Publicidade

Petrolândia: Leitor reclama de atendimento eletrônico insatisfatório em agência bancária local


"Venho, através desta nota, mostrar a minha indignação no que diz respeito à forma desrespeitosa e sem compromisso da agência do Banco do Brasil em Petrolândia-PE, Sertão de Itaparica, para com os servidores que recebem seu dinheiro na referida agência. A gerência da unidade sabe que todo final e inicio de cada mês tem um número maior de pessoas que dependem dos seus serviços, como servidores públicos, privados, aposentados e pensionistas, entre outros clientes, principalmente no que diz respeito a receber os pagamentos, mas quando chegamos nos seus caixas eletrônicos nos deparamos, na maioria das vezes, com caixas com cédulas no valor de R$ 10,00 e R$ 20,00. Esses valores nos atrasam, quando conseguimos fazer o saque, pela quantia mínima que podemos retirar.

No meu entendimento, algo com urgência deve ser feito. Vejo o empenho dos funcionários da agência em fazer o que podem pelos seus clientes, que pagam juros altos, porém vejo uma gerência acomodada, sem compromisso e respeito aos seus clientes, principalmente a pessoas com atendimento prioritário, por disponibilizar para esses praticamente um caixa eletrônico.

Não sei aqui, informar a quem competem essas providências: Promotoria, Poder Publico, não sei! Mas que elas sejam tomadas com urgência, pois não aguentamos mais tanto descaso e desrespeito, a tantos cidadãos de bem, que saem de suas casas para receberem aquilo que lhes é de direito e suor, e têm que sair de uma agência “quente” e de mãos limpas. Exemplo: “Hoje (31), no caixa em que estive, não pude nem sequer ver o saldo da minha conta, pois quando chegou a minha vez de usar o terminal, apareceu a informação que eu deveria usar outro terminal, isso depois de 40 minutos na fila. É um absurdo. Como diz um apresentador: “ISSO É UMA VERGONHA!”

Alexandre Sertão, Servidor Público Municipal de Petrolândia.

Comentários

Publicidade