domingo, 26 de agosto de 2018

Diante de uma multidão vermelha no Agreste, PT pede voto fechado em Paulo Câmara


Foto: Ichiro Guerra

Vestida de vermelho e com camisas e bandeiras do PT e pedidos de “Lula Livre”, uma multidão de cerca de cinco mil pessoas assistiu, na noite desse sábado (25), em Águas Belas, no Agreste Meridional, ao maior ato realizado pelo partido e sua militância em favor do governador Paulo Câmara, do PSB.

Organizado pelo líder da Oposição no Senado, Humberto Costa (PT), e pelo seu aliado, o prefeito Luiz Aroldo (PT), o evento reuniu algumas das principais lideranças petistas, que pediram voto fechado do PT para a reeleição do governador.

No palanque lotado, estavam, além de Humberto e Aroldo, o presidente estadual do PT, Bruno Ribeiro, o presidente da Contag, Aristides dos Santos, vários prefeitos da região, a futura presidente da Fetape, Cícera Nunes, e os candidatos a deputado federal, Carlos Veras, ex-presidente da CUT em Pernambuco, e Doriel Santos, ex-presidente da Fetape. Todos pediram votos dos apoiadores do PT a Lula para presidente e a Paulo para governador.


“Essa é uma expressiva demonstração de que qualquer eventual divergência interna foi superada pela unidade do PT em torno de um projeto muito maior, que é eleger Lula presidente”, afirmou o senador Humberto Costa, que foi exaltado por todos os participantes e pelo governador como o “senador de Lula”, um “defensor das conquistas dos governos do PT” e uma “liderança de oposição a Temer e a suas pautas contra os trabalhadores e os mais pobres”.

Águas Belas encerrou, na noite do sábado, a puxada agenda da Frente Popular pelo Agreste Meridional. Depois de um giro na sexta, no Sertão, por Trindade, Ouricuri e Araripina, a chapa majoritária desembarcou no sábado em Bom Conselho, onde começou o dia. Depois, foi a Caetés, terra natal de Lula, e a Itaíba, onde houve um ato popular na fazenda do deputado estadual Claudiano Filho (PP).

Na sequência, a comitiva seguiu para a cidade governada pelo PT, onde ocorreram alguns dos maiores eventos desta campanha. Além do ato na praça central organizado pelo prefeito Luiz Aroldo, Paulo Câmara, Humberto e a candidata a vice, Luciana Santos (PCdoB), ainda participaram de um organizado em outro ponto da cidade pelo ex-prefeito Genivaldo Menezes, candidato à deputado estadual pelo PCdoB, que reuniu centenas de pessoas.

Entre um e outro evento, o governador e Humberto ainda foram a um terceiro ato organizado pela militância do PSB que apoia a eleição de Isaltino Nascimento para a Assembleia e de João Campos para a Câmara Federal.

“Foi uma enorme e significativa demonstração de força do povo de Águas Belas e da região de que está aliado ao time de Lula. Depois de ver esse mar de gente que veio de todos os cantos do Agreste Meridional, a gente sai com a certeza de que não há espaço em Pernambuco para Temer e sua turma, que é representada aqui por um palanque com dois dos seus ex-ministros”, disparou o líder da Oposição no Senado.

Assessoria de Imprensa Humberto Costa


0 comentários:

Postar um comentário