Publicidade

Álvaro Porto anuncia mudança de partido e entrada na base do Governo na Alepe

Deputado estadual Álvaro Porto (Foto: Giovanni Costa/Alepe)

O deputado Álvaro Porto comunicou, na Reunião Plenária desta terça (23), que está saindo do PTB (Partido Trabalhista Brasileiro) para ingressar no PSD (Partido Social Democrático). Com a mudança, ele também deixará de integrar a Bancada de Oposição para apoiar o Governo na Casa. O deputado deverá se filiar à nova legenda no período de 30 dias, contando a partir do dia 19 deste mês, conforme o que determina a Emenda Constitucional nº 91/2016.

“Considero ter cumprido meu tempo no PTB. Fui leal ao partido e desempenhei satisfatoriamente a missão de vice-líder da Oposição. No entanto, demandas surgidas no mandato me fizeram partir para outros rumos, sem decepções e sem mágoas”, avaliou. “Agora é hora de olhar para a frente no PSD, partido que me acolheu de forma generosa”, afirmou.

O deputado ressaltou que a mudança foi feita em total sintonia com prefeitos, vereadores e demais lideranças que o apoiam. “O governador (Paulo Câmara) já deu mostras de sensibilidade a pedidos que fiz no ano passado. Partiu dele o convite para que entrássemos na base, assim como o compromisso para atender diversas demandas das cidades do Agreste Meridional”, relatou. Álvaro Porto elencou o atendimento aos setores de infraestrutura e abastecimento de água de sua região como prioridades, assim como a defesa da Bacia Leiteira, do municipalismo e de mais eficiência nos serviços de saúde e de segurança pública.

Parlamentares governistas saudaram a entrada de Porto na bancada. “Quero dar boas-vindas ao deputado. Ter um líder do Agreste Meridional é algo que vai enaltecer o nome do PSD”, declarou o também integrante da sigla, Rodrigo Novaes. “Nossa expectativa é que vossa excelência nos ajude a trabalha por um Pernambuco melhor pra se morar e para se viver”, frisou Lucas Ramos (PSB), vice-líder do Governo na Casa. Antônio Moraes (PSDB), Pedro Serafim Neto (PDT) e Diogo Moraes (PSB) também manifestaram apoio à decisão de Álvaro Porto.

Alepe

Comentários

Publicidade