domingo, 28 de julho de 2019

Blog de Assis Ramalho parabeniza os aniversariantes amigos do Facebook deste domingo, 28 de julho; veja lista


Mudam de idade hoje (Domingo 28 de julho de 2019) e queremos aqui dedicar este dia especial a   Graziela Morais,  Jose Lenilson Silva,  Lúcio Flavio,  Cicero Lopes Marcos,  João Brasil ,  Marcela Santos e  Edja Sabrina .  

Veja abaixo fotos de aniversariantes de hoje que compõe o Grupo dos 5 mil amigos de Facebook do Blog de Assis Ramalho

Velha Petrolândia em fatos & fotos - momentos de recordações neste domingo 28 de julho de 2019

Neste domingo, 28 de julho de 2019, o Blog de Assis Ramalho vai no fundo do baú e mostra fatos e fotos registrados na velha Petrolândia/velha Barreiras, hoje submersas nas águas do rio São Francisco. Veja abaixo fotos que ficaram marcadas para sempre na memória e nos corações dos petrolandenses.

Petrolândia: Edy Ferreira e Keven Vip são atrações deste domingo no Maria Fumaça, que faz seu FDS cada vez melhor


Os cantores Edy Ferreira (13h00) e Keven Vip (17h00) são as atração deste domingo (28/07/2019) no Bar e Restaurante Maria Fumaça, localizado na Orla Fluvial de Petrolândia.

Excelente cardápio e boa música na Orla de Petrolândia, você desfruta no cada vez melhor Maria Fumaça, organização de Pedrinho e família.

Contato: 87 3851-0376
Acompanhe no Instagram @mariafumaca.oficial

Blog de Assis Ramalho
Com informações do Maria Fumaça

Petrolândia: ALFA SAÚDE, o melhor e maior Plano de Desconto Familiar ''vem pra cá você também!



Vem pro ALFA SAÚDE você também!

Solicite já o seu cartão de desconto e aproveite os melhores descontos nas melhores e maiores Clínicas e farmácias!Saúde de qualidade com preços acessíveis.Tá esperando o que? Informações pelo fone/Zap : 87 999652169

Confira manchetes dos principais jornais do país neste domingo 28 de julho de 2019


Neste domingo 28 de julho de 2019, o Blog de Assis Ramalho publica as manchetes dos principais jornais do país; confira abaixo

Banco do Brasil prepara mais um Programa de Demissão Voluntária para reduzir quadro de pessoal


O Banco do Brasil (BB), que divulgará os resultados do segundo trimestre em 8 de agosto, está preparando mais um Programa de Demissão Voluntária (PDV), a ser anunciado em breve. Esse desligamento, porém, poderá vir com o pomposo nome de reorganização.

Entre os 98 mil funcionários, o clima é de muita expectativa, pois não se sabe até onde chegará esse processo de reestruturação e quais a condições que serão oferecidas pelo BB aos que decidirem pelo PDV.

Não se acredita que será algo tão grande como foi na gestão de Paulo Rogério Caffarelli, que promoveu cortes profundos no banco, inclusive com o fechamento de centenas de agências.

A expectativa é maior com o que está por vir, porque, pela reforma da Previdência, todos trabalhadores de empresas estatais que vierem a se aposentar depois da aprovação em definitivo da reforma da Previdência terão que ser demitidos.

Estima-se, dentro do Banco do Brasil, que pelo menos 30% dos atuais gestores seriam cortados depois que tal regra entrasse em vigor. Esse número preocupa, pois daria descontinuidade a muitos projetos importantes tocados dentro da instituição.

Enxugamento

O Banco do Brasil não consegue dimensionar claramente quantos empregados teria que demitir depois de aprovada a reforma da Previdência, pois muita gente se aposenta pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), mas não comunica a instituição.

“Não existe um número preciso”, afirma um técnico do banco. Ele ressalta, porém, que, pela Nova Previdência, quem já está aposentado pelo INSS não terá, necessariamente, que deixar o banco. A regra de demissão imediata vale apenas para quem se aposentar depois que a reforma estiver, efetivamente, valendo.

O atual presidente do BB, Rubem Novaes, já demonstrou, por diversas vezes, que a instituição tem que diminuir de tamanho e abrir espaço para os concorrentes privados. O banco, inclusive, vem se desfazendo, sem alarde, de vários ativos.

Novaes só não acelerou o passo no sentido de cortar pessoal, porque a pressão dentro do banco é grande. Ele, inclusive, já foi acusado por assessores do presidente da República, Jair Bolsonaro, de ter sido “cooptado” pelas corporações do BB.

O certo é que, pelos dados do Banco Central, os bancos públicos vêm diminuindo o ritmo de crescimento. Nos seis primeiros meses deste ano, o estoque de crédito dessas instituições avançou 1,2%. Já o total do setor privado saltou 2,1%.

Correio Braziliense

Catamarã não tinha autorização para fazer passeios às piscinas de Maragogi


A Associação dos Proprietários de Catamarãs de Maragogi (APCM) informou, na tarde deste sábado (27), que a embarcação que se envolveu em um acidente na Praia de Maragogi, que fica no Litoral Norte de Alagoas, não tinha autorização para realizar o transporte de passageiros e os passeios para as piscinas naturais.

De acordo com o advogado da APCM, Renato Scalco, por ser uma área de Área de Proteção Ambiental Costa dos Corais, o turismo nas piscinas naturais de Maragogi é regulamentado pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). Além disso, as visitas seguem as diretrizes de uma lei municipal e para realizar os passeios as embarcações precisam ter três autorizações, sendo da Capitania dos Portos, da Prefeitura de Maragogi e do ICMBio.

  
"A Associação e a Prefeitura já patrocinaram diversas ações contra o responsável por essa embarcação. Ele não tem autorização do ICMBio, nem da Prefeitura e nem é associado. O turismo para as piscinas naturais segue um regulamento com regras ambientais e de segurança. O acidente se deu por negligência e imprudência do condutor, que além de estar realizando uma atividade clandestina, não respeitou os procedimentos adotados", explica Renato Scalco.

Os passeios para as piscinas naturais acontecem em horários e dias específicos, respeitando o número de visitas, a altura da maré. "Nos dias e horários previstos, a Prefeitura de Maragogi mantém uma ambulância aquática, além disso, tem as equipes de fiscalização que avalia desde o número de visitantes até a interação deles com a área". Neste sábado, segundo o advogado, nenhum passeio estava marcado.

"O condutor desrespeitou o alerta da Capitania dos Portos. Estamos em um período de ressaca, com condições desfavoráveis à navegação e, por isso, não tínhamos passeios, ele estava sozinho no mar", frisou Renato Scalco.

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Maragogi informou, por meio de nota, que a visitação não é permitida no local do acidente e que o responsável pela embarcação já tinha sido autuado anteriormente. O órgão destacou ainda que os envolvidos serão responsabilizados administrativamente e judicialmente.

Confira a nota na íntegra:

Nota de Esclarecimento

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Maragogi vem a público esclarecer que o naufrágio de uma embarcação no dia de hoje, que provocou o óbito de duas pessoas, ocorreu em local cuja visitação não era permitida, tendo o proprietário do catamarã que afundou sido autuado por esta Secretaria em virtude dos passeios clandestinos que realizou, mas que, ainda assim, de forma reincidente, desobedecendo dispositivos legais, insistiu em prosseguir ignorando até mesmo o Ministério Público.

Ao tempo em que externamos as nossas sinceras condolências às famílias vítimas desta lamentável tragédia, continuaremos na persecução em buscar os responsáveis pelo lamentável ocorrido e responsabilizá-los administrativamente na forma da lei, sem prejuízo das ações criminais que deverão enfrentar na esfera judicial.

A promotora do Ministério Público Estadual MPE), Francisca Paula Santana, informou que orientou que fosse requeria a prisão preventiva dos responsáveis pela embarcação.

Em nota, a Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Alagoas (OAB-AL) informou, por meio de nota, que irá cobrar dos órgãos competentes a devida apuração dos fatos e a punição dos responsáveis.

Confira a nota na íntegra:

A Ordem dos Advogados do Brasil Seccional Alagoas (OAB-AL) lamenta profundamente o trágico acidente envolvendo uma embarcação em Maragogi, onde duas turistas do Ceará morreram e dezenas de pessoas ficaram feridas.

A OAB-AL se solidariza com as famílias das vítimas, ao tempo que, cobra dos órgãos competentes a devida apuração dos fatos e a punição dos responsáveis.

Por GazetaWeb



Acidente com catamarã deixa duas pessoas mortas em Maragogi (AL)




Um catamarã naufragou na tarde deste sábado (27) no mar de Maragogi, Litoral Norte de Alagoas. De acordo com o Corpo de Bombeiros, duas idosas morreram no acidente. Outras duas pessoas precisaram de atendimento médico. Não há desaparecidos.

A Marinha vai investigar o caso. A Prefeitura de Maragogi e a associação que representa os donos desse tipo de embarcação informaram que o proprietário do catamarã não tinha autorização para transportar passageiros, e que já havia sido autuado por realizar passeios clandestinos.

Segundo o tenente-coronel Buriti, do Grupamento de Salvamento Aquático, as vítimas eram turistas do estado do Ceará. Elas foram identificadas como Maria de Fátima Façanha da Silva, 65, e Lucimar Gomes da Silva, 69.

Outras duas pessoas que estavam na embarcação precisaram de atendimento médico. Uma delas apresentou quadro de pressão baixa e a outra, hipotermia. As duas foram socorridas no local.

Ainda de acordo os bombeiros, o catamarã naufragou após colidir contra uma pedra em uma área conhecida como "Buraco", distante cerca de 3 km da costa.

Cerca de 60 pessoas estavam no barco, que levava turistas de Eusébio, cidade da região Metropolitana de Fortaleza, para as piscinas naturais da região. Entre os passageiros, estavam 2 guias e 6 tripulantes do receptivo da empresa.

O filho de uma das vítimas, que também estava no barco, contou à reportagem que os responsáveis pelo passeio não entregaram coletes salva-vidas aos passageiros.

A assessoria de comunicação dos bombeiros confirmou ao G1 que não há pessoas desaparecidas neste acidente.

Procurado pela reportagem, o delegado Aylton Soares Prazeres, do 92º Distrito Policial, informou que já havia tomado o depoimento de duas pessoas que estavam na embarcação. "A investigação acabou de começar. Ainda estou colhendo informações tanto com as pessoas que estavam no barco quanto com os órgãos oficiais para saber quem era o dono da embarcação e se ela estava legal".

A Marinha disse, em nota, que um inquérito será aberto para apurar as causas, circunstâncias e responsabilidades do acidente. Desde o início da semana, a instituição vem fazendo alertas de mar grosso e ressaca, pedindo cuidado às embarcações, principalmente às de pequeno e médio porte. O último afirma que até domingo (28), as ondas podem chegar aos 3 metros de altura.

Já a Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Maragogi informou que o acidente ocorreu em local cuja visitação não era permitida, e que o proprietário do catamarã havia sido autuado anteriormente por realizar passeios clandestinos. O órgão diz ainda que ele continuou realizando passeios, ignorando até mesmo o Ministério Público.

Essa informação também foi reiterada pela Associação dos Proprietários de Catamarãs de Maragogi (ACPM). Em nota, a instituição afirma que o transporte aquaviário de passageiros realizado pelos membros da Associação seguem rigorosamente todas as regras de segurança e ambientais determinadas pela capitania dos portos em Alagoas, ICMBio e demais órgãos de controle.

Confira as íntegras das notas da Marinha, da prefeitura e da ACPM

Marinha

A Marinha do Brasil (MB), por intermédio da Capitania dos Portos de Alagoas (CPAL) informar que tomou conhecimento, na manhã deste sábado (27), de um acidente da navegação envolvendo uma embarcação no município de Maragogi, no Litoral Norte do estado.

Uma equipe de Busca e Salvamento foi enviada ao local para investigar o ocorrido. Um inquérito será aberto para apurar as causas, circunstância e responsabilidades do acidente.

Prefeitura de Maragogi

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Maragogi vem a público esclarecer que o naufrágio de uma embarcação no dia de hoje, que provocou o óbito de duas pessoas, ocorreu em local cuja visitação não era permitida, tendo o proprietário do catamarã que afundou sido autuado por esta Secretaria em virtude dos passeios clandestinos que realizou, mas que, ainda assim, de forma reincidente, desobedecendo dispositivos legais, insistiu em prosseguir ignorando até mesmo o Ministério Público.

Ao tempo em que externamos as nossas sinceras condolências às famílias vítimas desta lamentável tragédia, continuaremos na persecução em buscar os responsáveis pelo lamentável ocorrido e responsabilizá-los administrativamente na forma da lei, sem prejuízo das ações criminais que deverão enfrentar na esfera judicial.


Associação dos Proprietários de Catamarãs de Maragogi

A Associação dos Proprietários de Catamarãs de Maragogi (APCM), a qual reúne empresas e pessoas físicas que realizam o transporte de passageiros com destino às piscinas naturais em Maragogi, vem, primeiramente, prestar o seu apoio aos passageiros, tripulação e seus familiares envolvidos nessa tragédia.

Nesse sentido, informamos estarmos em contato direto com as autoridades mobilizadas no socorro das vítimas, e prestando todo o apoio necessário, com meios logísticos e humanos.

Ademais, é de grande importância esclarecermos que o transporte aquaviário de passageiros realizado pelos membros da Associação seguem rigorosamente todas as regras de segurança e ambientais determinadas pela capitania dos portos em Alagoas, ICMBio e demais órgãos de controle.

Infelizmente, a embarcação naufragada NÃO POSSUI AUTORIZAÇÃO para o transporte de passageiros com destino às piscinas naturais, operando de forma clandestina.

A Associação em sintonia com as autoridades municipais vem atuando diligente e incansavelmente pelas vias judicial, por meio de diversas ações, e administrativa para coibir a atuação de embarcações irregulares.

Solidários com as vítimas, cumpre-nos frisar que o transporte aquaviário realizado em Maragogi por operadores credenciados e legalizados atendem a todos os mais altos padrões de segurança marítima e ambiental, sendo seguro e alinhado a ações de preservação ambiental inerentes aos objetivos da APA Costa dos Corais.

Por G1 AL

Divulgada programação da 7ª Missa do Vaqueiro de Carnaubeira da Penha, PE

Via Blog do Elvis

Rodrigo Novaes admite disposição para disputar vaga na Câmara Federal, mas diz que debate “ainda é muito cedo”


À frente da pasta de Turismo do Governo de Pernambuco, o deputado estadual licenciado Rodrigo Novaes (PSD) acha “muito cedo” qualquer especulação acerca do seu futuro político nas eleições 2022. Novaes, que teve uma votação expressiva em 2018, quando se reelegeu para a Assembleia Legislativa (Alepe) – sendo pela segunda vez o parlamentar mais votado no Sertão – é cotado para concorrer a uma vaga na Câmara Federal.

Em entrevista ao Programa Carlos Britto, na Rural FM, Novaes admitiu a intenção de fortalecer sua região na bancada da Câmara dos Deputados, mas essa discussão ainda está muito longe e dependerá de vários fatores.

“Isso é muito cedo. Esse projeto está atrelado a uma série de situações, passa pelo governador Paulo Câmara (PSB). Tem um grupo que precisa ser ouvido, tem as lideranças políticas que nos apoiam. Mas a gente tem disposição para disputar o que quer seja para fortalecer nossa luta, sobretudo em nome de um povo que está sem voz, que o nosso povo sertanejo”, ponderou.

Novaes argumentou, no entanto, que por ora essa disposição se com concentra no seu trabalho enquanto secretário estadual, no intuito de fortalecer o turismo interno e conquistar novos mercados internacionais. “Queremos cada vez mais atrair turistas para desenvolver nossa economia, seja no Litoral ou no Interior do Estado. Acho que isso é fundamental para integrar Pernambuco como um só destino turístico, valorizando nossas paisagens, nossa história e nossa cultura”, concluiu.

Por Blog do Carlos Brito

Prefeitura de Araripina entrega quarta Escola Nucleada; mais cinco estão em construção





Foi entregue nessa sexta-feira (26) pela Prefeitura de Araripina a Escola Nucleada Honorato Jordão, na comunidade da Ponta da Serra, zona rural do município. Com seis salas de aula, a escola vai receber crianças do Ensino Fundamental I do 1º ao 5º ano.

O novo equipamento escolar dispõe de sala de informática, biblioteca, um amplo pátio para recreação, sala para reunião dos professores, cantina e banheiros para alunos e servidores. Essa é a quarta escola nucleada entregue pela gestão do prefeito Raimundo Pimentel. A primeira foi a José Batista Modesto (Serra da Torre), ainda em 2017, depois vieram a Dr. Francisco de Alencar (bairro do Aplausos) e a Reis Ricardino de Lima (Serra do IPA). Igual a essas quatro, outras cinco estão em construção e serão inauguradas em breve: Serra do Morais, Sítio Alho (distrito de Nascente), Sítio Batinga, Sipaúba e Cavaco.

“Poucas escolas particulares em Araripina têm a estrutura que as escolas nucleadas do município oferecem, sem falar no transporte regular e merenda premiada duas vezes pelo MEC pela sua qualidade. Perdi meu pai ainda muito pequeno e com a educação pude transformar a minha vida e me tornar médico. Eu quero que a educação também transforme a vida dos filhos dos agricultores de Araripina. Por isso investimos pesado em construção e reforma de escolas, professores pagos rigorosamente em dia, transporte e merenda boa”, disse o prefeito Raimundo Pimentel.

O ato de inauguração contou com a presença do prefeito Pimentel, do vice Bringel Filho..

Por Assessoria de Comunicação
Prefeitura de Araripina