domingo, 19 de junho de 2016

Remanso: Pré-candidato a prefeito, Marcos Palmeira diz que “educação é o alicerce para um futuro digno”


O advogado remansense, Marcos Palmeira, pré-candidato a prefeito em Remanso pelo PC do B, participou na noite de sexta-feira do seminário promovido pela APLB Sindicato sob o tema “Qual Educação Queremos para Remanso” .

Defendendo a política proposta pelo seu partido, Palmeira ressaltou a necessidade de oferecer educação de qualidade na rede municipal: “Aqui no município está a base de tudo. A experiência do PC do B mostra que é possível trazer a educação pública para o nível da educação particular. Queremos para nossos jovens a mesma qualidade oferecida aos alunos da rede particular”.

Questionado se isso é possível, Marcos não titubeia: “A aplicação dos recursos, de forma transparente, fiscalizada pela comunidade e o esforço conjunto, dedicado, de todos os envolvidos no processo educacional, torna possível esse avanço. Temos o exemplo de diversas cidades na Bahia e no Brasil. Não precisamos ir longe. Em Juazeiro a administração do PC do B climatizou as escolas, implantou um plano de carreira, cargos e salários que dá dignidade ao professor. Basta ter vontade política! ”

Ao longo de 15 minutos de explanação, Marcos Palmeira falou da política de gestão e da imperiosa necessidade da “eleição direta dos gestores das unidades escolares”: “Quem será eleito tem identidade com a comunidade, não se sujeita aos desejos do eventual gestor. E é possível fazer mais: Capacitar os gestores para que sejam administradores. Sem desperdício e sem desvios, com estes recursos, é possível avançar”

Para uma plateia de mais de cem professores, alunos e comunidade, Palmeira ainda discutiu problemas de gestão pedagógica, aquisição da merenda, transporte, capacitação e o papel exercido pela oposição em Remanso.

Lembrou da sua atuação em defesa dos professores em diversas questões legais e no esforço para o fortalecimento das associações de classe. Ao final parabenizou a APLB pela iniciativa, à UNIFAN "por abrir as portas para debates como esse", aos professores e expositores e lamentou que um dos pré-candidatos estivesse ausente: “Essa ausência mostra a forma como ele sempre tratou e vai tratar professor e educação”.

Manoel Leão/Ascom PC do B Remanso-BA

Nenhum comentário:

Postar um comentário