quarta-feira, 20 de março de 2019

Homem morre após ser atingido por tiro acidental de espingarda em Itacuruba, PE



Um acidente com arma de fogo terminou com a morte de um jovem após ser atingido por um tiro no rosto, no município de Itacuruba, no Sertão de Pernambuco. Acácio Nildemberque, de 27 anos, morreu na hora ao ser atingido por um tiro acidental de espingarda nesta quarta-feira (20).

Ainda não há informações sobre velório e enterro do rapaz. A Polícia Civil investiga o caso.

Via Blog do Elvis/Com informações do Blog O Povo com a Notícia

Petrolândia: USF Santa Inês promove ações em homenagem às mulheres


Em homenagem às mulheres a equipe da UBS em parceria com alguns comerciantes, Prefeitura municipal e as enfermeiras Flávia Freire e Sarita, ofereceram um café da manhã as mulheres atendidas na Unidade no dia 08 de março de 2019.

Durante o evento as mulheres participaram de palestras ministradas pelas estagiárias em enfermagem, Sayonara,Juliana e Larissa.

A Unidade ofereceu atendimento odontológico, preventivo, auto exame das mamas, controle de hiperdia/ glicemia e marcações de colposcopia. As mulheres também participaram de sorteios de brindes e dança de zumba com a professora Irenildes da Iredance, e houve uma belíssima apresentação das alunas do PETI, junto com seus professores Alan e Rosileide.

Foi uma Manhã Prazerosa!

''Ser Mulher é saber ser um pouco de tudo sendo única e especial''.
Feliz Dia da Mulher Maravilha!

A equipe da UBS Santa Inês agradece o apoio da Secretaria de Saúde.



Da Redação do Blog de Assis Ramalho
Com informações e fotos da USF Santa Inês

Petrolândia Classificados: VENDE-SE um terreno no inicio da reta do mirim, por traz de Marcos Pneus


Vende-se um terreno de 3 hectares, no inicio da reta do mirim em Petrolândia, por traz de Marcos Pneus. Terreno com documentação (INCRA), lugar excelente para loteamento (caso o comprador se interesse) devido a proximidade com a cidade.

Fone: 87 99947 0766 - Cesar
Fone: 87 99609 6936 - Irineu
Valor: 400.000, 00

Redação do Blog de Assis Ramalho
Informações: Proprietário do terreno

Aprovação do governo Bolsonaro cai 15 pontos e vai a 34%, diz Ibope


Pesquisa Ibope divulgada nesta quarta-feira (20) mostra os seguintes percentuais de avaliação do governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL): Confira!

Ótimo/bom: 34%
Regular: 34%
Ruim/péssimo: 24%
Não sabe/não respondeu: 8%

A avaliação positiva do presidente caiu 15 pontos percentuais desde a posse. Em fevereiro, segundo a pesquisa, 19% consideravam o governo "ruim/péssimo"; 30%, "regular"; e 39% o avaliavam como "bom/ótimo".

A pesquisa ouviu 2.002 pessoas entre 16 e 19 de março.

O nível de confiança da pesquisa é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem a realidade, considerando a margem de erro, que é de 2 pontos, para mais ou para menos.

Maneira de governar

A pesquisa também avaliou a opinião dos entrevistados sobre a maneira de governar do presidente da República:

Aprovam: 51%
Desaprovam: 38%
Não souberam ou não responderam: 10%

Em fevereiro, 57% aprovavam e 31% desaprovavam.

Confiança

Outro ponto questionado pelo Ibope foi sobre a confiança dos entrevistados em relação ao presidente:
Confia: 49%
Não confia: 44%
Não souberam ou não responderam: 6%

Em fevereiro, 55% afirmaram confiar no presidente e 38% disseram não confiar.

Comparação com outros presidentes

O Ibope fez uma comparação entre os resultados de pesquisas de avaliação da administração dos últimos presidentes eleitos, realizadas no mesmo período de governo.

Por G1

Secretaria de Educação de Petrolândia lança edital para contratação de professores


Estão abertas as inscrições para o Processo Seletivo Simplificado que visa a contratação temporária de 30 professores mais cadastro de reserva com prazo de 01 ano podendo ser prorrogado por igual período, para exercer o cargo de professor da Educação Infantil, ensino Fundamental Anos Iniciais e Anos Finais (Regular e 3ª e 4ª fases da Educação Jovens e Adultos -- EJA). Confira mais informações no edital.

Edital completo aqui.

Prefeitura Municipal de Petrolândia

Conta de luz vai ficar 3,7% mais barata em 2019, anuncia Aneel


O diretor-geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), André Pepitone, anunciou nesta quarta-feira (20) que as contas de energia ficarão, em média, 3,7% mais baratas em 2019 e 1,2% em 2020.

Isso será possível porque o governo e a agência fecharam acordo com bancos para antecipar a quitação de um empréstimo feito em 2014 para ajudar as distribuidoras de energia a pagar o custo extra gerado pelo uso mais intenso de termelétricas.

Naquele ano, o país sofreu com a falta de chuvas que reduziu drasticamente o nível dos reservatórios de hidrelétricas e foi preciso acionar mais usinas térmicas. O problema é que a energia gerada por elas é mais cara, porque é feita por meio da queima de combustíveis como óleo e gás natural.

Em 2015 a Aneel informou que o empréstimo para socorrer as distribuidoras custaria R$ 34 bilhões aos consumidores. Desse total, R$ 12,8 bilhões se referiam a juros.

Desde aquele ano, vem sendo cobrado um valor adicional nas contas de luz de todos os brasileiros para pagar as parcelas do empréstimo. A previsão inicial era de que ele fosse quitado em 2020. Em 2015, a agência estimava que essa cobrança provocaria um aumento de 5 a 6 pontos percentuais nas contas de luz.

Com a quitação antecipada do empréstimo, os consumidores deixarão de pagar R$ 6,4 bilhões nas contas de luz em 2019. É isso que fará com que as contas de luz fiquem, em média, 3,7% mais baratas.


Para 2020, a previsão é que os consumidores deixem de pagar R$ 2 bilhões nas tarifas de energia, o que permitirá uma redução média de 1,2% nas tarifas.

Socorro a distribuidoras

Pela regra do setor elétrico, as distribuidoras deveriam pagar pelo custo extra com uso das termelétricas e, depois, serem ressarcidas nas revisões tarifárias, que ocorrem todos os anos. Ou seja, os consumidores pagariam essa conta de qualquer maneira.

Na época, porém, as distribuidoras alegaram que a conta era muito alta e que não dispunham de recursos para fazer frente a ela. Por isso o governo optou pelo empréstimo bancário.

O quitação agora vai ser possível porque, além de recursos para quitar as parcelas do empréstimo, também foi cobrado dos consumidores uma espécie de seguro, que era depositado em uma conta reserva.

Por ano, esse empréstimo custa R$ 8,4 bilhões aos consumidores de todo o Brasil, com exceção dos de Roraima, que não pagam as parcelas porque o estado não está interligado ao Sistema Interligado Nacional (SIN).

"Dos pagamentos mensais, parte é utilizado para amortizar o empréstimo e parte para criar uma conta de reserva conforme o acordo. Identificamos que em setembro de 2019 o fundo seria constituído por R$ 7,2 bilhões e que o saldo devedor seria de R$ 6,45 bilhões, de tal forma que teria recurso para quitar a operação de forma antecipada", afirmou.

Segundo Pepitone, o saldo que restar em conta será devolvido aos consumidores.

Negociação

Atualmente, o empréstimo está ligado a oito bancos (Banco do Brasil, Caixa, BNDES, Banrisul, Itaú, Bradesco, Santander, Citibank). Esses bancos cobraram uma taxa de 2% do saldo restante para aceitarem o pagamento antecipado.
Segundo o presidente da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), Rui Altieri, isso significa um custo de R$ 140 milhões, o que é um valor inferior ao que seria pago de juros durante o período.

O cálculo dos próximos reajustes tarifários já levará em consideração o efeito redutor de 3,7% da antecipação. Para as distribuidoras que já passaram pelo reajuste de 2019, caso da Light, no Rio de Janeiro, a Aneel fará uma revisão extraordinária para retirar esse custo da tarifa.

Por Laís Lis, G1 — Brasília

Petrolândia: Exposição de artesanato é realizado no Centro Cultural, em meio à programação do Março Mulher






Nesta terça-feira, 19 de março, foi o Dia do Artesão. E para comemorar em grande estilo essa data tão especial, a programação do Março Mulher realizou a Mostra de Artesanato “Elas na Arte Mostram Cultura” realizada no Centro Cultural Centro Cultural Hildebrando Menezes, no centro de Petrolândia.
Na ocasião também foi realizado um desfile com peças de produção própria e o Café com Prosa com uma conversa pra lá de agradável que contou também com a presença da prefeita Jane Souza, entre outras profissionais e representantes do Governo Municipal.

19 de março Dia do Artesão: Saiba mais sobre artesanato e Trabalhos Manuais

Paulo Afonso (BA): Vigilante da Caixa Econômica Federal morre aos 47 anos vítima de infarto fulminante


Faleceu na madrugada de ontem (19), vítima de infarto fulminante, Toni Villar, 47 anos, mais conhecido como “Toni Sperk”.

A morte foi comunicada pelos familiares nas redes sociais. “Meu primeiro herói foi você, sempre estará comigo onde for”, escreveu o irmão Talles Vilar.

Emocionada, a sobrinha Ana Clara Vilar postou a seguinte mensagem: “Hoje meu coração dói, uma dor de ver seu tio morrer em sues braços. Eu não tenho nem o que falar. Meu coração está de luto.”

Toni era vigilante na Caixa Econômica Federal do Bairro Tancredo Neves, em Paulo Afonso-BA. O corpo foi sepultado hoje no cemitério local.

Toni, que era evangélico da Igreja Pentecostal também recebeu homenagem de vários de seus irmãos cristãos:

“Meu Deus. Triste notícia! De Toni nunca esqueceremos. Perfeitamente interpretava os louvores de Matos Nascimento. Que os familiares e amigos possam ser confortados na Esperança e na confiança no Espírito Santo”, contou João Castro.

Antônio Oliveira escreveu: “Um irmão, um amigo e a certeza que os desígnios de Deus jamais poderão ser frustrados. Que o Espírito Santo console todos os entes queridos. No domingo ao final da mensagem, quando o Pr Weldson, convoca os irmãos irem a frente para receber oração e Tony tava lá e o Espírito Santo tocou no coração para dar um abraço em Tony e orar por ele. Quando saímos pelo corredor ele me deu um forte abraço, e algo ele queria sinalizar é como se fosse uma despedida. Mas quando estávamos em frente ao templo estava combinando com ele para juntar os varões da igreja para irmos a chácara de um irmão para pescar e passar o dia meditando na palavra, louvando e orando. Infelizmente não deu tempo.”

Por PA4.COM.BR


Floresta-PE: Polícia localiza carro que pode ter sido usado no crime que vitimou o Vereador Beto Souza e Duda



Nessa terça-feira dia (19), após informações de que um veículo estaria abandonado próximo ao Canal da Transposição e local que dá acesso a Serra Branca e os municípios de Betânia e Custódia, a equipe do NIS-2 juntamente com as equipes do GATI e Malhas da Lei, ambas da 1ª CIPM, se deslocaram para o local e constaram a veracidade da informação.

No local foi encontrado um veículo Cruze incendiado. Provável veículo utilizado no duplo homicídio que vitimou o vereador da cidade de Floresta, Beto Souza e seu amigo Duda. Haviam três perfurações à bala visíveis no veículo, duas no para-choque e um na porta.

A Polícia Civil investiga o caso.

Via O Povo com a Notícia

Bolsonaro, Defesa e Forças Armadas se reúnem para finalizar Previdência dos militares


De volta ao Brasil, o presidente Jair Bolsonaro se reúne, nesta quarta-feira (20), com as Forças Armadas e com o ministro da Defesa, Fernando Azevedo, para tentar chegar a um consenso sobre o projeto de lei que altera a Previdência dos militares e, como contrapartida, propõe uma reestruturação das carreiras.

Em encontro às 10h no Palácio da Alvorada, residência oficial do presidente, deverão ser apresentadas, pelo menos, duas versões da proposta que também altera as regras para que policiais militares e bombeiros dos estados entrem na reserva.

Capitão reformado do Exército, Bolsonaro terá que construir um acordo com as Forças Armadas ou poderá se desgastar ainda mais com os líderes da Câmara, que pressionam para a entrega do projeto até o fim do dia -fim do prazo anunciado pela equipe econômica para apresentar as medidas.

De um lado, o texto deve aumentar, de 30 anos para 35 anos, o tempo mínimo de serviço; elevar de forma escalonada a tributação sobre a remuneração das categorias e acabar com a isenção sobre as pensões. Isso representa economia para os cofres públicos da ordem de R$ 92 bilhões em dez anos.

De outro lado, o projeto, que foi elaborado pela Defesa, prevê reestruturação das carreiras, com mudanças nas gratificações e bônus - o que eleva as despesas. O impacto das contrapartidas para que os militares apoiem a reforma da Previdência ainda não foi divulgado.

Segundo o secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho, o saldo -descontando o aumento de gastos- deve ser positivo, o que representa uma queda, em dez anos, nos desembolsos no sistema dos militares.
"Entre o que está sendo oferecido e o que está sendo retirado, o Tesouro vai ter superávit."

O vice-presidente Hamilton Mourão chegou a declarar, nesta terça-feira (19), que esse saldo seria de R$ 13 bilhões em dez anos. Horas depois, ele disse que se equivocou. O governo precisará explicar as razões para as concessões dadas aos militares para evitar ruídos assim que o projeto de lei chegar ao Congresso.

Além disso, versões preliminares do texto que circularam nos últimos dias incomodaram integrantes das Forças Armadas. Para acalmar o Exército enviou um comunicado interno dizendo que "os detalhes das propostas ainda estão sendo ajustados."

A mensagem reforça que o projeto de lei considera as peculiaridades da carreira, corrige distorções e "impõe sacrifícios, indistintamente, a oficiais e praças", como são chamadas as bases da hierarquia militar. No informativo, o Exército não detalhou as medidas e o impacto delas.

Com receio de que os militares fossem poupados da reforma da Previdência, os líderes da Câmara decidiram que, somente após a entrega do projeto de lei que altera as regras da categoria, a PEC (Proposta de Emenda à Constituição) com mudanças para a iniciativa privada e serviço público começará a avançar. Segundo cálculos do governo, a PEC reduz as despesas em R$ 1,072 trilhão em dez anos.

Se Bolsonaro chegar a um acordo com o ministro da Defesa e os comandantes das Forças Armadas na manhã desta quarta-feira, o projeto de lei que muda a Previdência dos militares deve chegar ao Congresso à tarde.

Logo depois, o governo deve convocar a imprensa para uma entrevista coletiva com o objetivo de explicar as medidas para as Forças Armadas, policiais militares e bombeiros dos estados.

Por: Folhapress

Irmãos são mortos por homens encapuzados em Pesqueira, no Agreste de Pernambuco


Dois irmãos foram assassinados na noite dessa terça-feira (19) em frente à residência deles no centro de Pesqueira, no Agreste de Pernambuco. De acordo com a Polícia Militar, eles estavam conversando no local quando um carro parou e quatro homens encapuzados e armados desceram.

Os criminosos efetuaram vários disparos contra os irmãos e fugiram. A PM realizou buscas na área, mas não conseguiu localizá-los. Os homens, identificados como Ademir Guedes Gomes, 40 anos, e Almir Gomes da Silva, 36, foram feridos na região do tórax. Os tiros teriam sido de espingarda calibre 12 e revólver.

Ainda não há informações sobre o que motivou o assassinato. Os corpos das vítimas foram levados para o Instituto de Medicina Legal (IML) de Caruaru, também no Agreste. O caso será investigado pela Polícia Civil.

Por NE10 Interior

Câmara de Vereadores de Petrolina abre inscrições para concurso público


A Câmara de Vereadores de Petrolina, no Sertão de Pernambuco, divulgou o edital do concurso público que está oferecendo 20 vagas, divididas em nove cargos, entre nível médio e superior. Os interessados em participar da seleção têm até as 23h59 do dia 14 de abril para fazer a inscrição.

As inscrições devem ser feitas através do site da empresa organizadora do concurso e custam R$ 100 (Nível Médio) e R$ 130 (Nível Superior). O pagamento da taxa de inscrição deverá ser efetuado em até 24h após a emissão do boleto bancário.

De acordo com o edital, a previsão é que as provas objetivas e discursivas sejam aplicadas no dia 2 de junho, em Petrolina. As vagas oferecidas no concurso são para: Agente Administrativo, Analista de Controle Interno, Analista em Informática, Assistente Legislativo, Eletricista, Jornalista, Procurador Legislativo, Recepcionista e Técnico em Audiovisual, todas com carga horária de 30h.

Os salários iniciais variam entre R$1,4 mil e 4,7 mil. Outras informações sobre o concurso estão disponíveis no edital.

Por G1 Petrolina

Gilmar Mendes pede para Toffoli tomar providências por declarações de Kajuru


O ministro Gilmar Mendes enviou ao presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) um ofício pedindo para ele tomar “providências que entender cabíveis” contra o senador Jorge Kajuru (PSB-GO). O documento leva em conta “o teor das palavras declaradas pelo senador” em uma entrevista à Rádio Bandeirantes. Kajuru acusou Mendes de vender sentenças e anunciou que a CPI aberta no Senado para apurar tribunais superiores investigaria o ministro em primeiro lugar.

— Queremos saber como você tem 20 milhões de patrimônio. De onde tirou? De Mega Sena? Herança de quem? Foram das sentenças que você vendeu, seu canalha — questionou Kajuru na entrevista. — Ele viaja 12 vezes por mês a Portugal com o dinheiro de vocês. Tem vários imóveis lá — completou.

Sobre a libertação do ex-governador do Paraná Beto Richa, Kajuru respondeu:

— Beto Richa é sócio dele, Aécio Neves é sócio dele, o Marconi Perillo é sócio dele”, disse o senador.

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), manifestou solidariedade a Kajuru, depois de divulgado o ofício de Mendes. Alcolumbre ressaltou que os senadores são invioláveis penalmente por suas opiniões.

— Conclamo o STF a respeitar os senadores — disse o presidente da Casa, em plenário.

Kajuru ironizou a reação do ministro e disse que, se receber o ofício, vai pendurá-lo na parede do gabinete como um “atestado de idoneidade”.

Por Carolina Brígido e Marco Grillo - O Globo
Vídeo - https://www.youtube

Remédios ficam mais caros a partir de abril


Os medicamentos vão ficar mais caros a partir do dia primeiro de abril. De acordo com a Federação Brasileira das Redes Associativistas e Independentes de Farmácias (Febrapar), o reajuste anual será de 4,33%, uma média da inflação mais a produtividade do setor farmacêutico. O cálculo foi baseado no Fator de Ajuste de Preços Relativos Entre Setores (Fator Y), fixado em 0,443% pela Câmara de Regulação do Mercado de Medicamentos, do Ministério da Saúde, e publicado no Diário Oficial da União (DOU) da última segunda-feira.

O índice oficial será divulgado pelo Ministério da Saúde até o próximo dia 31 de março, também pelo DOU. O presidente da Febrapar, Edson Tomascia, diz que o reajuste já estava previsto e engloba os custos da indústria farmacêutica desde o último aumento, em abril de 2018. “A base é a inflação mais a produtividade do ano. Com inflação baixa e crescimento baixo deve gerar impacto, mesmo abaixo da inflação do período como ocorreu nos últimos anos”, afirma.

De acordo com Tomascia, o setor já está acostumado com o reajuste anual, em abril, mas ele não compensa os custos da indústria que são calculados em dólar, e as farmácias não podem evitar o repasse ao consumidor porque já vão comprar com preços novos. “A alternativa para quem faz uso contínuo de remédios, se tiver condições, é antecipar as compras para driblar o aumento”, sugere.

O presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Produtos Farmacêuticos de Pernambuco (Sincofarma), Ozéas Gomes, afirma que os reajustes, nos últimos cinco anos, não representam as despesas que sobem, anualmente, sempre acima da inflação. “Salários dos funcionários, luz, água, impostos, e outras despesas fixas, sobem cerca de 10% por ano”, justifica. Segundo Gomes, o impacto é ainda maior em Pernambuco, onde 75% das 3.000 farmácias representadas pelo Sincofarma são micro ou pequenas empresas.

Os cálculos para o aumento de 2019, segundo o Ministério da Saúde, seguem os critérios usados a partir de 2015, a fim de melhor adequar o índice à realidade do mercado farmacêutico, favorecendo a concorrência. "A fórmula de cálculo, aprovada por consulta pública, garante maior transparência, por detalhar toda metodologia de cálculo do ajuste; maior segurança, por utilizar apenas fontes oficiais e públicas; maior previsibilidade, por determinar datas de divulgação dos fatores; e maior racionalidade, por estimar com maior precisão a concorrência de mercado e por usar fontes que refletem melhor todo o mercado brasileiro de medicamentos".

Por Folha de PE

Petrolândia: Dr Ítalo Porto (Psicólogo) atende na Petroclínica nesta quinta e sábado; agende já a sua consulta!


A Petroclínica, localizada na Av. Auspício Valgueiro Barros, 436 - Quadra 09 de Petrolândia, próximo ao Atacado Sanfrancisco, informa que Dr. Ítalo Porto (Psicólogo), atende nesta quinta e sábado (21 e 23/03/2019).

Agendamento de consultas e mais informações: 87 99805-0774 ou 3851-2333.


Notícia relacionada

A Petroclinica conta com uma equipe totalmente qualificada para cuidar da sua saúde:
Veja abaixo nome dos profissionais
*Dr Rommel Alencar- fisioterapia em geral
*Dra Nubia Lopes - ginecologia e ultrassonografia
*Joane Barboza - preventivo com câmera, depilação a Luz intensa pulsada e drenagem linfática
*Dr Alexandre Salomao - Endoscopia Digestiva alta/ gastroenterologia
*Dr Igaro cordeiro - cirurgião dentista (canal em sessão única )
*Dra Cicero Elisane- fisioterapia em geral e a domicílio
*Dra Socorro Carvalho- ginecologia e ultrassonografia em geral
*Dr Italo Porto -psicologia
*Dra Lariça Bulhoes - pediatria e dermatologia clinica
* Dr Marcos Bispo -Endoscopia digestiva/ gastroenterologia
*Dr Emílio Araújo- psiquiatria
*Dr Magnun Aurélio - clínico geral
*Dra Andreza carvalho -psicologia
*Dra Gizele Rodrigues- nutricionista
*Vicente Monteiro- otorrinolaringologia
*Dra Bruna Lopes - cirurgiã dentista
*A Petroclínica também realiza Mamografia Digital

Blog de Assis Ramalho
Informação: Petroclínica

Belém do São Francisco é contemplado com Kit Equipagem Conselho Tutelar


Na última sexta feira, dia 15 de março, na Capital Pernambucana, foi entregue o veículo Citroen Aircross Star 1.6, modelo 2018/2019, que passa a fazer parte do acervo da Prefeitura Municipal de Belém do São Francisco – PE, para servir ao Conselho Tutelar local e as crianças e adolescentes da terra. Para a Cidade do Recife, partiu na quinta feira, o Ex Secretário Executivo do Gabinete e ex Conselheiro Tutelar, Charles Sá, que carregava consigo, toda a documentação comprobatória que alimentou durante anos, o site http://sig.sdh.gov.br., o qual é manipulado em Brasília, pelo antigo Ministério dos Direitos Humanos, hoje conhecido por Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos.

O veículo é fruto de muitos anos de uma luta sem desistência e chega em boa hora, já que, Belém do São Francisco – PE e cidades vizinhas, passam por uma crise sem precedentes, que também acomete toda a Nação. Não havia, pelo menos agora, como adquirir outro veículo. Sobre a alimentação do sistema, o ex Conselheiro alimentava quase que diariamente, enviando online, todas as documentações que faziam parte do processo, cito, cadastro dos seus representantes e do Município, além de cópias digitalizadas . O que ocorria, era que, embora atualizando os dados pessoais, os outros entes, não o faziam e nem alimentavam a sua parte, dando corriqueiramente, inconsistência no programa, fazendo com que Belém, não fosse contemplado.

No início de 2017, já empossado Prefeito, o Professor Licínio resolveu interagir com o ex Conselheiro para tomar ciência das inconsistências que impediam de seguir em frente, ocasião que passou a dar total atenção, determinando de imediato, a confecção da portaria que criou o cargo, sem ônus, de Representante do Município, no Ministério dos Direitos Humanos, com atribuições específicas para trabalhar a gestão no que se relaciona ao Kit Equipagem Conselho Tutelar, sendo nomeado, o próprio ex serviçal da política para os infantes.

Assim, o sistema foi plenamente recuperado, atualizado e novas senhas foram enviadas, ocorrendo posteriormente, um telefone de Dona Cleuza Pereira, ex Deputada Federal, que se propôs a apresentar a emenda parlamentar que ajudou em toda logística de liberação do veículo. Bem verdade também, que Dona Cleuza atendera um pedido do Vereador Dorgival, que fez pessoalmente, quando de uma visita dela em Belém. Dona Cleuza, teve um gesto de cuidado e carinho muito especial para com os belemitas, embora não tivesse apoio político e um elevado número de votos no município. Assim, é que o Prefeito Licínio e toda a comunidade belemita, agradece esse gesto da ex Prefeita de Salgueiro – PE, torcendo para que a mesma, continue sua luta em prol dos municípios do Sertão.

O veículo chegou no último sábado, por voltas das 18 horas, sendo entregue pelo Prefeito Licínio e demais envolvidos na ação, aos Conselheiro Tutelares, na sede do órgão, na manhã de ontem, segunda feira, fortalecendo assim, tanto a instituição, quanto o SGD – Sistema de Garantias de Direitos dos infantes e da juventude. Para complementar as doações que se compõem de outros itens, já estaria Charles, alimento o sistema.

Fonte: Assessoria de Comunicação

Licenciamento recorde de novos agrotóxicos; Brasil está consumindo produtos já proibidos em vários países


Sem estardalhaço, com os espaços mais nobres do noticiário tomados por sucessivas tragédias, passou despercebida a notícia de que o atual governo autorizou em seus primeiros dias de existência, 54 novos agrotóxicos no mercado, o que dá uma média superior a um novo produto licenciado por dia. O Ministério da Agricultura alega que todos os ingredientes já eram comercializados no Brasil, e que a novidade seria a aplicação desses produtos em novas culturas, o sinal verde para que novos fabricantes possam comercializá-los, e que novas combinações químicas entre eles sejam permitidas. A julgar pelas explicações dadas pelo ministério, ninguém deveria ficar preocupado. Acoberta-se assim - mais uma vez - a apreensão que acompanha já há algum tempo vários técnicos (alguns do próprio governo), em relação à forma como o Brasil vem se tornando o paraíso do setor químico com 2.123 (número válido até o fechamento desta edição) agrotóxicos licenciados.

Sempre discreta, longe dos holofotes, a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, cumpre aquilo que se espera de quem, no ano passado, no comando da Frente Parlamentar da Agropecuária, liderou o rolo compressor da bancada ruralista na aprovação do chamado “Pacote do Veneno”. A aprovação do PL 6299/2002 em uma comissão especial do Congresso abriu caminho para a tramitação de um pacote que, na prática, reduz drasticamente as atribuições do Ibama (meio ambiente) e da Anvisa (saúde) no processo de licenciamento desses produtos. O texto aprovado confere ao Ministério da Agricultura poderes sem precedentes para autorizar a comercialização de agrotóxicos no Brasil.

Em favor da flexibilização da lei - o “Pacote do Veneno” ainda não foi votado em plenário - os ruralistas dizem que o processo usual de licenciamento dessas “moléculas” (como a ministra prefere chamar) costuma levar anos, prejudicando a produção. O grande problema é a distância que separa o gabinete da ministra do Brasil real. Enquanto no andar de cima a palavra de ordem é “libera geral”, multiplicam-se os fatores de risco à saúde e ao meio ambiente.

Um dos exemplos da farra na pulverização de veneno nas lavouras vem dos exames realizados em amostras de alimentos consumidos pela população. A Fundação Oswaldo Cruz abriga o mais importante laboratório federal de análises de substâncias químicas presentes nos alimentos, ligado à Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Mais de 30 alimentos costumam ser periodicamente analisados por lá. Para surpresa dos pesquisadores, em algumas amostras é possível encontrar até 15 princípios ativos de diferentes agrotóxicos, o que indica uma brutal desinformação do agricultor que está usando “bala de canhão para matar uma mosca”.

“Quem determina quais produtos químicos os agricultores devem usar, e em quais dosagens, é o varejista”, afirma uma fonte da Embrapa. Além de não dispor do conhecimento técnico necessário para indicar a melhor resposta para todas as situações, o vendedor ainda recebe comissão pelas vendas desses produtos químicos. Curiosamente, o próprio relator do “Pacote do Veneno”, deputado Luís Nishimori (PR-Paraná), esteve à frente de duas empresas que vendiam agrotóxicos (Nishimori Agricultura e Mariagro Agrícola Ltda.), mas, segundo ele, à época da votação, as empresas estariam “desativadas”. Em tempo: o conflito de interesses no Congresso alcança de forma avassaladora vários parlamentares ligados ao agronegócio, mineração, indústria das armas, etc.

Outro motivo de preocupação é a instrução normativa nº 40 da Secretaria de Defesa Agropecuária do Ministério da Agricultura (lançada no ano passado) que deu plenos poderes aos engenheiros agrônomos para determinarem livremente misturas de diferentes agrotóxicos para a produção de receitas de acordo com cada situação. Ou seja, deu-se carta branca para que estes profissionais inventem novas receitas químicas sem que os efeitos dessa mistura sobre a saúde ou o meio ambiente sejam devidamente conhecidos. “Empoderamos os engenheiros agrônomos”, disse então o ministro da Agricultura, Blairo Maggi.

Uma tragédia silenciosa sobre a qual nem a ministra da Agricultura, Tereza Cristina, e muito menos o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, se pronunciaram até agora é a elevada mortandade de abelhas no Brasil em eventos associados à pulverização de agrotóxicos. O registro mais recente de desastre vem do Rio Grande do Sul, onde a Associação dos Apicultores Gaúchos contabiliza a perda de 6 mil colmeias nos últimos meses, inviabilizando a entrega de 150 toneladas de mel. “Claro que tem outras causas de mortes, mas em 80% das análises das abelhas mortas, foi constatado algum tipo de agrotóxico presente”, afirmou ao G1 o tenente Edelberto Ginder, da Patrulha Ambiental da Brigada Militar de Santa Rosa.

O prejuízo dos apicultores é apenas a ponta do iceberg. O maior problema - já visível em vários países - é o impacto sobre a polinização de alimentos. Estima-se que o trabalho realizado de graça pelas abelhas tenha um valor econômico equivalente a 10% da produção agrícola mundial. No Brasil, mais de 50 milhões de toneladas de produtos agrícolas dependem diretamente da polinização. Alguns cálculos dão conta de que a morte contínua das abelhas pode significar quase 50 bilhões de reais de prejuízos para a agricultura brasileira.

O assunto é tão grave e urgente que para proteger as abelhas, a União Europeia decidiu no ano passado proibir o uso de agrotóxicos claramente associados a mortandade do inseto. No Brasil, nada sugere que algo parecido venha a acontecer. Alguns produtos proibidos na Europa - como os neonicotinoides, inseticidas derivados da nicotina - continuam sendo pulverizados em larga escala por aqui.

Outro problema amplamente diagnosticado no Brasil é a pulverização de venenos por aviões, sem que se respeitem os protocolos básicos de segurança como evitar a dispersão dos agrotóxicos em sobrevoos muito altos ou quando haja vento forte. A chuva de veneno fora do perímetro das lavouras com impactos sobre a saúde das comunidades próximas e a biodiversidade vem sendo documentada há anos, sem a devida resposta do poder público. Há pouco mais de um ano, na maior operação de combate às práticas criminosas de pulverização irregular por aeronaves, nada menos que 48 aviões foram interditados nos Estados de Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e Paraná. A Operação Deriva II resultou na aplicação de R$ 8,2 milhões em multas que, como se sabe, resultam em processos intermináveis sem prejuízo efetivo para os infratores. Aeronaves não autorizadas pela Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) e pulverização de agrotóxicos proibidos por lei no Brasil ou com prazos de validade vencidos são infrações comuns. Não se sabe quando será a próxima operação ou por que elas acontecem de forma tão espaçada.

Uma cena da novela “Velho Chico”, de Benedito Ruy Barbosa, exibida em 2016 pela TV Globo, ilustra bem o que parece ser o pensamento de uma parcela dos produtores rurais que aplicam agrotóxicos de forma irresponsável em suas lavouras. Na fazenda de Afrânio (Antonio Fagundes), as plantações de manga recebem cargas monumentais de veneno. Maria Tereza (Camila Pitanga), filha de Afrânio, fica horrorizada com o que vê. E dá a ordem aos funcionários: “Podem parar com isso. Todos vocês”. Eles dizem que devem continuar, mas ela é taxativa: “Que pare o mundo se for preciso. Eu não quero mais uma só manga sendo colhida encharcada”. Maria Tereza colhe uma fruta do pé e segue irritada até o escritório do pai. Lá chegando, cobra dele uma explicação: “Pai, o que é isso? O senhor está encharcando a manga de veneno. Muito mais do que o necessário. Isso não está certo. Pode dar problema”. O pai olha com ar de desdém para a filha e responde sem afetação: “É daí? Eu não planto pra comer. Eu planto pra vender”.

O Brasil merece comer o que se planta sem sustos, sem riscos, sem que o interesse privado se sobreponha ao interesse público.

Por André Trigueiro, G1

Petrolândia: Quarta do Clone do Caldinho no Maria Fumaça tem apresentação de Marcinho Ferreira, às 20h00


A Quarta do Clone de hoje (20/03/2019), no quiosque Maria Fumaça, na Orla Fluvial de Petrolândia, apresenta Marcinho Ferreira, em show com voz e violão, a partir das 20h00.

Maria Fumaça, além das melhores atrações, tem ainda a mais gostosa gastronomia regional da cidade. Contato: 87 3851-0376. Acompanhe o Instagram @mariafumaca.oficial

Redação do Blog de Assis Ramalho
Informação: Bar e Restaurante Maria Fumaça

Após se encontrar com Trump, Bolsonaro embarca para o Brasil

EUA e Brasil têm oportunidade histórica de reforçar os laços, diz Trump — Foto: Reprodução/JN

O presidente Jair Bolsonaro embarcou na noite desta terça-feira (19) na Base Aérea Andrews, no estado de Maryland, rumo ao Brasil, depois de ter se encontrado com o presidente americano Donald Trump nos Estados Unidos.

O avião decolou às 22h18, horário de Brasília. A previsão é que a aeronave, um Airbus A319 da Força Aérea Brasileira, aterrisse em Brasília às 7h45 de quarta (20).

Após desembarcar em Brasília, Bolsonaro vai receber, no Palácio da Alvorada, o ministro da Defesa, Fernando Azevedo; e os chefes das Forças Armadas: o almirante Ilques Barbosa Júnior, comandante da Marinha; o general Edson Leal Pujol, comandante do Exército; e o Tenente-Brigadeiro do Ar Antonio Carlos Moretti Bermudez.

Eles devem bater o martelo sobre a proposta de reforma da Previdência para os militares. Caso eles fechem o texto, os ministros Onyx Lorenzoni (Casa Civil), Fernando Azevedo (Defesa) e Paulo Guedes (Economia) levarão a proposta ao Congresso.

A visita de Bolsonaro aos Estados Unidos durou três dias; ele havia chegado ao país no domingo. Além da reunião com o Trump, o presidente discursou na Câmara Americana de Comércio e se encontrou com "formadores de opinião".

Enquanto Bolsonaro estava em Washington, o governo publicou um decreto assinado pelo presidente autorizando turistas de Estados Unidos, Japão, Canadá e Austrália a entrar no Brasil sem visto. Nesta terça, questionado sobre o assunto, Bolsonaro disse que liberou o visto para turistas americanos porque cidadãos do país não viajam ao Brasil em busca de emprego.

Também foram assinados alguns acordos, entre os quais o que permite aos EUA lançar satélites da base de Alcântara, no Maranhão, e o que prevê a troca de informações entre a Polícia Federal e o FBI, a polícia federal norte-americana.

Abrir mão da OMC

No encontro entre Trump e Bolsonaro, ficou acertado que o Brasil começará a abrir mão do tratamento especial que o país recebe na Organização Mundial do Comércio (OMC). A decisão, informou o Ministério das Relações Exteriores, está "em linha" com a proposta apresentada pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, para que o país apoie a entrada do Brasil na Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), o "clube dos países ricos".

A OMC surgiu em 1995 para regulamentar o comércio mundial e é um órgão considerado importante para países que dependem de um sistema de normas para defender os interesses no comércio internacional.

A organização conta atualmente com 164 países membros e media conflitos comerciais. Para isso, define regras sobre tarifas, por exemplo. Se algum país entende que os produtos nacionais enfrentam barreiras que desrespeitam as normas da OMC, pode recorrer à organização para solucionar o conflito.

O Brasil é membro da OMC desde janeiro de 1995 e faz parte da lista de países com tratamento especial e diferenciado. A lista inclui países que dizem estar em desenvolvimento e, por isso, têm vantagens em relação aos outros, como mais prazo para cumprir acordos e outras flexibilidades.

Os Estados Unidos, contudo, são contra a existência da lista nos moldes atuais e defendem a mudança das regras na OMC.

Aliado da Otan

Trump também afirmou querer Bolsonaro como aliado da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), organização militar comum de defesa, com 28 países-membros.

O Brasil como aliado da Otan surgiu no contexto da situação da Venezuela e possível intervenção militar ao regime de Nicolás Maduro. Ao ser questionado sobre apoio a uma intervenção militar na Venezuela, Bolsonaro disse que o Brasil está disposto ao "que for possível fazer para solucionar o problema da ditadura".

Por G1 — São Paulo

Em Petrolândia e região, JTS Segurança Eletrônica realiza instalação, manutenção e vendas de equipamentos de segurança


Proteger sua família e seu patrimônio é, atualmente, uma preocupação diária do cidadão, diante da escalada da insegurança. Para ajudar nesta tarefa, em Petrolândia e cidades circunvizinhas, você e sua empresa podem contar com os serviços da JTS Segurança Eletrônica, organização de Josimar.

Especializado em instalação, manutenção e vendas de cercas elétricas, porteiros eletrônicos, câmeras de segurança e outros dispositivos para segurança de sua empresa e de sua residência, JTS Segurança Eletrônica oferece também equipamentos e acessórios para informática, chips e recarga de celulares da Tim, vendidos na sede de sua empresa, situada na Av. Barreiras, perto da Cadeia Pública de Petrolândia. Contato: (87) 99995-0167 ou 99903-4741.

Confie a sua segurança a quem entende do assunto e você conhece. Faça o seu orçamento para aquisição, instalação e manutenção de equipamentos com JTS Segurança Eletrônica.

JTS Segurança Eletrônica é parceria do Blog de Assis Ramalho e da Web Rádio Petrolândia.

Redação do Blog de Assis Ramalho
Informações: Josimar/JTS Segurança Eletrônica

Paulo Afonso: Mulher morre após moto em que estava colidir com carro próximo ao aeroporto


Uma mulher morreu após moto em que estava colidir com um carro na rodovia BA-210, próximo ao aeroporto, no bairro Jardim Bahia em Paulo Afonso.

O forte impacto causou lesões graves na mulher, o Samu foi acionado, mas ao chegar no local nada mais podia ser feito para salvar a vida da vítima logo identificada pelo prenome de Luzia.

O acidente que aconteceu por volta das 20:30 desta terça-feira (19) deixou o trânsito lento no local. A situação de congestionamento amenizou somente após a chegada de policias militares que orientaram os motoristas a usarem um desvio paralelo à pista.

Luzia morava no conjunto habitacional ‘Minha Casa, Minha Vida’, localizado no bairro Siriema 1, popularmente chamado de “Casinhas”, bem próximo do local onde ocorreu a colisão.

Luzia também morou por um bom tempo no bairro Prainha e era mãe de família. Nada foi informado sobre o estado de saúde do homem que dirigia o carro. A polícia ainda não divulgou outros detalhes sobre as causas do acidente.

Por PA4.COM.BR