quinta-feira, 9 de janeiro de 2014

Senado autoriza criação de três centros de pesquisa

O Senado Federal aprovou o projeto de lei da Câmara, que cria três centros de pesquisa: o Centro de Tecnologias Estratégicas do Nordeste, o Instituto Nacional de Pesquisa do Pantanal e o Instituto Nacional de Águas.

Além dos novos órgãos, que estarão ligados ao Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação, o texto prevê a criação de 83 cargos comissionados e a transferência do Museu de Biologia Professor Mello Leitão, localizado em Santa Teresa, no Espirito Santo, do Ibram para a pasta federal. O nome do museu será alterado para Instituto Nacional da Mata Atlântica.

De acordo com o projeto, votado na última terça-feira, o Centro de Tecnologias Estratégicas do Nordeste terá por finalidade desenvolver, introduzir e aperfeiçoar inovações tecnológicas que tenham caráter estratégico para o desenvolvimento econômico e social da região. O intuito é promover cooperações baseadas em redes de conhecimento e nos agentes da economia nordestina.

O Instituto Nacional de Pesquisa do Pantanal buscará articular ações nesse bioma do Centro-Oeste, promover novas iniciativas e propiciar o desenvolvimento de modelos e de bancos de dados para integrar a transferência do conhecimento gerado na região.

Com o Instituto Nacional de Águas, a intenção é implementar ações inovadoras na área de meio ambiente, tendo como foco a preservação e a geração de conhecimento e de novas tecnologias na utilização racional dos recursos hídricos.

Assessoria de Comunicação Ministério da Ciência Tecnologia e Informação

Nenhum comentário:

Postar um comentário