terça-feira, 21 de janeiro de 2020

Em entrevista, Dr João garante que vai ganhar as eleições, mudar Petrolândia e ser um prefeito que vai entrar para a história: ''é o meu sonho''



 Ações do IBVASF em Petrolândia e cidades vizinhas também foram abordadas na entrevista


Na manhã de sexta-feira (17/01/2020), dentro do programa Acordando com as Notícias, apresentado na Web Rádio Petrolândia pelo radialista e blogueiro Assis Ramalho, o médico e pré-candidato a prefeito de Petrolândia, Dr. João Lopes, concedeu entrevista na qual comentou, entre outros temas, a atuação do IBVASF na região e fez relatos do cenário político do município. A entrevista contou com a participação de ouvintes, através de mensagens de WhatsApp.

Segundo Dr. João, pesquisas realizadas periodicamente são favoráveis à sua eleição e afirma não ter dúvidas da vitória. Ele diz que deseja ser prefeito para entrar na história de Petrolândia. ''Essa eleição Deus norteou, Deus colocou pra gente. Vamos ganhar, não tenho dúvidas quanto a isso. Quero ser um prefeito para entrar para a história, quero mudar a realidade de Petrolândia'', declara. O vídeo da entrevista está disponibilizado abaixo desta reportagem.

A entrevista teve início com o médico falando sobre a importância dos serviços prestados pelo Hospital e Maternidade do Instituto Beneficente do Vale do São Francisco (IBVASF) a população de Petrolândia e cidades vizinhas. A instituição hospitalar é dirigida pelo médico.

Dr João, antes de a gente entrar no assunto do cenário político de Petrolândia, sobre suas propostas de campanha, gostaria que fizesse um balancete dos trabalhos do Ibvasf em Petrolândia e região. Ao que parece, após a interrupção das atividades (m 2016, causada por insuficiência e falta de aporte financeiro) o Ibvasf deu sequência a todo vapor com seus trabalhos de grande utilidade para Petrolândia e cidades vizinhas. 

''O Ibvasf representa muita luta, muita perseverança, muito querer que tenha algo positivo nas vidas das pessoas de Petrolândia e toda a região, uma vez que Ibvasf abrange 21 municípios que chegam a adentrar, diariamente, 150 a 200 pessoas naquele serviço, e tem mostrado uma qualificação fora do comum. O Ibvasf é o único hospital filantrópico que sobreviveu credenciado ao SUS. Tem vários exemplos de vários hospitais em várias cidades no Estado de Pernambuco que esses serviços credenciados ao SUS não conseguiram sobreviver pela remuneração do SUS, por cada procedimento realizado. Para que você tenha uma ideia, cada consulta do SUS custa dez reais, e você faz uma cirurgia de vesícula (por exemplo), fazemos 40, 50 por mês, e cada cirurgia dessa custaria R$ 700 reais. Uma cirurgia de próstata cobra-se, em Arcoverde e na região, cerca de 12 mil reais e a gente faz por mil reais pelo SUS. Enfim, é uma tabela muito apertada, muito difícil e a gente tem que fazer malabarismo para continuar oferecendo esses exames, esses serviços à população. E eu posso garantir que é de qualidade, uma vez que nos fazemos 20 cirurgias por mês, próstata, varizes, estômago, vesículas, talvez nós somos o único hospital que esteja operando pelo SUS cirurgias de vesículas. Antes, as pessoas passavam de anos para conseguirem uma cirurgia dessas no Recife, e tinha que dá 10, 15, 20 viagens em Recife para conseguir. Hoje, essa demanda, sobretudo de Petrolândia, pela eficiência, pela boa vontade do Ibvasf, de todos os seus funcionários que se dedicam, são 70 funcionários, e que vem de certa forma amparando as pessoas, principalmente as pessoas mais necessitadas.

Dificuldades nos repasses do SUS fizeram o IBVASF fechar as portas duas vezes 

''Tivemos que fechar as portas do Ibvasf por duas vezes, porque não batia essa conta, mas, graças a Deus, desde o final de julho do ano passado, quando houve a reabertura, de lá para cá ele não mais teve que parar, e só melhorou. E isso me deixa muito feliz, porque na vida sempre quis ser médico. Meu pai era o maior incentivador, somos de uma região pobre, enfrentamos muitas dificuldades e, graças a Deus, um cara que com 16 anos desaba lá para o Recife, passa muito tempo sem poder voltar para o seu curral, enfrenta muitas dificuldades, estava junto àqueles que tinham as condições mais favoráveis, e aí saiu um sertanejo aqui de Carnaubeira da Penha e vai lá e tira a vaga de caras que tinham as melhores condições. E naquela época só existiam duas faculdades (de Medicina), a federal e a estadual. E Deus foi generoso com a gente, e graças à nossa perseverança, a força que a gente recebia dos meus pais, a gente conseguiu galgar esses espaços, ser médico para ajudar as pessoas, e o Ibvasf é uma continuidade disso. Nós idealizamos esse projeto, esse modelo, e hoje ele é uma realidade que favorece muito na saúde das pessoas, principalmente os mais carentes'', disse Dr. João, ainda acrescentando que o sonho da implantação de uma UTI e uma clínica pacientes renais crônicos está em andamento. ''O custo é muito alto, são mais de R$ 2 milhões, mas o sonho não acabou. Em Brasília, já temos um valor, através de emendas parlamentares, e nós já contratamos uma consultoria e estão fazendo um levantamento sobre a UTI e a clínica de renal crônica'', enfatizou..

Política - Eleições 2020

Sobre política, nossa reportagem perguntou sobre o desafio de enfrentar mais uma eleição. Dr. João disse que foi sondado para disputar as eleições de 2020 por Carnaubeira da Penha, sua terra natal, mas, antes preferiu fazer pesquisas nas duas cidades, Carnaubeira e Petrolândia.

''Conversando com a família, eu disse 'eu vou para uma pesquisa em Carnaubeira e outra aqui, para ver a situação'. Lá eu saí em uma situação muito boa, tinha 58% e o prefeito 23%. E aqui deu mais ou menos parecido. Como eu moro aqui há muito tempo, aqui tenho minha família, os meus negócios, e a gente decidiu optar por Petrolândia. E nesta primeira pesquisa a gente saiu muito bem, isso porque na eleição passada a gente nunca atingia mais de 34%, e hoje, nesta primeira pesquisa, mostrou que a gente tem uma situação bem melhor do que a passada. Em pesquisa subsequente, a gente vem crescendo, (em torno de) 5, 6%, de 3 em 3 meses'', disse o médico.

Em seguida, ele afirmou que este ano a composição de sua chapa está mais forte.

''Com a temperatura da opção do povo, a gente já começou a constituir um grupo, acho que já com mais de 35 (pré-)candidatos (a vereador), e todos os dias chegam mais. E a gente precisa mudar a situação em que Petrolândia se encontra. O povo está sofrido e as políticas públicas tem que acontecer para atuar na vida das pessoas'', frisou.

De acordo com Dr. João, a pesquisa divulgada em dezembro pelo site PN Notícias, questionada por integrantes de outro grupo político, reflete a realidade e ele acrescenta que tem pesquisa própria (da mesma época), envolvendo apenas três nomes, e que sua vantagem é grande para os possíveis  adversários. 

"As minhas (pesquisas) eu coloco somente 3 candidatos. Quando eu boto o candidato Dr. João contra Jane, é de 68% contra 11%. Contra Fabiano, eu tenho 58% contra 20%. E contra Lourival, ele é melhorzinho um pouco do que Fabiano".

Sobre os questionamentos a pesquisa divulgada em dezembro e possíveis encontros com Fabiano.

''Assis, eu acho assim.Tem as pessoas que acreditam em pesquisas, que faz pesquisas. Tem as outras que podem encomendar uma, que quer se enganar. O que é fato é que se fala muito que foi sentado (para conversar), que fulano sentou. Eu, na verdade, sentei uma vez, que foi em abril, com Fabiano, que alguém entrou no meio e que provocou a conversa, e nós conversamos lá na roça. Estava eu e Tiago (filho de Dr. João), e chegou ele e Louro (vereador Louro do Vidro). Discutimos outros assuntos e eu mostrei os dados (da pesquisa) e disse, e aí?' - porque eu só desacredito de uma coisa quando eu provo que aquela coisa não é real - e eu disse 'e aí, discorda?', porque esses caras de pesquisas da região já fizeram para mim, para Lourival, para Fabiano, para a prefeita, para todo mundo. Tem um rapaz aí, que esse é desacreditado totalmente, mas tem uns três órgãos de pesquisas que eles são reais. Inclusive, eu não sei porque eles desacreditam de um órgão de pesquisa desse mesmo cara, que já fez inúmeras pesquisas para esse mesmo grupo que está aí. Hoje, porque fez uma pesquisa para o blog PN, e que nos dá essa diferença, aí eles desacreditam. Eu acho o seguinte: que isso é muito sério, que não adianta andar jogando, não adianta estar blefando, que a coisa não emplaca'', desabafou. ''E neste dia do encontro, eu disse 'você discorda da pesquisa?', aí ele disse ' vamos fazer aí um acordo'. Primeiro Louro disse 'rapaz, o cavalo está passando selado'. Ele (Fabiano) disse 'olha, tem eu, Rogério e Joilton. Vamos somar os votos dos três e, se a gente ganhar para você (nas pesquisas), o candidato será eu. E se você ganhar (dos três), o candidato será você'. Aí eu disse 'aí é brincadeira! 3 contra 1'. Mas, na pesquisa agora de dezembro, quando somam os 3 candidatos, eu boto 15 pontos de frente deles. O candidato tem que ser o que o povo escolhe, não o que a gente quer'', ressalta Dr. João.

Dr. João responde pergunta de ouvinte, que questionou o discurso repetido em todas as eleições de que vai haver aliança dos grupos de oposição e isso não acontece

''Não é preciso a oposição se unir para ganhar as eleições. Nós vamos ganhar, independente disso. Deus entende, não é soberba, é a realidade nua e crua. Os fatos diz isso'', disse Dr João, afirmando que este ano a estrutura é bem melhor do que de 2016.

''Está tudo favorável, este ano vamos com uma estrutura que a gente não tinha em 2016. A gente tem um grupo bem maior, essa (eleição) Deus norteou, Deus colocou para a gente. Vamos ganhar, não tenho dúvidas quanto a isso'', enfatiza. 

Dr. João ainda responde sobre comentários surgidos na cidade dizendo que ele e Lourival Simões tinham conversado sobre uma possível aproximação política

"Na verdade, Lourival milita em um campo diferente ao meu. A prefeita também. Ele tem um grupo que vem no poder há muito tempo e eu sou de um campo de oposição específica, e não existe nenhuma possibilidade de alinhamento. Não que eu tenha algo pessoal (contra o ex-prefeito). Eu deixo bem claro que eu já votei em Lourival em uma eleição (para deputado estadual), em Carnaubeira da Penha, que foi Neto (irmão de Dr. João e então prefeito de Carnaubeira) que fez esse alinhamento e eu tive que cumprir, e acho que demos cerca de 1.200 votos para ele. Mas, foi outro cenário. Eu faço política, Assis, com coerência. Eu não posso estar dizendo uma coisa e fazendo outra'', ressalta o médico.

Dr. João declara querer entrar para a história da cidade como um dos melhores prefeitos de Petrolândia

''Quero ser um prefeito para entrar para a história, eu venho dizendo isso, é o meu sonho. Eu quero ir para a história e a gente quer mudar a realidade nua e crua de Petrolândia e deixar esse povo feliz'', afirmou.

Em resposta a ouvintes sobre uma possível chateação com a saída do pré-candidato a vereador César´de Creuza de sua base para apoiar outro grupo

"(Sobre César) Eu gostaria de deixar que cada uma das pessoas faça uma análise nua, crua e real desse comportamento. A família dele é toda minha amiga, gostam de mim, já votaram comigo e não vou entrar nessa conversa. Ele próprio faça uma autoavaliação e as pessoas façam análise desse gesto, desta ação'', disse.

Ainda em resposta a ouvinte, Dr. João comenta a escolha do vice em sua chapa

''Tem uns nomes aí. Eu acho assim: se nós continuarmos crescendo 5, 6 pontos, se estivermos no patamar que a gente está, a escolha do vice vai ser um pouco diferente. Se tiver algum retrocesso, alguma caída, aí a gente pensa em um vice político, que tenha esses dados eleitorais. Mas nós já temos alguns nomes fantásticos, pessoas que vêm enriquecer demais essa chapa. Pessoas que, de repente, pode até não ser político e que, de repente, ele engrandeça o conteúdo da chapa. Enfim, essa decisão só vai sair em março'', antecipou o pré-candidato.

Em resposta a outro ouvinte, que cogitou o nome do empresário Geraldo Melinha (Posto Papai Noel e TranSevero) com um dos cotados a ser candidato a vice-prefeito

''Melinha é um dos nomes que a gente está conversando. É um cara excelente, tem boa projeção, mas assim, ele é um desses nomes que a gente vai discutir. Isso vai ser uma discussão grande e a gente quer fazer o melhor'', explicou Dr. João.

Outros assuntos foram abordados e, no final da entrevista, Dr. João deixou sua mensagem de otimismo ao povo petrolandense.

Confira a entrevista completa nos vídeos abaixo.



Da Redação do Blog de Assis Ramalho

MPPE recomenda que Palmeirina, Carnaubeira da Penha, São José do Belmonte e Mirandiba publiquem destino dos recursos oriundos do acordo do pré-sal


O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) recomendou que os municípios de Palmeirina, Carnaubeira da Penha, São José do Belmonte e Mirandiba deem ampla publicidade a todos os atos relativos à destinação da verba pública do acordo do pré-sal sancionado em dezembro de 2019. O acordo prevê a transferência de R$ 5,77 bilhões para todos os estados e municípios do país. O montante é resultado do chamado “megaleilão” da cessão onerosa do pré-sal, ou seja, áreas de reserva de petróleo cedidas para exploração pela União em troca de uma determinada quantia.

No caso de Pernambuco, foi transferida a soma de R$ 508.000.000 para o Estado e seus municípios. Palmeirina recebeu R$ 408.568,06; Carnaubeira da Penha, R$ 640.757,42; São José do Belmonte, R$ 1.281.514,83; e Mirandiba, R$ 800.946,77.

Pescadores de áreas atingidas por óleo recebem 2ª parcela do auxílio


Foto: Adema/Governo de Sergipe

A segunda parcela do auxílio emergencial concedido a quase 70 mil pescadores profissionais artesanais de áreas afetadas pela mancha de óleo no litoral brasileiro começa a ser paga nesta terça-feira (21), segundo informações divulgadas pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

O pagamento segue o calendário de saques dos benefícios sociais, de acordo com o final do Número de Identificação Social (NIS) do beneficiário. Hoje podem sacar o benefício os pescadores cujo NIS tem finais 1 e 2. O pagamento vai até o dia 31 de janeiro.

Os pescadores podem sacar o benefício com o cartão assistencial na Caixa, em casas lotéricas, terminais de autoatendimento e correspondentes Caixa Aqui. Os que não têm o cartão precisam ir a uma agência do banco levando documento de identificação com foto e o NIS.

Afogamento em Petrolândia: Verdade ou boato? Bombeiros continuam em alerta


Equipes do Corpo de Bombeiros de Petrolândia e Petrolina foram mobilizadas por um suposto caso de afogamento (Foto: Assis Ramalho)

Cidade pequena não vive sem um boato. Petrolândia, com quase 40 mil habitantes, mantém essa tradição. Desde a última sexta-feira (17/01), objetos deixados na Orla Fluvial, balneário na zona urbana da cidade, mantém a comunidade em alerta. O suposto desaparecimento de um suposto homem, de identidade desconhecida, visto por uns a morrer afogado no Lago de Itaparica e por outros, horas e dias depois, a desfrutar da vida em companhia de amigos e familiares nos bares da cidade, ocupou o Núcleo Avançado de Bombeiros, sediado em Petrolândia, e mobilizou mergulhadores do Corpo de Bombeiros de Petrolina, que também participaram das buscas ao suposto banhista supostamente morto por afogamento.

Nesses praticamente cinco dias passados do suposto afogamento, a reportagem do Blog de Assis Ramalho procurou informações junto ao Corpo de Bombeiros e à Delegacia de Polícia Civil, em Petrolândia, onde ainda não foi registrado nenhum boletim de ocorrência sobre o desaparecimento de pessoas, desde o início da circulação dos boatos, e ouviu ainda frequentadores habituais da Orla Fluvial.

As buscas começaram ainda na tarde de sexta-feira, foram interrompidas no período da noite e retomadas na manhã do sábado, sem sucesso. A equipe vinda de Petrolina mapeou uma área de 300 metros para concentrar as buscas. Após a partida dessa equipe de bombeiros, as observações do local tem sido realizadas pelo Corpo de Bombeiros de Petrolândia, com sobrevoo de drone pela manhã e à tarde, diariamente. O objetivo é avistar um suposto corpo, caso venha à superfície.

Na cidade, os comentários sobre o assunto são muitos. Algumas pessoas acreditam que os objetos, entre eles um par de chinelos, foram simplesmente esquecidos no local por alguém que consumiu bebida alcoólica em excesso. Outros, julgam que foram deixados ali por alguém que desejava se refrescar do calor intenso nas águas do rio São Francisco e, vítima de fatalidade, não retornou. Mas, há também quem pense se tratar de uma "pegadinha", irresponsável brincadeira de mau gosto.

Por enquanto, em meio aos boatos, Corpo de Bombeiros, mídia e comunidade seguem em alerta, à espera do desfecho do suposto caso de afogamento.

Redação do Blog de Assis Ramalho

Inscrição no Capes para segunda licenciatura de professores da rede pública vai até dia 31


Até o próximo dia 31 de janeiro, a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) recebe os dados de professores em exercício na rede pública interessados em cursar licenciatura na área em que atuam.

Os interessados devem cadastrar seus currículos na Plataforma CAPES de Educação Básica e preencher os formulários - dados sobre sua formação e atuação profissional. Essas informações serão analisadas e validadas pelas Secretarias de Educação às quais os candidatos estão vinculados.

IPVA 2020 PE – Consulta, Tabela, Como pagar — (DETRAN PE)



Se você mora em Pernambuco e chegou aqui neste artigo, deve estar procurando informações sobre o IPVA 2020 PE.

Todo começo de ano vem com a preocupação chamada IPVA. O Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores é obrigatório e pago anualmente. Sem ele, não é possível renovar o documento do carro, o que impossibilita de rodar pelas vias.

Cada estado brasileiro tem um departamento responsável pelo recolhimento desse e outras taxas. É o Detran – Departamento Estadual de Trânsito. Continue a leitura e veja como consultar, como emitir a 2ª via e outras informações referentes ao IPVA 2020 PE:

Antes de prosseguir, é preciso compreender o que está pagando esse imposto. O IPVA é obrigatório e todo proprietário de algum tipo de veículo, desde motos até caminhões, deve pagá-lo.

O valor da alíquota é variável de cada estado e também o tipo de veículo. Mas sempre é usado como base o ano venal do veículo e a tabela FIPE.

Ao contrário do que muita gente pensa, o dinheiro arrecadado com o IPVA não é usado obrigatoriamente nas vias públicas. De todo o valor arrecadado com esse imposto, metade fica na própria cidade onde o carro está registrado e a outra metade com o governo do estado.

Sendo assim, a administração da cidade e do estado podem empregar esse dinheiro onde for mais conveniente, como na saúde, na educação, segurança etc.

Apesar de obrigatório, o IPVA pode ser pago a vista com desconto no mês de janeiro ou o valor integral dividido em 3x. A data de vencimento das parcelas ou da parcela única variam de acordo com o final da placa do carro.

Confira a tabela abaixo com as datas de pagamento:
Como consultar IPVA 2020 PE

A consulta do IPVA 2020 PE é feita online e sem complicações. Tanto a consulta como a emissão do boleto é feita através do SEFAZ (Secretaria da Fazenda), que é o órgão responsável pelas guias.

Para fazer a consulta, siga os passos:
Acesse o site do Detran PE (https://www.detran.pe.gov.br/);
No menu inicial informe a placa do seu veículo no campo onde diz “Veículo”;

DETRAN - PE 2020

Crime bárbaro em Pernambuco: Maquiador é morto e decapitado em Moreno

Henrique de Deus tinha 24 anos  Foto: Reprodução/Instagram

O maquiador e cabeleireiro Henrique Antônio Alves de Deus, de 24 anos, foi encontrado morto na madrugada desta terça-feira (21) no bairro do Xingu, em Moreno, na Região Metropolitana do Recife (RMR). Segundo informações iniciais, ele teve a cabeça decapitada e foi esfaqueado dezenas de vezes. O crânio foi deixado a metros de distância de onde o resto do corpo foi achado, na rua da Cachoeira.

Ainda não há informações sobre autoria e motivação do homicídio. Uma mulher suspeita de envolvimento no crime foi encaminhada para prestar depoimento na Delegacia de Homicídios de Prazeres, em Jaboatão dos Guararapes, também na RMR.

Por FolhaPE|

Governo de Pernambuco reforça setor da ovinocaprinocultura e cria Câmara Setorial em Sertânia


A comercialização de cabras e ovelhas representa cerca de 13% da produção agropecuária de Pernambuco (Foto: Marlon Diego)

Sertânia - Tradicional no semiárido nordestino, a criação de caprinos e ovinos para produção de leite e abate ganhou forças como atividade econômica organizada. Em segundo lugar no ranking de maior rebanho de caprinos do Brasil e em terceiro entre os maiores criadores de ovelhas no território nacional, a cultura da ovinocaprinocultura está entre as metas de políticas públicas do Governo de Pernambuco, que instituiu oficialmente, quinta-feira (16/01), a Câmara Setorial da Ovinocaprinocultura. A primeira reunião com membros de associações, empresários do segmento e órgãos estaduais foi realizada no auditório da Escola Técnica de Sertânia, distante 315 km do Recife.

Esta foi a primeira agenda estratégica da Missão Desenvolvimento em 2020, formada por um grupo de trabalho composto pelas equipes da Secretaria de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco e da Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco (AD Diper), com a estratégia de disseminar a política estadual de fortalecimento das vocações econômicas regionais. Sertânia foi o primeiro município a receber o grupo comandado pelo secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Bruno Schwambach, e pelo presidente da Agência de Desenvolvimento Econômico de Pernambuco, Roberto Abreu e Lima, e foi escolhida por sua tradição na produção de caprinos e ovinos e por deter o segundo maior rebanho de cabras no Estado e o quinto maior rebanho do Brasil com 156 mil cabeças, segundo dados do IBGE em 2018.

Serra Talhada: DETRAN-PE disponibiliza 535 veículos no 2º leilão de 2020, nesta sexta (24)

O 2º leilão de veículos do DETRAN-PE acontece na próxima sexta-feira (24)em Serra Talhada.

Interessados em adquirir um veículo conservado ou em estado de sucata, já podem se programar para o 2º leilão de veículos do Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco – DETRAN-PE, de 2020, que acontece na próxima sexta-feira (24), às 09h, no pátio da empresa Coliseum, localizada na Rodovia Luiz Gonzaga, BR 232, Km 401,5 – Marg esquerda, s/n, em Serra Talhada.

Serão 535 veículos, entre carros e motos, com lances cujo valor mínimo gira em torno de R$ 100,00. Os interessados podem conferir os veículos nesta quinta-feira (23), das 9h às 16h, e na sexta-feira (24), das 8h às 9h, no mesmo local onde ocorrerá o leilão.

O arrematante deverá requerer e pagar pela expedição da 2º via do Certificado de Registro do Veículo (CRV). Cabe a ele também arcar com o valor dos serviços de Baixa do Gravame dentre outras taxas como a de Licenciamento, a de transferência do veículo e a taxa de Emplacamento.

O dinheiro arrecadado no leilão é usado para pagar as dívidas dos veículos apreendidos. Quitados os débitos, o resíduo restante – caso haja – volta para o proprietário anterior do veículo.

Os leilões inserem o Órgão na agenda ambiental ao colaborarem para a reciclagem automotiva e para a retirada de veículos abandonados nas ruas. O DETRAN-PE cumpre o que está previsto no Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

Após 90 dias de apreensão, os veículos não reclamados devem ser leiloados. O Edital, contendo as informações gerais sobre o leilão, a exemplo das normas, documentação exigida e taxas de administração a serem pagas pelos arrematantes, pode ser acessado no site do DETRAN: www.detran.pe.gov.br e também no site da empresa Coliseum, www.coliseumleiloes.com.br.

Serviço:

2º Leilão 2020 de veículos apreendidos pelo DETRAN-PE

Quando: 24 de janeiro de 2020

Horário: 09h

Onde: Pátio da Coliseum Leilões, localizada na Rodovia Luiz Gonzaga, BR 232, Km 401,5 – Marg esquerda, s/n, em Serra Talhada

Visitação prévia

Quando: 23 de janeiro de 2020

Horário: 09h às 16h

Onde: Pátio da Coliseum Leilões, localizada na Rodovia Luiz Gonzaga, BR 232, Km 401,5 – Marg esquerda, s/n, em Serra Talhada

Quando: 24 de janeiro de 2020

Horário: 08h às 09h

Onde: Pátio da Coliseum Leilões, localizada na Rodovia Luiz Gonzaga, BR 232, Km 401,5 – Marg esquerda, s/n, em Serra Talhada.

Via Blog do do Nill Júnior

Petrolândia: Loja Minas, a sua loja de calçados, confecções e acessórios, tem novidades para você neste início de ano

Fazer uma produção moderna e elegante, vai muito além de escolher a peça que vai vestir, calçados e acessórios complementa o visual.

A loja Minas inicia o ano de 2020 com muitas novidades para os seus clientes andarem sempre na moda, com pagamento facilitado e produtos de excelente qualidade. A loja Minas tem tudo em moda feminina, masculina e infanto juvenil, com seções de calçados, bolsas, confecções com roupas sociais, esportivas, praia, fitness e roupa íntima. Para você ou para presentear, a loja Minas tem tudo em um só lugar.

A loja Minas em Petrolândia funciona de segunda a sexta, das 08h00 às 18h30, e aos sábados, das 08h00 às 13h00. Em todos os horários, com o atendimento cordial e simpático da equipe da loja Minas.

São 13 anos de muita gratidão por vocês clientes Minas Petrolândia, nosso trabalho ganha um significado maior quando é reconhecido por cliente como vocês, por isso nós agradecemos muito. Saber que temos a sua confiança e preferência nos incentiva para continuarmos nosso trabalho, e buscar novas formas de satisfazer suas necessidades, mais uma vez obrigado por nos impulsionar a sempre desempenhar nosso melhor trabalho.

Polícia recupera duas carretas roubadas em um depósito em Petrolina-PE


Duas carretas e uma carroceria foram encontradas na segunda-feira (20) em um depósito no bairro Terras do Sul em Petrolina, no Sertão de Pernambuco. De acordo com o 2º Batalhão Integrado Especializado (2º Biesp), os veículos foram reconhecidos pelos proprietários como roubados. E a carroceria teria origem duvidosa.

Segundo o 2º Biesp, ao avistar as viaturas, os indivíduos fugiram do local. No depósito, estava uma carreta-trator de cor branca e uma carreta carregada com quase 30 mil litros de combustível, além de uma carroceria carregada com madeira.

Todo o material foi levado para a delegacia e a ocorrência foi registrada para serem tomadas as medidas legais para a investigação.

Por G1 Petrolina

Moro diz que hierarquia o impede de fazer avaliações públicas sobre Bolsonaro


Em entrevista ao programa "Roda Viva", da TV Cultura, na noite desta segunda-feira, o ministro da Justiça, Sergio Moro, evitou comentar atitudes do presidente Jair Bolsonaro que foram alvo de críticas, como os ataques à imprensa e a manutenção no governo de ministros acusados de crimes, como o titular do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio. O ministro justificou que, pela posição hierárquica, acredita que não deve fazer avaliações públicas de Bolsonaro, chefe do Executivo.

A edição com Moro marcou a estreia da jornalista Vera Magalhães na condução da bancada de entrevistadores que contou com os jornalistas Alan Gripp (diretor de redação do GLOBO), Andreza Matais (editora executiva do Estado de S. Paulo), Leandro Colon (diretor da sucursal de Brasília da Folha de S. Paulo), Malu Gaspar (repórter especial da revista Piauí) e Felipe Moura Brasil (diretor de jornalismo da rádio Jovem Pan.

Instado a se posicionar sobre polêmicas deste primeiro ano de governo, o ministro disse também que não cabe a ele ser "comentarista político".

Moro também respondeu a questionamentos sobre sua atuação como juiz, como por exemplo sobre o grampo da ex-presidente Dilma Rousseff durante a Lava-Jato e as mensagens trocadas com procuradores da República publicadas pelo site The Intercept Brasil. O ministro classificou as mensagens como uma "bobajarada". Em ambos os casos, reafirmou não ter cometido qualquer irregularidade, e que não reconhece a autenticidade das mensagens divulgadas. O ministro reiterou ainda que não tem pretensão de concorrer ao Palácio do Planalto em 2022.

Questionado sobre os reiterados ataques de Bolsonaro a jornalistas, Moro respondeu.

— Estou no ministério, tenho meus subordinados. Aos meus subordinados, falo com eles, dou orientações e as reprovo quando acho necessário. O senhor, por exemplo, fala publicamente de seus chefes? — disse Moro. — O que eu vejo é que, nas eleições, tinha um grupo (referindo-se à candidatura de Fernando Haddad) que falava que ia regular a imprensa, cerceando a liberdade de imprensa. E, do outro lado, o presidente está dando ampla liberdade à imprensa para fazer seu trabalho. Não se vê qualquer iniciativa do presidente de cercear a imprensa.

Lembrado de vezes em que Bolsonaro agiu com rispidez diante de perguntas de repórteres, Moro afirmou:

— Não é uma questão de censura legal. Não vim aqui para falar sobre o presidente. Ele tem respeitado (a imprensa). O que acontece é que ele tem sido criticado e muitas vezes ele reage.

Ao responder se lhe causa constrangimento o fato de haver no governo ministros investigados por crimes eleitorais — além de Álvaro Antônio, o chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, admitiu ter recebido dinheiro via caixa dois para campanhas —, Moro evitou criticar a permanência dos colegas de Esplanada. Ele afirmou que a investigação do caso dos laranjas do PSL, em que a Polícia Federal pediu o indiciamento do ministro do Turismo, mostra que a PF tem atuado com independência.

— A Polícia Federal está fazendo o papel dela, caberá à Justiça fazer o dela, e ao Executivo cabe fazer a avaliação que achar que deve (sobre manter ou não o ministro do Turismo) — disse Moro, que respondeu também sobre Onyx. — Já declarei que acho meritório que ele (Ônix) tenha reconhecido que errou e que esteja disposto a pagar por esses erros — disse Moro.

O ministro explicou por que não se posicionou publicamente sobre o discurso do ex-secretário da Cultura, Roberto Alvim, copiando uma fala do nazista Joseph Goebbels.

— Acho que não cabe ao ministro da Justiça e Segurança Pública ser um comentarista sobre tudo. Nesse caso, a meu ver foi um episódio bizarro e a situação se tornou insustentável. Eu dei a minha opinião ao presidente. E ele tomou a decisão correta. Quem fala pelo Executivo é o presidente, e não os seus ministros — disse Moro, acrescentando que, se for opinar sobre a situação do titular da Secom, Fabio Wajngarten, acusado de atuar em conflito de interesses no governo, sua manifestação se dará em caráter reservado ao presidente Bolsonaro.

Sobre sua atuação na Lava-Jato e as mensagens divulgadas pelo Intercept Brasil, o ministro reafirmou sua posição:

— Não reconheço autenticidade, mas ainda que sejam verdadeiras, não há ali nada que desabone minha conduta. Não há nenhum indício de má conduta. O que houve foi sensacionalismo. Não há condenados injustamente na Lava-Jato.

Moro voltou a defender a legalidade do grampo nos diálogos telefônicos entre Dilma Rousseff e Lula, em 2016. A gravação levou o ministro do STF Gilmar Mendes a suspender a nomeação de Lula como chefe da Casa Civil do governo Dilma — um mês depois, a Câmara aprovou seu afastamento da presidência para responder ao processo de impeachment.

— O que foi verificado na época é que existe uma aparente tentativa de obstrução da justiça. Não houve manipulação nenhuma. Se isso poderia ter reflexos como impeachment isso não é objeto da decisão. Pode-se olhar a decisão e dizer que não concorda. Mas não existem razões obscuras.

Depois da divulgação das mensagens reveladas pelo Intercept Brasil, Gilmar Mendes declarou que, agora, ficou com "dúvidas" se havia tomado a decisão correta na ocasião. Moro reafirmou que não houve manipulação e que Gilmar deveria assumir a responsabilidade pelas decisões que tomou.

Por O Globo

'BBB20' começa nesta terça-feira; Veja tudo o que você tem que saber do 'Big Brother Brasil'


O "BBB20" começa nesta terça (21) com uma edição inédita: anônimos e famosos dividirão a casa. Mais uma vez o apresentador Tiago Leifert comenda o programa. Os competidores disputam o prêmio de R$ 1,5 milhão.

Reportagem completa

Por G1

SAF Premiado divulga os ganhadores (18/01/2020) - em Petrolândia a unidade da Rede SAF fica localizada na Av. Manoel Borba


O cliente da Rede SAF que mantém o pagamento em dia agora concorre a cartões de crédito, no valor unitário de R$ 500,00. A promoção SAF Premiado passa a sortear R$ 100 mil em prêmios, distribuídos em 200 cartões que serão sorteados aos sábados.

Veja nomes dos ganhadores das datas de 18/01/2020, e as respectivas cidades onde moram.

Ganhadores
18/01/2020- Manoel Nascimento jatoba- Juazeiro BA- 98138
18/01/2020- Raimunda Maria Xavier Leite - Terra Nova PE- 140958
18/01/2020- Maria Simao dos Santos - Mirandiba PE - 68881
18/01/2020- Maria Gonçalves de oliveira - Curaçá BA- 39873

Já fez seu plano da Rede SAF? A loja da unidade da Rede SAF em Petrolândia conta escritório e sala de homenagem (velório), para apoiar familiares, amigos e parentes na organização da despedida de um ente querido.

Visite a unidade da Rede SAF, localizada na Avenida Manoel Borba, no centro de Petrolândia, e conheça os planos disponíveis, inclusive com opção de cremação.

SAF premiado, um show de prêmios todo sábado para você. E em breve mais um super prêmio! REDE SAF – Um plano que vale por muitos!

Petrolândia: Prefeita Jane sanciona lei que autoriza mais de 1,2 milhão em investimentos no município



Nesta segunda-feira (20), a prefeita Jane Souza sancionou a lei 1.249/2020, que autoriza o investimento de mais de 1,2 milhão de reais pelo Governo Municipal.

O recurso, fruto da cessão onerosa do pré-sal, já está disponível para sua execução e será aplicado em diversas áreas, levando mais avanços e melhorias para o município.

Assessoria de Comunicação
Prefeitura de Petrolândia

Ônibus que saiu de SP para o Sertão de Pernambuco tomba e deixa quatro mortos e vários feridos na BR 116 em Canudos (BA)


Quatro pessoas morreram e várias ficaram feridas após um ônibus tombar, na tarde desta segunda-feira, 20, na BR-116, nas imediações do Povoado São Bento, pertencente a Canudos, no nordeste baiano.

De acordo com informações do site Calila Notícias, o coletivo saiu de São Paulo transportando dezenas de missionários, com destino ao município pernambucano de Exu.

As circunstâncias do acidente ainda são desconhecidas. O veículo tombou na lateral da pista, já que o local não tem despenhadeiro.

O Calila Notícias informou que os feridos, alguns em estado grave, foram socorridos e levados para hospitais da região. Ainda não há informações sobre o número de sobreviventes.

Por Jornal A Tarde - Salvador

Petrobras vai demitir funcionário aposentado após reforma da Previdência


A Petrobras anunciou que os empregados celetistas da empresa que ingressaram com pedido de aposentadoria após a reforma da Previdência serão demitidos quando o benefício for concedido pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). A empresa foi questionada sobre quantos empregados estão nesta situação; quanto a empresa deve gastar na rescisão dos contratos e se os funcionários serão substituídos, mas não respondeu. A companhia também não informou como será feito o processo de desligamento do funcionário.

A estatal informou, por meio de nota, que adotou a medida em acordo com a Emenda Constitucional nº 103, que estabeleceu que “a aposentadoria concedida com a utilização de tempo de contribuição decorrente de cargo, emprego ou função pública acarretará o rompimento do vínculo que gerou o tempo de contribuição.”

Segundo a petroleira, os empregados que solicitarem aposentadoria com a utilização do tempo de contribuição a partir de 13 de novembro de 2019 terão seu contrato de trabalho com a Petrobras extinto quando da concessão da aposentadoria pelo INSS.

A Petrobras afirma que o funcionário que protocolou pedido de aposentadoria poderá permanecer na empresa, desde que cancele a solicitação junto ao INSS.

“Para os empregados que deram entrada com o tempo de contribuição decorrente de vínculo com a Petrobras e desejarem desistir do benefício, o cancelamento poderá ser solicitado desde que o empregado exerça essa prerrogativa antes do primeiro recebimento do benefício ou do saque do FGTS ou do PIS.”

Banco do Brasil

O Banco do Brasil já havia anunciado a mesma medida para extinguir o contrato de trabalho dos funcionários celetistas que se aposentarem após a reforma da Previdência. Os empregados podem ter o contrato de trabalho mantido desde que não tenham recebido o benefício ou feito saque do FGTS ou do PIS .

Extra/O Globo

Prefeito morre e 'inaugura' novo cemitério em Minas Gerais, construído durante sua própria gestão


Na novela “O Bem Amado”, do dramaturgo Dias Gomes (1922/1999), levada ao ar na década de 1970, o prefeito da fictícia cidade de Sucupira, Odorico Paraguaçu, interpretado por Paulo Gracindo (1911/1995), tem como principal meta inaugurar um cemitério, mas não consegue alcançá-la porque na cidade ninguém morre. Por ironia do destino, ao final da história, o próprio prefeito “inaugura” a obra, onde é o primeiro a ser enterrado. Situação parecida com a da ficção ocorreu em Bonito de Minas, de 11,2 mil habitantes, distante 644 de Belo Horizonte, no Norte de Minas.

No último fim de semana, emocionados, os moradores acompanharam o velório e o sepultamento do prefeito da cidade, José Pedro Pires da Rocha (PSB), o Zé Galego, de 64 anos. O corpo dele foi o primeiro a ser sepultado na parte da ampliação do cemitério municipal de Bonito de Minas, na prática, considerada como um “novo cemitério”, construído durante sua própria gestão. A obra ainda está em fase de acabamento.

Emancipado de Januária em 1997, Bonito de Minas possui um Índice de Desenvolvimento Humano de 0,537, um dos mais baixos de Minas Gerais.Por outro lado, o município tem uma grande extensão territorial (3.914 quilômetros quadrados).

Eleito vice-prefeito em 2016, Galego tinha assumido o comando da prefeitura em abril de 2018, tendo em vista que o então titular, José Reis, (PHS), se afastou do cargo para ser candidato a deputado estadual e foi eleito foi eleito com 45.746 votos.

A morte de José Pedro Rocha ocorreu sexta-feira passada. Ele viajava sozinho para Brasília (DF) e, na estrada, sentiu uma dor no peito. Procurou um hospital de Planaltina (GO), onde sentiu um infarto. Os médicos tentaram reanima-lo, sem sucesso.

Nesta segunda-feira (20/1), foi empossado como prefeito de Bonito de Minas o presidente da Câmara Municipal, o vereador Dilson Barbosa Santana (PP), o “Dilson de Senhorinha”. Na prática, ele so vai iniciar os trabalhos na prefeitura na quarta-feira, porque, com a morte de Zé Galego, foi decretado luto oficial no município nesta segunda e terça-feira.

O corpo do chefe do executivo foi velado no prédio da prefeitura. O caixão foi coberto com uma bandeira do município. O enterro ocorreu no fim da tarde de domingo, com acompanhamento de cerca de 500 pessoas. Na descida do caixão da sepultura, o clima de emoção aumentou mais ainda, ao som da marcha fúnebre de Chopin, executada por um morador.

O ”novo” cemitério de Bonito de Minas fica situado ao lado do antigo cemitério da cidade, do qual é separado por um muro. Mesmo assim, a obra foi iniciada pela prefeitura há cinco meses como uma “ampliação” do cemitério antigo, que tem mais de 70 anos. As vagas para sepultamento no local aproximam do fim, motivando a expansão.

Para a conclusão da obra ainda falta o término de uma capela e de calçamento (passarela). De acordo com um servidor municipal de Bonito de Minas, foi uma pessoa da família de Zé Galego pediu que ele fosse sepultado no “novo cemitério”antes mesmo da conclusão dos serviços previstos, tendo em vista que, “por uma que questão de justiça” , ele deveria ser enterrado “numa obra feita por ele”.

O novo prefeito, Dilson Barbosa Santana, evitou fazer comentários sobre o fato do seu antecessor ter sido o primeiro a ser enterrado no “novo” cemitério construído na gestão dele. “Acho que Deus “marcou” a chegada do dia dele e aconteceu isso, mas não posso falar sobre essa questão do cemitério”, disse Santana. Ele contou que mesmo continuando no mesmo grupo poliitico local Iiderado pelo deputado José Reis), quando Zé Galego assumiu o comando da prefeitura, passou a fazer oposição ao então chefe do executivo.

Por outro lado, uma moradora do município (que pediu para não ser identificada), disse que, quando o então prefeito anunciou que iria ampliar o cemitério da cidade, fez uma brincadeira Zé Galego. “Eu perguntei: você tem medo de fazer o novo cemitério e morrer para ser um dos primeiros a enterrados lá não?”. Aí, ele respondeu: “eu não acredito nessas coisas”, relatou a fonte.

Na obra memorável de Dias Gomes, o prefeito Odorico Paraguaçu é corrupto e cheio de artimanhas. Ao contrário do personagem da ficção, Zé Galego era considerado correto. “Ele um prefeito muito honesto, que procurava colocar as contas da prefeitura em dia”, testemunhou a moradora de Bonito de Minas ouvida pela reportagem.

A prefeitra Nivea Maria de Oliveira (PTB), prefeita de Itacarambi, município vizinho a Bonito de Minas, divulgou nota, ressaltando as qualidades do colega que morreu no exercício do cargo. “Com muita tristeza recebemos o anúncio do falecimento do prefeito Zé Galego de Bonito de Minas. Um senhor honrado. Homem de muitas virtudes e múltiplos valores deixa um legado de fé, de uma vida dedicada a servir ao próximo, a amar seu povo e a defender o município de Bonito de Minas”, diz Nívea Maria.

Por Luiz Ribeiro/Estado de Minas

Bombeiros, PM e SAMU evitam que homem se jogue de ponte em Paulo Afonso (BA)



A Polícia Militar, o Corpo de Bombeiros e o Samu 192 evitaram que um homem pulasse da ponte do PCTRAN que dá acesso ao centro de Paulo Afonso na madrugada desta segunda-feira (20). A vítima ameaçava se jogar no Rio São Francisco – Canal da Usina da Chesf PA-IV.

A operação começou pouco depois da 0h. A Polícia Militar (PM) chegou ao local após informação de populares que passaram pelo local.

O homem de iniciais JBS, 34 anos, residente no Bairro Prainha encontrava-se na borda externa da ponte, na ponta dos pés, dizendo que iria se jogar de lá caso alguém chegasse próximo.

Foi feito o isolamento da área, o Corpo de Bombeiros e o Samu 192 foram acionados e mesmo com vários diálogos, o homem não desistiu de praticar o ato, no entanto, após um momento de distração da vitima, o médico do Samu Dr. Abraão junto com o Soldado BM Breno conseguiram puxá-lo, evitando assim que o mesmo cometesse o suicídio.

JBS foi medicado e socorrido ao Hospital Municipal de Paulo Afonso (HMPA) onde passou pelos devidos cuidados médicos.

Por Portal  PA4.COM.BR


Placa Mercosul será obrigatória a partir de 31 de janeiro


No dia 31 de janeiro o uso da placa Mercosul passa a ser obrigatório em todo o País. O prazo foi definido pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran), no dia 28 de julho do ano passado. O sistema, que deveria ter entrado em operação em janeiro de 2016, teve seis adiamentos.

O novo prazo foi determinado para que os órgãos estaduais de trânsito pudessem credenciar as fabricantes das novas placas. Também foram alteradas algumas regras para a colocação das placas Mercosul.

Dos 26 estados brasileiros, apenas 10 já haviam aderido à nova Placa de Identificação Veicular (PIV). São eles: Amazonas, Bahia, Espírito Santo, Paraíba, Piauí, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul e Rondônia.

São Paulo, por exemplo, ainda não havia aderido. O Detran-SP informa que passará a utilizar o novo sistema a partir do dia 1º de fevereiro.

Em SP, preço não foi definido

As atuais placas no padrão cinza custam R$ 138,24. O órgão de trânsito não informou qual será o preço das placas de padrão Mercosul.
Continua depois da publicidade

Em nota enviada à redação, o órgão de trânsito informa que “a estampagem, comercialização e instalação das placas serão serviços prestados pelas empresas credenciadas pelo Detran.SP e cabe a elas determinar os valores das placas.”

Informa ainda que “isso está em conformidade com a Resolução, que não abre a possibilidade de licitação das empresas ou qualquer tipo de iniciativa que iniba a livre concorrência, como o tabelamento de preços, pelo Detran.SP.”
Obrigatoriedade da placa Mercosul
A placa Mercosul passa a ser obrigatória para veículos novos, no primeiro emplacamento. E também para os que forem transferidos de município ou Estado. Ou ainda em caso de furto ou dano muito extenso à placa, que dificulte a leitura. Segundo o Detran-SP, pessoas que desejam trocar voluntariamente também podem aderir o novo modelo.

A implantação da placa Mercosul no País teve seis adiamentos. O novo sistema deveria ter entrado em vigor em janeiro de 2016. Mas foi adiado para 2017 e depois, para dezembro de 2018.

Depois, cada Estado passou a ter um calendário próprio. Isso até uma liminar suspender a implantação do sistema por tempo indeterminado.

Uma nova mudança alterou a entrada em vigor da placa Mercosul para 30 de junho de 2019. Antes, porém, no dia 28, o Contran fez novo adiamento, para 31 de janeiro de 2020.
Cor da letra identifica categoria
A placa Mercosul é parecida com o sistema adotado na Europa. O padrão já está em vigor no Uruguai e Argentina. Em breve também será implantado no Paraguai e na Venezuela.

A nova placa tem fundo branco, quatro letras e três números, dispostos de maneira aleatória. A cor da combinação alfanumérica indica a categoria do veículo.

A cor preta é para carros particulares. A vermelha é para táxis, veículos comerciais e de aprendizagem (autoescola). Azul é para carros oficiais e verde para os de teste. O tom dourado identifica carros diplomáticos e o prateado, modelos de coleção.

Em uma tarja azul fica o nome e a bandeira do país, além do emblema do Mercosul. Um futuro sistema integrado de consulta compilará dados sobre o veículo e seu proprietário. Essa banco de dados trará também eventuais registros de roubo e furto.

A nova placa tem o mesmo tamanho da cinza. Apenas carros de passeio precisam ter placas na dianteira e na traseira. Para motocicletas, quadriciclos, reboques, tratores e guindastes apenas a placa traseira é obrigatória.
Bolsonaro foi contra placa Mercosul
O vai-e-vem de datas teve vários motivos. Até o presidente Jair Bolsonaro era contra a implantação do novo sistema.

Em março do ano passado, durante a transmissão ao vivo que virou padrão às quintas-feiras pelo Facebook, Bolsonaro disse que acabaria com a placa do Mercosul. “Vamos, com o nosso ministro Tarcísio [Freitas, de Infraestrutura], ver se a gente consegue anular essa placa do Mercosul”, disse o presente.

“Porque não tem o município… não traz, no meu entender, benefício para o Brasil essa placa do Mercosul. É um constrangimento, uma despesa a mais”, declarou o presidente à época.

“Estamos tentando uma maneira legal, acho que dá (sic) para encontrar, para acabar com essa placa do Mercosul também”, completou Bolsonaro.

Por Correio Braziliense