Publicidade

Veja perfis de vítimas na série de atentados terroristas em Paris


O grupo radical Estado Islâmico reivindicou neste sábado (14) a responsabilidade por ataques que mataram mais de 120 pessoas em Paris. É o pior ataque à França na história recente.

Em uma declaração oficial, o grupo disse que seus combatentes presos a cintos com explosivos e carregando metralhadoras realizaram os ataques em vários locais no centro da capital francesa.

Veja quem são algumas das vítimas:

Djamila Houd - francesa de 41 anos, era da cidade de Dreux, a 80 km de Paris.

Guillaume B. Decherf - jornalista francês que escrevia sobre música, tinha 43 anos, e estava no show no Bataclan. Pai de duas filhas.

O jornalista Guillaume Decherf (Foto: Reprodução/Facebook Guillaume B. Decherf)

Juan Alberto González Garrido - o espanhol de 29 anos morava em Paris e estava com sua mulher na casa Bataclan, que foi invadida por terroristas armados.

Mathieu Hoche - francês de 38 anos, técnico da TV France 24, também morto no show. Um amigo postou em rede social que ele era fascinado por rock.

Nick Alexander - britânico de 36 anos que estava vendendo produtos da banda US band Eagles of Death Metal na casa de shows Bataclan.

Nick Alexander (Foto: Reprodução/Twitter/LM Britt)

Noemí Gonzalez - era estudante da California State University e foi a primeira americana a ter a morte confirmada nos ataques.

Nohemi Gonzalez, estudante americana (Foto: Reprodução/Facebook/Strate Ecole de Design)

Thomas Ayad - francês de 34 anos trabalhava na gravadora Mercury Records. Estava na Bataclan com dois amigos que também morreram.

Valentin Ribet - advogado francês de 26 anos especializado em crimes do colarinho branco. Estava na casa Bataclan quando foi invadida pelos terroristas.

G1 São Paulo

Comentários

Publicidade