Publicidade

Humberto encerra agenda em nova comunidade quilombola


A maratona do fim de semana do líder do PT no Senado, Humberto Costa, foi encerrada com chave de ouro na noite do sábado (27). O petista participou da cerimônia da entrega do certificado de comunidade Quilombola, concedida pelo Governo Federal, à população de Luanda, localizada no distrito de Água Branca, em Serra Talhada, sertão do estado.

"Com essa certificação, portas se abrirão para a comunidade, que poderá ter acesso, a partir de agora, a diversas políticas públicas financiadas pelo Governo Dilma, como habitação, obras de calçamento e outros investimentos que vão melhorar a vida das pessoas que aqui vivem”, festejou Humberto. Luanda é a 19ª comunidade a receber a certificação como Quilombola em Pernambuco.

Também em Luanda, o senador entregou, junto com o prefeito Luciano Duque (PT), uma Unidade Básica de Saúde que foi reformada com recursos no valor de R$ 157 mil e assinou Ordem de Serviço de uma praça para a comunidade que será financiada com recursos próprios da Prefeitura de Serra Talhada no valor de R$ 84 mil. Essas obras beneficiarão 664 famílias da região.

“A presença do senador em um evento como este demonstra como o Governo Federal vem se preocupando com o bem-estar da população mais carente em todas as partes do país. Esse é um governo que trouxe comida para dentro das casas das pessoas, que antes dos governos Lula e Dilma viviam em condição de pobreza extrema”, afirmou o prefeito Luciano Duque.

Antes de seguir para Serra Talhada o senador proferiu palestra sobre Reforma Política no Congresso Estadual de Vereadores e Servidores das Câmaras Municipais, promovido pela União de Vereadores de Pernambuco (UVP), que aconteceu no auditório da Autarquia de Ensino Superior de Arcoverde (AESA).

Durante o evento, que reuniu vereadores de 54 municípios, o líder do PT falou sobre como o Congresso Nacional está tratando o tema da Reforma Política. “É urgente a necessidade de promover essa reforma, todos são unânimes nessa questão. O que estamos debatendo agora são os pontos que devem ser mudados. Na minha opinião, o ponto mais urgente é o do financiamento de campanhas eleitorais. Não podemos mais deixar que empresas privadas possam fazer doações para as campanhas”, afirmou o senador petista.

Assessoria de Imprensa Senador Humberto Costa

Comentários

Publicidade