Web Radio Petrolândia

sexta-feira, 26 de julho de 2019

Carro forte é alvo de explosão e dinheiro é roubado em Petrolândia, Sertão de PE


Por volta das 14h30min desta sexta-feira (26), um carro forte de empresa de transporte de valores foi alvo de criminosos, na BR-110, na zona rural de Petrolândia, Sertão de Pernambuco. A abordagem ao veículo aconteceu próximo ao povoado Sandálias do Pescador, no local conhecido como eixo da barragem - da Usina Hidrelétrica Luiz Gonzaga.

Segundo informações obtidas pela reportagem do Blog de Assis Ramalho e da Web Rádio Petrolândia no local da ocorrência registrada pela Polícia Militar de Pernambuco, os criminosos conseguiram interceptar o veículo e, com uso de artefato explosivo, abriram o carro forte para roubar o dinheiro. As chamas destruíram completamente o veículo e parte do numerário.

De acordo com as mesmas informações, os servidores da empresa de segurança não foram feridos.
A quantia levada não foi divulgada.

As Polícias Rodoviária Federal, Civil e Militar foram acionadas. Até o momento desta publicação, ninguém foi preso.
Abaixo, vídeos gravados por nossa reportagem no local.








Redação do Blog de Assis Ramalho
Fotos: Assis Ramalho/BlogAR

Famílias que moram em lixão de Floresta começam a ser realocadas para casas dignas após ação da FPI


Foto: Marcus Antonius/Acervo FPI/PE
Uma semana após a ação do programa de Fiscalização Preventiva Integrada da Bacia do São Francisco em Pernambuco (FPI/PE) encontrar 50 pessoas, dentre as quais 30 crianças, vivendo dentro de um lixão em Floresta, as famílias começaram a ser realocadas para moradias dignas, nesta quinta-feira (23). Onze pessoas foram transferidas para casas alugadas pela prefeitura, após a assinatura de um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) com o Ministério Público de Pernambuco, que ainda determina prazo para saída dos demais moradores e uma série de medidas para garantir os direitos básicos deles.

A catadora Josimara Maria da Silva, 22, e seu marido John Lopes, juntamente com os filhos Isis, três anos, e Jonathan, de um ano, foram os primeiros a experimentar uma vida diferente, longe da antiga área de insalubridade. Agora eles estão morando em uma casa, com sala, dois quartos, cozinha, banheiro e área de serviço, na Rua Manoel Vicente dos Santos, no bairro DNE. “Eu vivia há 18 anos no lixão. Era uma casa de taipa, apenas um cômodo e sem banheiro. Não tinha luz e a água era no balde. Agora eu vou ser feliz. Aqui, tem tudo: água, energia, cama, filtro, prato”, descrevia Josimara, sem conter o sorriso por tantas novidades.

Bolsonaro visita Goiás e almoça com Amado Batista na fazenda do cantor


O presidente Jair Bolsonaro almoçou, nesta sexta-feira (26), com o cantor Amado Batista, no Sítio Esperança, em Goianápolis. Este foi o primeiro compromisso da agenda dele em Goiás.

“Referência de artista brasileiro, estamos na chácara dele, a campanha praticamente começou aqui, a 10 anos atrás. Cara humilde e adorado em todo Brasil. Muita honra e satisfação estar com ele aqui em Goiás”, disse Bolsonaro.

O presidente publicou em uma rede social um vídeo na fazenda do cantor, junto com Amado Batista e o governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM). Na gravação, o artista canta um dos seus sucessos: "O Pobretão". Amado termina a canção, e o presidente pede que ele cante mais, o que é prontamente atendido.

Patrulha dos Heróis: PM reformado sargento Barros é homenageado com visita em Tacaratu


Policiais militares da reserva remunerada e reformados que, enquanto na ativa, protegeram os cidadãos, a sociedade e os bens públicos e privados no estado de Pernambuco estão sendo homenageados pelos relevantes serviços prestados, através de visitas interativas feitas pelo efetivo policial da ativa.

O Projeto PATRULHA DOS HERÓIS foi posto em prática pelo Major PM Rezende, subcomandante da 4ª CIPM-Petrolândia que viu as visitas como uma necessidade e uma forma de demonstrar a importância de cada um Policial Militar da Reforma, que não foram esquecidos e fazem parte das prioridades da instituição.

Ele destaca que graças a esses guerreiros, a Polícia Militar de Pernambuco é o que é hoje. E que esse resultado foi obtido com muita garra. Disse também o oficial que, infelizmente, para chegar no que está hoje, muitos policiais militares em serviço e no cumprimento do dever de proteger a sociedade perderam suas vidas.

RELATO da 4ª CIPM - 25 DE JULHO DE 2019, VISITA AO SGT RR BARROS EM TACARATU.

Em cumprimento a ordem de serviço nº 089/2019, visando uma maior interação entre o efetivo policial da ativa e inativos, bem como, os familiares dos policiais que tombaram em serviço, estão sendo realizadas visitas aos militares reformados, como uma forma de demonstrar a importância de cada um e também, que não foram esquecidos e fazem parte das prioridades da instituição.

PM visitado:
ST RR BARROS

EFETIVO
GTI 4031
4ª CIPM - Companhia Ten PM Cirilo de Souza Araújo
Ten Cel PM Alexino - Comandante
Maj PM Rezende - Subcomandante
Vanguarda do Itaparica

Morre mulher atacada pelo ex com ácido em Pernambuco

Mayara Estefanny teve rosto queimado pelo ex-marido, no Recife — Foto: Reprodução/TV Globo

Morreu, na noite da quinta-feira (25), a jovem Mayara Estefanny Araújo, de 19 anos, que teve o corpo atingido por ácido sulfúrico jogado pelo ex-marido e por um amigo dele na Zona Norte do Recife. A vítima estava internada no Hospital da Restauração (HR), no Centro da cidade, desde 4 de julho.

Acusados pelo crime, William César dos Santos Júnior, de 30 anos, ex-companheiro da jovem, e o amigo dele, Paulo Henrique Vieira dos Santos, de 23 anos, estão presos.

A unidade de saúde informou, nesta sexta-feira (26), que não foi possível fazer uma traqueostomia em Mayara devido à situação do tecido do pescoço, lesionado pelo produto químico. O procedimento melhoraria o estado das vias respiratórias da jovem, que faleceu às 22h06.

Além de ter o rosto e o pescoço atingidos pelo ácido, Mayara também teve os cabelos, o tórax e os membros superiores atingidos pela substância. O velório e o sepultamento acontecem em Limoeiro, no Agreste do estado, município em que vive a família da mãe dela.

Na quinta (25), o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) indiciou o ex-companheiro de Mayara e o amigo dele por tentativa de homicídio qualificado. O G1 entrou em contato com o órgão e aguarda retorno.

Histórico de violência

Segundo a Polícia Civil, Mayara chegou a prestar três queixas contra o ex-companheiro num intervalo de 19 dias, antes de o crime acontecer. A jovem também havia pedido uma medida protetiva por ter sido vítima de violência física e psicológica. (Veja vídeo acima)

Mayara denunciou que William ameaçou matá-la num primeiro momento e, num segundo episódio, a ameaça foi velada, enviada através de um vídeo. Na terceira vez, ele disse à mãe da jovem que ela iria pagar por uma briga com a atual companheira dele.

O crime aconteceu no dia 4 de julho, no Alto do Progresso, em Nova Descoberta, na Zona Norte do Recife. No dia seguinte, o amigo do ex-companheiro de Mayara, Paulo Henrique, foi preso. Outra pessoa foi detida e liberada por não ter ligação com o crime.

O ex-marido de Mayara, com quem ela tinha um filho de 2 anos, ficou foragido por cinco dias e se entregou à Polícia no dia 9 de julho. No dia seguinte, a delegada Bruna Falcão informou que William César disse, em depoimento, que a intenção dele era dar um susto na ex-companheira.

William também alegou ter tido a ideia de utilizar uma substância corrosiva ao manusear ácido sulfúrico para limpar um encanamento de sua casa. A razão do crime, segundo o homem, foi a dificuldade de acesso ao filho do casal, mas a hipótese foi descartada pela polícia após a ouvida de testemunhas. No dia 12 de julho, a Polícia Civil indiciou a dupla por tentativa de feminicídio.

O ex-marido de Mayara era agente de saúde do Recife, mas a Secretaria de Saúde do Recife deu início a um processo para abrir um inquérito administrativo junto à Procuradoria-Geral do Município e pediu afastamento do servidor.

Por G1 PE

Blog de Assis Ramalho parabeniza os aniversariantes amigos do Facebook desta sexta-feira, 26 de julho; veja lista



Mudam de idade hoje (Sexta-feira 26 de julho de 2019) e queremos aqui dedicar este dia especial a Luana Silva, Zezo de Maceio, Otávio Varêda, Willyane Barbosa ,  Erison Silva,  Jessyca Veronika, Caciqui Monteiro, Claudineidy Oliveira, Val Silva ,  Ially Gabrielly, Lindomar Tolentino Varjao,  Rita De Cássia,   

Veja abaixo fotos de aniversariantes de hoje que compõe o Grupo dos 5 mil amigos de Facebook do Blog de Assis Ramalho

Petrolândia: Jhenifer Mello abre nesta sexta a agenda musical do FDS do Bar e Restaurante Maria Fumaça; veja as demais atrações


O Bar e Restaurante Maria Fumaça, fazendo cada vez melhor na avenida da Orla Fluvial de Petrolândia, divulgou a agenda de apresentações musicais deste final de semana.

Confira

Sexta-feira (26/07): Jhenifer Mello (21h00)

Sábado (27/07): Aninha Araújo (21h00)

Domingo (28/07): Edy Ferreira (13h00) e Keven Vip (17h00)

Maria Fumaça, o point da culinária regional e programação musical na Orla Fluvial de Petrolândia. Contato: 87 3851-0376 Acompanhe no Instagram @mariafumaca.oficial

Blog de Assis Ramalho
Com informações do Maria Fumaça

Confira manchetes dos principais jornais do país nesta sexta-feira 26 de julho de 2019













Nesta sexta-feira 26 de julho de 2019, o Blog de Assis Ramalho publica as manchetes dos principais jornais do país; confira abaixo

Lucro da dona do Google triplica e soma quase US$ 10 bi no trimestre


A Alphabet, dona do Google, informou hoje que obteve no segundo trimestre um lucro líquido de US$ 9,9 bilhões (US$ 14,21 por ação), o triplo dos US$ 3,2 bilhões (US$ 4,54 por ativo) registrados no mesmo período de 2018. As ações da companhia sobem 7,73% no pós-mercado da Nasdaq, a US$ 1.221,50.

Por Valor Econômico

Disfarçado de policiais federais, grupo rouba 750 kg de ouro no Aeroporto de Guarulhos, veja vídeo


Uma quadrilha roubou na tarde desta quinta-feira, 25, uma carga milionária de ouro de dentro do Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, onde ocorreria o embarque do material em uma aeronave. Os ladrões usaram veículos clonados com identificação da Polícia Federal para entrar no local e realizar o roubo, cujo prejuízo foi estimado em R$ 123 milhões. Ninguém ficou ferido e os criminosos estão sendo procurados pela polícia.

De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal, para executar o roubo, os ladrões sequestraram parentes de um funcionário da transportadora Brinks que teria informações privilegiadas sobre o funcionamento do local e o embarque da carga. O sequestro teria acontecido na noite desta quarta-feira, 24, e se estendido até esta quinta. Isso teria facilitado a ação criminosa, que foi executada com agilidade no início da tarde, às 14h20. Assista ao vídeo abaixo

Preso diz à PF que hackeou mensagens da Lava Jato e as entregou de forma anônima ao Intercept

Walter Delgatti Neto, um dos presos por hackear o celular de autoridades Foto: Reprodução/Instagram
Para a Polícia Federal, Walter Delgatti Neto, preso na terça-feira (23) sob suspeita de atuar como hacker, foi a fonte do material publicado pelo site The Intercept Brasil com conversas de autoridades da Lava Jato.

Em depoimento, Delgatti, um dos quatro presos na operação de terça, disse que encaminhou as mensagens ao jornalista Glenn Greenwald, fundador do site, de forma anônima, voluntária e sem cobrança financeira.

Os contatos com Greenwald foram, segundo o preso, virtuais, somente pelo aplicativo de conversas Telegram, e ocorreram depois que os ataques aos celulares das autoridades já tinham sido efetuados.

A polícia agora trabalha para confirmar se as informações dadas por Delgatti, de que agiu de forma voluntária e sem pedir dinheiro em troca, são verdadeiras. Não há até agora indício de que tenha havido pagamento pelo material divulgado, segundo investigadores.

Em depoimento, Delgatti afirmou ainda ter agido neste caso por não concordar com os caminhos da Lava Jato. A apuração da PF é de que o grupo hackeava contas do Telegram e contas bancárias por dinheiro.

A perícia criminal da Polícia Federal copiou dados guardados pelo suspeito em plataformas de nuvens na internet que sugerem veracidade em pelo menos algumas das declarações de Delgatti. Nesse material, estavam conversas entre procuradores da Lava Jato como as que foram divulgadas pelo The Intercept.

De acordo com envolvidos na busca e apreensão na terça, um celular de Delgatti estava na conta do Telegram do ministro da Economia, Paulo Guedes, quando agentes chegaram para realizar a operação. O episódio, para a PF, reforça que era o mesmo grupo que agia.

O ministro da Justiça, Sergio Moro, já havia associado a prisão dos quatro suspeitos à divulgação, pelo site de mensagens que mostram interferência do ex-juiz da Lava Jato nas investigações da força-tarefa.

"Parabenizo a Polícia Federal pela investigação do grupo de hackers, assim como o MPF [Ministério Público Federal] e a Justiça Federal. Pessoas com antecedentes criminais, envolvidas em várias espécies de crimes. Elas, a fonte de confiança daqueles que divulgaram as supostas mensagens obtidas por crime", escreveu Moro no Twitter nesta quarta-feira (24).

Quando as primeiras mensagens vieram à tona, em 9 de junho, o site informou que obteve o material de uma fonte anônima, que pediu sigilo. O pacote inclui mensagens privadas e de grupos da força-tarefa no aplicativo Telegram a partir de 2015.

Além de Delgatti, foram presos Gustavo Henrique Elias Santos, Suelen Priscila de Oliveira e Danilo Cristiano Marques.

Os quatro suspeitos foram detidos temporariamente (por cinco dias, prorrogáveis por mais cinco) na terça-feira. As ordens de prisão foram cumpridas em São Paulo, Araraquara (SP) e Ribeirão Preto (SP). Os envolvidos foram transferidos para Brasília.

Os jornalistas responsáveis pelo The Intercept Brasil rebateram a mensagem de Moro. Glenn Greenwald disse no Twitter que o ministro da Justiça "está tentando cinicamente explorar essas prisões para lançar dúvidas sobre a autenticidade do material jornalístico".

"Nunca falamos sobre a fonte. Essa acusação de que esses supostos criminosos presos agora são nossa fonte fica por sua conta [Moro]", acrescentou Leandro Demori, editor-executivo do Intercept.

Na decisão que fundamentou as prisões, o juiz Vallisney de Souza Oliveira, da 10ª Vara Federal do DF, apontou "fortes indícios" de que os quatro investigados "integram organização criminosa para a prática de crimes e se uniram para violar o sigilo telefônico de diversas autoridades brasileiras via invasão do aplicativo Telegram." Segundo ele, os fatos demonstram que os suspeitos são "responsáveis pela prática de delitos graves".

O inquérito em curso foi aberto em Brasília para apurar, inicialmente, o ataque a aparelhos de Moro, do juiz federal Abel Gomes, relator da Lava Jato no TRF-2 (Tribunal Regional Federal da 2ª Região), do juiz federal no Rio Flávio Lucas e dos delegados da PF em São Paulo Rafael Fernandes e Flávio Reis.

Segundo investigadores, a apuração mostrou que o celular do procurador Deltan Dallagnol, coordenador da força-tarefa da Lava Jato em Curitiba, também foi alvo do grupo. O caso dessas autoridades está sendo tratado em inquérito aberto pela Polícia Federal no Paraná.

A Folha de S.Paulo teve acesso ao pacote de mensagens atribuídas aos procuradores da força-tarefa da Lava Jato e ao então juiz Sergio Moro e obtidas pelo site The Intercept Brasil.

O site permitiu que o jornal analisasse o seu acervo, que diz ter recebido de uma fonte anônima. A Folha não detectou nenhum indício de que ele possa ter sido adulterado. O jornal já publicou cinco reportagens decorrentes deste acesso.

A Folha de S.Paulo não comete ato ilícito para obter informações, nem pede que ato ilícito seja cometido neste sentido; pode, no entanto, publicar informações que foram fruto de ato ilícito se houver interesse público no material apurado.

Por: Folhapress

Jatobá (PE): Posto do TRE-PE será inaugurado nos próximos dias


A Prefeita de Jatobá, Goreti Varjão (SD), recebeu nesta quinta-feira (25) a equipe do TRE-PE, onde na ocasião foi estruturado o prédio do Posto de Atendimento do TRE no município. Essa conquista teve total empenho da gestão com o apoio do Deputado Estadual Alberto Feitosa.
O posto será inaugurado nos próximos dias e ofertará os seguintes serviços a população:

-TRANSFERÊNCIA DE TÍTULO ELEITORAL;

-EMISSÃO DE CERTIDÃO;

-JUSTIFICATIVA;

-SEGUNDA VIA;

-EMISSÃO DE PRIMEIRO TÍTULO.

Por Portal Jatobá
ASCOM

Paulo Afonso (BA): Homem é assassinado minutos depois de deixar presídio no BTN 3

Paulo Alberto Albuquerque da Silva, 32 anos. Foto: 20º BPM

Um homem de 32 anos foi assassinado, na noite desta quinta-feira (25), poucos minutos depois de deixar o Conjunto Penal de Paulo Afonso. Segundo a Polícia Militar, Paulo Alberto Albuquerque da Silva foi morto a poucos metros do presídio, no BTN 3, atingido por disparos de espingarda calibre 12, de fabricação caseira.

A vítima foi liberada através de um Alvará de Soltura expedido às 11:30 de hoje, pela 1ª Vara Criminal, Júri e Execuções Penais de Paulo Afonso. No momento em que foi executado, ele estava segurando uma bolsa plástica com as roupas que usava no presídio.

Paulinho como também era conhecido, morava na Rua Delmiro Gouveia – BTN 2 e estava preso há nove meses acusado de porte ilegal de arma de fogo, a prisão ocorreu em outubro de 2018. Ele também foi alvo de uma tentativa de homicídio ocorrida em abril do mesmo ano.

A polícia conseguiu prender um suspeito, que também tem passagem pelo presídio. Uma arma que pode ter sido a mesma utilizada no crime foi apreendida com o acusado. As possíveis causas do assassinato ainda são desconhecidas.

Por PA4.COM.BR

Entenda as novas regras de saque do FGTS e do PIS/Pasep


Anunciada como possibilidade de dar mais liberdade para o trabalhador, a medida provisória que libera os saques de parte da conta do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e das cotas do Fundo do Programa de Integração Social (PIS) e do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) pretende injetar até R$ 42 bilhões na economia até o fim de 2020. Desse total, R$ 28 bilhões do FGTS e R$ 2 bilhões do PIS/Pasep serão liberados este ano. Os R$ 12 bilhões restantes, ano que vem.

Segundo a Secretaria de Política Econômica do Ministério da Economia, as medidas anunciadas hoje poderão gerar crescimento adicional do Produto Interno Bruto (PIB, soma dos bens e dos serviços produzidos) de 0,35 ponto percentual até o fim de 2020. A medida tem o potencial de criar 2,9 milhões de empregos com carteira assinada nos próximos dez anos. Isso porque, segundo a pasta, reduz a rotatividade no emprego e aumenta os investimentos em treinamento, elevando a produtividade.

O modelo tradicional de saques permanecerá. Cada trabalhador terá a liberdade de escolher se quer deixar o dinheiro parado no FGTS ou sacá-lo uma vez por ano, a partir do mês de aniversário. Em relação aos cotistas do Fundo do PIS/Pasep, que atendia a trabalhadores com carteira assinada antes da Constituição de 1988, o governo pretende permitir o saque de R$ 2 bilhões, de um estoque total de R$ 23 bilhões. A medida provisória ainda precisa ser votada pelo Congresso Nacional depois do recesso parlamentar.

Entenda as novas regras para o FGTS e o PIS/Pasep
Saque de R$ 500 por conta

Valerá para contas ativas e inativas
Saques serão liberados de setembro deste ano a março de 2020. Operadora do fundo, a Caixa Econômica Federal divulgará um calendário de saque.
Correntistas da Caixa terão o dinheiro depositado automaticamente. Quem não quiser sacar deverá informar ao banco
Saque nos caixas automáticos da Caixa permitido a quem tiver cartão cidadão
Retiradas de menos de R$ 100 poderão ser feitos em casas lotéricas, mediante apresentação de carteira de identidade e Cadastro de Pessoa Física (CPF)
Saque-aniversário
Uma vez por ano a partir de 2020
Caráter opcional, de livre adesão do trabalhador
Quem quiser retirar dinheiro deverá avisar a Caixa Econômica Federal a partir de outubro deste ano
Cálculo da multa de 40% em caso de demissão sem justa causa não muda em nenhuma hipótese
Quem migrar para saques anuais não terá direito a retirar o total da conta em caso de demissão sem justa causa
Trabalhador pode voltar para modalidade anterior, sem saque anual e com direito a rescisão integral em demissão sem justa causa, mas terá de esperar dois anos depois da primeira mudança, contados a partir da data do pedido à instituição financeira
Retiradas em 2020 ocorrerão em abril (para quem nasceu em janeiro e fevereiro), maio (para quem nasceu em março e abril) e junho (para quem nasceu em maio e junho).
Para nascidos de julho a dezembro, o saque em 2020 ocorrerá a partir do mês de aniversário até o último dia útil dos dois meses seguintes. Exemplo: quem nasceu em agosto poderá retirar o dinheiro de agosto até o fim de outubro.
A partir de 2021, todos os saques ocorrerão no mês de aniversário ou nos dois meses seguintes
O valor do saque anual será equivalente a um percentual do saldo da conta, para todas as faixas, mais um valor fixo para contas a partir de R$ 500,01, conforme a tabela abaixo:

Por Agência Brasil