quarta-feira, 7 de novembro de 2018

Petrolândia: Equipamentos queimados causam falta d'água na cidade, diz Compesa

Motobomba da estação de bombeamento da Compesa, no Sítio Serrota, apresentou problema mecânico após queda de energia (Foto/arquivo: Assis Ramalho/BlogAR)

A área urbana do município de Petrolândia, situado às margens da represa de Itaparica, no Sertão de Pernambuco, não convive com o racionamento no abastecimento de água, mas, desde a manhã de segunda-feira (5) a população está com falta de água nas torneiras. Inicialmente, a Compesa  divulgou que caiu uma das "canelas" de um transformador de energia elétrica e o abastecimento foi suspenso.

Ontem (6), após a intervenção da Celpe e o restabelecimento da energia, divulgou-se que uma das bombas havia queimado e aguardavam-se a peça para conserto do equipamento. A água continuou a ser liberada em quantidade insuficiente para atender a demanda, com pressão reduzida.

Nesta quarta-feira (7), outra nota foi divulgada pela Compesa para comunicar a população sobre o andamento do serviço. Confira abaixo. 

A equipe mecânica e elétrica está na captação fazendo os reparos para colocar as duas bombas em operação. Eles precisaram desligar a bomba que estava em operação para resolver o problema no quadro e acoplar o motor, a cidade passou esses dias com uma bomba só, por isso não tinha água na parte mais alta da cidade.

Falaram que à tarde estaria liberando a operação, isso por que eles estão substituindo um motor que queimou e uma peça no quadro de comando queimou também.

A peça do quadro já foi trocada, agora estão manobrando o motor elétrico, precisa acoplar e ligar os cabos elétricos dele.


Agradecemos a compreensão de todos.

Agência de Relacionamento da Compesa/Petrolândia

Blog de Assis Ramalho
Informação: Escritório da Compesa de Petrolândia


0 comentários:

Postar um comentário