domingo, 31 de janeiro de 2021

Jatobá: Prefeito Rogério Ferreira faz balanço dos seus 30 dias de Governo e dz como recebeu o município; Vídeo


O Prefeito de Jatobá-PE, Rogério Ferreira (REPUBLICANOS), realizou um balanço dos seus 30 dias de governo e revelou como recebeu o município. O espaço utilizado para os esclarecimentos a população jatobaense, foram os estúdio da Rádio Cidade, onde na ocasião estavam presentes o diretor da Rádio o Sr. Aroldo, o Presidente da Câmara de Vereadores Jailton Pereira, o Secretário de Finanças Eduardo Júnior, o Locutor Henrique Marks e o Blogueiro Whitney Pereira representando o Portal
Jatobá. VÍDEO ABAIXO


O Prefeito Rogério Ferreira, disse que sua gestão será feita com o máximo de transparência para que todos os jatobaenses possam saber de todas as ações do Governo Municipal. O ponto principal da entrevista com a situação financeira em que foi encontrada o município de Jatobá.


Segundo Rogério Ferreira a receita do mês de dezembro de 2020 foi na ordem de R$ 6.300.000,00 (SEIS MILHÕES E TREZENTOS MIL REAIS), desse montante a nova gestão recebeu em caixa no dia 01/01/2021 pouco mais de R$ 100.000,00 (CEM MIL REAIS).

Um dos pontos bem polêmicos, visto que estamos convivendo com uma pandemia a vários meses, é referente a Lei Aldir Blanc.
LEI ALDIR BLANC

A Lei nº 14.017, de 29 de junho de 2020, carinhosamente denominada Lei Aldir Blanc, foi criada com o intuito de promover ações para garantir uma renda emergencial para trabalhadores da Cultura e manutenção dos espaços culturais brasileiros durante o período de pandemia do Covid‐19.

Referente a Lei Aldir Blanc, o município de Jatobá recebeu no mês de Dezembro de 2020 o valor de R$ 129.000,00 para investir nos trabalhadores culturais, infelizmente a gestão anterior investiu apenas R$ 12.000,00 (DOZE MIL REAIS), ou seja, o município terá que devolver o restante do montante pois a gestão anterior não investiu como deveria.

O Prefeito Rogério Ferreira, destacou ainda que todo o setor de transporte foi encontrado sucateado, o que originou despesas na casa dos R$ 70.000,00 (SETENTA MIL REAIS), para que pudessem colocar a frota para funcionar e atender a população.

Ainda durante os esclarecimentos, Rogério Ferreira disse que todas as secretarias do município foram encontradas com diversas dificuldades, e que se não fosse a competência de seus secretários (as) e funcionários que compõe essas secretarias o município estaria totalmente travado até mesmo relativo a serviços essenciais como limpeza urbana e abastecimento de água.

Por Portal Jatobá

Petrolândia: Mutirão de solidariedade entrega casa reformada e mobiliada no Bairro Nova Esperança - empresário Euclides Modas agradece em nome de todos que colaboraram









DONA ANTÔNIA EM SUA RESIDÊNCIA ANTES DA REFORMA

Foi realizada no Bairro Nova Esperança, em Petrolândia, neste sábado (30/01/2021), a entrega de uma casa reformada e imobiliada com ações de solidariedade, em benefício da Sra. Dona Antônia, a Mãe do falecido Danielzinho.
 
Notícia relacionada, clique para (re)ler
> Petrolândia: Bairro Nova esperança perde a alegria do jovem Danielzinho

O imóvel foi reformado e imobiliado com trabalho de mutirão e doações de voluntários, pessoas comovidas com a situação pouco favorável da mães que perdeu um filho com especialidade, e que era muito querido no bairro.

Em contato com a reportagem do Blog de Assis Ramalho, o empresário Euclides Modas agradece a todos que colaboraram.

 - Com o meu coração cheio de gratidão, venho agradecer a cada um de vocês que nos prestigiaram e contribuíram e que acreditam em nosso projeto social. É um projeto filantrópicoo, e é com muita satisfação que venho agradecer a todos que nos ajudaram, e dizer que somos apenas uma ponte que fazemos ligação por que seria impossível sem a ajuda de cada um de vocês''.

O Blog de Assis Ramalho felicita as pessoas de bom coração que ajudaram na reforma e mobiliação da casa de dona Tonha.  Lembre-se: "Você pode ser solidário do jeito mais simples e fazer os outros felizes. A doação é a forma de solidariedade a fim de tornar a vida digna e confortável. Temos na solidariedade um compartilhar do sofrimento alheio."

NOTÍCIA RELACIONADA
Petrolândia/Bairro Nova Esperança: Campanha para concluir a casa de Dona Antônia; ajude com material de construção ou móveis


BAIRRO NOVA ESPERANÇA - PETROLÂNDIA-PE

Estamos fazendo uma campanha para concluir a casa de Dona Antônia, a Mãe do falecido Danielzinho, 

Estamos precisando de:

Material Elétrico

Material de Pintura

Móveis, pode ser usado

E dinheiro para pagar mão de obra da casa.

Quando ajudamos quem precisa, estamos verdadeiramente contemplando o Amor de Deus.

Aquele que quiser nos ajudar, procure:

Euclides Modas

Alex/PN Notícias

Toninho Compesa

Assis Ramalho - Blog de Assis Ramalho e Web Rádio Petrolândia

Nós agradecemos pela sua ajuda

Blog de Assis Ramalho
Com informações de Euclides Modas 

Notícia relacionada, clique para (re)ler
NOTÍCIA RELACIONADA - EM DEZEMBRO DE 2013
Petrolândia: Mutirão de solidariedade entrega casa no Bairro Nova Esperança

Casa construída em mutirão: um novo lar para uma nova vida
Fotos: Assis Ramalho


Foi realizada no Bairro Nova Esperança, na periferia de Petrolândia, na noite dessa quarta-feira (09/02/2015), a entrega de uma casa construída com ações de solidariedade, em benefício de seis crianças órfãs. O imóvel foi construído com trabalho de mutirão e doações de voluntários, pessoas comovidas com a tragédia familiar, em que as crianças perderam pai e mãe num mesmo dia, que se reunira para proporcionar melhoria nas condições de vida dos órfãos, atualmente sob a guarda da avó materna.

Antes da entrega oficial das chaves a dona Quitéria, avó materna das crianças, os voluntários se reuniram em corrente de orações para abençoar o novo lar da família. Em seguida, foi servido um lanche aos presentes à reunião.

Emocionada, Quitéria falou ao Blog de Assis Ramalho sobre o ato de solidariedade das pessoas que ajudaram na construção da tão sonhada casa.

"Eu agradeço a Deus por ter colocado essas pessoas de bom coração no nosso caminho. Eu nem estou acreditando que hoje eu estou recebendo uma casa pronta e totalmente mobiliada. Até há poucos dias atrás, eu e os meus netinhos estávamos vivendo em um barraco que nem água tinha", disse dona Quitéria, entre lágrimas.

Perguntamos o que ela pensa para o futuro das crianças. "Primeiramente, eu quero encaminhar todas para uma igreja, onde elas possam aprender o caminho do bem, através da religião, através de Deus, que é o nosso Pai todo poderoso.Sobre o futuro de todas elas, o que eu posso dizer é que, enquanto eu tiver vida, eu vou estar ao lado delas, apoiando no que for possível", disse.

A construção da casa, com 72 metros de área coberta e totalmente mobiliada, tornou-se realidade através da doação de material de construção e móveis por pessoas do município, entre elas empresários, instituições religiosas, políticos, particulares etc. Os colaboradores preferiram não ter os nomes divulgados.

Para ver as fotos, clique aqui>Entrega de casa construída em mutirão

O Blog de Assis Ramalho felicita as pessoas de bom coração que ajudaram na construção da casa, assim como também as pessoas que, atendendo ao nosso apelo, fizeram doações de móveis. Lembre-se: "Você pode ser solidário do jeito mais simples e fazer os outros felizes. A doação é a forma de solidariedade a fim de tornar a vida digna e confortável. Temos na solidariedade um compartilhar do sofrimento alheio."

Notícias relacionadas no Blog de Assis Ramalho(clique para ler):>Petrolândia: Comunidade realiza mutirão para construção de moradia para menores órfãos
>Petrolândia: Mutirão da solidariedade entregará casa para menores órfãos nesta quarta-feira(09)

Redação do Blog de Assis Ramalho
Fotos: Assis Ramalho

NOTÍCIA RELACIONADA - EM FEVEREIRO 2015
Petrolândia: Comunidade realiza mutirão para construção de residência para família do professor Genilson

Construção está em fase de acabamento (Fotos: Assis Ramalho)
Nessa quinta-feira (05/02/2015), a reportagem do Blog de Assis Ramalho registrou um exemplo de solidariedade na Quadra CS, centro de Petrolândia. Um grupo de pessoas se comoveu e se uniu para construir uma casa para a família do professor Genilson, falecido no dia 14 de janeiro deste ano, vítima de câncer. Genilson Mota deixou esposa e quatro filhos.
O grupo de voluntários é composto, entre outros colaboradores, por Euclides, Lúcia Viana, Lula do Projeto Apolônio Sales, Pastor Ricardo e Dona Nice. Além desses, outros voluntários da cidade estão empenhados na construção da residência, próxima ao Terminal Rodoviário de Petrolândia.
A obra está em fase de acabamento, mas o movimento solidário precisa de mais ajuda para que a residência seja concluída, oferecendo mais conforto à família do professor Genilson.

Quem quiser colaborar para a conclusão da residência, por favor, entrar em contato pelos números (DDD 087): 9992-6350 (Euclides), 9601-8761 (Lula), 9998-4029 (Dona Nice), 9956-0251 (Pastor Ricardo) e 9630-6382 (Lúcia Viana).

O Blog de Assis Ramalho apoia esta causa e deseja que, em breve, possamos realizar o sonho da família do professor Genilson, pessoa que, entre outras virtudes, foi um grande incentivador do esporte do município de Petrolândia.

Clique para ver fotos>Casa em construção para a família do professor Genilson

Notícias relacionadas (clique para ler)
>Petrolândia: Comunidade realiza mutirão para construção de moradia para menores órfãos
>Petrolândia: Mutirão de solidariedade entrega casa no Bairro Nova Esperança
>Petrolândia: Voluntários realizam sonho de Zé do Picolé
>Petrolândia: Zé do Picolé agradece às pessoas que ajudaram a realizar seu sonho.''Foi o maior presente de Natal da minha vida".

Redação do Blog de Assis Ramalho
Fotos: Assis Ramalho


NOTÍCIA  RELACIONADA - EM  DEZEMBRO 2017
Petrolândia: Mutirão de solidariedade entrega casa na Quadra 06, e realiza sonho de filha em ver pai com moradia digna
Antes da entrega oficial das chaves a seu Valdemar, os voluntários se reuniram em corrente de orações para abençoar o novo lar (Fotos: Assis Ramalho/Blog AR)
Chaves oficiais da casa é passada para as mãos de seu Valdemar, ao lado do filho Gilmar Hércules
Momento de reflexão
Seu Valdemar se emociona ao abrir pela primeira vez sua nova moradia
A emoção da filha Thaline em ver o sonho realizado
''É um sonho realizado, saber que o meu pai agora vai morar dentro de uma casa digna"
A empresária Verônica Delgado presenteou o aniversariante do dia, filho de seu Valdemar
Espaço da nova moradia de seu Valdemar
O muito obrigado de seu Valdemar

Foi realizada na noite desta quinta-feira (5), na Rua Manoel Pereira de Lima, na Quadra 06 de Petrolândia, a entrega de uma casa construída com ações de solidariedade, em benefício do Sr. Valdemar Pedro dos Santos, 64 anos. O pedido de ajuda foi feito pela filha de seu Valdemar, Thaline Maria dos Santos, 28 anos, por meio do Portal Jatobá.

A partir daí, um grupo de voluntários de Petrolândia, entre eles alguns comerciantes, decidiram realizar o sonho de Thaline de ver seu pai morando em uma residência digna.

Antes da entrega oficial da chave do imóvel a seu Valdemar, os voluntários se reuniram em corrente de orações para abençoar o novo lar. Em seguida, foi servido um lanche.

Emocionada, Thaline falou ao Blog de Assis Ramalho sobre a solidariedade das pessoas que ajudaram na construção da tão sonhada casa.

''É um sonho realizado saber que o meu pai agora vai morar dentro de uma casa digna. Eu já tenho a minha casa, mas não me conformava em ver meu pai morando em uma casa sem, praticamente, nenhuma estrutura. No início, levei muitos não na cara, mas, graças a Deus, surgiram essas pessoas de bom coração que conseguiram a realização desse sonho. Hoje, eu não sei nem o que dizer, estou muito emocionada, eu só sei chorar'', disse Thaline, enquanto segurava uma criança nos braços.

Em conversa com a nossa reportagem, a empresária Verônica Delgado não escondia sua felicidade em ter contribuído para a obra.

''É um momento de muita felicidade. Lembro que a Thaline me procurou e eu pedi um tempo a ela, disse que ia atrás de parcerias e, graças a Deus, eu encontrei pessoas super empenhadas em querer ajudar, e eu tiro o meu chapéu para seu Euclides, que não mediu sacrifício para que esse sonho fosse realizado. Mas, tiveram várias outras pessoas que também deram sua contribuição, inclusive alguns dos meus fornecedores (da Delgado Construções). O que eu posso dizer é que eu estou muito feliz em ver a conclusão da casa de seu Valdemar'', disse Verônica.

O blog de Assis Ramalho parabeniza todos que diretamente e indiretamente deram sua contribuição para a realização do sonho de Thaline e ajudaram seu Valdemar a ter uma moradia digna.

A solidariedade é um sentimento que leva os homens a se ajudarem mutuamente, sem querer ou pedir nada em troca. Pessoas solidárias expressam mais satisfação pela vida e desenvolvem maior capacidade em lidar com as dificuldades e costumam ser mais felizes, encontrando sentido para suas ações e atitudes.

Ver todas as fotos>Mutirão de solidariedade entrega casa a morador da Quadra 06

Notícias relacionadas 
>Petrolândia: Zé do Picolé agradece às pessoas que ajudaram a realizar seu sonho.''Foi o maior presente de Natal da minha vida".
>Petrolândia: Mutirão de solidariedade entrega casa no Bairro Nova Esperança
>Petrolândia: Após perdas em incêndio, dona Eurides agradece a solidariedade recebida
>Petrolândia: Generosidade popular devolve alegria a família que perdeu tudo em incêndio

Redação do Blog de Assis Ramalho
Fotos: Assis Ramalho

NOTÍCIA  RELACIONADA - EM  NOVEMBRO DE  2014
Petrolândia: Voluntários realizam sonho de Zé do Picolé


Zé do Picolé: emoção de ver seu sonho realizado
Fotos: Assis Ramalho
Carrinho-térmico sendo entregue na casa de Zé do Picolé, na Quadra 01
Entrega de freezer doado pelos voluntários
Zé do Picolé almoça no Restaurante Donna Júlia, enquanto surpresa é preparada em sua residência
Zé do Picolé recebe o valor excedente arrecadado para realizar seu sonho
Momento de agradecimento

A solidariedade é um sentimento que leva os homens a se ajudarem mutuamente, sem querer ou pedir nada em troca. Pessoas solidárias expressam mais satisfação pela vida e desenvolvem maior capacidade em lidar com as dificuldades e costumam ser mais felizes, encontrando sentido para suas ações e atitudes. Pensando desta forma, um grupo de voluntários de Petrolândia, no Sertão de Pernambuco, decidiu realizar o sonho de José Sancho Viana, 49 anos, mais conhecido por Zé do Picolé.

Homem humilde e trabalhador, bastante conhecido na cidade, Zé do Picolé sustenta a sua família - esposa e dois filhos - vendendo picolés e coletando material reciclável na cidade. José Sancho sempre disse ter um sonho que era ter um carrinho para vender, nas ruas e eventos da cidade, água de coco, refrigerantes, água mineral etc. O sonho, segundo ele, estaria completo quando pudesse também possuir um freezer.

Sensibilizados, os irmãos Inaldo e Iran, cabeleireiros do Salão Recife, no centro da cidade de Petrolândia, uniram-se a um empresário da cidade e à professora aposentada Lúcia Viana e resolveram realizar o sonho de Zé do Picolé. Para isso, realizaram uma campanha de arrecadação e, em aproximadamente 30 dias, com a ajuda de pessoas solidárias da cidade, obtiveram a quantia necessária a compra do material, com sobra. O valor excedente foi entregue em espécie ao beneficiado.

Após a compra do freezer e do carrinho, o grupo decidiu fazer uma surpresa a Zé do Picolé. Nesta quinta-feira (27), Dia de Ação de Graças, patrocinaram o almoço de Zé do Picolé em um restaurante da cidade (Donna Júlia), em companhia de sua filha, Sara Eduarda, que também desconhecia a surpresa preparada. Na ausência de Zé, o material doado foi colocado na sua residência, localizada na rua Odilon Pereira da Silva, na Quadra 01 de Petrolândia.

Após o almoço, Zé e sua filha foram levados para casa. Visivelmente emocionado ao se deparar com seu sonho realizado, Zé do Picolé não conteve as lágrimas. A filha também se emocionou e lembrou de uma frase dita recentemente por seu pai. "Dias atrás, ele me presenteou com um tablet, porque sabia que eu estava precisando para estudar. Quando ele me entregou o tablet, dizendo que tinha comprado em prestação em uma loja, eu disse 'mas como o senhor vai pagar?' e ele respondeu 'não se preocupe, minha filha, porque o seu pai tem coragem de trabalhar, eu vendo picolé, cato papelão, mas eu lhe garanto que eu vou pagar', disse a filha, entre lágrimas.

Além do freezer e do carrinho, Zé do Picolé ainda recebeu R$ 1.071,00 (um mil e setenta e um reais), valor restante da campanha da arrecadação, além de 10 fardos de água mineral de 500 ml, 100 unidades de coco verde e material descartável (copos, canudos, colheres etc), suficientes para iniciar suas atividades.

No final do encontro, todos de mãos dadas, fizeram orações a Deus em agradecimento.

Abaixo, a prestação de contas do grupo solidário, com os agradecimentos a todos que participaram da campanha:

Valor arrecadado: ................ R$ 4.039,00
Material e despesas................. R$ 2.968,00
Valor entregue em espécie.......R$ 1.071,00

Assis Ramalho entre Zé do Picolé e Sara Eduarda
Zé do Picolé em foto com a equipe de funcionárias do Restaurante Don Júlia

Redação do Blog de Assis Ramalho
Fotos: Assis Ramalho

NOTÍCIA  RELACIONADA - EM  JUNHO DE  2016
Petrolândia: Após perdas em incêndio, dona Eurides agradece a solidariedade recebida


Dona Eurides rezadeira em seu quarto  (Foto: Assis Ramalho)

Os poucos bens materiais existentes no quarto da senhora Eurides Ipanema da Silva, 83 anos, conhecida popularmente como dona Eurides rezadeira, foram destruídos em um incêndio, ocorrido no início deste mês de junho de 2016 . No entanto, graças à rápida mobilização de pessoas solidárias, a idosa recebeu ajuda e já dispõe de algum conforto em sua residência, localizada na rua Presidente Castelo Branco, na Quadra 10 de Petrolândia.

Há alguns dias, após tomar conhecimento do lamentável fato, nossa reportagem visitou dona Eurides em sua casa e, em matéria sobre o assunto, fez apelo às pessoas que pudessem ajudar a idosa. Deficiente visual, ela divide a pequena casa com uma neta, um neto e um irmão, que é cadeirante.

Na tarde desta sexta-feira (17) voltamos à residência de dona Eurides. Para nossa agradável surpresa, encontramos a idosa muito feliz. O motivo foi ter o seu mobiliado com as doações que continuam a chegar, enviadas por residentes na cidade e na área rural.

Emocionada, dona Eurides agradeceu às pessoas que a ajudaram.

''Eu não tenho palavras para agradecer. Quero dizer que estou muito feliz, por que não para de chegar ajuda das pessoas. Já recebi cama, colchão, lençol, roupas, ventilador e mais um monte de coisas. Recebemos ligação até de São Paulo! Muito obrigado a todos!'', disse dona Eurides.


Nós, que fazemos o Blog de Assis Ramalho e a Web Rádio Petrolândia, agradecemos às pessoas que se sensibilizaram com a situação e atenderam ao nosso apelo.

"Não devemos contentar-nos em falar do amor para com o próximo, mas praticá-lo." (Albert Schweitzer).

Matéria relacionada
>Petrolândia: Incêndio atinge casa de dona Eurides rezadeira, que precisa de ajuda

Blog de Assis Ramalho
Foto: Assis Ramalho


NOTÍCIA  RELACIONADA - EM  OUTUBRO DE  2013

Petrolândia: Generosidade popular devolve alegria a família que perdeu tudo em incêndio


Após ter sua casa totalmente destruída pelo fogo, Edmilson mostra com felicidade as doações recebidas de pessoas de bom coração. 
 (Fotos: Assis Ramalho)



No dia 30/10/2013, um incêndio acidental atingiu uma casa na Avenida Deputado Milvernes Cruz Lima, na Quadra 01, na Orla de Petrolândia. Os móveis, eletrodomésticos e utensílios foram rapidamente consumidos pelo fogo e o revestimento de gesso do teto desabou.

Na oportunidade, a reportagem do Blog de Assis Ramalho publicou matéria em que Edmilson Pereira da Silva, inquilino do imóvel, em desespero por ter perdido tudo que possuía, inclusive dinheiro e documentos, fez apelo, pedindo ajuda. Edmilson mora no imóvel com a esposa, o sogro e sete filhos menores.

Passados 15 dias do episódio, a reportagem do Blog de Assis Ramalho voltou a visitar a família de Edmilson Pereira, na manhã desta terça-feira, 15 de outubro. Para a nossa satisfação, nos deparamos com a residência cheia de doações feitas por pessoas de bom coração que doaram, entre outros objetos, camas, fogão, televisores, geladeira, guarda roupa, ventiladores, roupas, cimento para fazer a reforma da casa e outros objetos.

O Blog de Assis Ramalho agradece de todo coração as pessoas generosas de Petrolândia e até mesmo de outras cidades que ajudaram a família de Edmilson, que a partir de agora pode ver os seus filhos com camas para dormir, televisão para assistir os seus programas preferidos e ventiladores para se refrescarem neste período em que está fazendo bastante calor em nossa região.

A generosidade é um princípio que deve preencher o coração alcançado pela graça de DEUS. "Cada um contribua segundo propôs no seu coração, não com tristeza ou por necessidade; porque DEUS ama ao que dá com alegria" (2 Co 9.7).

Notícia relacionada (clique para ler):
>Petrolândia: Incêndio destrói casa na Orla e moradores precisam urgentemente de ajuda



Redação do Blog de Assis Ramalho
Fotos: Assis Ramalho