Publicidade

Codevasf realiza peixamento em festa de Bom Jesus dos Navegantes em Propriá (SE)

Foto: Codevasf/Divulgação

No primeiro peixamento realizado em Sergipe neste ano, a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) lançou 800 mil alevinos de espécies nativas no rio São Francisco. A ação foi promovida durante a realização da Festa de Bom Jesus dos Navegantes no domingo (25), em Propriá.

Realizado em parceria com a Prefeitura Municipal de Propriá, o peixamento inseriu alevinos das espécies curimatã, piau, cari, matrinxã e piaba. Os peixes foram cedidos pelo Centro Integrado de Recursos Pesqueiros e Aquicultura de Itiúba (5ª/CII), e a ação teve o apoio do Centro Integrado de Betume (4ª/CIB), que está passando por uma grande obra de reforma e ampliação. Esses centros são unidades de pesquisa e produção mantidas pela Codevasf nos estados de Alagoas e Sergipe, respectivamente.

O superintendente regional da Codevasf, Said Schoucair, destacou a importância da inserção de alevinos para a manutenção dos estoques pesqueiros no rio. “O peixamento contou com uma grande mobilização da comunidade. Essa é uma ação muito importante do ponto de vista ambiental, que contribui para a revitalização do rio São Francisco”, declarou.

A recomposição da ictiofauna nativa tem importante papel social, ambiental e econômico, uma vez que contribui para a sustentabilidade da atividade pesqueira. Além disso, o peixamento é uma atividade fundamental para manutenção dos estoques pesqueiros do rio São Francisco, que tiveram seu processo de reprodução natural afetado pela construção das barragens ao longo do rio.

Codevasf

Comentários

Publicidade