segunda-feira, 10 de setembro de 2018

PIB do primeiro semestre de Pernambuco cresce o dobro do PIB brasileiro


O Produto Interno Bruto (PIB) de Pernambuco, que é tudo o que foi produzido de bens e serviços no estado, cresceu o dobro que o do Brasil no primeiro semestre de 2018, ficando em 2,2% contra 1,1% do resultado brasileiro e 2,3% a mais que o PIB pernambucano do segundo trimestre de 2017. Os números positivos indicam uma consolidação da tendência de recuperação da economia local de forma mais acelerada que a nacional, o que reflete numa retomada de crescimento definitiva do estado antes que a retomada do crescimento da economia do Brasil, cuja previsão dos economistas deve ocorrer entre 2020 e 2021.

Esse desempenho decorreu principalmente do comportamento dos três grandes setores econômicos tendo a Agropecuária um crescimento de 17,3% no período, a indústria de 3,1% e o setor de serviços, de 1,2%. No mesmo período, foram gerados cerca de cinco mil novos postos de trabalho no estado.

Segundo Maurílio Lima, diretor de Estudos, Pesquisas e Estatística da Agência Estadual de Planejamento e Pesquisas de Pernambuco (Condepe/Fidem), responsável pela análise e divulgação dos dados, a perspectiva é que Pernambuco registre um PIB de 3% em 2018.


 "Estamos otimistas porque a recuperação já começou. Teremos resultados de safras no segundo semestre e esperamos um reflexo também do crescimento industrial paulista, que registrou alta de 4,8% no primeiro semestre deste ano. Isso tem impacto na economia pernambucana porque a nossa indústria tradicional complementa a indústria do sudeste",ressalta o pesquisador.

Por: Thatiana Pimentel - Diário de Pernambuco


0 comentários:

Postar um comentário