segunda-feira, 3 de setembro de 2018

Mãe de menina que participava do desafio da Boneca Momo em Caruaru conta como funcionava


A mãe de uma das adolescentes que participava do desafio da Boneca Momo em Caruaru, no Agreste de Pernambuco, concedeu entrevista ao repórter Luiz Carlos Fernandes, da TV Jornal Interior.

Na quinta-feira (30), duas adolescentes de 13 e 14 anos foram internadas na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do bairro Boa Vista após ingerirem uma grande quantidade de um medicamento calmante.

De acordo com ela - que preferiu não ser identificada - a filha e a colega participavam de um grupo de WhatsApp em que eram divulgadas mensagens do desafio da Boneca Momo, que estimula crianças e adolescentes a se automutilarem.

As adolescentes apresentavam cortes nos braços e no ombro. A mulher conta ainda que não percebeu comportamentos estranhos na filha, apenas viu que ela começou a usar casacos. "Pela questão da mudança de tempo, não imaginei que seria por causa de um desafio", contou.

Segundo a mãe da vítima, as adolescentes precisavam enviar fotos e vídeos dos ferimentos para comprovar que cumpriram os desafios. As jovens passarão por acompanhamento psicológico. A Polícia Federal vai investigar o caso.

Por: NE10 Interior


0 comentários:

Postar um comentário