Publicidade

Rei Roberto Carlos canta para multidão no Arruda, neste sábado(12)


No estádio do Arruda, neste sábado, o jogo já começa com a vitória do visitante, Roberto Carlos, que deve levar um público recorde para assistir ao show da turnê 2013-2014. O cantor se apresentou, semana passada, na Arena Castelão, para uma plateia de 45 mil pessoas (apesar da Fifa ter sido contrária à realização do show no local). Um dos momentos pungentes da noite foi o coro no Parabéns a você, tanto pelo aniversário do Rei (que completa 73 anos no dia 19), quanto pelo de sua mãe, a Lady Laura, que completaria 100 anos na quinta-feira. O cantor, como geralmente acontece, segue um roteiro. Começou com Emoções, e fechou com Jesus Cristo. A homenagem à mãe veio na canção que compôs para ela, Lady Laura, também cantada em coro pelo público. Nossa Senhora, Eu te amo, te amo, te amo, O calhambeque, foram algumas das canções no repertório.

O maior fã-clube do cantor em Pernambuco, o Amigos do Rei, com sede em Jaboatão Velho, preparou diversas homenagens, porém, estavam frustrados porque a principal não pode ser realizada. Queriam montar uma exposição com os discos de Roberto Carlos, fotos e cartazes raros: “Mas não conseguimos um local. Tentamos no shopping, mas não foi possível”, diz Eronildes Mergulhão. Ele e dezenas de integrantes compraram com antecedência ingressos para as cadeiras azuis, as mais caras (R$ 460, inteira, e R$ 230, a meia). Mergulhão diz que levará dois presentes para entregar pessoalmente ao Rei: o livro Histórias que a história não contou, de Paulo Machado de Carvalho, sobre a TV Record (dos grandes musicais dos anos 60, inclusive o Jovem Guarda), e Uma noite em 1967, livro de Renato Terra e Ricardo Calil.


Há vários anos Roberto Carlos não realizava shows em estádios de futebol, o que era muito comum no auge da Jovem Guarda. Eronildes Mergulhão afirma que ele já se apresentou antes no Arruda, mas não sabe precisar o ano. Ao retomar apresentações em estádios Roberto Carlos testa a viabilidade das arenas para espetáculos musicais. Ele foi o primeiro cantor brasileiro a se apresentar na Arena Castelão, com um público maior do que os que receberam Elton John e Beyoncé.

Preços: Cadeiras – azul: R$ 460 e R$ 230; amarela: R$ 300 e R$ 150; branca: R$ 220 e R$ 110; cativa: R$ 300 e R$ 150. Plateia – inferior: R$ 120 e R$ 60; inferior lateral: R$ 160 e R$ 80; superior: R$ 80 e R$ 40.

Fonte: Jornal do Commercio

Comentários

Publicidade