quinta-feira, 26 de abril de 2018

Mãe é indiciada suspeita de permitir que a filha fosse estuprada por ex-vereador no Sertão de PE


A mãe de uma menina de 11 anos foi indiciada na quarta-feira (25) por suspeita de permitir que a filha fosse estuprada por um ex-vereador em Santa Terezinha, Sertão de Pernambuco. De acordo com a Polícia Civil, o ex-parlamentar cometeu o crime no escritório dele.

"Durante a investigação, o delegado Rodrigo Passos de Albuquerque, titular do inquérito, verificou que a mãe induzia a criança a pegar dinheiro e presentes com o abusador, inclusive facilitando o encontro de ambos", conforme a polícia destacou por meio de nota.

Segundo a Polícia Civil, a pena por facilitar a exploração sexual de vulnerável vai de quatro a dez anos de reclusão. Pelo fato da mulher ser mãe da vítima, ela pode ter a pena aumentada em até metade do tempo. A denúncia de abuso foi formalizada pelo Conselho Tutelar da cidade.

Entenda o caso

Um ex-vereador foi preso suspeito de estuprar uma menina de 11 anos em Santa Terezinha. O caso ocorreu na quinta (12), mas as informações foram repassadas na sexta-feira (13).

De acordo com a Polícia Civil, a vítima tem problemas mentais. O suposto criminoso foi encaminhado à Cadeia de São José do Egito.

Por G1 Caruaru


0 comentários:

Postar um comentário