sexta-feira, 20 de abril de 2018

Gleici é a campeã do BBB18 com 57,28% dos votos




Tiago Leifert anuncia que Gleici é a campeã do BBB18 com 57,28% dos votos. A sister comemora e é abraçada pelos demais finalistas. Na plateia, Wagner vibra. Kaysar fica em segundo, com 39,33%. A família Lima ficou em terceiro lugar com 3,39%.

Confira a trajetória da sister
Boa de briga. Foi assim que Gleici se apresentou ao chegar no BBB18! Representante do Acre, a sister mostrou a personalidade forte por trás da fala mansa.

A primeira pessoa a notar o comportamento da estudante foi Paula, que se surpreendeu com a colega de confinamento. “Eu estou de cara com você!”, afirmou.

Era só uma amostra de como Gleici se colocaria no jogo, sempre alerta. Também em uma conversa com Paula, outro indicativo da personalidade da sister: não se deixar manipular. Ao ser questionada se usaria maquiagem no programa, foi taxativa: “O Brasil vai ter que me aceitar assim”.

E assim foi. Ao longo do programa, a sister soltou algumas aspas marcantes, como “Não sou boazinha” e “Se alguém gritar comigo, não vou ficar calada”.

Quando se sentiu ameaçada, reclamou: “Estou sentindo que algumas pessoas me acham boba”. Até que chegou o momento de se impor: quis ser chamada pelo nome, e não por nenhum apelido.

O jogo, às vezes, ficava de lado, e a história de vida emocionava. Gleici contou sobre a infância difícil no Acre para Wagner e chorou. Porém, a sister garantiu que não queria que ninguém sentisse pena dela.

Falando em Wagner, vale destacar a convivência entre os dois. Na primeira vez que os dois se aproximaram, já foi para dançar de rosto colado. Mais tarde, a dança virou comentário de Wagner, com direito a declaração do amor! E, dias depois, virou torcida na casa.

O jogo seguiu. Gleici viu a amiga Mara ser eliminada e se aproximou de Paula, Ana Clara e Mahmoud. Indicada pelo então Líder Lucas, ela foi para o seu primeiro Paredão. Mas não era a vez dela, e Gleici foi mera coadjuvante ao lado de Jaqueline e Mahmoud.

Mas a calmaria não durou muito. Com a casa dividida, Gleici se viu emparedada pela segunda vez, com cinco votos: Jéssica, Lucas, Patrícia, Diego e Breno. Na véspera da Eliminação, a estudante de Psicologia ficou pensativa e chorou. Mas a tristeza duraria pouco, já que a estudante voltou de seu segundo Paredão e comemorou com Mahmoud com um pulo na piscina, de roupa e tudo.

Depois disso, o relacionamento com Wagner decolou! Apesar de uma pequena ajudinha de um cupido chamado Mahmoud, os dois finalmente tiveram seu momento de glória, mas tudo debaixo do edredom. De lá para cá, outros beijos escondidos pelo edredom aconteceram e Gleici revelou que não esperava gostar de alguém na casa, mas que se sentia feliz.

Não demorou muito para que a sister estivesse mais uma vez na berlinda. Desta vez, em um Paredão com votos abertos na sala. Gleici empatou com Diego e Mahmoud, mas acabou sendo emparedada após o desempate da Líder Patrícia. A estudante ficou surpresa com o voto que recebeu de Kaysar, e o sírio justificou dizendo que fez isso para não chatear Patrícia.

Menos votada, Gleici acabou indo parar no Quarto Farol em uma falsa Eliminação. A sister ficou radiante ao descobrir que seguia na disputa. Durante três dias que permaneceu no local, a acreana acompanhou parte das conversas na casa e descobriu que sua ida ao Paredão fora arquitetada por Patrícia.

Ao retornar imune à casa, repetiu a famosa frase usada por Clara ao rever seus inimigos na novela O Outro Lado do Paraíso e teve uma discussão séria com Patrícia. Além da imunidade, o Paredão falso garantiu à estudante o direito de indicar alguém ao Paredão. A escolhida, claro, foi a cearense.

Minutos antes da Eliminação de sua rival, Gleici teve uma nova discussão com a funcionária pública. Com a sorte ao seu lado, a sister venceu a Prova do Líder, disputada em dupla com Ana Clara, e, confiante, abriu mão de imunidade para a família Lima.

Antes de indicar Diego ao Paredão, acabou emparedada pelo escritor que atendeu o Big Fone. Para completar, a votação na casa deu empate e, em acordo com Ana Clara, a estudante de Psicologia escolheu Jéssica para completar a berlinda. O motivo? Os três votos que levou da personal durante o confinamento.

De folga da berlinda nas semanas seguintes, Gleici viu Wagner ser indicado a seu primeiro Paredão e disputar a preferência do público justamente contra a família Lima. O artista visual acabou eliminadocom 59,50% dos votos. Na despedida, o casal prometeu se encontrar depois.

Faltando 3 dias para a Final do BBB18, Gleici garantiu sua vaga após a formação do último Paredão, quando Kaysar conquistou a liderança, indicando Paula, e a empresária escolheu a família Lima para a berlinda.

"Eu me mostrei o máximo, tudo o que eu pude fazer e viver eu vivi, com todo o meu coração e minha emoção. Eu nunca imaginei que ia estar aqui hoje. Eu sempre quis. Estou aqui pela minha família e meu estado. Todo mundo sabe a minha história. Nunca fiz questão de esconder o que eu acredito e quem eu sou".

G1


0 comentários:

Postar um comentário