Publicidade

Codevasf inicia nova fase da campanha contra o Aedes aegypti na Bahia

Foto: Codevasf/Divulgação

A 6ª Superintendência Regional da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), com sede em Juazeiro, no norte da Bahia, iniciou uma nova fase da campanha de combate ao Aedes aegypti. Cerca de 500 panfletos foram entregues pela Assessoria Regional de Comunicação da Codevasf à direção do Colégio Democrático Estadual Professora Florentina Alves dos Santos (Codefas), instituição de ensino médio que atende mais de 800 alunos do bairro de Piranga, localizado na zona leste da cidade.

O material, fornecido pelo Ministério da Saúde, contém informações para evitar a proliferação do mosquito, que pode transmitir a dengue, a chikungunya e o zika vírus.

“Vamos usar esse material em nossas aulas, principalmente na matéria de biologia, na qual os professores devem repassar esse assunto para os alunos”, afirmou o diretor da instituição de ensino, o professor Josemar Rodrigues dos Santos. A ideia do diretor é fazer com que os estudantes sejam agentes multiplicadores dos cuidados necessários para eliminar os focos de proliferação do mosquito dentro da comunidade onde vivem.

O material didático aborda, de forma clara e simples, algumas atitudes periódicas para eliminar os criadouros do mosquito nas residências, como manter sempre tampados os reservatórios de água; e evitar o acúmulo de água em lugares como vasos de plantas, garrafas, ralos e outros locais como folhas secas e até tampas de garrafas.

Parte desse material foi repassado pelo diretor Josemar Rodrigues para a professora Elba Maria Campos Loureiro, que leciona também no Colégio Estadual Jutahy Magalhães, localizado no mesmo bairro, onde estudam mais de 470 alunos do ensino fundamental (séries finais) e cerca de 245 integrantes do ensino médio. A professora Elba já iniciou um trabalho dentro das classes, e espera que, numa próxima avaliação, os resultados sejam considerados positivos.

Codevasf  

Comentários

Publicidade