segunda-feira, 8 de junho de 2020

Moraes manda governo retomar divulgação de dados acumulados de coronavírus

Na semana passada, o Ministério da Saúde mudou a forma de divulgar as informações sobre a pandemia no Brasil, excluindo os dados totais e apresentando apenas os números referentes às ultimas 24 horas

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes determinou, na noite desta segunda-feira (8/6), que o Ministério da Saúde volte a divulgar os dados acumulados sobre o novo coronavírus.

Alexandre de Moraes foi definido ainda nesta segunda como relator de uma ação protocolada por partidos políticos que questionaram a mudança na forma de divulgação dos dados.

"Decido determinar ao ministro da Saúde que mantenha, em sua integralidade, a divulgação diária dos dados epidemiológicos relativos à pandemia (covid-19), inclusive no sítio do Ministério da Saúde e com os números acumulados de ocorrências, exatamente conforme realizado até o último dia 4 de junho", disse Moraes.

Flores, Triunfo, Orocó e Cabo: Ministério Público alerta para irregularidades na promoção de políticos

MPPE atua em regime de plantão de 21/12/2019 a 1º/01/2020
Em Orocó, Promotoria de Justiça local recomendou ao prefeito retirar do site da Prefeitura publicidade que ligava realização de obras viárias à atuação de dois deputados

O Ministério Público Eleitoral (MPE), por meio da Promotoria da 67ª Zona Eleitoral em Pernambuco, recomendou aos prefeitos e às Câmaras Municipais de Flores e Triunfo para não utilizarem de bens públicos em ano eleitoral a favor de partidos políticos, coligações e candidatos, com o objetivo de cumprir o artigo 73, I, da lei eleitoral nº9504/97.

No texto da recomendação, o promotor de Justiça Eleitoral Olavo Leal ressaltou que “o artigo 14, § 9º, da Constituição Federal estabelece como condição para a normalidade e legitimidade do regime democrático eleitoral a inexistência de qualquer conduta que possa caracterizar abuso de poder político, econômico, ou a prática de qualquer das condutas vedadas aos agentes públicos em ano eleitoral”.

Caberá aos prefeitos e presidentes das Câmaras Municipais expedirem ofício circular para todos os agentes públicos do ente municipal e aos parlamentares da Casa Legislativa, com a finalidade de dar-lhes ciência da proibição legal do uso de bens públicos em ano eleitoral. Além de disponibilizarem a presente recomendação nos sites institucionais.

Petrolândia: Roselândia Maria da Conceição (Rosa) falece aos 44 anos, no Recife, com suspeita de Covid-19



Faleceu na madrugada desta segunda-feira (08/06), no Hospital de Campanha contra o Coronavírus, no bairro dos Coelhos, no Recife, a petrolandense Roselândia Maria da Conceição (Rosa), de 44 anos. Segundo a família, Rosa fazia tratamento contra câncer, mas a morte é um caso suspeito de Covid-19. 

Em conversa com a reportagem do Blog de Assis Ramalho e da Web Rádio Petrolândia, a irmã de Rosa afirma que a paciente foi encaminhada de Petrolândia para o IMIP, no Recife, na última quinta-feira (04/06), para tratamento de um CA. Após realização de uma tomografia, contatou-se suspeita de Covid 19 e Rosa foi encaminhada para o Hospital de Campanha no dia seguinte. O quadro agravou-se e ela faleceu hoje.

Ainda de acordo com a família, o corpo de Rosa deverá chegar em Petrolândia por volta das 22h00 desta segunda, onde será sepultado no Cemitério São Francisco. Não haverá velório, devido à suspeita de Covid-19.

O exame para confirmação ou descarte do diagnóstico de Covid-19, feito no Hospital de Campanha, será enviado à Secretaria de Saúde de Petrolândia em cerca de 8 dias. Antes de falecer, Rosa foi submetida a teste rápido para coronavírus, em Petrolândia, e o resultado foi - talvez, um falso - negativo. A família recebeu da equipe médica a informação de que há grande possibilidade de o resultado do novo exame ser positivo.

Nossos pêsames à família de Rosa.

Redação do Blog de Assis Ramalho
Informação: Família

Ministério Público Federal quer divulgação de dados sobre casos e internações por covid-19 no Vale do Médio São Francisco


O Ministério Público Federal (MPF) em Petrolina (PE)/ Juazeiro (BA) e os Ministérios Públicos dos Estados da Bahia e de Pernambuco expediram recomendação para garantir a divulgação dos dados relativos a casos e internações por covid-19 na região do Vale do Médio São Francisco. As autoras do documento são a procuradora da República Ticiana Sales Nogueira e as promotoras de Justiça Ana Paula Nunes Cardoso, Rosane Moreira Cavalcanti e Rita de Cássia Caxias de Souza.

O Ministério Público recomendou aos municípios de Petrolina e Juazeiro a disponibilização diária, em site da internet a ser divulgado na mídia local, o número de pessoas infectadas nas respectivas cidades, assim como o número de leitos ocupados pelos pacientes contaminados pela covid-19, identificando o tipo de leito ocupado – se intermediário ou de UTI - e a unidade de saúde em que se encontra.

Às secretarias de Saúde de PE e BA foi recomendada a divulgação semanal dos mesmos dados, englobando todas as pessoas infectadas na região do Vale do Médio São Francisco, ou seja, tanto a macrorregião de saúde norte de Pernambuco quanto a macrorregião norte de saúde da Bahia. De acordo com a recomendação, esses dados devem ser encaminhados também pelas autoridades municipais e estaduais diariamente ao Ministério Público.

O documento foi direcionado ainda à Central de Regulação Interestadual de Leitos (Cril) e ao Hospital Universitário da Univasf, que deverão informar ao MPF e aos MP Estaduais diariamente a quantidade de leitos intermediários e de UTI ocupados no final de cada dia na Rede Interestadual de Saúde do Vale do Médio São Francisco Pernambuco-Bahia (Rede PEBA) e na unidade hospitalar. Deverão relatar também qualquer dificuldade de regulação de pacientes, ou seja, de providenciar o acesso do paciente ao atendimento naquelas unidades na rede de saúde pública que tenham leitos disponíveis.

A atuação do MP foi motivada pela constatação de que a região do Vale do Médio São Francisco não tem leitos de UTI suficientes ao atendimento de toda a população, considerando-se a estimativa da Organização Mundial de Saúde (OMS) de que são necessário 11 leitos de UTI para cada 100 milhões de habitantes. Foi considerada também a decisão dos governos locais de flexibilizar as regras de isolamento social sem demonstrar o atendimento aos requisitos do Ministério da Saúde, como quantitativo suficiente de EPIs e de respiradores, bem como de testes laboratoriais e de leitos de UTIs, entre outros.

A recomendação fixa prazo de 48 horas, a contar da notificação, para que MPF e MP Estaduais sejam informados sobre o acatamento ou não do documento. Em caso de descumprimento, poderão ser adotadas as medidas administrativas e judiciais cabíveis.

Procedimento nº 1.26.001.000076/2020-15

Assessoria de Comunicação Social
Procuradoria da República em Pernambuco

Década dos Oceanos, instituída pela ONU, começa hoje em todo o mundo



A Década dos Oceanos, instituída pela Organização das Nações Unidas (ONU), começa hoje (8) - Dia Mundial dos Oceanos - em todo o mundo. Diplomatas, ambientalistas e cientistas esperam que nos nos próximos dez anos a humanidade aumente o conhecimento sobre as águas que cobrem 70% do planeta e proteja melhor essa imensidão, que absorve um terço do gás carbônico produzido pela atividade humana, retém o aquecimento global e serve à subsistência direta de bilhões de pessoas.

Esta segunda-feira também é o Dia Mundial dos Oceanos, instituído durante a conferência Rio-92 para promover a conservação de espécies e habitats, diminuir a poluição e a escassez de recursos por causa da sobrepesca.

“Fonte de bens e serviços que sustentam a humanidade, os oceanos são importantíssimos para o funcionamento do planeta e para o bem-estar. A gente precisa conhecer mais e cuidar mais”, defende Alexander Turra, professor titular do Instituto Oceanográfico da Universidade de São Paulo (USP) e responsável pela cátedra Unesco para Sustentabilidade dos Oceanos.

Petrolândia: Confira escala e nomes de médicos que atenderão nesta terça [09/06] na Clínica Mais Saúde; ligue e marque sua consulta


A Clínica Mais Saúde, localizada na Av Auspício Valgueiro de Barros, em frente a Escola Delmiro Gouveia, informa atendimento para esta terça-feira, 09 de junho de 2020; confira! 

Confira abaixo profissionais médicos que atenderão na Mais Saúde de Petrolândia nesta terça-feira (09/06).

Petrobras aumenta preço da gasolina em 10% nesta terça-feira (09/06)


A Petrobras aumentará em 10% o preço médio da gasolina, a partir desta terça-feira (09/06), nas refinarias. O valor do litro vai subir, em média, em R$ 0,13, de acordo com informação da Associação Brasileiras dos Importadores de Combustíveis (Abicom). O preço do diesel permanece inalterado.

O reajuste ocorre cerca de duas semanas após a última correção dos preços pela estatal. A última vez que a companhia mexeu nos preços foi no dia 27 de maio. Na ocasião, o preço da gasolina foi reajustado em 5% e o diesel em 7%..

Por Valôr Econômico

Nota oficial sobre a reabertura do comércio em Petrolândia; prefeitura informa


Av. Manoel Borba - Centro comercial de Petrolândia (parcialmente fechado) - Foto: Assis Ramalho/BlogAR


A Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo, vem reforçar junto aos empresários como se dará a reabertura da economia decretada pelo Governo de Pernambuco. Antes de mais nada é necessário que todos saibam que em nossa região e em nosso município o número de casos confirmados estão aumentando, portanto, ainda não é o momento de baixar a guarda em relação aos cuidados.

Para o bem de todos, a economia será reaberta de maneira gradativa, responsável e organizada. Não será tudo reaberto ao mesmo tempo. Estaremos divulgando em breve o calendário de reabertura para orientar os clientes.

Ainda é necessário proteger-se, estando em casa ou no trabalho. Para ajudar nas orientações e apoio, assim como para que não haja descumprimento dos decretos e consequentemente punições, estamos colocando a Sala do Empreendedor a sua disposição para as devidas orientações. Não abra sem antes receber orientação e autorização. Seja uma empresa a favor da vida!

Entre em contato com a Sala do Empreendedor:
Jacirlene - (87) 99921-0452
Mabel - (87) 99964-8086
Sandro (81) 99968-5803
Silvânia (87) 99601-7363
Jorge (87) 99957-7676

Por Assessoria de Comunicação
Prefeitura de Petrolândia

Cerca de 146 mil pés de maconha são erradicados em operações no Sertão de Pernambuco

Maconha erradicada durante operações no Sertão de PE — Foto: Divulgação/ PRF
Durante as operações Macambira V e Muçambê II, foram erradicados 146,3 mil pés de maconha em Cabrobó e Belém de São Francisco, no Sertão de Pernambuco. As ações foram realizadas entre 2 a 7 de junho e ocorreram de forma integrada entre a Polícia Rodoviária Federal (PRF), a Polícia Federal (PF) e o Batalhão Especializado de Policiamento do Interior da Polícia Militar (BEPI-PM).

Foram identificadas 48 roças com características da cannabis sativa. Se colhidas, as plantas poderiam produzir 48,7 toneladas de maconha pronta para o consumo.

As ações foram realizadas nas rodovias federais do Sertão, sendo fiscalizados 259 veículos e 256 pessoas, apreendidos 81,5 Kg de maconha embalada, dois carros roubados e R$1.142,00. Ao todo, onze pessoas foram detidas pelos crimes de tráfico de drogas e receptação de veículo roubado.

Participaram das ações 39 integrantes da PRF, 20 da PF e 13 do BEPI-PM. Foram utilizadas 19 viaturas, um caminhão tanque, uma van e um helicóptero.

A investigação das ocorrências será realizada pela delegacia de Polícia Federal de Salgueiro. As ações de erradicação estão sendo intensificadas na região, levando em consideração que o período de chuvas contribui para o aumento na produção da droga.

Por G1 Petrolina

Petrolândia [É AMANHÃ]: Dr Marcelo Sandes (Psicólogo Clínico) atende na Climagem às terças-feiras; agende já a sua consulta


A CLIMAGEM - Clínica de Atendimento Médico e Diagnóstico por Imagem - conta com a competência do Psicólogo Clínico, Dr Marcelo Sandes, com atendimento nas terças-feiras.

A CLIMAGEM - Clínica Médica e Diagnóstico por Imagem, com responsabilidade técnica de Dr. Antonio Marcos de Souza, está situada na Av. Marquês de Olinda, 32, centro de Petrolândia, próximo à Pousada e Empório Atenize.

As consultas [com horários marcados] podem ser agendadas no local ou pelos telefones (87) 3851-1195 e (87) 99818-5164.

Atendimento de segunda a sexta-feira, das 08h00 às 12h00 e das 14h00 às 18h00.



Da Redação do Blog de Assis Ramalho
Informação: Climagem

Empresários pernambucanos unem forças e fazem doações de 25 mil cestas básicas para famílias do Agreste e Sertão de PE; Petrolândia está entre os municípios contemplados

Nesta segunda etapa, serão alcançados nove municípios do Sertão (Salgueiro, Ouricuri, Araripina, Serra Talhada, Floresta, Belém do São Francisco, Petrolândia, Afogados da Ingazeira e São José do Egito) e cinco cidades do Agreste (Caruaru, Garanhuns, Belo Jardim, Vitória de Santo Antão e Gravatá).

A iniciativa Empresários por Pernambuco, inicialmente formada pelas empresas Viana & Moura Construções, Grupo Cornélio Brennand, Grupo Moura e Ferreira Costa, chega em sua segunda etapa. Com o apoio de outras 30 empresas serão doadas mais 25 mil cestas básicas, dessa vez, destinadas às famílias do Agreste e Sertão. Com um olhar voltado aos que mais precisam, os grupos empresariais se uniram nos últimos meses para ajudar os pernambucanos mais vulneráveis e que têm sofrido com a pandemia do novo Coronavírus. A primeira etapa da iniciativa alcançou 50 mil cestas básicas doadas na Região Metropolitana do Recife.

Nesta segunda etapa, serão alcançados nove municípios do Sertão (Salgueiro, Ouricuri, Araripina, Serra Talhada, Floresta, Belém do São Francisco, Petrolândia, Afogados da Ingazeira e São José do Egito) e cinco cidades do Agreste (Caruaru, Garanhuns, Belo Jardim, Vitória de Santo Antão e Gravatá).

Toda a ação está estruturada na força da união do mundo empresarial e Terceiro Setor. A Associação Amigos do Sertão faz parte dos trabalhos no Sertão, atuando no mapeamento social, seleção das famílias e na logística de entrega das cestas básicas, atuando em parceria com secretarias e órgãos de Assistência Social nas cidades contempladas. Já no Agreste, o mapeamento e estruturação continuam a cargo da ONG Novo Jeito, que também atuou na fase um da iniciativa na Região Metropolitana do Recife.

“A pandemia ainda não deu sinais concretos de redução e isso tem provocado forte impacto social nas famílias que já estavam em situação de maior vulnerabilidade. Nesse momento tão desafiador, foi importante nos juntarmos para ajudar nossa sociedade”, afirma Danila Magalhães, voluntária na ação.

O projeto conta com a participação de uma auditoria externa, que se engajou na causa para dar segurança e confiança a todo o processo de doação dos recursos e das cestas básicas. Outras informações sobre a campanha podem ser acompanhadas no site da iniciativa: www.empresariosporpe.com.br.

Por Assessoria de comunicação

Michelle Bolsonaro se emociona durante posse de secretário de Justiça cego [vídeo]


 O novo secretário nacional de Justiça, Claudio de Castro Panoeiro, tomou posse na manhã desta segunda-feira (8/6), em cerimônia no Palácio do Planalto. Panoeiro substituiu Vladimir Passos de Freitas, exonerado no dia 11 de maio, como parte das mudanças feitas no Ministério da Justiça e Segurança Pública após demissão do ex-juiz federal Sergio Moro e a posse do ministro André Mendonça, ex-advogado-Geral da União (AGU).

No evento, o presidente Jair Bolsonaro fez um rápido discurso elogiando e novo secretário e dizendo que o governo enfrenta constantes problemas causados com "aqueles que não aceitaram" a sua vitória nas urnas.


"Mais que um momento, é uma constância os problemas que o governo enfrenta com aqueles que não aceitaram perder no voto as eleições em 2018. A todo tempo nos fustigam com as mais absurdas acusações buscando uma maneira de nos deslegitimar, de nos agredir, de nos desacreditar perante a opinião pública. Mas o governo tem se mantido firme pela postura, pelo caráter, pela capacidade de cada um dos seus integrantes", afirmou.

Primeiro cego

Panoeiro é advogado da União e doutor em Direito pela Universidade de Salamanca, na Espanha. Segundo o Ministério da Justiça, ele é o primeiro cego a assumir o cargo na pasta. A primeira-dama, Michelle Bolsonaro, se emocionou ao discursar na posse.

"Sei que para indicar uma pessoa com deficiência para um cargo é preciso superar preconceitos que estão arraigados na nossa sociedade. Infelizmente, a deficiência ainda é considerada sinônimo de limitação e cabe a nós acreditar no potencial de cada um desses cidadão e oferecer a eles ferramentas certas para que possam desenvolver suas habilidades sem barreiras", afirmou.


Por Correio Braziliense
Vídeo: Canal YouTube Foco Brasil

Paróquia de Floresta-PE parabeniza Socorro Xavier pela passagem de seu aniversário


Paróquia de Floresta

Prefeito de Triunfo, no Sertão de PE, cria auxílio emergencial de R$ 300


O prefeito do município de Triunfo, Sertão do Pajeú pernambucano, João Batista Rodrigues (PSB), tomou uma atitude ousada no combate ao novo coronavírus e sancionou uma lei que autoriza o pagamento de um auxílio no valor de R$ 300 para donos de bares, restaurantes e lanchonetes.

Também serão beneficiados, artistas locais, condutores de turismo, mototaxistas e trabalhadores do setor de transporte de passageiros que não tiveram direito ao auxílio emergencial pago pelo Governo Federal e não possuem outra fonte de renda.
Os recursos oriundos do fundo municipal também irão beneficiar os artistas, condutores de turismo, mototaxistas e trabalhadores do setor de transportes de passageiros que não conseguiram o auxílio do Governo Federal, e que não tenham outra fonte de renda, e tiveram que parar suas atividades em função do isolamento social;

Segundo balanço da Secretaria Municipal de Saúde, Triunfo fechou o mês de maio com 22 casos de Covid-19 e 4 óbitos.

Por Farol de Notícias
Blog do Alvinho

TSE começa a julgar amanhã ações que pedem cassação de Bolsonaro e Mourão


O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) começa a julgar nesta terça-feira (9) ações que pedem a cassação da chapa que elegeu o presidente Jair Bolsonaro e o vice, Hamilton Mourão, em 2018. As duas primeiras a entrarem na pauta tratam sobre ataques cibernéticos a um grupo de Facebook que teria favorecido Bolsonaro. A avaliação na corte eleitoral, porém, é de que esses questionamentos têm pouca chance de irem adiante, mas ainda há outras ações na lista para serem julgadas que preocupam mais o Palácio do Planalto, como as que tratam de disparos de mensagens em massa pelo WhatsApp.

Na duas Ações de Investigação Judicial Eleitoral (Aijes) que devem ser julgadas amanhã, os então candidatos presidenciais Marina Silva (Rede) e Guilherme Boulos (PSOL) alegam que, durante a campanha, em setembro de 2018, o grupo virtual "Mulheres Unidas contra Bolsonaro", que reunia mais de 2,7 milhões de pessoas, sofreu ataque virtual que alterou o conteúdo da página. As interferências atingiram o visual e até mesmo o nome do grupo, que passou ser chamado de "Mulheres COM Bolsonaro #17". O então candidato beneficiado com a mudança compartilhou a imagem alterada, agradecendo o apoio. Para os adversários, a atitude configurou abuso eleitoral.

O relator do caso no TSE, ministro Og Fernandes, já votou contra os pedidos de Marina e Boulos em novembro do ano passado, mas o ministro Edson Fachin pediu vista - mais prazo para análise - do processo. O julgamento de amanhã será retomado pelo voto-vista de Fachin.

Em seu voto, o relator afirmou que, mesmo que tenha sido comprovada a invasão da página, as investigações não foram conclusivas quanto à sua verdadeira autoria. O ministro também acrescentou que a invasão ao perfil em rede social não teve gravidade capaz de causar ofensa à normalidade e à legitimidade das eleições.

Para o relator, a rigorosa sanção de cassação da chapa somente deve ser aplicada quando houver provas robustas, fortes e contundentes de autoria e participação. Outras seis Aijes sobre a chapa presidencial eleita em 2018 estão em andamento no TSE.

Disparo de mensagens pelo Whatsapp

Quatro ações ainda sem data para serem julgadas apuram irregularidades na contratação do serviço de disparos em massa de mensagens pelo aplicativo WhatsApp durante a campanha eleitoral. Os pedidos de cassação de Bolsonaro relativos a estes casos foram protocolados pelos então candidatos Ciro Gomes (PDT) e Fernando Haddad (PT).

Como mostrou o Estadão, o controverso inquérito que apura ameaças, ofensas e fake news contra ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) pode "turbinar" estas ações. A avaliação entre ministros do tribunal é a de que, caso seja autorizado, um compartilhamento das provas do STF com a Justiça Eleitoral deve dar um novo fôlego às investigações.

Na sexta-feira passada (5), a defesa de Bolsonaro pediu que o TSE rejeite incluir o conteúdo do inquérito das fake news nos processos eleitorais. O argumento da advogada Karina Kufa é de que as investigações no Supremo não têm relação com as ações contra a chapa.

O ministro Alexandre de Moraes é um personagem-chave nos dois Tribunais. Relator do inquérito das fake news, o ministro do Supremo determinou a quebra do sigilo bancário e fiscal de empresários bolsonaristas no intervalo de julho de 2018 a abril de 2020, abrangendo, portanto, o período das últimas eleições presidenciais. Na semana passada, Moraes assumiu uma cadeira de ministro titular do TSE.

Outras ações

Uma outra ação que trata da colocação de outdoors em pelo menos 33 municípios de 13 Estados aguarda ser pautada para julgamento. Segundo a denúncia, as placas publicitárias apresentavam imagens e mensagens semelhantes, o que representaria abuso de poder econômico, conduta passível de condenação da chapa. Há, ainda, um processo já julgado improcedente em fase de embargos de declaração que apura uso indevido de meio de comunicação.

Por Correio Braziliense

Boletim desta segunda [08/06]: Com mais 463 confirmações e 45 mortes, Pernambuco atinge 3.350 óbitos por Covid-19


Foram confirmados, nesta segunda-feira (8), 463 novos casos de Covid-19 em Pernambuco. A Secretaria Estadual de Saúde (SES) também registrou 45 óbitos de pessoas com o novo coronavírus e, com isso, o estado passa a ter 40.705 pacientes confirmados e 3.350 mortes pela doença.

Segundo a SES, 99 dos 463 casos confirmados nesta segunda se enquadram como Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag) e outros 364 como leves. Com esse acréscimo, o número de casos graves em Pernambuco passa a ser 15.960, enquanto há 24.745 registros de casos leves.

Os detalhes epidemiológicos devem ser repassados ainda nesta segunda (8), pelo governo do estado.

Por NE 10
Imagem: JC

Tacaratu/Caraibeiras: Célio do Gás lamenta morte do tio Ananias Manoel dos santos. 1º vítima do coronavírus no município


Célio Correia dos Santos, mais conhecido por Célio do Gás, empresário no ramo de gás em Caraibeiras [Tacaratu], vem por meio deste meio de comunicação lamentar a morte do seu tio Ananias Manoel dos santos, morto no último sábado (06), vítima de coronavírus.

''Meu tio Ananias, pessoa do bem e ser humano exemplar, também foi um dos melhores vaqueiros do Sertão, e dos quatro Estados da federação. Vai com DEUS! saudades eternas.

Célio do Gás

Notícia relacionada

Da Redação do Blog de Assis Ramalho

Petrolândia: Ação Solidária durante pandemia acontece no Bairro Nova Esperança




No sábado, 06 de junho/2020, aconteceu no Bairro Nova Esperança em Petrolândia- PE uma belíssima AÇÃO SOLIDÁRIA com distribuições de 500(quinhentas) cestas básicas, deixando muitas famílias abastecidas de alimentos sentindo-se abençoadas em pleno tempo de crise que assola o país em consequência da Pandemia do Covid-19.

Com imensa felicidade em prol dessa maravilhosa ação o presidente Jucélio Mangueira vem em nome da Associação dos Moradores do Bairro Nova Esperança e do Conselho da Igreja Santo Espedito agradecer encarecidamente em público a ONG (AMIGO DO SERTÃO) por ter nos oportunizado pela doação de cesta básica e em especial ao paróco Luíz Augusto na articulação e por ter nos procurado para da suporte na organização do mesmo,bem como na distribuição das cestas.Agradecemos aos colegas residentes do Bairro pela grandiosa colaboração para que tudo acontecesse de maneira passiva e comemorativa.

Reafirmo a disponibilidade para contar conosco em qualquer ação que possa a vir contribuir com a melhoria e amenização do sofrimento dos Moradores do Bairro Nova Esperança e demais população de Petrolândia.

Encerro meus agradecimentos com esta mensagem:

" Doação é alegria, felicidade pura,paz indefinível.É uma sensação de dever cumprido totalmente desprovido de orgulho e vaidade.Descubra o amor e faça conhecer o mundo".

Veja abaixo vídeo e fotos

Auxílio emergencial: Caixa libera 2ª parcela para nascidos em agosto


A Caixa Econômica Federal encerra no próximo sábado (13) o calendário de liberação de saques e transferências da segunda parcela do auxílio emergencial de R$ 600 (R$ 1,2 mil para mães solteiras). Hoje (8), será feita a liberação para 2,6 milhões de beneficiários nascidos em agosto.

O dinheiro visa reduzir os efeitos do novo coronavírus nas camadas mais necessitadas. A liberação do saque e a transferência da poupança social da Caixa para outros bancos estão sendo feitas de acordo com o mês de nascimento dos beneficiários. Os recursos estão sendo transferidos automaticamente para as contas indicadas.

Amanhã (9), será liberado o saque para 2,6 milhões de beneficiários nascidos em setembro; na quarta-feira (10), para 2,6 milhões nascidos em outubro; na quinta-feira (11), feriado, não haverá liberação; na sexta-feira (12), para 2,5 milhões nascidos em novembro; e no sábado (13), para 2,5 milhões nascidos em dezembro.

Segundo a Caixa, quem não sacar o auxílio nesse período continua com o crédito disponível nas contas indicadas e poderá realizar o saque, independente do dia de nascimento, a partir da próxima segunda-feira (15).

A transferência dos valores será feita para quem indicou contas para recebimento em outros bancos ou poupança existente na Caixa. Com isso, esses beneficiários poderão procurar as instituições financeiras com quem têm relacionamento, caso queiram sacar.

Segundo a Caixa, mais de 50 bancos participam da operação de pagamento do auxílio emergencial.

Todos os beneficiários do Bolsa Família elegíveis para o auxílio emergencial já receberam o crédito da segunda parcela.
Primeira parcela

Cerca de 200 mil novos beneficiários receberam, no último sábado (6), a primeira parcela do auxílio emergencial. A Caixa fez o pagamento após a Dataprev analisar novo lote de 1,4 milhão de pedidos e liberá-lo na última sexta-feira (5). O valor já está disponível para saque, movimentação pelo aplicativo Caixa Tem ou pelos canais digitais daqueles que indicaram contas de outros bancos.
Caixa Tem

Por meio do aplicativo Caixa Tem, o beneficiário pode fazer compras, transferências e pagar contas como água, luz e telefone, por exemplo.

A Caixa preparou uma série de dicas de como usar o aplicativo (app), como verificar o saldo, extrato

da conta e realizar pagamentos nas maquininhas via QR Code.

Por Agência Brasil

Paulo Afonso: populares evitam tragédia familiar às margens do Rio São Francisco


Populares conseguiram evitar uma tragédia familiar, na manhã deste domingo (7), em Paulo Afonso, Bahia. Uma mãe, visivelmente transtornada, queria se atirar junto com uma criança no canal do Rio São Francisco, próximo à ponte de acesso ao centro de Paulo Afonso.

Segundo informações, a jovem de 27 anos perdeu o esposo há alguns dias e encontrava-se com uma criança de aproximadamente dois anos de idade. A mãe tinha a intenção de se jogar no rio com a criança, mas felizmente foi contida por populares.

Equipes do Corpo de Bombeiros (15º GBM) e do Samu 192 foram acionadas para ajudar no resgate. Quando os profissionais chegaram ao local, foi constatado que a vítima fez uso de medicamentos. O Samu conduziu a mãe para o Hospital Nair Alves de Souza (HNAS) porque disse que não estava sentindo os movimentos das pernas.

Já a criança foi levada para o seio familiar. A jovem mãe dizia que “ele (o esposo) a estava chamando”, e que ela estava indo para junto do mesmo.

BUSCANDO AJUDA

Pensar em acabar com a própria vida pode ser insuportável e muito difícil, e você pode não conseguir enxergar uma saída. Mas existe ajuda disponível!

Primeiramente, é muito importante conversar com alguém que você confie. Não hesite em pedir ajuda! Você pode precisar de alguém que te acompanhe e te auxilie a entrar em contato com os serviços de suporte.

Lembre-se que quando pede ajuda, você tem o direito de ser respeitado e levado a sério, ter o seu sofrimento levado em consideração, falar em privacidade com as pessoas sobre você mesmo e sua situação, ser escutado e ser encorajado a se recuperar.

ONDE BUSCAR AJUDA PARA PREVENIR O SUICÍDIO?

Há algumas possibilidades de auxílio nesse momento:

CAPS
Os Centros de Atenção Psicossocial (CAPS) nas suas diferentes modalidades são pontos de atenção estratégicos da RAPS: serviços de saúde de caráter aberto e comunitário constituído por equipe multiprofissional e que atua sobre a ótica interdisciplinar e realiza prioritariamente atendimento às pessoas com sofrimento ou transtorno mental, incluindo aquelas com necessidades decorrentes do uso de álcool e outras drogas, em sua área territorial, seja em situações de crise ou nos processos de reabilitação psicossocial e são substitutivos ao modelo asilar.

Unidades Básicas de Saúde
A Unidade Básica de Saúde (UBS) é o contato preferencial dos usuários, a principal porta de entrada e centro de comunicação com toda a Rede de Atenção à Saúde. É instalada perto de onde as pessoas moram, trabalham, estudam e vivem e, com isso, desempenha um papel central na garantia de acesso à população a uma atenção à saúde de qualidade.

UPA 24H
A Unidade de Pronto Atendimento (UPA 24h) faz parte da Rede de Atenção às Urgências. O objetivo é concentrar os atendimentos de saúde de complexidade intermediária, compondo uma rede organizada em conjunto com a atenção básica, atenção hospitalar, atenção domiciliar e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU 192.

Centro de Valorização da Vida
O CVV – Centro de Valorização da Vida realiza apoio emocional e prevenção do suicídio, atendendo voluntária e gratuitamente todas as pessoas que querem e precisam conversar, sob total sigilo, por telefone, email, chat e voip 24 horas todos os dias.

A ligação para o CVV em parceria com o SUS, por meio do número 188, são gratuitas a partir de qualquer linha telefônica fixa ou celular.

Também é possível acessar o site do CVV para chat, Skype, e-mail e mais informações sobre ligação gratuita, ou conferir AQUI os postos de atendimento.

Por PA4.COM,BR

Carlos Wizard desiste de assumir cargo no Ministério da Saúde


O empresário Carlos Wizard desistiu de atuar como secretário e conselheiro do Ministério da Saúde. A decisão foi anunciada neste domingo (7/6) por meio das suas redes sociais, depois de o empresário ser duramente criticado por ter sugerido a recontagem dos mortos causados pelo coronavírus no Brasil.

"Agradeço ao ministro Eduardo Pazuello pela confiança, porém decidi não aceitar para continuar me dedicando de forma solidária e independente aos trabalhos sociais que iniciei em 2018 em Roraima", escreveu Wizard nas redes sociais.

Na nota, ele lembrou que havia sido convidado pelo ministro interino da Saúde, Eduardo Pazuello, para assumir a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos da pasta. Mas, como não havia sido nomeado ainda, por enquanto estava atuando como "Conselheiro do Ministério da Saúde, na condição pro bono".

Proprietário de empresas de produtos naturais, escolas de idiomas e sistemas de pagamento virtual, Carlos Wizard chegou a ser cotado para o cargo de ministro da Saúde depois que Nelson Teich deixou o governo. E nas últimas semanas começou a frequentar reuniões da pasta como conselheiro, sendo convidado, então, para virar secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos da Saúde.

O convite, contudo, foi alvo de duras críticas por parte sociedade civil, visto que ele não tem formação na área da saúde . E essas críticas se endureceram nos últimos dias, depois que Wizard sugeriu que os números de mortes do coronavírus poderiam estar sendo inflados pelos governadores brasileiros com o intuito de obter repasses maiores para os seus estados. Na sexta-feira (05/06), o empresário chegou até a defender a recontagem dos mortos de covid-19, alegando que os dados atuais seriam "fantasiosos ou manipulados".

O Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), por exemplo, emitiu nota nesse sábado (06/06) dizendo que "repudia com veemência e indignação as levianas afirmações do Secretário de Ciência, Tecnologia e Insumos Estratégicos do Ministério da Saúde, Carlos Wizard". "Ao afirmar que Secretários de Saúde falseiam dados sobre óbitos decorrentes da Covid-19 em busca de mais 'orçamento', o secretário, além de revelar sua profunda ignorância sobre o tema, insulta a memória de todas aquelas vítimas indefesas desta terrível pandemia e suas famílias", acrescentou o Conass.

Ao anunciar a desistência da secretaria do Ministério da Saúde neste domingo, Wizard também resolveu, portanto, pedir "desculpas por qualquer ato ou declaração [...] que tenha sido interpretada como desrespeito aos familiares das vítimas da Covid-19 ou profissionais de saúde que assumiram a nobre missão de salvar vidas".

Por Correio Braziliense

Moro se afasta de Brasília e Bolsonaro é favorito para 2022


A pandemia do novo coronavírus, as ações da Polícia Federal contra o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, o aumento exponencial de mortes e infectados em São Paulo e a aproximação do governo com o Centrão fazem com que oponentes do presidente Jair Bolsonaro percam força no cenário político. A oposição ao governo está fragmentada e resiste em apoiar propostas conjuntas para fazer frente às decisões do Executivo e às críticas que Bolsonaro tem feito às instituições.Embora ainda faltem dois anos para as eleições gerais, o cenário que se desenha começa a solidificar uma disputa entre o presidente e seu ex-ministro da Justiça Sergio Moro, ambos com apoio do eleitorado mais conservador, de direita.

As pesquisas mais recentes apontam que o presidente tem 30% de aprovação e vem sofrendo uma deterioração da imagem junto à população. No entanto, ainda se mantém como forte candidato para as próximas eleições. Outros nomes cotados para concorrer ao Executivo enfrentam entraves, como é o caso do governador do Rio, que foi alvo de uma operação da Polícia Federal em decorrência das suspeitas de desvios de verba na compra de respiradores para hospitais de campanha. Witzel alega que é alvo de perseguição política e chegou a chamar o presidente de ditador.

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva era o grande nome da oposição, e havia a expectativa de que ele liderasse a construção de uma candidatura de esquerda competitiva depois de deixar a prisão. Porém, logo nos primeiros dias fora do cárcere, Lula posicionou-se contra o pedido de impeachment do presidente. O petista lembrou que o chefe do Executivo foi eleito democraticamente. Embora tenha feito críticas ácidas a Bolsonaro, o ex-presidente não lidera articulação política na oposição. Chegou-se a cogitar que ele iria até o Congresso conversar com parlamentares, contudo, esses planos foram adiados em razão da pandemia. Lula continua com sólida base eleitoral e apoio popular e político. Mas uma condenação na segunda instância de Justiça impede que ele se candidate.

A última declaração do ex-presidente sobre o assunto é de que ele não será candidato. Com isso, Lula deve apoiar um nome lançado pelo PT. O mais provável no momento é o do ex-governador de São Paulo Fernando Haddad, que, embora tenha perdido o último pleito, conquistou 47 milhões de votos e chegou a disputar o segundo turno, mesmo tendo se lançado nos momentos finais da campanha. Há menos de duas semanas, o PT assumiu o papel de oposição política e decidiu apoiar o impeachment de Bolsonaro, mesmo que isso tenha ocorrido em um manifesto que envolve diversos partidos e centenas de entidades sociais e sindicais.

A aposta da esquerda é de que Moro esfacele a base eleitoral do presidente da República. O primeiro baque ocorreu quando o ex-juiz deixou o governo fazendo acusações graves de que o chefe do Executivo tentou interferir na Polícia Federal. Mas, sem articulação política, e longe de Brasília, Moro perde força no meio político. Por ora, ele alega que não é candidato, embora já se fale nos bastidores que ele estará no próximo pleito e que pretende formar uma base de articulação com entidades jurídicas, políticas e que pregam o combate à corrupção para se lançar concorrente ao Planalto.

Acenos

Moro faz alguns discretos acenos, de olho nas urnas. Em busca do eleitorado conservador que ameaça romper com Bolsonaro, compara o presidente ao PT. Quer arrebanhar esse agrupamento da direita que não concorda com as atitudes de Bolsonaro, atrelando-o ao extremismo político, algo que, teoricamente, o igualaria aos petistas em método.

O professor Ricardo Caichiolo, cientista política do Ibmec-DF, lembra que, por estar no cargo, Bolsonaro tem maior facilidade em vencer as próximas eleições, pois a evidência trazida por quem chefia o Poder Executivo também é uma ferramenta eleitoral. “O candidato à reeleição comumente parte de uma situação vantajosa em relação a outros candidatos pela própria natureza de exposição do cargo e a máquina governamental à disposição. Portanto, mesmo com o alto índice de rejeição, o presidente Bolsonaro segue com chances consideráveis de permanecer no Planalto por mais quatro anos.”

Ainda de acordo com Caichiolo, a pandemia de coronavírus e a quebra de apoio entre Moro e Bolsonaro podem ser fatores determinantes em 2022. “A pandemia tornou-se um fato político e ideológico no trato com os governadores, com destaque para os de São Paulo e Rio. Quanto a Moro, a disputa de retórica sobre a suposta intervenção na PF colocou os antes indivisíveis presidente e ministro em polos opostos. De fato, uma eventual candidatura de Moro pode representar uma ameaça aos planos de reeleição de Bolsonaro”, completa. Para o especialista, embora os opositores estejam atuantes, permanecem sem uma figura de líder.

“A oposição vem fazendo um trabalho combativo no Congresso e parte dela tem tentado se mobilizar para fazer frente ao governo, mas ainda não estabeleceu uma liderança, tampouco um discurso convergente, com destaque para a falta de entendimento sobre se deve existir ou não o protagonismo do ex-presidente Lula”, destaca.

Por Correio Braziliense

Boletim de domingo [07/06]: Pernambuco registrou 35 mortes por coronavírus nas últimas 24 horas, menor número desde 3 de maio


Pernambuco registrou, neste domingo (07), mais 35 mortes pelo coronavírus - 20 do sexo feminino e 15 do sexo masculino -, de acordo com o boletim da Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE). Este é o menor número diário desde o dia 3 de maio, quando foram contabilizados 24 óbitos. Os registros não correspondem às mortes que ocorreram no dia, mas sim àquelas que foram confirmadas laboratorialmente.

As novas vítimas fatais moravam em Recife (9), Jaboatão dos Guararapes (2), Cabo de Santo Agostinho (2), Paulista (2), Palmares (2), Camaragibe (1), Abreu e Lima (1), Agrestina (1), Água Preta (1), Araçoiaba (1), Caruaru (1), Catende (1), Correntes (1), Exu (1), Ipojuca (1), Itambé (1), Ouricuri (1), Paranatama (1), Serinhaém (1), Tamandaré (1) e Vicência (1), além de dois pacientes de outros Estados.

Com isso, o Estado totaliza 3.305 óbitos pela covid-19.

Casos confirmados

O Estado também confirmou mais 881 casos do novo coronavírus. Desses, 165 se enquadram como Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag) e 716 são quadros considerados leves. Com isso, o Estado chega a 40.242 casos confirmados da covid-19, sendo 15.861 graves e 24.381 leves. Há casos graves em 165 municípios pernambucanos, além do Arquipélago de Fernando de Noronha e de pacientes em outros Estados e países.

Curados

Pernambuco teve 21.773 pessoas curadas da Covid-19. Desse total, 5.880 foram casos graves e 15.893, leves.

Por Jornal do Commercio

Pernambuco reabre mais setores da economia nesta segunda-feira


A partir desta segunda (8), o cenário das cidades pernambucanas volta a se parecer um pouco com o da pré-pandemia da covid-19. Depois das lojas de material de construção, que reabriram há uma semana, outras atividades vão se readaptando à nova normalidade. Nesta segunda será a vez da construção civil, do comércio atacadista inaugurar sua retomada e das clínicas médicas, enquanto o setor de shopping centers estreia o serviço de drive-thru. Reações negativas dos empresários ao Plano de Convivência com a covid-19 fizeram com que o governo antecipasse a reabertura de algumas atividades.

O setor de shoppings foi uma das atividades que reagiu à falta de data para abertura pelo governo de Pernambuco e foi atendido no pleito de antecipar a operação do drive-thru para aproveitar as vendas do Dia dos Namorados. Pelo plano inicial, o serviço só poderia funcionar a partir do dia 15, mas foi antecipado para esta segunda.

No Brasil, alguns shoppings já haviam adotado a operação do drive-thru para permitir que os lojistas voltassem a vender. Em Pernambuco, os centros de compra estavam trabalhando com delivery, a partir de plataforma online.

Agora, os consumidores podem comprar pelos sites das lojas, por WhatsApp e por telefone. Depois, a compra é retirada em pontos de entrega instalados nos estacionamentos dos shoppings.

“Os shoppings e os seus lojistas ficaram satisfeitos com a antecipação do prazo para funcionamento do sistema de coleta/drive-thru. O governo reconheceu o pleito dos lojistas, e isso é muito importante neste processo. Continuaremos dialogando para implementar a volta das outras operações”, diz o presidente da Associação Pernambucana de Shopping Centers (Apesce), Paulo Carneiro. Segundo ele, os shoppings e os lojistas se esforçaram para implantar o drive-thru para que funcione a partir de hoje. O governo ainda não definiu a data da abertura efetiva.

A retomada econômica não quer dizer, porém, que o Estado está livre do novo coronavírus, e, por isso, é preciso cumprir os protocolos sanitários para evitar uma escalada de transmissão do vírus nessa volta. A construção civil volta a abrir os canteiros de obras com o compromisso de operar com metade da mão de obra e adotando medidas de distanciamento social, higiene e comunicação e monitoramento. Entre as de distanciamento estão manter distância de 1,5 metro entre os trabalhadores, utilizando máscaras, óculos e protetor facial.

O presidente da Associação das Empresas do Mercado Imobiliário de Pernambuco (Ademi-PE), Gildo Vilaça, diz que as empresas do setor terão condições de cumprir os protocolos. “Pelo menos 95% das medidas que constam no protocolo foram discutidas pelo setor com o governo. Em 8 de abril, encaminhamos uma cartilha com as sugestões”, destaca. A construção civil foi um dos setores que mais questionaram as medidas do governo, alegando que retomar a atividade com 50% dos colaboradores e no horário das 9h às 18h seria complicado. Na última sexta, o Estado divulgou uma antecipação das etapas de reabertura e permitiu horário livre.

Tradicionalmente, o expediente nos canteiros vai das 7h às 17h. “Minha empresa está parada há 75 dias, mas cada obra tem uma história. Tem gente apressado em começar, como quem tem obra do Minha Casa Minha Vida, por exemplo, porque é preciso construir e fazer medição para receber, e tem outras que vão num ritmo mais tranquilo”, observa Vilaça. Embora não seja um protocolo, algumas empresas estão comprando testes.

O comércio atacadista também reabre esta segunda, embora os que atuem com alimentos, higiene, limpeza e produtos farmacêuticos tenham permanecido funcionando.

“Pelo menos 90% do setor trabalha com produtos essenciais. Os que vão reabrir são os que atuam com food service, calçadistas e cosméticos e perfumaria. Mas do que adianta abrir sem ter pra quem vender? Se o comércio não estiver funcionando nem os salões de beleza nem os shopping nem os bares e restaurantes, o atacadista não tem a quem vender. O governo colocou a carroça na frente dos bois. Precisa primeiro abrir o comércio de forma gradativa e junto o atacado”, defende o presidente da Associação Pernambucana de Atacadistas e Distribuidores (Aspa), José Luiz Torres.

Na antecipação da reabertura anunciada pelo governo do Estado, o comércio dos bairros e do centro (que ainda não tinha data de volta) foi incluído com abertura prevista para o próximo dia 15 para lojas de até 200 m².

Nesse caso, uma semana após os atacadistas, que poderão funcionar das 9h às 18h, obedecendo aos protocolos sanitários e de distanciamento social. “Este ano pela primeira vez em 14 anos não vamos realizar a Supermix, maior feira atacadista do Norte e Nordeste e a terceira maior do País. A 15ª edição seria realizada em agosto, mas adiamos para agosto de 2021”, lamenta Torres. O setor atacadista em Pernambuco conta com 130 empresas associadas à Aspa, responsáveis pela geração de 30 mil empregos.

Por Jornal do Commercio 

Petrolândia: É HOJE! Prefeitura anuncia para essa segunda-feira (08) live contra FAKE NEWS e promete esclarecer Ofício de resposta ao IBVASF, denúncia anônimas contra o HOSPITAL MUNICIPAL, entre outros temas


Da Redação do Blog de Assis Ramalho

Veja também