segunda-feira, 17 de setembro de 2018

Jornalista de 27 anos é morto por bala perdida no Rio de Janeiro


O jornalista Daniel Delfino, de 27 anos, foi morto por uma bala perdida, na noite deste domingo, em Guadalupe, na Zona Norte do Rio. Segundo familiares da vítima, ele voltava de um chá de bebê quando foi atingido no abdômen por uma bala perdida na Rua Francisco Portela. Daniel trabalhou na Folha Dirigida, na Rádio BandNews FM e na Rede Bandeirantes e atualmente estava numa empresa de tecnologia. Nas redes sociais, amigos lamentaram a morte do jovem.

"Uma imensa perda para todos, uma perda enorme para a nova geração de jornalistas do Brasil. Sentimento de impotência, de pequenez, de injustiça", escreveu uma amiga.

Segundo o comando do 41ºBPM (Irajá), o batalhão foi acionado, no início da noite de domingo, para verificar ocorrência em rua do bairro de Guadalupe, nas proximidades da Avenida Brasil. No local, o jornalista foi encontrado morto. A Delegacia de Homicídios foi acionada. Não houve operação ou ocorrência envolvendo policiais militares do batalhão na localidade.

De acordo com a Divisão de Homicídios (DH-Capital) foi instaurado um inquérito para apurar as circunstâncias e autoria do crime. A perícia foi realizada e diligências estão em andamento. O corpo foi liberado pelo IML.

Jornal Extra do RJ
Blog de Assis Ramalho


0 comentários:

Postar um comentário