quinta-feira, 21 de junho de 2018

Petrolândia: Sindicato dos Professores defende legalidade da greve e do reajuste reivindicado à Prefeitura



Após anúncio da paralisação dos professores da Rede Municipal de Petrolândia, decidida em assembleia da categoria na terça-feira (19), o Sindicato dos Professores de Petrolândia (Sinpro), representado pelo professor e vereador Evaldo Nascimento e pelo presidente do sindicato, Sebastião, realizou entrevista coletiva com veículos da imprensa do município, nesta quinta-feira (21), na Câmara Municipal de Petrolândia.

No auditório, dezenas de professores acompanharam a entrevista que durou pouco mais de uma hora.

Segundo as lideranças sindicais, de acordo com entendimento do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PE), o reajuste não infringe os limites da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF), um dos motivos alegados pela Prefeitura de Petrolândia para oferecer aumento inferior ao proposto pelos professores.

O entendimento do Sinpro é pela continuidade da paralisação, com abertura para negociações com a Prefeitura. De acordo com as lideranças, será realizado movimento nas ruas em reforço à greve, que é por tempo indeterminado.

Assista nos vídeos abaixo à coletiva.






Redação do Blog de Assis Ramalho
Fotos e vídeos: Assis Ramalho


0 comentários:

Postar um comentário