domingo, 8 de dezembro de 2019

Petrolândia: PROCURA-SE Antonio Diogo Dias da Silva, desaparecido do bairro Novo Horizonte desde sexta (07)


Antonio Diogo Dias da Silva, morador do Bairro Novo Horizonte (loteamento em frente ao Posto Rical), está desaparecido desde a tarde de ontem, sexta-feira (07/12). A família informa que ele é alto, pardo, tem deficiência no braço e é depressivo.

Quando saiu de casa, ele estava descalço, usava casaco bege e bermuda vermelha com listra preta. 

Quem tiver informações sobre o paradeiro do rapaz, por favor, entrar em contato com a família pelos números 87 99638-5219 ou 99984-7707.

Redação do Blog de Assis Ramalho
Com informações da família 

Petrolândia: Convocação dos agricultores/irrigantes para Assembleia Geral do Distrito de Irrigação do Perímetro Icó-Mandantes-DIMA


O Distrito de Irrigação do Perímetro Icó-Mandantes-DIMA convida todos os agricultores/irrigantes do Perímetro Irrigado Icó-Mandantes para Assembleia Geral Ordinária, a ser realizada no dia 19 de dezembro de 2019 (quinta-feira), às 15h00, no Centro Administrativo do Icó-Mandantes. 

Na pauta da assembleia estão a apreciação e aprovação do relatório de atividades da gestão 2018/2019, apreciação e aprovação das contas dos exercícios 2018/2019 e recebimento de sugestões dos participantes para a gestão 2019/2020.

Confira abaixo o Edital de Convocação.


Redação do Blog de Assis Ramalho
Com informações/foto: DIMA

Petrolândia: Futebol e aniversário do sócio Jura do Icó no domingo da AVEPE


Neste domingo, 08 de dezembro/2019, a Avepe (Associação dos Veteranos Desportistas de Petrolândia) realizou a sua tradicional pelada no Estádio Municipal ''O Galegão''.

Logo após o futebol, durante a tradicional confraternização dos domingo, que é realizada na sede da AVEPE, na Orla da cidade, foi cantado os parabéns para o aniversariante do dia, o sócio Jura, popularmente conhecido com Jura do Icó.

Parabéns ao aniversariante!

Veja fotos e vídeo, abaixo

Acidente deixa cinco mortos e três feridos; vítimas estavam em único carro, no RJ

Os Os namorados Ítalo e Thaissa, vítimas fatais do acidente Foto: Reprodução
Às 11h, o carro — totalmente destruído — ainda se encontrava no local do acidente. Dentro dele, havia latas de cerveja ainda fechadas

Cinco pessoas morreram e outras três ficaram feridas após um grave acidente de carro na manhã deste domingo, no Engenho de Dentro, Zona Norte do Rio. De acordo com o Corpo de Bombeiros, as oito pessoas estavam dentro de um único veículo. Todas as vítimas tinham entre 20 e 25 anos e estavam alcoolizadas.  Os mortos são Guilherme Moreira, de 20 anos; Thaissa Castro, de 21; Juan Carlos, de 24; Ítalo Ribeiro, de 21; e Alex, de 20.

Ainda segundo os militares dos Bombeiros, que foram acionados às 5h52, outras três vítimas foram encaminhadas ao Hospital Municipal Salgado Filho, no Méier, também na Zona Norte: Juliana Oliveira, de 25 anos; Douglas Silva, de 21, e Thamires Carneiro, de 20. Os três sobreviventes estavam sentados no banco de trás do carro. Eles já receberam alta da unidade de saúde, sem ferimentos. O carro, que apresenta manchas de sangue em várias partes, bateu num muro.


Tio de Ítalo, o empresário Antônio César Ribeiro disse que os jovens estavam voltando de uma festa na Barra da Tijuca, Zona Oeste da cidade. O irmão do empresário, pai de ítalo, também morreu num acidente de carro em outra ocasião. O jovem morava na Praça Seca.

— A mãe dele está desesperada. Perdeu o marido e o filho da mesma forma trágica. Ele era filho único — conta Antônio César.
Uma das sobreviventes, Thamires não se feriu. Ela mora em Oswaldo Cruz, Zona Norte do Rio. Seu namorado, Guilherme, e o irmão dele, Juan, que moravam em Quintino, também na Zona Norte, não resistiram. Aos prantos, ela contou que pediu para que os amigos voltassem de Uber ou de táxi, porque todos estavam bêbados. Mas, apesar da insistência, ela não teve o pedido atendido por Alex, que dirigia o carro.

— O acidente aconteceu numa curva. Eu pedi para o Alex frear, mas ele acelerou o carro com tudo, que bateu no muro com muita força.

Thaissa era a namorada de Ítalo. Segundo o irmão mais velho da vítima, Thiago Castro, a triste notícia deste domingo deixou toda a família espantada uma vez que, a jovem "era muito responsável". Ele conta ainda que ela tinha como sonho ser professora de natação.

— Ela sempre foi muito estudiosa e trabalhadora. Se formou em Educação Física e estava fazendo mestrado para dar aula para crianças especiais. Por isso, não conseguimos entender como isso aconteceu. Ela sempre teve uma conduta muito responsável.

De acordo com o Centro de Operações Rio (COR), da prefeitura, uma faixa da via chegou a ser ocupada durante cerca de duas horas. Além do Corpo de Bombeiros, a Polícia Militar também atua no local, assim como a Polícia Civil, a Guarda Municipal e agentes da CET-Rio.

Por Extra - RJ

Paulo Afonso (BA): Em dia de protesto contra mortes de mãe e bebê, advogado vai ao Hospital Nair em busca do prontuário médico





Na ensolarada manhã deste sábado, dia 7 de dezembro, familiares, amigos e populares foram às ruas de Paulo Afonso para protestar contra as mortes de Edilane Rocha da Silva, 28 anos e seu bebê ocorridas durante trabalho de parto na última segunda-feira, dia 2.

Erguendo faixas e cartazes com pedidos de justiça, a mãe, dona Edilene Rocha, o pai, filhos, irmãos e outras dezenas de pessoas puxadas por um carro de som saíram em passeata até a frente do Hospital Nair Alves de Souza, local onde ocorreu o parto de Lane, como também era chamada a vítima. Lá os manifestantes rezaram a Oração do Pai Nosso.

Políticos também participaram dos protestos entre eles, Roosevelt Carvalho e Capitão Paes do PSL e os vereadores Moreirão e Mário Galinho.

Galinho comentou sua participação em suas redes sociais: Participei da manifestação por JUSTIÇA no caso da jovem Edilania e seu bebê. Uma manifestação de dor, pacífica, onde prevaleceu o clamor dos familiares e o silêncio de políticos e autoridades. A caminhada saiu da Praça das Mangueiras e se dirigiu até o HNAS, local onde mãe e filho vieram a óbito na última segunda-feira. Além de ser um representante dos anseios do povo, eu acompanhei de perto todo esse sofrimento e me solidarizei com a dor desta família. Iremos buscar as respostas para essa tragédia, para que outras famílias não passem por essa dor.”

Ainda durante a manifestação, a família de Lane foi com o advogado Rômulo Lisboa até a recepção do Hospital Nair em busca do Prontuário Médico que discrimina a cronologia dos atendimentos oferecidos a paciente gestante, porém o documento não foi entregue.

O advogado reuniu a imprensa e estranhou a postura do hospital declarando que nada justificava a negativa:
“Viemos até aqui no hospital em sinal de protesto de forma ordeira para mais uma vez solicitar a entrega do prontuário médico. Até o momento, a Chesf Hospital Nair Alves de Souza simplesmente se nega a fornecer a família o prontuário médico. Nos parece é que a Chesf pretende maquiar esse prontuário e escrevê-lo à sua conveniência de forma tal que retrate aquilo que atinja os seus interesses. Não há qualquer razão para seja fatída ou jurícia para essa demora na entrega do prontuário a família.”

Rômulo Lisboa disse ainda que ocaso já foi levado à Delegacia de Polícia: “Nós já comunicamos a Polícia Civil e em breve iremos ingressar com ação indenizatória por danos materiais e morais em favor da família para que esse dano seja ao menos recompensado. De uma só vez essa mãe perdeu sua filha e seu neto.”

Por PA4.COM.BR

Dois índios Guajajara morrem e dois ficam feridos durante atentado no Maranhão

Após atentado, índios bloqueiam a BR-226 no Maranhão. — Foto: Divulgação/Josoaldo de Oliveira

Dois indígenas da etnia guajajara morreram e ao menos outros quatro foram baleados no sábado (7), em um atentado no município de Jenipapo dos Vieiras (MA), a 506 km ao sul de São Luís.

O crime aconteceu às margens da BR-226, entre as aldeias Boa Vista e El Betel. Os tiros foram disparados a partir de um carro, segundo testemunhas. Os mortos são Raimundo Guajajara e Firmino Guajajara. Ninguém havia sido preso até a publicação deste texto.

O episódio ocorreu por volta das 12h30. Em protesto, os guajajaras bloquearam a rodovia.

Enquanto esperava atendimento médico na beira da estrada, o guajajara Nelci Olímpio Guajajara, baleado na perna, disse que recebeu dois tiros vindo de um carro branco.

Com as mortes, sobre para três o número de guajajaras assassinados neste ano. Em 1º de novembro, Paulino Guajajara, 26, do grupo de fiscalização “Guardiões da Floresta”, foi morto com um tiro na Terra Indígena Arariboia.

“Esse crime está dentro dessa escalada dos crimes de ódio. As pessoas estavam em um carro e passaram atirando e queriam matar o quanto podiam. É esse crime de ódio que está em curso pelo Brasil, estimulado pelo discurso de governo, que aumenta o racismo e o ódio contra os indígenas“, disse à reportagem Sônia Guajajara, coordenadora da Apib (Articulação dos Povos Indígenas do Brasil).

O Governo do Maranhão mobilizou as polícias Civil e Militar e a Secretaria de Estado dos Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop) para acompanhar o caso. |FolhaPress|

Jatobá/Itaparica: Associação Pó de Serra realiza sua tradicional pelada; confira resultados deste domingo (08/12/2019)



Neste domingo, 08 de dezembro  de 2019, a Associação Pó de Serra, sediada em Itaparica, município de Jatobá, realizou a sua tradicional pelada, seguida de confraternização em sua sede. Confira abaixo o resultado;

1ª Pelada (das 6 às 7 da manhã)

Camisa verde 1 x 1 camisa amarela
Gol do camisa verde: Samuel
Gol do camisa amarela: Arnaldo Júnior


2ª pelada (das 7 às 8 da manhã)

Camisa verde 4 x 2 Camisa amarela

Gol do camisa verde: Jadir (2), Lulu e Aragão
Gols do camisa amarela: Arnaldo Júnior e Saulo

Redação do Blog de Assis Ramalho
Com informações e fotos de Jair Souza

Representantes da sociedade temem retrocesso no combate à corrupção


A Câmara de Combate à Corrupção do Ministério Público Federal (MPF) realiza em Brasília, nesta segunda-feira (9), seminário sobre estratégias de combate à corrupção e uso da colaboração premiada, regras e políticas de compliance e outros meios de prevenção a práticas que sobrepõem o interesse privado ao interesse público.

A data do evento marca o aniversário da Convenção das Nações Unidas contra a Corrupção, realizada em 2003, no México. O Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (Unodoc) e o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud) estimam que, por ano, US$ 1 trilhão sejam pagos em subornos e cerca de US$ 2.6 trilhões sejam roubados por meio de corrupção – valores que equivalem a 5% de toda a riqueza produzida anualmente no planeta (Produto Interno Bruto - PIB - mundial).

O Brasil foi uma das 102 nações que assinaram a convenção. Em 16 anos, o país acumula avanços no combate à corrupção. Segundo o MPF, só com a Operação Lava Jato, foram recuperados aos cofres públicos, até outubro, mais de R$ 4 bilhões resultantes de acordos de leniência, termos de ajustamento de conduta (TACs) e restituições voluntárias de réus ou condenados.

“Ao longo desses anos, tivemos muitos avanços. Gosto de lembrar que a Constituição Federal de1988 não tem a expressão ‘controle social’ ou a palavra ‘transparência’. [Tais expressões] só foram incluídas em uma emenda constitucional de 2012”, assinala o economista Gil Castelo Branco, secretário-geral da Associação Contas Abertas, fundada em 2005.

Segunde Castelo Branco, os maiores avanços obtidos pelo país no acompanhamento e controle de gastos públicos foram a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), a Lei Complementar nº 131/2009, que determina a disponibilização de informações em tempo real sobre execução orçamentária e financeira de todas unidades da Federação, e a Lei de Acesso à Informação (LAI).
Maquiagem

Entusiasta do marco legal, Castelo Branco afirma que o sucesso das leis sofre com “maquiagens”, más aplicações ou puro descumprimento. Ele diz que aguarda, há mais de um ano, resposta sobre denúncia documentada (com fotos) que fez, pormeio da Lei de Acesso à Informação, sobre o uso irregular de veículo público de uma autarquia federal. Segundo o economista, a obrigação publicar dados de gastos na internet não é plenamente cumprida. De 0 a 10, a nota geral de estados e municípios do Ranking Nacional da Transparência é apenas 5,21. E quanto à Lei de Responsabilidade Fiscal, os tribunais de contas interpretam de maneira diversa os limites e itens de gastos estabelecidos em lei.

O diretor executivo da organização não governamental (ONG) Transparência Brasil, Manoel Galdino, concorda sobre a aplicação volátil da LRF. “Há uma variabilidade muito grande quanto ao que cada tribunal de Contas faz”. De acordo com Galdino, a razão das diferenças é a forma como os cargos de conselheiros e ministros são distribuídos. “O problema de fundo mesmo é que os tribunais de Contas são politizados. Os tribunais não rejeitam as contas de governadores que indicaram os conselheiros.”

Na opinião do diretor da Transparência Brasil, o acompanhamento dos tribunais é estritamente legalista. “A gente deveria focar em saber se a política pública atingiu o resultado. Melhorou a educação? Melhorou a saúde? Está distribuindo renda? Está promovendo melhorias econômicas? Está reduzindo desigualdade racial? Isso é que a gente tinha que olhar”, ressalta.

A gente olha só o rito formal, e os tribunais de conta fazem interpretações alternativas para justificar que está dentro da lei. Mas o mais importante, que é saber se melhorou ou não a vida das pessoas, ninguém avalia. Não adianta fazer uma licitação dentro dos conformes para uma política pública que não dá resultado”, afirma Galdino.
Segunda instância

Galdino e Castelo Branco são críticos da decisão do Supremo Tribunal Federal que extinguiu a validade da execução provisória de condenações criminais, mais conhecida como prisão após a segunda instância.

“Não estou entrando no mérito jurídico. Tem que ser cumprido o que a Constituição determina, mas a decisão [a terceira do STF sobre o tema] tem consequência para o combate à corrupção”, destaca Manoel Galdino. “A impunidade é um problema. No Brasil, essa medida beneficia pessoas ricas, poderosas, com dinheiro para pagar advogados caros. É um retrocesso.”

Já Castelo Branco diz que a impossibilidade da prisão após a segunda instância é uma coisa muito grave. “O país volta a ser o paraíso dos corruptos. A Disneylândia dos doleiros, dos empresários desonestos. Todos sabem que, com um bom advogado e recursos, o corrupto consegue protelar as acusações até prescreverem. O corrupto é um apostador. Ele mede riscos e, na medida que percebe que o ganho é grande e o risco é pequeno, ele tende a voltar a corromper.”
Imprensa livre

Os dois especialistas também fazem coro quanto à necessidade de a sociedade acompanhar a aplicação dos tributos que paga e o funcionamento da administração pública. “A sociedade precisa acreditar que pode muito mais do que imagina. Precisa entender que estejam no Executivo, no Legislativo ou no Judiciário, as pessoas que ocupam os poderes, eleitas, concursadas ou comissionadas, são nossos empregados, são nossos representantes”, enfatiza Castelo Branco.

“Não existe possibilidade de ter um combate à corrupção efetivo sem uma sociedade informada. Isso passa pela imprensa livre, com capacidade e estrutura para questionar o poder público e questionar”, acrescenta Galdino. “O controle social é fundamental para o combate à corrupção. Sem uma sociedade civil efetiva, com acesso à informação e uma imprensa livre, que fiscaliza e monitora o que o todos poderes públicos fazem.”

Para Castelo Branco, a imprensa livre é fundamental para ajudar a denunciar, apurar os fatos com responsabilidade. "Isso tem que ser encarado como algo absolutamente normal. A favor tem o press release (comunicado de imprensa) ou a campanha publicitária contratada”.

Por Agência Brasil

Centro de Paulo Afonso registra capotamento e colisão envolvendo três carros na noite deste sábado (7)



Dois acidentes de trânsito foram registrados na noite deste sábado, dia 7 de dezembro, no centro de Paulo Afonso, Bahia. Ambos na Avenida Getúlio Vargas, próximos à Igreja Nossa Senhora de Fátima.

De acordo com o GTRAN que estava dando apoio no local, o primeiro acidente ocorreu por volta das 19:30. Um carro capotou e o condutor era um senhor de 75 anos, guarda da CHESF aposentado. “Ele teve escoriações leves. Foi atendido pelo Samu e se recusou ir para o hospital.”, informou a equipe do Gtran.

O motorista perdeu o controle do veiculo após passar mal no volante.


Já o segundo acidente foi uma colisão registrada no final da noite. Segundo o GTRAN, às 23h25min, a condutora perde a direção do seu carro e chocou-se com dois veículos que estavam estacionados ao lado da Igreja Cossa senhora de Fátima. Nesse acidente não houve feridos.


Por PA4.COM.BR

36% reprovam e 30% aprovam o governo Bolsonaro, diz Datafolha


Pesquisa Datafolha divulgada neste domingo (8) pelo jornal "Folha de S.Paulo" mostra os seguintes percentuais de avaliação do governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL):

Ótimo/bom: 30%
Regular: 32%
Ruim/péssimo: 36%
Não sabe/não respondeu: 1%

A nota média (de 0 a 10) atribuída pelos entrevistados ao presidente foi 5,1, a mesma de agosto.

A pesquisa foi realizada nos dias 5 e 6 de dezembro com 2.948 pessoas, em 176 cidades. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança da pesquisa é de 95% – isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem a realidade, considerando a margem de erro.

Pesquisas anteriores

Em agosto, julho e em abril, quando foram realizadas as pesquisas anteriores, os índices foram:

Ótimo/bom: 29% em agosto; 33%, em julho; 32%, em abril
Regular: 30 em agosto; 31%, em julho; 33%, em abril
Ruim/péssimo: 38% em agosto; 33%, em julho; 30%, em abril
Não sabe/não respondeu: 2% em agosto; 2%, em julho; 4%, em abril

Confiança
O instituto perguntou também aos entrevistados se eles confiam no que Bolsonaro diz.

Confiam: 19%
Confiam às vezes: 37%
Nunca confiam: 43%
Não sabe/não respondeu: 1%

Expectativa

Em relação à expectativa com o futuro do governo, 43% esperam que Bolsonaro faça uma gestão ótima ou boa. Em agosto, eram 45%; em julho, 51%, e em abril, 59%.

Outros 32% acreditam que o presidente fará uma administração ruim ou péssima, contra os mesmos 32% em agosto, 24% em julho, e 23% em abril; 22% agora creem em um desempenho regular.

Economia

Segundo a pesquisa, 43% dos entrevistados acham a situação econômica do país vai melhorar (eram 40% em agosto); 31% entendem que vai ficar como está (os mesmos 31% de agosto); e 24% responderam que vai piorar (eram 26% em agosto).

De acordo com o Datafolha, 25% aprovam o trabalho da equipe econômica do atual governo.

Sobre a crise econômica que o país atravessa, 5% responderam que já acabou, 37% acham que vai acabar logo e 55% disseram que vai demorar.

Atuação do presidente

O Datafolha verificou, ainda, se os entrevistados acreditam que o presidente age ou não como deveria. Veja os percentuais:

Age como deveria: 14% (eram 15% em agosto, 22% em julho, e 27% em abril)

Na maioria das ocasiões age como deveria: 28% (eram 27% em agosto, 28% em julho, e 27% em abril)

Em algumas ocasiões age como deveria: 25% (eram 23% em agosto, 21% em julho, e 20% em abril)

Em nenhuma ocasião age como deveria: 28% (eram 32% em agosto, 25% em julho e 23% em abril)

Principais problemas do país

Os entrevistados elegeram ainda os principais problemas do país:

Saúde: 32%
Educação: 14%
Segurança: 13%
Desemprego: 13%
Corrupção: 8%
Economia: 8%

O levantamento mostra que, para os entrevistados, a imagem do Brasil no exterior melhorou, segundo 31%, piorou para 39%, e é mesma para 25%.

Outros presidentes

Após um ano de mandato, os percentuais de ruim e péssimo dos últimos presidentes foram os seguintes:

Fernando Collor (1991): 34%
Fernando Henrique Cardoso (1995): 15%
Luiz Inácio Lula da Silva (2003): 15%
Dilma Rousseff (2011): 6%

Após um ano de mandato, os percentuais de aprovação dos últimos presidentes foram os seguintes:

Após um ano de mandato, os percentuais de ruim e péssimo dos últimos presidentes foram os seguintes:

Fernando Collor (1991): 34%
Fernando Henrique Cardoso (1995): 15%
Luiz Inácio Lula da Silva (2003): 15%
Dilma Rousseff (2011): 6%

Por G1


Da Redação do Blog de Assis Ramalho

Velha Petrolândia em fatos & fotos - momentos de recordações neste domingo 08/12/2019


Neste domingo, 08 de dezembro de 2019, o Blog de Assis Ramalho vai no fundo do baú e mostra fatos e fotos para nos lembrar da nossa saudosa velha Petrolândia, hoje submersas nas águas do rio São Francisco.

Estudante de 20 anos é morta horas após companheiro ser assassinado no Ceará

A estudante Sandiele Lima, de 20 anos, foi encontrada morta em uma estrada de Banabuiú, no Ceará. — Foto: Reprodução

Um casal foi assassinado em Banabuiú, no interior do Ceará, em duas ações criminosas. Roniê Oliveira é suspeito de matar o namorado de Sandiele Lima, aluna que também foi assassinada horas após prestar depoimento sobre a morte do companheiro.

A investiga se há relação entre os dois crimes e procura o autor do segundo crime.

Daniel Almeida, de 21 anos, tinha passagens na polícia por roubo e morreu nas primeiras horas da sexta-feira após uma discussão com Roniê Oliveira, de 22 anos, que o matou em uma casa onde os dois consumiam bebida alcoólica, segundo a polícia.

O corpo de Daniel foi encontrado em uma rua próxima ao imóvel, que estava revirado, com manchas de sangue e garrafas quebradas. De acordo com o delegado Renato Magalhães Araújo, da Polícia Civil de Banabuiú, a perícia constatou que havia um projétil de arma de fogo na vítima.

Roniê foi autuado em flagrante por homicídio doloso, quando há intenção de matar. Ferido durante a briga, ele foi escoltado pela Polícia Militar para o Hospital Instituto Doutor José Frota, em Fortaleza.

A mulher morta é a estudante Sandiele Ferreira Lima, de 20 anos. Ela era companheira de Daniel e ex-namorada de Roniê, ainda conforme os investigadores. Ela foi executada na noite da sexta-feira. O corpo dela foi encontrado por volta de 21h30 em uma estrada que dá acesso à zona rural da cidade de Banabuiú. De acordo com a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Socia (SSPDS), ainda não há informações sobre suspeitos de matá-la. A Polícia Civil investiga o caso.

Em depoimento prestado horas antes de morrer, Sandiele relatou que havia discutido com Daniel e foi a uma festa onde encontrou o ex-namorado, de acordo com o delegado de Banabuiú. O atual companheiro então apareceu no local e, para evitar uma discussão, a mulher saiu de lá com Daniel.

Entretanto, ainda conforme o as informações repassadas pela polícia, Roniê os seguiu até a casa onde houve o primeiro homicídio. A estudante afirmou que havia saído da residência assim que os dois homens iniciaram a discussão que resultou na morte de Daniel.

A polícia agora investiga quem foi o autor do segundo crime; Roniê estava hospitalizado em Fortaleza quando Sandiele foi morta.

Por G1 CE

Petrolândia: Hoje tem Edy Ferreira e Pagode Pra Recordar no Maria Fumaça, cada vez melhor


Aproveite seu final de semana no cada vez melhor Bar e Restaurante Maria Fumaça, a melhor música, a melhor culinária na Orla Fluvial de Petrolândia.

Contato: 87 3851-0376.

Divulgação/Bar e Restaurante Maria Fumaça

Hoje a Igreja celebra a Solenidade da Imaculada Conceição


REDAÇÃO CENTRAL, 08 Dez. 19 / 05:00 am (ACI).- Neste dia 8 de dezembro, a Igreja celebra a Imaculada Conceição da Santíssima Virgem Maria, o dogma de fé segundo o qual a Mãe do Jesus foi preservada do pecado desde o momento de sua concepção, ou seja, desde o instante em que começou sua vida humana.

Em 8 de dezembro de 1854, o Papa Pio IX, depois de receber inúmeros pedidos de bispos e fiéis de todo o mundo, ante mais de 200 cardeais, bispos, embaixadores e milhares de fiéis católicos, declarou com sua bula “Ineffabilis Deus”

“A doutrina que sustenta que a beatíssima Virgem Maria, no primeiro instante de sua conceição, por singular graça e privilégio do Deus onipotente, em vista dos méritos de Jesus Cristo, Salvador do gênero humano, foi preservada imune de toda mancha da culpa original, é revelada por Deus e por isso deve ser crida firme e constantemente por todosos fiéis”.

Em Roma, enviou-se uma grande quantidade de pombas mensageiras em todas as direções levando a grande notícia. E nos 400 mil templos católicos do mundo celebraram-se grandes festas em honra da Imaculada Conceição da Virgem Maria.

Antes mesmo da publicação desta bula, em 1830, a Virgem Maria havia aparecido a Santa Catarina Labouré, na França, pedindo que se cunhasse uma medalha com a oração: “Ó Maria concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a vós”.

Anos depois da “Ineffabilis Deus”, em 1858, em uma de suas aparições em Lourdes, na França, Nossa Senhora se apresentou diante da humilde Santa Bernardette Soubirous com estas palavras: “Eu sou a Imaculada Conceição”.

Atualmente são milhares as Igrejas dedicadas a este título de Nossa Senhora em todo mundo e milhões de fiéis têm uma particular devoção a Ela.

Acidigital

Bancada ruralista cobra apoio e se afasta do governo


Aliada de Jair Bolsonaro desde a campanha eleitoral, a Frente Parlamentar da Agricultura, a chamada bancada ruralista, vai endurecer a relação com o governo. Os motivos são a redução de recursos previstos para a área no Orçamento do ano que vem e a falta de apoio a projetos no Congresso considerados prioritários para o setor.
"Seremos muito mais exigentes no trato com o governo. A bancada dá sustentação política e tem de ter o respeito que merece. Certamente, vamos subir o volume da nossa voz para exigir do governo decisões que defendemos", disse ao Estadão/Broadcast, plataforma de notícias em tempo real da Agência Estado, o presidente da frente parlamentar, o deputado Alceu Moreira (MDB-RS). "Isso já começa com o Orçamento", afirmou Moreira.

Com 247 deputados e 40 senadores, a bancada ruralista foi um dos pilares da eleição de Bolsonaro. Ainda no primeiro turno da disputa, Tereza Cristina (DEM-MS), deputada e líder da frente parlamentar na época, entregou uma carta de apoio ao então candidato. Três meses depois, ela foi nomeada ministra da Agricultura, por indicação do grupo.

Para Moreira, sucessor de Tereza no comanda da bancada, é inaceitável a redução de recursos para o Ministério da Agricultura no ano que vem após todo o respaldo dado pelo setor ao governo. Só na Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) o corte é de quase metade do que foi destinado em 2019 - a proposta orçamentária do governo destina R$ 1,982 bilhão à estatal no próximo ano, redução de R$ 1,732 bilhão sobre o valor aprovado para este ano, de R$ 3,634 bilhões.

"Ou eu apoio o governo, estou no seu campo de construção, faço crítica e busco soluções internas, ou saio para rua e faço o discurso da oposição. Vou continuar apoiando, mas vamos ter claramente opiniões críticas em relação a vários temas", disse Moreira.

Não é a primeira vez que o deputado demonstra insatisfação com o Palácio do Planalto. Em outubro, O Estado de S. Paulo flagrou Moreira em uma conversa ríspida com o líder do governo na Câmara deputado Vitor Hugo (PSL-GO), no plenário da Casa. Na ocasião, o emedebista cobrava do articulador político de Bolsonaro o pagamento de emendas parlamentares.

O afastamento do grupo em relação a Bolsonaro também tem como pano de fundo o ritmo lento que projetos de interesse do setor agropecuário tiveram no Congresso neste ano.

Relator do projeto de lei sobre licenciamento ambiental, o deputado Kim Kataguiri (DEM-SP) disse que falta apoio da área política do governo às pautas do agronegócio. "A maior bancada suprapartidária, representante do principal segmento do setor produtivo do País, é tratada pelos articuladores do governo com desprezo e descaso", afirmou o parlamentar. A medida é considerada importante para o setor por levar mais segurança jurídica a proprietários de terra.

'Bala' e 'bíblia'

Desde o início do governo, Bolsonaro escolheu as bancadas temáticas como seu principal canal de comunicação com o Congresso, excluindo legendas e dirigentes partidários das negociações. Além dos ruralistas, a chamada "bancada da bala" é outra que também se diz insatisfeita com a relação com o Executivo.


"Estamos no coro dos insatisfeitos, embora continuamos a apoiar o governo", disse o presidente da Frente Parlamentar da Segurança Pública, deputado Capitão Augusto (PL-SP). "O pessoal está se considerando desprestigiado", afirmou.

Segundo o deputado, a bancada não foi recebida uma só vez por Bolsonaro ao longo do ano. Ele afirmou ainda que não houve consulta prévia aos parlamentares antes do envio de projetos de interesse do setor ao Congresso, como o que amplia a porte e a posse de armas no País.

O parlamentar também reclama de falta de articulação do Executivo na defesa do pacote anticrime, desidratado na Câmara, e da tentativa de se manter o antigo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) no guarda-chuva do Ministério da Justiça. Durante a análise da medida provisória que reestruturou o governo, o órgão de controle foi transferido para a Economia, com respaldo do Palácio do Planalto.

A terceira ponta no tripé de sustentação de Bolsonaro no Congresso Nacional, a bancada evangélica, porém, se considera satisfeita com o Palácio do Planalto. "Não temos nada do que reclamar no relacionamento com o governo", disse o presidente da frente, o deputado Silas Câmara (Republicanos-AM).

Segundo ele, seu grupo foi recebido diversas vezes por Bolsonaro e, apesar de pautas de costumes também não terem avançado, não houve retrocessos nesta área. "O governo não investiu para tentar implantar no Brasil, como os governos de esquerda, ideologia de gênero", afirmou Câmara.

 As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Grupo armado cerca, atira e mata subtenente da PM em Alagoas


Um grupo cercou, atirou e matou o integrante da Polícia Militar de Alagoas, o subtenente Mozart Batista da Silva, 50 anos, assassinado com mais de dez tiros na noite de sexta-feira (6), quando estava próximo à casa da companheira, no bairro Jardim Petrópolis.

Parentes da vítima informaram que Mozart estava morando no bairro há cerca de cinco meses, não tinha inimigos e pode ter sido assassinado por ser policial militar. Criminosos da região descobriram que ele atuava na PM após verem a farda de Mozart na varanda da residência.

A localidade é considerada crítica pelos casos de violência registrados.

Segundo a equipe plantonista, de quatro a seis homens participaram do crime, possivelmente utilizaram mais de uma arma de fogo e estavam à espera da vítima.

Equipe do 4º Batalhão de Polícia Militar (BPM) fez os primeiros levantamentos do caso, acompanhado também pelos policiais civis plantonistas da Delegacia de Homicídios. Mozart era lotado na Academia de Polícia Militar.

Por GazetaWeb

Asec vence o Garapa na prorrogação e conquista o titulo do pernambucano de Futsal 2019


O Radialista Ivanildo Feitosa esteve na cidade de Afogados da Ingazeira e acompanhou de perto o clássico da grande final do campeonato pernambucano de futsal, o confronto foi entre as equipes do Garapa time da cidade de Petrolina e do Asec de Caruaru. Ivanildo Feitosa narra que o jogo foi bastante disputado com as duas equipes jogando um bolão, o tempo normal terminou com os dois times em condições de igualdade no marcador.

Com o 0 a 0, a decisão foi para a prorrogação em dois tempos de 5 minutos cada. Já no minuto final do segundo tempo da prorrogação, o craque Lucas Orelha, fez boa jogada e marcou o gol da vitoria e do titulo. Final de jogo no Ginásio Municipal de Esportes, Professora Terezinha Moura de Moraes, 1 para o time do Aesc de Caruarú e 0 para o Garapa de Petrolina. Aesc fica com o titulo do pernambucano de futsal 2019.

Todas as informações do Repórter Ivanildo Feitosa, Sistema Grande Rio de Comunicação e CabrobóNews - via Blog do Didi Galvão


Da Redação do Blog de Assis Ramalho