sexta-feira, 25 de abril de 2014

Baderneiros que se dizem torcedores do Santa Cruz invadem Arruda e agride jornalistas

Torcedores invadem a sala de entrevistas do Arruda. Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Torcedores invadem a sala de entrevistas do Arruda. Foto: Diego Nigro/JC Imagem
Torcedores protestam no estacionamento do Santa Cruz. Foto: Diego Nigro/JC Imagem

Cerca de 50 membros da principal organizada do Santa Cruz, a Inferno Coral, causaram muita baderna nos vestiários do clube na tarde desta quinta-feira, no Arruda. Os jogadores ficaram muito assustados com os gritos de guerra do grupo e os protestos. Além disso, os repórteres que estavam no estádio também foram intimidados.

A invasão ocorreu pelo portão da Rua das Moças. A polícia chegou apenas 20 minutos depois. Apesar disso, o grupo permanece no Arruda. Todos estão com os rostos cobertos por camisas.

“Ninguém rouba nada, não filme nenhum de nós e nem tirem fotos porque aqui não tem ladrão”. Assim eles entraram na sala de entrevistas onde encontraram alguns repórteres que estavam esperando a apresentação do meia Danilo Pires, ex-central, ficaram assustados e saíram correndo da sala para não serem agredidos pelo bando.

De acordo com os próprios atletas no contato não houve agressões, apenas xingamentos e cobranças mais assíduas a eles. A confusão acabou quando o repórter da Rádio Jornal/JC News, Leonardo Boris, chamou a polícia quando estava no ar.Logo, quatro viaturas da polícia chegaram e terminaram com a confusão.

Fonte: Blog do Torcedor

Nenhum comentário:

Postar um comentário