sexta-feira, 15 de junho de 2018

Fundação Terra tem estande garantido na Super Mix 2018


A instituição tem vários projetos sociais em Arcoverde e Recife, em Pernambuco e também em Maracanaú, no Ceará (Foto: Divulgação/Fundação Terra)

A feira de negócios Super Mix tem uma preocupação especial em apoiar ações sociais. Como forma de honrar esse compromisso com a sociedade, o evento vai contar com um estande da Fundação Terra, que atua nas áreas social, de saúde e de educação em Arcoverde e no Recife. Livros escritos pelo Padre Airton, criador da instituição, produtos artesanais, CDs, adesivos e outras mercadorias estarão à venda no local.

Equipes da organização também estarão passando pelos estandes da feira e apresentando os projetos sociais realizados para os expositores e o público geral. “O maior ganho é poder mostrar para as pessoas o grande trabalho que é feito e como as pessoas podem apoiar. O brasileiro, de maneira geral, tem um sentimento de solidariedade com os mais necessitados e muitas pessoas não sabem como fazer ou por meio de qual instituição. Essa participação na Super Mix é uma oportunidade muito importante da divulgação do nosso trabalho”, destaca a coordenadora de mobilização de recursos da Fundação Terra, Chames Balladares.

A coordenadora da Super Mix, Paula Valéria, comemora a participação da fundação na feira. “É um dever nosso apoiar e divulgar esses projetos na Super Mix. Queremos fazer negócios e ampliar mercados, mas sempre mantendo a preocupação com as pessoas e com o meio ambiente. É um compromisso nosso todos os anos”, conta.

A Super Mix, promovida pela Associação Pernambucana de Atacadistas e Distribuidores (Aspa) e Associação Pernambucana de Supermercados (Apes), acontecerá de 21 a 23 de agosto, no Centro de Convenções de Pernambuco. O evento conta com os patrocínios da Compex Tecnologia, São Braz e do Banco do Nordeste. O evento é considerado o maior do setor no Norte/Nordeste e terceiro maior do País.

PROJETOS SOCIAIS
A Fundação Terra mantém uma escola que beneficia mais de 900 crianças, em Arcoverde (PE) e Maracanaú (CE), e se prepara para oferecer aulas em tempo integral a partir de 2019. A instituição atua ainda no setor de saúde, sendo pioneira em oferecer um centro de reabilitação física, auditiva, visual e intelectual em Arcoverde. Uma média de 14 mil por ano pessoas são atendidas de maneira gratuita no centro, que vai ampliar o atendimento e criar uma oficina ortopédica, para produzir próteses e garantir que quem está se tratando já saia com a sua. A previsão é de que o espaço seja inaugurado no dia 8 de setembro, aniversário da Fundação Terra.

No âmbito social, a fundação tem um abrigo para idosos e também acolhe pessoas e crianças em situação de risco. Atualmente, a iniciativa ajuda mais de 1.500 famílias em extrema pobreza, na Rua Alfredo de Sousa Padilha, conhecida como Rua do Lixo, em Arcoverde. No Recife, o projeto C Amor acolhe moradores de rua, no Pátio da Santa Cruz, oferecendo alimento, alfabetização e banho para as pessoas. “O projeto dá a primeira necessidade, que é a comida, mas procura promover a independência das pessoas, oferecendo alfabetização e banho para que possam procurar emprego, por exemplo”, explica a coordenadora.

A Fundação Terra ainda oferece cursos profissionalizantes e uma Casa da Fraternidade, na qual jovens universitários de família em situação de vulnerabilidade social do interior de Pernambuco recebem casa de apoio e as três refeições para que possam estudar em escolas, universidades e faculdades do Recife.

Mia Comunicação


0 comentários:

Postar um comentário