Publicidade

Policiais militares são assassinados a tiros em Alagoas

Policiais lamentam as mortes dos colegas de farda (Foto: Jonathan Lins/G1)
Irmãs de Cabo foram até o local do crime. Elas estavam em estado de choque (Foto: Jonathan Lins/G1)

Dois policiais militares foram mortos a tiros durante a manhã desta sexta-feira (23), no Barro Duro, em Maceió. De acordo com informações repassadas pelo Batalhão de Polícia de Eventos (BPE), os militares estavam à paisana e faziam parte do Serviço de Inteligência da PM.

De acordo com o cabo Miranda, três policiais chegaram ao local. Dois deles teriam entrado na Grota do Aterro e o outro ficou no carro. "Não sabemos como o terceiro policial conseguiu escapar. Estamos apurando", afirma.

Os PMs foram identificados como cabo Alisson Ferreira do Nascimento e soldado Anderson Marques Passos. Segundo a perícia, o cabo foi atingido por seis disparos, três no rosto, dois no abdômen e um no braço. Já Passos foi atingido por dois disparos, um no rosto e outro no braço.



O secretário de Segurança Pública, Alfredo Gaspar, disse que a polícia está trabalhando para solucionar o caso. "Esses policiais estavam trabalhando para garantir a paz. É uma perda irreparável. Já temos uma linha de investigação e vamos tornar esse caso prioridade, dando as respostas adequadas a esse caso", afirma.

Minutos depois, o secretário deu entrevista a uma rádio local, onde reforçou que não vai tolerar mortes de policiais. "Se enfrentarem a polícia vão tombar, eu como secretário de Segurança não aceitarei isso", disse Gaspar.

G1 AL

Comentários

Publicidade