preenchidas sem a necessidade de aviso prévio. Então, quanto antes se candidatar, maiores serão as chances.

Por Portal Edital Concursos Brasil

Coronavírus: Governo de Pernambuco abre seleção para profissionais de saúde


Neste sábado (4), o Governo de Pernambuco publicou o edital de seleção pública com 114 vagas para atender a necessidade emergencial do Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco (Lacen-PE). A medida foi autorizada pelo governador Paulo Câmara em decreto publicado no Diário Oficial dessa sexta-feira (3). O processo seletivo é feito por meio das Secretarias de Administração e de Saúde.

Serão convocados biomédicos, farmacêuticos, bioquímicos, sanitaristas e técnicos de laboratório. As inscrições começam neste sábado (04) e vão até a terça-feira (07). O resultado preliminar será divulgado no dia 15 de abril e a classificação final, no dia 23. A seleção terá a validade de 6 meses, podendo ser prorrogada por até 2 anos.

Vagas para médicos

Devido à situação de emergência decorrente da pandemia do novo coronavírus, a Secretaria de Saúde do Jaboatão dos Guararapes abriu inscrição para seleção simplificada para o preenchimento de 25 vagas na área de Medicina, para contratos temporários. Os interessados devem se inscrever através do e-mail selecaosaudejaboatao@jaboatao.pe.gov.br até a próxima segunda-feira, dia 6 de abril.

Por Jornal do Commercio

Codevasf prepara ocupação de 39 lotes no Baixio de Irecê após testes em equipamentos


O governo federal, por meio da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), intensifica as ações para ocupação de lotes do Projeto Público de Irrigação Baixio de Irecê, localizado entre os municípios baianos de Xique-Xique e Itaguaçu da Bahia. A empresa realizou, no último mês de março, testes de pressurização da água em áreas da Etapa 1 do projeto. O objetivo é liberar no segundo semestre deste ano a ocupação de 39 lotes de cerca de 30 hectares destinados a médios produtores, totalizando 1,1 mil ha de área irrigada. Os primeiros contratos de concessão que autorizam a ocupação e a irrigação dos lotes foram assinados no final de 2019.

“Por meio do Projeto Baixio de Irecê, a Codevasf irá alavancar o desenvolvimento do Médio São Francisco. Os recursos investidos nesse empreendimento trarão inúmeros benefícios para a população. Ao todo, vamos executar neste ano cerca de R$ 22,7 milhões no projeto, oriundos da Lei Orçamentária Anual e Termo de Execução Descentralizada”, afirma o presidente da Companhia, Marcelo Moreira.

Os testes foram realizados nos conjuntos de motobombas da Estação de Bombeamento – EBA 5 e na rede de adutora do setor 3, da Etapa 1 do projeto. De acordo com Frederico Araújo Rodrigues, gerente de Implantação de Obras da Codevasf, os testes foram favoráveis. “Foi executada a montagem eletromecânica da EBA – 5 que levará água pressurizada aos lotes por meio de adutoras. A avaliação da estrutura em funcionamento foi positiva”, explica.

Com a conclusão dessa fase da obra, a previsão é que a ocupação dos lotes do setor 3, da Etapa 1, ocorra em outubro deste ano. A Superintendência Regional da Codevasf em Bom Jesus da Lapa iniciou a convocação dos irrigantes selecionados para assinarem o contrato de Concessão de Direito Real de Uso (CDRU) e liberação dos lotes para as atividades produtivas.

“Possibilitar a expansão da agricultura irrigada, tornar as terras produtivas em áreas tradicionalmente carentes de água no semiárido e incentivar a produção agrícola são ações que realmente transformam vidas e a realidade de uma região com possibilidades reais de desenvolvimento”, avalia Sérgio Luiz Soares de Souza Costa, diretor da Área de Desenvolvimento Integrado e Infraestrutura da Codevasf.

Em implantação

O Projeto Público de Irrigação Baixio de Irecê, localizado no Médio São Francisco, tem uma expectativa de beneficiar uma população de cerca de 249 mil pessoas e a geração de aproximadamente 59 mil empregos diretos e 118 mil empregos indiretos.

A implantação das obras do projeto está prevista para execução em nove etapas, totalizando uma área de 48,2 mil ha, sendo que estão em fase de execução as Etapa 1 e 2, totalizando 42,2 km de canal já construído e uma área de 16,4 mil ha de área irrigada.

Já foram investidos pelo governo federal, por meio da Codevasf, cerca de R$ 968,4 milhões para aquisição de terras, obras nas etapas 1 e 2 e manutenção do projeto. Em dezembro de 2019, foram descentralizados para Codevasf R$ 16,2 milhões de recurso extraparlamentar proveniente de Termo de Execução Descentralizada, proveniente da Secretária Nacional de Desenvolvimento Regional e Urbano, do Ministério do Desenvolvimento Regional, para pavimentação asfáltica da estrada que dá acesso Projeto Baixio de Irecê. A obra será executada por meio de convênio com o munícipio de Itaguaçu da Bahia.

“O Projeto Baixio de Irecê irá mudar o retrato da economia local dos municípios da região de Xique Xique, Itaguaçú da Bahia e Irecê. A agricultura irrigada é um instrumento eficiente no aumento da produtividade e vem concretizar um sonho de décadas da população desses municípios. É geração de renda, muito emprego e a Codevasf cumprindo seu papel de levar desenvolvimento com sustentabilidade ao vale do São Francisco”, explica Harley Xavier Nascimento, superintendente regional da Codevasf em Bom Jesus da Lapa.

A produção estimada anual no projeto nas Etapas 1 e 2 é de aproximadamente 16 mil toneladas de frutas e 83 mil toneladas de grãos, gerando 4 mil empregos diretos e 16 mil indiretos.

A exploração agrícola nessas etapas deverá se concentrar na fruticultura nos lotes de pequenos e médios produtores, em especial na cultura de banana, mamão, goiaba, melão e limão. Nos lotes empresariais, a perspectiva é de produção de grãos, como soja, milho, sorgo e feijão, além de algodão.

Visita técnica

Os representantes do grupo Irriga Bahia, responsável pela futura administração, operação e manutenção do Baixio de Irecê visitaram, no mês de março, o município de Bom Jesus da Lapa e cidades vizinhas para troca de experiências, principalmente com a equipe do Distrito Irrigado Formoso, responsável pelas mesmas atribuições relacionadas ao perímetro irrigado Formoso.

Para entender o funcionamento de um distrito irrigado, foram realizadas palestra sobre administração, operação e manutenção do perímetro de irrigação, além de noções de hidrometria. O grupo também visitou infraestruturas de uso comum do perímetro irrigado, lote com produção de banana, limão e pokan e uma um packing house de processamento de mamão.

por: Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf)

Paulo Afonso: Novo decreto mantém lojas fechadas por mais 15 dias, mas permite abertura de outros estabelecimentos


O Decreto 5.771/2020, publicado no Diário Oficial nesta sexta-feira (3), traz a prorrogação do fechamento do comércio por mais 15 dias, a partir da segunda-feira (6). No documento está previsto ainda a inserção de outros estabelecimentos no rol dos essenciais, em regime e horário restrito.

Na Prefeitura, o expediente fica suspenso por mais 15 dias, nos departamentos, com exceção da Secretaria Municipal de Saúde; Secretaria Municipal de Infraestrutra; Secretaria Municipal de Meio Ambiente, no que se refere aos serviços de limpeza urbana, recolhimento de lixo domiciliar, entulhos, ramagens, como foi especificado no Decreto 5.766, de 20 de março.

As medidas fazem parte da pandemia do Covid-19 em todo mundo, reconhecida pela Organização Mundial de Saúde (OMS), para evitar o contágio e a disseminação do vírus.

Entre as atividades que poderão funcionar a partir do dia 6 estão: casas funerárias; indústrias relacionadas a serviços essenciais; transportadoras; lojas de material de construção; lojas de autopeças, oficinas mecânicas e borracharias; lojas de materiais de higiene e limpeza com área construída de até 300 m²; venda de peças e manutenção de eletrodomésticos; lojas veterinárias e de insumos agrícolas; lojas de conveniência, vedada o consumo de bebidas e alimentos no interior do estabelecimento e os prestadores de serviços de internet e de telecomunicação poderão manter o funcionamento interno das atividades, vedado o atendimento do cliente no estabelecimento.

O decreto explica que o horário para o funcionamento será das 8h às 14h, de segunda a sexta-feira, e as primeiras duas horas serão destinadas ao grupo de risco. Há ainda o reforço da disponibilização de máscara e álcool gel para os clientes, entre outras medidas a serem tomadas para evitar a aglomeração e infecção.

“Sabemos que estão todos apreensivos com o fechamento do comércio, mas não temos conter a infecção se não mantivermos o isolamento social, que é a forma mais eficaz. Colocamos outros estabelecimentos no rol dos essenciais e vamos, a cada dia, estudando as possibilidades. O que nós queremos é, tão somente, proteger a nossa população. É um momento difícil, mas juntos vamos conseguir vencer”, fala o secretário de Saúde, Ghiarone Garibalde.

No texto, ressalta-se ainda que os prazos e as medidas previstas poderão ser reavaliados em caso de confirmação de casos de contaminação de COVID-19 no município de Paulo Afonso, ou municípios circunvizinhos. Há ainda sanções para o descumprimento, previstas no art. 268 e art. 330, do Código Penal Brasileiro, sem prejuízo da interdição do estabelecimento pela vigilância sanitária do Município de Paulo Afonso.

Cumulativamente as sanções ficam estipuladas multas no valor de R$ 20.000,00 (vinte mil reais) a R$ 50.000,00 (cinquenta mil reais), em caso de descumprimento de qualquer disposição do presente Decreto. As disposições do novo decreto não revogam o Decreto de nº. 5.766, de 20 de março de 2020, salvo naquilo que lhe for contrário.

Por Portal PA4.COM.BR

Caixa lançará na terça aplicativo para cadastro em renda emergencial


A partir da próxima terça-feira (7), dezenas de milhões de brasileiros poderão baixar um aplicativo lançado pela Caixa Econômica Federal que permitirá o cadastramento para receberem a renda básica emergencial, de R$ 600 ou de R$ 1,2 mil, no caso de mães solteiras. O banco também lançará uma página na internet e uma central de atendimento telefônico para a retirada de dúvidas e a realização do cadastro.

O próprio aplicativo avaliará se o trabalhador cumpre os cerca de dez requisitos exigidos pela lei para o recebimento da renda básica. O pagamento poderá ser feito em até 48 horas depois que a Caixa Econômica receber os dados dos beneficiários, mas o presidente do banco não se comprometeu em apresentar uma data específica. Quem não tem conta em bancos poderá retirar o benefício em casas lotéricas.

O presidente da Caixa, Pedro Guimarães, anunciou que o banco lançará outro aplicativo, exclusivo para o pagamento da renda básica. O benefício será depositado em contas poupança digitais, autorizadas recentemente pelo Conselho Monetário Nacional, e poderá ser transferido para qualquer conta bancária sem custos. Segundo ele, o calendário de pagamentos será anunciado na próxima semana, depois de o banco conhecer o tamanho da população apta a receber a renda básica emergencial.

Segundo Guimarães, o decreto que regulamenta a lei que instituiu o benefício será finalizado hoje, mas ele não informou se o texto será publicado ainda nesta sexta-feira (3) ou no início da próxima semana. Na segunda-feira (6), a Caixa Econômica detalhará o funcionamento dos dois aplicativos.

O ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, informou que só precisarão se inscrever no aplicativo microempreendedores individuais (MEI), trabalhadores que contribuem com a Previdência Social como autônomos e trabalhadores informais que não estejam inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal. Caso o trabalhador esteja inscrito no cadastro único, o aplicativo avisará no momento em que ele digitar o número do Cadastro de Pessoas Físicas (CPF).
Bolsa Família

Os beneficiários do Programa Bolsa Família não precisarão baixar o aplicativo. Segundo Onyx, eles já estão inscritos na base de dados e poderão, entre os dias 16 e 30, escolher se receberão o Bolsa Família ou a renda básica emergencial, optando pelo valor mais vantajoso.

O ministro da Cidadania lembrou que o benefício de março do Bolsa Família terminou de ser pago no último dia 30. Para ele, o pagamento do novo benefício a essas famílias antes do dia 16 complicaria o trabalho do governo federal, que ainda está consolidando a base de dados, de separar os grupos de beneficiários.

“A lei cria uma série de regras. Temos de fazer filtragem da base de dados. O que acontece? A base já existe. O maior desafio está nas pessoas que não estão em base nenhuma, por isso criamos a solução via aplicativo, internet e central de telefones”, explicou o presidente da Caixa.

Ele lembrou que, no caso do saque imediato do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), um terço dos 60 milhões de pagamentos foi feito por aplicativo. Para Guimarães, o índice deve ser semelhante com o novo benefício emergencial.
Desafio

Para o ministro da Economia, Paulo Guedes, que participou da apresentação, o grande desafio do governo não consiste em eventuais atrasos na aprovação de medidas, mas na própria montagem da logística. “Não são um ou dois dias de atraso ou de antecipação. Desde que começamos a formular o programa, o grande desafio é a logística de entrega. É um cronograma quase físico de capturar os cadastros. Não é a aprovação que vai mudar o cronograma físico”, destacou.

Guedes destacou que, em três semanas, o governo saiu de zero para cerca de R$ 800 bilhões em programas de enfrentamento à pandemia do noovo coronavírus e de manutenção dos empregos. A conta, que envolve não apenas gastos novos, mas antecipações de despesas, adiamento de tributos e remanejamentos, está, segundo o ministro, em 3,4% do Produto Interno Bruto (PIB, soma dos bens e dos serviços produzidos). “Nenhum país emergente fez uma movimentação tão rápida de liberação de recursos como o nosso. A implementação está no mesmo ritmo dos Estados Unidos, um país que tem experiências com catástrofes”, declarou.

O ministro cobrou a união de prefeitos, governadores, Executivo federal, Legislativo e Judiciário para andar com as medidas. Em relação à necessidade da aprovação da proposta de emenda à Constituição do orçamento de guerra para a liberação do benefício, o ministro disse que a ala jurídica do Ministério da Economia tinha dado aval para o início do pagamento, mas que a ala econômica da pasta tinha receio de que o descumprimento da regra de ouro, que proíbe a emissão de dívida pública para gastos correntes, prejudicasse o governo, mesmo com o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes, tendo autorizado os gastos extras.

Por Agência Brasil

Concurso FUNAI 2020 para níveis médio e superior. Salários de até R$ 6.420,87


Novo concurso federal pode sair em 2020! Isso porque a Fundação Nacional do Índio (FUNAI)solicitou junto ao Ministério da Economia a abertura de novo edital ainda este ano. O destaque fica por conta das 1.560 vagas para o cargo de Agente Indigenismo (nível médio), com salário de R$ 5.349,07 (incluso auxílio-alimentação de R$ 458,00).
O órgão também solicitou a criação de concurso para preenchimentos de funções de nível superior, com 348 vagas distribuídas entre os cargos de Indigenista Especializado (156), Assistente Social (19), Economista (18), Administrador (15), Antropólogo (14), Engenheiro (13), Sociólogo (11), Contador (8) e Psicólogo (4).
Para as funções, as remunerações podem chegar a R$ 6.420,87, também já incluso auxílio-alimentação de R$ 458,00.

Novo edital teve pedido na Justiça pelo MPF

Em ação civil pública na Justiça, o Ministério Público Federal (MPF) determinou que a FUNAI realize um novo certame ainda este ano para o preenchimento do quadro de servidores do órgão. O pedido também determina a que sejam empossados todos os candidatos aprovados no último concurso, até que seja esgotado o quantitativo de vagas existente. 
Segundo o Ministério Público Federal, o déficit de servidores do órgão chega a 65%, representando 3.600 vagas a serem preenchidas. Mesmo com a nomeação dos 220 candidatos aprovados no último concurso, ocorrido em 2016, a Fundação ainda teria um déficit de aproximadamente 40% em atuações.
Em justificativa do pedido, o MPF afirmou que a carência de recursos humanos é um dos maiores problemas que hoje atinge a concretização da política indigenista brasileira. Simplesmente não há servidores suficientes para enfrentar toda a demanda de serviço. Tal situação é ofensiva à lei, e precisa ser corrigida para que o Estado continue a garantir a proteção dos povos indígenas”.
Além disso, o cenário de contratações do órgão tem sido escasso: foram realizados somente 3 concursos públicos nos últimos 30 anos. A demora ainda reflete o diagnóstico feito Tribunal de Contas da União (TCU) que, em 2015, informou que 64% dos servidores da FUNAI estavam com idade superior a 50 anos, forte indicativo para um grande número de aposentadorias.

Último Concurso FUNAI

A mais recente edição do concurso FUNAI aconteceu no ano de 2016. Na ocasião, foram oferecidas 202 vagas para o cargos de Indigenista Especializado, 7 para Engenheiro,  5 para Engenheiro Agrônomo e 6 para Contador. As remunerações chegaram a R$ 6.330,31 mensais. 
Os requisitos exigidos incluíam formação superior em qualquer área para o cargo de Indigenista e formação específica para as demais funções. A seleção contou com vagas de ampla concorrência e reserva para candidatos negros e portadores de deficiência (PCD).
Das localidades, estavam as cidades de Goiânia (GO,) São Luís (MA), Imperatriz (MA) Belo Horizonte (MG), Campo Grande (MS), Dourados (MS) ,Cuiabá (M (PB), Recife (PE), Teresina (PI), Rio Branco (AC), Maceió (AL), Manaus(AM), Tabatinga (AM), São Gabriel da Cachoeira (AM), Macapá (AM), Salvador (BA), Fortaleza (CE), Brasília (DF), Vitória (ES), entre outras.

Por Portal Edital Concursos Brasil

Petrolândia: Paróquia São Francisco de Assis divulga programação da Semana Santa

Informação: Paróquia São Francisco de Assis - Petrolândia

Boletim da manhã deste sábado [04]: Pernambuco tem mais 4 mortes e 40 novos casos de coronavírus; sobe para 14 número de óbito no estado

Uma das mortes ocorreu no Hospital Universitário Oswaldo Cruz, no bairro de Santo Amaro — Foto: Reprodução/TV Globo

Pernambuco registrou mais quatro mortes de pacientes com coronavírus (Sars-Cov-2), neste sábado (4). Com isso, subiu para 14 o número de óbitos de pessoas com a Covid-19, doença causada pelo novo vírus. Além disso, houve 40 novos casos confirmados, totalizando 176. Foi o maior aumento em 24 horas, desde os dois primeiros pacientes, no dia 12 de março. Houve, ainda, seis novos pacientes curados, resultando em 23 recuperações.

Os 40 novos casos são de pacientes entre 21 e 95 anos, sendo 22 mulheres e 18 homens. Das quatro mortes, três são homens, de 65, 71 e 74 anos. Também morreu uma mulher de 95 anos de idade. Todos moravam no Recife. A mulher tinha fibrose cística e morreu na quinta-feira (2), em uma unidade privada da capital pernambucana.

O homem de 65 anos era ex-fumante e morreu na sexta-feira (3), no Hospital Universitário Oswaldo Cruz (Huoc), no Centro do Recife. Enquanto o de 71 tinha cardiopatia, era diabético e hipertenso. Ele morreu na 31, em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Já o idoso de 74 anos tinha doença cardiovascular crônica e morreu na terça-feira (31), em uma Upinha.

Na sexta-feira (4), houve 30 novos casos de coronavírus e, até então, tinha sido o maior aumento em um dia. Uma dos resultados positivos para o Sars-Cov-2 foi o de um bebê de 1 mês de idade.

Atualmente, há 52 pacientes internados, sendo 18 em Unidades de Terapia Intensiva e 34 em leitos de isolamento. Outros 87 estão em isolamento domiciliar.

Até a sexta-feira, a SES havia divulgado a morte de, ao menos, duas pessoas com menos de 60 anos de idade. A primeira foi uma mulher de 37 anos, com histórico de problemas cardíacos. A segunda foi uma paciente de 51 anos, fumante, que tinha histórico de problemas respiratórios.

Há casos confirmados em 14 cidades pernambucanas, além do arquipélago de Fernando de Noronha, que teve dois novos casos, totalizando sete. Também há casos confirmados de Covid-19 de pacientes que moram em outros estados e países, mas que passaram por Pernambuco.

Cidades pernambucanas com casos confirmados


Aliança
Belo Jardim
Cabo de Santo Agostinho
Camaragibe
Caruaru
Fernando de Noronha
Goiana
Ipubi
Jaboatão dos Guararapes
Olinda
Palmares
Paulista
Petrolina
Recife
São Lourenço da Mata

Mortes por coronavírus no estado


Homem de 85 anos morador do Recife. Ele tinha histórico de diabetes, hipertensão e cardiopatia isquêmica
Homem de 69 anos que morava no Recife. Ele era hipertenso e tinha histórico de viagem para Portugal e Itália
Turista canadense de 79 anos que estava no navio retido por 14 dias no Porto do Recife
Homem de 82 anos que morava no Recife. Era diabético, hipertenso e tinha histórico de infecção do trato respiratório
Mulher de 69 anos, moradora do Recife. Ela tinha leucemia
Homem de 62 anos, morador de Goiana, internado no Recife. Ele tinha diabetes e hipertensão
Homem de 64 anos, morador do Recife. Ele tinha diabetes e hipertensão e passou por transplante renal há dez anos
Homem de 81 anos, morador de Olinda. Ele tinha doença de Parkinson
Mulher de 37 anos, moradora do Recife. Ela tinha problemas cardíacos
Mulher de 51 anos, moradora do Cabo de Santo Agostinho. Ela era fumante e tinha problemas respiratórios
Homem de 65 anos, morador do Recife. Ele era ex-fumante
Homem de 71 anos, morador do Recife. Ele tinha cardiopatia, era diabético e hipertenso.
Homem de 74 anos, morador do Recife. Ele tinha doença cardiovascular crônica
Mulher de 95 anos, moradora do Recife. Ela tinha fibrose cística

Por G1 PE

Ceará, Rio, SP, DF e AM podem entrar em fase de aceleração descontrolada do coronavírus, diz ministério da Saúde


Um relatório do Ministério da Saúde divulgado nesta sexta-feira (3), informou que quatro estados e o Distrito Federal podem estar em fase de transição de fase epidêmica do novo coronavírus, passando de transmissão localizada para aceleração descontrolada da pandemia.

De acordo com os dados do relatório, é preocupante a situação do Distrito Federal, São Paulo, Ceará, Rio de Janeiro e Amazonas, considerando o Coeficiente de Incidência nacional de 4,3 casos por 100.000 habitantes.

Nessas regiões, os Coeficientes de Incidência são:

Distrito Federal - 13,2/100 mil
São Paulo - 9,7/100 mil
Ceará - 6,8/100 mil
Rio de Janeiro - 6,2/100 mil
Amazonas - 6,2/100 mil

Para a análise, o Ministério da Saúde divide a pandemia em quatro fases epidêmicas: epidemia localizada, aceleração descontrolada, desaceleração e controle.

Preocupações

O relatório do Ministério da Saúde também manifestou preocupação sobre o número de profissionais da saúde diagnosticados com a doença, a carência de profissionais de saúde capacitados para o manejo de equipamentos, a falta de leitos e a insuficiência da capacidade laboratorial.

"Para o momento mais crítico da emergência, será necessária uma ampliação para realização de 30 a 50 mil testes de RT-PCR por dia", conclui.

"A constatação de casos entre profissionais de saúde é a maior preocupação da resposta à emergência e um dos eixos centrais da cadeia de resposta, juntamente com os equipamentos de proteção individual e equipamentos de suporte (leitos, respiradores e testes laboratoriais), compondo os condicionantes do Sistema Único de Saúde para a dinâmica social e laboral. Este evento representa um risco significativo para a saúde pública, ainda que a magnitude (número de casos) não seja elevada do mesmo modo em todas os municípios.", cita o texto.

"Há carência de profissionais de saúde capacitados para manejo de equipamentos de ventilação mecânica, fisioterapia respiratória e cuidados avançados de enfermagem direcionados para o manejo clínico de pacientes graves de COVID-19 e profissionais treinados na atenção primária para o manejo clínico de casos leves de Síndrome Gripal."

"Os leitos de UTI e de internação não estão devidamente estruturados e nem em número suficiente para a fase mais aguda da epidemia", completa o relatório do Ministério.

Distanciamento social

O Ministério da Saúde avalia ainda que "as estratégias de distanciamento social adotadas pelos estados e municípios, contribuem para evitar o colapso dos sistemas locais de saúde".

Segundo o órgão, o coronavírus vem apresentando padrão de alta transmissibilidade em algumas áreas geográficas. Em São Paulo, por exemplo, estima-se que a taxa de transmissibilidade varia de R0>3 a R0<6. Após a adoção das medida de distanciamento social ampliado, essa taxa está próxima de R0=2.

O relatório ainda cita que "as Unidades da Federação que implementaram medidas de distanciamento social ampliado devem manter essas medidas até que o suprimento de equipamentos e equipes de saúde estejam disponíveis em quantitativo suficiente, de forma a promover, com segurança, a transição para a estratégia de distanciamento social seletivo.

Casos de coronavírus no Brasil

As secretarias estaduais de Saúde divulgaram, até as 10h29 deste sábado (4), 9.244 casos confirmados do novo coronavírus (Sars-Cov-2) no Brasil, com 366 mortes pela Covid-19. Apenas três estados ainda não registraram mortes: Acre, Amapá e Tocantins.

Por G1

Petrolândia: Carlos Democracia lança pré-candidatura a vereador no grupo de Dr João


Democracia se reuniu com Dr João na manhã desse sábado e, juntamente com apoiadores, lançou a sua pré-candidatura e o seu apoio ao grupo da mudança, ao grupo de Dr João.

Por Assessoria de Comunicação
Dr. João Lopes

Medidas de enfrentamento ao coronavírus em Pernambuco - Por Paulo Câmara


Tivemos um aumento significativo no número de casos confirmados de coronavírus no Estado. Diante desse panorama, decidimos ampliar as restrições para evitar a circulação de pessoas nas ruas sem necessidade. Decretei o fechamento das praias e parques até a próxima segunda-feira (06.04), mantive o fechamento do comércio, serviços públicos e demais atividades consideradas não essenciais até o dia 17 de abril, além da suspensão das aulas até o dia 30 deste mês. Continuamos a reforçar que a melhor maneira de retardar o aumento de casos é fazendo o isolamento social. Contamos com a colaboração de todos os pernambucanos. Só com muita determinação e união vamos superar este momento difícil que o mundo todo enfrenta.

Paulo Câmara
Governador de Pernambuco

Garis de Petrolândia mandam recado à população: 'fiquem em casa''


Profissionais da limpeza pública de Petrolândia  não param em meio à pandemia do COVID-19. Em vídeo distribuído pela Prefeitura, eles mandam recado à população, orientada a ficar em casa.

Prefeitura de Petrolândia.

Petrolândia: Aberta parcialmente, Loja Delgado Construções informa atendimento via ligações [WhatsApp]

Delgado Construções


Trabalhador na fila do auxílio-doença receberá R$ 1.045



Aplicativo para sacar auxílio a informais de R$ 600 será liberado na terça (7)

Governo federal quer pagar benefício antes da Páscoa; calendário sai na segunda-feira (6)

Clique abaixo e veja reportagem completa

Por Jornal Agora/Folha de S. Paulo

Coronavírus: Bolsonaro estuda flexibilizar isolamento em cidades pequenas e médias com poucos casos


Contrário ao isolamento social para conter o avanço do coronavírus no país, o presidente Jair Bolsonaro estuda uma nova medida para determinar a retomada das atividades em parte do país. O governo passou a avaliar a possibilidade de flexibilizar normas restritivas em cidades pequenas e médias com baixo índice de casos da Covid-19.

Auxiliares de Bolsonaro dizem que a ideia é que o próprio Ministério da Saúde estabeleça os critérios, que garanta segurança à vida da população e dê respaldo aos governantes locais. Ainda não está definido se o melhor caminho seria um decreto presidencial ou uma medida provisória.

Mandetta: Em tom irônico, ministro pede 'aos que destilam o ódio' que postem duas informações falsas em vez de dez: 'dá trabalho tirar'

O presidente, dizem aliados, tem defendido uma adequação das regras impostas por estados e município. A avaliação é a de que, em um país continental como o Brasil, não é possível estabelecer uma única norma para diferentes realidades.

A logística para a determinação de parâmetros técnicos pelo Ministério da Saúde não é, no entanto, de fácil execução. Existem no país, por exemplo, muitas cidades-dormitórios que não concentram casos da Covid-19, mas têm potencial para se tornarem centros de disseminação da doença caso seus moradores sejam liberados para a retomada das atividades. O vai e vem de trabalhadores, nesses municípios, poderia dar impulso à circulação do vírus.

Auxiliares de Luiz Henrique Mandetta têm defendido que qualquer tipo de flexibilização de medidas restritivas só pode ser executada a partir do momento que o sistema de saúde estiver bem estruturado. O importante, dizem, é que haja a garantia de atendimento eficaz. A avaliação no Ministério da Saúde é a de que, para que haja qualquer tipo de liberação das atividades, será preciso estabelecer uma série de requisitos —entre os quais, por exemplo, a quantidade de leitos de UTI disponíveis naquela localidade. A pasta comandada por Mandetta está compilando os dados de todo o país para ter um quadro mais realista e, assim, dar respaldo a um plano nacional de combate ao coronavírus.
Ministros que apoiam a proposta dizem que uma “customização” é uma saída para a retomada, ainda que gradual, de parte da atividade econômica no país. Mesmo que os grandes centros não atendam aos requisitos para o fim do isolamento social, a avaliação é a de que a solução intermediária pode ser benéfica.

Apoio: Temos toda confiança e todo respaldo que Mandetta precisar na Câmara e no Senado, diz Maia

O trabalho conjunto com a Saúde, avaliam integrantes do governo, também é importante para dar segurança jurídica ao Palácio do Planalto. Bolsonaro tem recebido uma série de sinalizações de que qualquer ato que contrarie as recomendações da ciência e da medicina seria derrubado pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

Nesta quinta-feira, Bolsonaro afirmou em entrevista à rádio Jovem Pan que pode assinar um decreto para afrouxar o isolamento social nos estados.

— Eu tenho um projeto de decreto pronto na minha frente para ser assinado, se preciso for, considerando atividade essencial toda aquela exercida pelo homem e pela mulher através da qual seja indispensável para levar o pão para a casa todo dia - disse.

— Eu, como chefe de Estado, tenho de decidir. Se tiver que chegar a esse momento, eu vou assinar essa medida provisória. Agora, sei que tem ameça de tudo o que é lugar para cima de mim se eu vier a assinar. Até de sanções tipo buscar um afastamento, sem qualquer amparo legal para isso.

Por O Globo

Governo começará a pagar auxílio emergencial de R$ 600 antes da Páscoa. Bolsa Família sai dia 16


BRASÍLIA - O governo pretende iniciar o pagamento do auxílio emergencial de R$ 600 para os informais, que estão fora do Cadastro Único (CadÚnico), a partir do próximo dia 09, antes do feriado da Páscoa. O anúncio foi feito pelo ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, depois das críticas de que os mais necessitados seriam os últimos a receber.

O ministro disse que isso será possível porque no dia 07, a Caixa Econômica vai disponibilizar um aplicativo de celular em que os interessados poderão inserir dados pessoais e num prazo de 8 horas quem tiver direito de receber o benefício, de acordo com os requisitos da lei, terá os recursos creditados em conta.

- A partir de terça-feira pela manhã, as pessoas vão poder baixar esse aplicativo no seu celular, ele vai ser super simplificado, não vai trazer nenhuma taxa, nenhum ônus às pessoas e vai permitir que ou pela Web, pela internet, ou pelo celular as pessoas possam fazer seu cadastramento para permitir que, em torno de 48 horas posteriores a esse cadastramento, aqueles que cumprirem todos os requisitos que a lei nos exige a acompanhar, esse recurso estará creditado – disse o ministro.

Segundo ele, o universo de informais que estão fora do cadastro oficial varia entre 15 milhões e 20 milhões de trabalhadores, e que o governo precisa ser ágil no pagamento. Mas, ao mesmo tempo, ter segurança de que o dinheiro não chegará às mãos de “espertalhões”.

- Nós queremos dar tranquilidade ao taxista, ao vendedor de pipoca, cachorro quente, à diarista de que, a partir de terça-feira, ela terá as condições de fazer o seu cadastramento e garantir que em poucas horas vai poder receber esse recurso tão importante para a sua manutenção e da suas família.

Caso o trabalhador informal tenha inscrição do CadÚnico, ao inserir o CPF no aplicativo, ele poderá ser identificado com facilidade e receber o dinheiro mais rapidamente. Além do aplicativo de celular e site, a Caixa vai disponibilizar também um telefone para orientar os trabalhadores no acesso a esses meios eletrônicos. Eles terão que fazer autodeclaração de renda própria e da família. Os detalhes e o calendário de pagamento serão divulgados pelo banco na próxima segunda.
Bolsa Família

Onyx confirmou ainda que os beneficiários do Bolsa Família irão receber seu pagamento a partir do dia 16 de abril, seguindo o calendário do programa.

O ministro tinha dito que os beneficiários do Bolsa Família seriam os primeiros a receber o auxílio por se tratar de um público já conhecido pelo governo. Inicialmente, ele falou que o pagamento começaria no dia 16, depois que poderia antecipar para o dia 10. reiterou . Essas pessoas já têm cartão e conta em banco.

Segundo o ministro, apesar dos beneficiários do Bolsa Família serem conhecidos, o pagamento é complexo porque dentro do universo de 14,290 milhões defamílias credenciadas, dois milhões recebem mais do que R$ 600.

Pelo projeto, quem ganha menos poderá migrar temporariamente para o auxílio, que será pago a até duas pessoas da mesma família. Ou seja, do grupo de 12 milhões de famílias, há quem receberá R$ 600, R$ 1,2 mil ou R$ 1,8 mil, disse o ministro.

O presidente da Caixa, Pedro Guimarães, alertou às pessoas que o aplicativo ainda não está disponível. Ele disse que a Caixa vai abrir também uma conta poupança digital para efetuar o crédito e que fará parceria com outros bancos para acelerar os pagamentos.

O Globo

Gilmar Mendes suspende ampliação do BPC


O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), decidiu nesta sexta-feira (3) suspender a lei que ampliou o Benefício de Prestação Continuada (BPC). Mendes atendeu um pedido liminar feito pela Advocacia-Geral da União (AGU) para suspender a norma diante da falta de indicação da fonte de recursos para bancar a ampliação, que custaria cerca de R$ 20 bilhões.

A suspensão foi determinada pelo ministro por razões legais. Segundo Mendes, os parlamentares não indicaram a forma de custeio da medida, conforme determina a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Além disso. o ministro entendeu que o gasto não está relacionado com os problemas sociais provocados pela pandemia do novo coronavírus e poderia aumentar a dívida pública nacional para os próximos anos.

Petrolândia: "Faltou a consideração" de Fabiano, declara vereador Jorge Viana, ao justificar seu apoio a Dr. João, em entrevista a Assis Ramalho


O vereador Jorge Lino Viana, presidente do diretório do PSL em Petrolândia, está no terceiro mandato consecutivo. Eleito em 2008, desde então sua atuação na Câmara Municipal de Petrolândia sempre foi de oposição, com discursos ácidos dirigidos ao Executivo municipal, durante as duas gestões do ex-prefeito Lourival Simões e também na de seus sucessores Ricardo Rodolfo - que renunciou em 2017 - e, atualmente, Janielma Souza (Jane, do PSB). Apenas três vereadores formavam a bancada de oposição - os enfáticos Jorge e Rogério Novaes, ambos do PSL, e o moderado Carlinhos, do PTB - quando o então presidente da Mesa Diretora da Câmara, Fabiano, rompeu com o grupo governista e passou a construir sua candidatura a prefeito em 2016. Para isso, transferiu-se para o PTB, onde permanece, e uniu-se a Rogério Novaes, que mudou do PSL para o PSD de Rodrigo Novaes. A partir dali, a oposição começou a consolidar força e ganhar terreno na Câmara e, atualmente, é maioria no Legislativo. Crítico mordaz da administração municipal, Jorge Viana fez parte do grupo, até poucos dias atrás, quando anunciou seu apoio ao pré-candidato a prefeito Dr. João Lopes (PT).

No final da tarde desta sexta-feira (03/04), Jorge Viana foi entrevistado pela reportagem do Blog de Assis Ramalho e da Web Rádio Petrolândia. Os motivos que o levaram a mudar de grupo político foram o destaque da conversa, mas outros temas também foram debatidos. Após falar sobre sua atuação ao longo de três mandatos, a troca de grupo foi explicada pelo vereador.