quarta-feira, 1 de abril de 2015

Missão Pedagógica no Parlamento está com inscrições abertas até 26 de abril

Programa conduzido pela Câmara dos Deputados proporciona a professores dos ensinos fundamental e médio de escolas públicas uma capacitação em educação para democracia

Estão abertas as inscrições para a quinta edição do Missão Pedagógica no Parlamento, programa da Câmara dos Deputados que busca reconhecer os esforços de educadores na disseminação dos valores da democracia e da cidadania. Este ano foi incluída a possibilidade de participação de orientadores e coordenadores pedagógicos, além dos professores.

A inscrição poderá ser feita até 26 de abril, por formulário eletrônico, e as vagas serão preenchidas por sorteio, também eletrônico. Os inscritos deverão realizar o curso a distância "Educação para Democracia e o Parlamento". Serão disponibilizadas oito vagas por estado, totalizando 216 vagas. Participarão do programa Missão Pedagógica no Parlamento os 54 professores com melhor desempenho no curso, observada a distribuição de duas vagas por estados e DF.

Caso não haja inscritos para todas as vagas de determinado estado, estas serão remanejadas para outros estados da mesma região, priorizando aqueles com maior número de habitantes.

Requisitos

Para participar, o professor precisa estar trabalhando como regente dos ensinos fundamental ou médio em escola pública. Também é necessário apresentar o termo de ciência e recomendação da escola, além de não ter participado de nenhuma edição anterior do programa Missão Pedagógica no Parlamento.

Missão Pedagógica

O programa está dividido em duas unidades: Encontro Presencial e Módulo de Aplicação.

O Encontro Presencial, de 31 de agosto a 4 de setembro, acontecerá em Brasília, nos plenários das comissões (Anexo II). A carga horária será de 40 horas. Serão abordados os seguintes temas:

- noções sobre democracia, representação e confiança;
- introdução e problematização sobre o processo legislativo;
- introdução ao tema "participação do cidadão";
- desenvolvimento e problematização sobre conceitos de educação para democracia e letramento político;
- desenvolvimento e problematização sobre papel da escola para a formação democrática e cidadã; e
- conceitos e experiências de projetos pedagógicos de intervenção.

Já o Módulo de Aplicação, a distância, terá 50 horas para construção e aplicação de projetos pedagógicos de intervenção em educação para democracia, no período de 15 de setembro a 21 de novembro.

A Câmara custeia passagens áreas, hospedagem e alimentação para que os professores selecionados participem do Módulo Presencial. Os participantes que concluírem com êxito o programa receberão, ao fim da formação, certificado expedido pelo Centro de Formação, Treinamento e Aperfeiçoamento da Câmara dos Deputados, com carga horária de 120 horas de capacitação.

Diretrizes e metodologia

O programa Missão Pedagógica no Parlamento é guiado pelas seguintes diretrizes didático-pedagógicas: participação ativa do educador; formação de multiplicadores; integração entre teoria e prática; e criação de rede de experts. Essas diretrizes orientam a construção do conteúdo programático e o planejamento das metodologias aplicadas.

Tendo como base esse conjunto de diretrizes, foram estabelecidas duas trilhas de aprendizagem no programa: "O professor como agente de educação para democracia na escola" e "Conhecendo o papel do Poder Legislativo para a democracia".

Quanto às metodologias para as duas trilhas, são priorizadas aquelas que privilegiam o diálogo e a vivência, como exposições dialogadas, simulações, debates, apresentação de experiências e jornadas de aprendizagem.

Mais informações no edital do programa.

Câmara Federal

Nenhum comentário:

Postar um comentário