Publicidade

Ministro anuncia conclusão do Canal do Sertão Alagoano e construção da Adutora da Bacia Leiteira

“Cabe a nós sermos instrumentos para transformarmos a vida das pessoas”, afirmou Helder Barbalho (Fotos: Ed Ferreira/MI)

Durante a entrega das obras de ampliação da Adutora do Alto Sertão, em Pariconha (AL), o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, anunciou uma série de medidas do Governo Federal para garantir o abastecimento de água à população e contribuir com o desenvolvimento econômico e social dessas regiões. “Temos o compromisso de concluir o Trecho IV do Canal do Sertão Alagoano e de chegar ao Trecho V, fazendo com que a água avance e que o povo de Alagoas compreenda que o sonho da integração do Rio São Francisco com o Rio Arapiraca é possível”, afirmou o ministro. E aproveitou para dar outra notícia: “Nós vamos atender a emenda da bancada federal para a construção da Adutora da Bacia Leiteira, que levará água para a continuidade deste projeto”.

As novidades foram divulgadas na presença do governador do Estado, Renan Filho, o anfitrião na solenidade de entrega das obras da Adutora do Alto Sertão, construção que recebeu R$ 89,43 milhões de recursos do Ministério da Integração Nacional e que foi executada pelo Governo do Estado. Com a ampliação da estrutura, a Adutora passa a captar água diretamente do Canal do Sertão Alagoano, permitindo que mais pessoas sejam atendidas pela rede de abastecimento hídrico, além de dar segurança de que a água vai chegar a suas torneiras. Ao todo, mais de 130 mil pessoas estão sendo beneficiadas em oito municípios e 40 povoados do estado de Alagoas.

“Essa era uma região antes da Adutora do Alto Sertão e teremos uma nova região depois desta conquista. Cabe a nós, que fazemos vida pública, sermos instrumentos para transformarmos a vida das pessoas e, acima de tudo, garantir que as próximas gerações possam ter um horizonte de prosperidade, de geração de emprego, de conquistas, fruto do suor e da luta de cada um”, afirmou Helder Barbalho.

O ministro ressaltou também o compromisso do Governo Federal com as obras hídricas na região Nordeste e uma preocupação especial com o Projeto de Integração do Rio São Francisco. “Há cerca de 40 dias, quando assumi a gestão do Ministério da Integração Nacional, recebi do presidente Michel Temer a determinação de perseguir diariamente a chegada da água para esta região do Brasil. Para que efetivamente possamos prosseguir com as obras que estão em andamento, para não haja nenhuma expectativa negativa na diminuição do fluxo financeiro e, acima de tudo, no calendário de entrega dessas obras hídricas, sejam as dos estados que compõe essa região, seja o Projeto de Integração do Rio São Francisco”.

Para garantir a entrega do Projeto de Integração até o fim deste ano, o ministro Helder Barbalho convocou as empresas construtoras da obra para definir o cronograma de conclusões dos trechos restantes. “Autorizei que as empresas apresentassem um novo fluxo que elevasse a capacidade máxima de execução para anteciparmos o calendário de conclusão do São Francisco. Mas não basta que estejam prontos os Eixos Norte e Leste. Não basta que estejam os reservatórios cheios e que as obras complementares estejam conclusas. É fundamental que possamos fazer com que chegue água nas torneiras dos brasileiros dessa região, para consumo humano, para higiene pessoal e para garantir a sua produção. A população quer ter a liberdade de escolher a hora do banho”.



Assessoria de Comunicação Social do Ministério da Integração Nacional

Comentários

Publicidade