sexta-feira, 29 de junho de 2018

Secretaria de Educação divulga resultados do IDEPE e anuncia destaques da Educação em 2017


A solenidade apresentou a evolução da educação do Estado nas esferas estadual e municipal, além de apresentar a maior nota desde o início do monitoramento, em 2000 (Foto: Gil Menezes)

Professores, gestores, secretários municipais e prefeitos se reuniram na manhã desta quinta-feira (28), no Palácio do Campo das Princesas, no Recife, para participar da cerimônia de divulgação do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica de Pernambuco (IDEPE) do ano de 2017. A solenidade de divulgação do resultado do IDEPE do Estado e sua premiação é um dos eventos mais importantes do calendário da educação pública de Pernambuco e tem como objetivo valorizar o trabalho das escolas, Gerências Regionais de Educação (GREs) e municípios que obtiveram bons desempenhos educacionais no Estado.

Durante a divulgação, o secretário de educação, Fred Amancio, comemorou os altos resultados registrados pelo estado na última avaliação. Em 2017, Pernambuco registrou a maior pontuação já apresentada desde o início do monitoramento, em 2000, apontando nota 4,5. Além disso, 32 escolas do estado atingiram, pela primeira vez, média 6,0 e três ultrapassaram média 7,0. O grande destaque desta edição foi para Sertão do Pajeú que das 12 categorias foi premiada em seis. Nas escolas estaduais, destaque para as localizadas no Sertão, que ocupam 8 dos 10 primeiros lugares no ranking IDEPE do ensino médio.


“O trabalho de acompanhar de perto, de estar próximo das escolas e desenvolver uma série de outras atividades que envolve toda escola tem feito a diferença. Educação se faz, também, envolvendo a comunidade e a gente percebe ao longo do tempo que as escolas em tempo integral teve um papel fundamental na melhoria dos nossos resultados”, expõe Amancio. Ainda durante a entrega dos resultados, o secretário apresentou a evolução das escolas que antes tinham média abaixo de 3,0. Em 2008, o estado contava com 575 escolas. Em 2014, esse número foi reduzido para 149. Já em 2017, apenas sete escolas apresentaram essa média.

“A construção que temos feito na educação de Pernambuco trabalhando de uma forma que tem dado resultado é que tirou Pernambuco das últimas colocações nas medições internas e externas para se tornar uma educação pública de qualidade e a melhor do Brasil. Isso tudo é fruto de um trabalho que envolve muita gente como professores, gestores, estudantes, comunidade escolar e todos nós que vamos continuar trabalhando para que essa política continue”, expressa o governador do estado, Paulo Câmara.

Duas novidades foram apresentadas nesta edição. A premiação para as escolas municipais melhores colocadas no ensino fundamental - além da tradicional premiação para os municípios com melhores resultados – e para as escolas estaduais que mais cresceram nos seus índices. O munícipio de Bonito, no Agreste Pernambucano, recebeu certificação de sete escolas municipais. Dessas, quatro dos anos iniciais e três dos anos finais. “Desde que a gente entrou na regional nós percebemos uma grande presença pedagógica de todos que fazem a Secretaria de Educação. Há uma harmonia e um alinhamento muito forte naquela região. Ao longo desses anos a gente tem visto um crescimento significativo, uma estrutura física muito bem feita e organizada e, principalmente a formação continuada dos professores que acontece periodicamente”, reconhece a gestora da Gerência Regional de Educação (GRE) Mata Centro, Ana Xavier.

Pelo terceiro ano consecutivo a GRE Vale do Capibaribe se destaca com os melhores resultados entre as 16 gerências regionais. Em 2015 com 4,80, em 2016 (4,95) e em 2017 (5,19). “É um sentimento de dever cumprido e o sentimento de que a gente fez a diferença na vida dos estudantes. O maior objetivo que temos é de preparar o aluno para enfrentar uma universidade e o mundo lá fora. Com esse resultado a gente percebe que valeu a pena e que realmente a gente fez a diferença na vida desses adolescentes”, admite a gestora da GRE, Edjane Ribeiro.

Clique aqui para conferir os melhores resultados.

Secretaria de Educação de Pernambuco


0 comentários:

Postar um comentário