Publicidade

Pernambuco confirma 13 novas mortes pela Covid-19, entre elas a de uma menina de 1 ano e 11 meses


Pernambuco confirmou, nesta sexta-feira (16), mais 654 casos de Covid-19, dos quais 17 são de Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag) e 637 são leves. Com a atualização, feita pela Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE), o Estado ultrapassou a marca de 155 mil infectados pela doença. Agora Pernambuco contabiliza 155.520 casos, sendo 26.659 graves e 128.861, leves.

No informe desta sexta, a SES-PE notificou a confirmação laboratorial de 13 novos mortes, ocorridas desde 18 de maio. Entre as vítimas fatais, estava uma menina de 1 ano e 11 meses, que morava em Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife, e que faleceu nessa última quarta-feira (14).

Pernambuco totaliza 8.469 mortes pela Covid-19. Desde o início da pandemia, no Estado 51 crianças com idade de 0 a 9 anos morreram por contágio pelo novo coronavírus.

Além da criança, também na última quarta morreram mais cinco pessoas. Já no dia seguinte, quinta-feira (15), ocorreu uma morte. Os outros seis registros de morte ocorreram entre 18 de maio e a última segunda-feira (12).

As novas mortes foram de residentes dos municípios de Camaragibe (2), Garanhuns (1), Jaboatão dos Guararapes (2 adultos e a criança), Passira (1), Recife (2), Santa Cruz do Capibaribe (1), São Lourenço da Mata (1), Serrita (1) e Trindade (1).

Os pacientes tinham idades entre 38 e 90 anos, além de uma criança (sexo feminino) de 1 ano e 11 meses. As faixas etárias são: 0 a 9 (1), 30 a 39 (1), 50 a 59 (2), 60 a 69 (3), 70 a 79 (3) e 80 ou mais (3).

Dos 13 pacientes que vieram a morrer, 9 apresentavam comorbidades confirmadas: diabetes (5), doença cardiovascular (4), doença renal (2), hipertensão (1), tabagismo (1) e doença respiratória (1) – um paciente pode ter mais de uma comorbidade. Os demais estão em investigação.

Além disso, o boletim registrou um total de 138.012 pacientes recuperados da doença. Desses, 16.993 eram pacientes graves, que necessitaram de internamento hospitalar, e 121.019 eram casos leves.

Por Folha de Pernambuco

Comentários

Publicidade