Publicidade

Petrolândia: Câmara de Vereadores divulga resumo da Sessão de 29/04/2015

André Luiz recebe Moção de Aplausos do vereador Eudes Fonseca pela encenação da Paixão de Cristo na Sexta-Feira Santa (Fotos: Ascom/CVP)
Geraldo recebe Moção de Pesar, apresentada pelo vereador Carlinhos, pelo falecimento de Gilberto Alcântara

O primeiro a se pronunciar na Sessão ocorrida no dia 29 de abril do corrente ano, foi o vereador Eudes, que após cumprimentar os demais colegas e todos os presentes, apresentou indicação solicitando ao Gestor Municipal a abertura de uma Casa da Juventude para o Projeto Icó-Mandantes, visando oferecer uma assistência aos jovens daquela localidade, desenvolvendo o aprendizado e o interesse pelo agronegócio, bem como, demais atividades possíveis. Apresentou também, Moção de Aplausos daqueles que participaram da encenação da Paixão de Cristo durante a Semana Santa, e em nome do coordenador André Luiz, parabenizou o empenho e dedicação de todos.

O jovem André Luiz, em poucas palavras, agradeceu pela Moção recebida, e dedicou ao professor Genilson (falecido recentemente), que muito contribuiu com a criação do grupo e com as atividades deste.

O vereador Sílvio Rogério falou da sua satisfação em receber notícias sobre a instalação dos medidores noturnos, cuja a responsabilidade foi assumida pela Celpe, sabendo que apesar de não ser um investimento do Município, faz parte do orçamento a partir do momento em que se criou o Projeto de Lei para tal feito. Relatando também, a preocupação com a redução dos níveis da Barragem de Sobradinho, e que ainda existe a necessidade de mais liberação de água para o mar, preocupando a todos por ser uma situação que muito cresce sem que sejam encontradas soluções.

Em seguida, o vereador Jorge Viana pautou alguns problemas como transporte e merenda escolar, manifestando ainda, uma indignação com relação a saúde pública do Município, desde a falta de médicos até mesmo aos debates sobre salários e motivos pelos quais existe essa carência. Mostrou ainda a sua preocupação com descasos como a dificuldade de um cidadão para obter uma simples carteira de identidade, que além de fichas limitadas, exigem horários inaceitáveis, como amanhecer nos portões da Secretaria responsável.

Em sua fala, o Vereador Rogério Novaes questionou a falta de transporte escolar, alegando irresponsabilidade e falta de planejamento nas licitações em seus períodos corretos. Criticou também, o desprezo e as negligências nos setores da Saúde e Educação, afirmando que dinheiro público não é pra ser poupado e sim investido. Comentou sobre a decisão judicial que determina a realização de concurso público para guarda municipal, alertando a população para fiscalizar e cobrar.

Em seguida, o Vice-Presidente da Casa, Carlos Alberto, apresentou Moção de Pesar pelo falecimento do senhor Gilberto Alcântara, um grande amigo do vereador, e Moção de Pesar pelo falecimento do senhor Severino, carinhosamente conhecido como “Meia noite”, lamentando desta forma, duas grandes perdas, fazendo uma homenagem ao recitar um Poema do saudoso Chico Xavier: “Ainda sabendo que a morte vem de Deus, quando nós não a provocamos, não podemos, por enquanto, na Terra receber a morte com alegria porque ninguém recebe um adeus com felicidade, mas podemos receber a separação com Fé em Deus, entendendo que um dia nos reencontraremos todos numa vida maior e essa esperança deve aquecer-nos o coração.” Ainda em seu pronunciamento, manifestou a sua preocupação com o Município e os vários problemas que atingem a população, começando pela merenda escolar, matéria de grande importância para as atividades normais dos alunos. Apontou números da Receita indicando as despesas do Executivo, e até o mês de março houve o repasse pelo Governo Federal, através do Ministério da Educação da quantia de R$ 224.206,00 para merenda escolar, não sendo utilizado devido a falta de planejamento. Aproveitou também, para lembrar sobre o requerimento para a construção de duas creches em Petrolândia, e o fato da empresa vencedora da licitação enfrentava problemas de liquidez, ou seja, problemas financeiros, e até hoje, as obras não foram concluídas.

Para finalizar a Sessão, a palavra foi facultada ai Líder da situação Sílvio Rogério, mostrou a importância da união das pessoas em busca de um objetivo, independente de posição e divergências partidárias, o povo não pode sair perdendo, de tal forma, que não deve haver prejuízo no tocante ao atendimento na saúde, ao fornecimento de condições para a educação com qualidade, e dessa forma, de um modo geral todos os serviços prestados pelo Poder Público para a população. E para isso, é importante voltar a atenção para ações e projetos.

Logo depois, o Líder da oposição Jorge Viana, esclareceu quem em momento algum pretende agredir ou julgar a gestão atual, mas cobrar o que de fato é direito do povo, porém, está de atingindo de maneira negativa a população e o desenvolvimento do município de modo geral. Cobrar ação do Prefeito, para que assim não seja preciso tantas críticas, revoltas e momentos de constrangimentos e transtornos, além de sofrimento para as pessoas. Falou com indignação da situação do Hospital Municipal Dr. Francisco Simões de Lima, do atendimento, da falta de médicos, do planejamento para um maior compromisso por parte do Gestor e Secretaria responsável, da mesma forma que se refere a Educação, onde as escolas estão em situações de dificuldade devido a falta de materiais didáticos, impossibilitando as atividades normais e essenciais para o ensino com qualidade. Ainda cobrou informações sobre os tratores que deveriam estar a disposição do Município, e finalizou deixando claro que, na próxima Sessão, irá citar os demais temas que estão afetando Petrolândia e sua população.

Ao final, o Presidente da Casa Fabiano Marques, após acordo com os demais colegas vereadores, informou sobre a realização da Audiência Pública para debater sobre a Merenda Escolar, para o dia 11 de maio do corrente ano. Declarando encerrada a Sessão.

>Veja as fotos (para clientes do Facebook)

Câmara Municipal de Petrolândia

Comentários

Publicidade