Publicidade

Petrolândia: Superintendente do DNIT anuncia para janeiro de 2017 início de obra da Reta do Mirim/BR 110, no trecho Petrolândia-Ibimirim


Foto: Reprodução Jornal do Commercio

As obras para recuperação da Reta do Mirim/Rodovia BR 110, que liga Petrolândia a Ibimirim, devem ter início no próximo mês, anuncia em Petrolândia a assessoria do senador Armando Monteiro, por meio dos vereadores Carlos Alberto (Carlinhos) e Fabiano Jaques Marques. O comunicado foi feito por e-mail pelo Superintendente do DNIT.

Desde 2013, Armando Monteiro está empenhado na recuperação da BR 110 que liga o Rio Grande do Norte a Bahia, incluindo o trecho de 70Km Petrolândia/ Ibimirim, a chamada “Reta do Mirim”. Em audiência, o então Ministro do Transporte Cesar Borges assumiu o compromisso de que, enquanto o EVTEA (Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental) não fosse concluído para asfaltamento de toda a rodovia, a Reta do Mirim seria recuperada com terraplanagem e revestimento de cascalho em leito natural.

Os recursos para realização da obra foram liberados e o DNIT/PE assinou convênio com o 2º Batalhão de Engenharia de Construção do Exército para realizar a obra. No entanto, a obra foi suspensa porque o IBAMA não liberava a Licença Ambiental.

Armando Monteiro recorreu ao IBAMA, conseguindo uma declaração de competência para que a CPRH de Pernambuco fosse responsável pelo licenciamento. A CPRH/PE liberou a Licença Ambiental no dia 30 de novembro passado e, segundo informação via e-mail,do Superintendente do DNIT, Cacildo Cavalcanti, o 2º BEC iniciará as obras em janeiro de 2017.



Balanço dos recursos destinados a Pernambuco no Orçamento Geral da União 2017:

Emenda de bancada destinada à duplicação da BR 423 – Trecho S.Caetano/Garanhuns, e emendas individuais no valor de R$ 15,3 milhões, beneficiando 38 municípios, especialmente com projetos nas áreas de saúde e infraestrutura urbana.

Nos últimos três anos, período 2014/2015/2016, são cerca de 78 obras concluídas ou em andamento e 48 já empenhadas no orçamento aguardando aprovação dos projetos para serem iniciadas. 36 obras totalmente pagas e 42 em andamento, que estão sendo pagas em parcelas de medição de obra.

Assessoria de Imprensa do PTB

Comentários

Publicidade