Publicidade
ESTE BLOG ESTÁ EM REFORMA. AGRADECEMOS A COMPREENSÃO.

Rodrigo Novaes convida para Convenção da Frente Popular ''Faço parte de uma frente partidária que que viu a economia de Pernambuco dobrar de tamanho''


Faço parte de uma frente partidária que elegeu o governador Eduardo Campos em 2006, e que viu a economia de Pernambuco dobrar de tamanho, com oportunidades e empregos.

Depois de 8 anos vi nosso líder indicar o amigo Paulo Câmara, com quem trabalhei como gestor jurídico, ele ainda como secretário de administração.

Como deputado acompanho sua luta diária. Faço política ao lado da verdade, valorizo a competência e a seriedade. Não foi possível fazer tudo que se queria - evidente. Ninguém imaginava que o país ia virar pelo avesso, que a economia ia entrar em recessão por dois anos seguidos.

E foi nesse ambiente que comprovei a capacidade de Paulo como gestor, que trabalhou para manter a casa em ordem e manter o estado de pé.

Queria ver muito mais realizações. Queria ver o estado crescendo como na época de Eduardo. Mas, em que pese o desejo comum - não era o que o momento permitia. Foi aí que entendi as palavras do governador Eduardo Campos lá atrás, na convenção há 4 anos, quando ele assegurou que teríamos o melhor governador da história de Pernambuco.

Tivemos! Fosse um político tradicional, que joga com o poder, que busca o aplauso fácil, demagogo, ilusionista, estaríamos no fundo do poço.

Vejo o que está acontecendo noutros estados - muitos bem maiores que Pernambuco.

Nosso estado é referência em gestão, em transparência, em realizações em infraestrutura hídrica e em educação, a melhor do Brasil, áreas eleitas como prioritárias.

Agora me surge na consciência a necessidade de manter o estado em boas mãos. Com quem possa seguir fazendo o bem de maneira responsável. Desejo que os próximos anos sejam mais prósperos, e serão, com Paulo governador.

Rodrigo Novaes

Comentários

Publicidade