quarta-feira, 2 de agosto de 2017

Petrolândia: Posse da primeira prefeita da história da cidade consolida domínio do PSB no município


Jane faz o juramento de posse no cargo de prefeita de Petrolândia (Fotos: Assis Ramalho)
Jane e Delano, prefeita de Petrolândia e presidente da Câmara Municipal
Prefeita Jane ao lado do primeiro-cavalheiro Marquinhos e familiares
Prefeita recebeu felicitações das mulheres após a cerimônia de posse

Petrolândia comemorou, no dia 1º de julho, o 108º aniversário de emancipação política. Exatamente um mês depois, nesta terça-feira, 1º de agosto de 2017, o Município assistiu à posse da primeira mulher a ocupar o cargo de prefeita na cidade do Sertão de Pernambuco, situada às margens do São Francisco. Janielma Maria Ferreira Rodrigues Souza (PSB), conhecida simplesmente como Jane, após a oficialização da renúncia de Ricardo Rodolfo (PR), ao lado de quem foi reeleita no cargo de vice-prefeita em outubro passado.  

Em contraste à posse como vice-prefeita, no dia 1º de janeiro, a discreta solenidade de posse oficial da prefeita ocorreu na sala de reuniões, em vez de no plenário da Câmara Municipal. O presidente da Câmara Municipal, Delano Santos (PSB), futuro prefeito interino durante as viagens e outros afastamento da prefeita, conduziu a reunião à qual estiveram presentes os vereadores de Petrolândia e uma plateia que lotou o exíguo espaço destinado à cerimônia. Após a formalização da posse, a prefeita fez um breve pronunciamento. 

Por caminhos tortuosos e apesar de sua resistência ao cargo de prefeita - é inegável -, às vésperas do seu aniversário, celebrado no dia 6 de agosto, a paraibana nascida em Monteiro, radicada em Petrolândia há muitos anos, casada com o ex-prefeito Dr. Marcos - agora primeiro cavalheiro do município - assumiu em caráter definitivo o comando da Prefeitura Municipal, menos de um mês depois de receber provisoriamente o cargo com o licenciamento de Ricardo Rodolfo para tratamento de saúde no Recife.

Com a posse, Jane deixa de ser o elo entre o governo de Lourival Simões (PSB) e o de Ricardo Rodolfo (PR) para se tornar sucessora legítima de Dr. Francisco Simões de Lima, Dr. Marcos Antonio de Souza (Marquinhos) e Lourival Simões. Mais do que isso, consolida o PSB como partido dominante no Município. Diferentemente da situação do ex-prefeito Ricardo, cujo partido (PR) não elegeu vereador, Jane reconquista a Câmara, onde o PSB tem dois vereadores, ambos na atual Mesa Diretora, como presidente (Delano) e vice-presidente (Dedé de França). O mesmo partido tem três ex-prefeitos filiados e está alinhado com governador, senador e deputado federal/ministro. 

Complementarmente, pode-se comparar a ascensão de Marquinhos e de sua esposa Jane à gestão do Município. Também ele era vice-prefeito e, devido a problemas de saúde de Dr. Francisco Simões e, posteriormente, ao falecimento do titular, foi alçado ao cargo de prefeito. Marido e mulher receberam os municípios em momentos de diferentes tipos de comoções. Ele, médico, foi reeleito e saiu fortalecido da prefeitura. Ela, enfermeira, certamente não enfrentará dilemas ao aplicar, com a necessária firmeza, os remédios exigidos para sanar a situação do Município e não há dúvida de que serão remédios amargos. Resta-nos apenas esperar para ver se o tratamento será bem sucedido. 

Redação do Blog de Assis Ramalho
Publicada em 01/08/2017 às 21h00min
Atualização em 02/08/2017 às 06h00min


0 comentários:

Postar um comentário