Publicidade

Paulo Câmara foi o mais votado em 141 municípios do Estado, inclusive Petrolândia; PSB 141 x 44 PTB

Assis Ramalho entrevista Paulo Câmara (Foto: Lúcia Xavier)

A vitória nas urnas de Paulo Câmara não foi expressiva apenas no resultado final. O governador eleito conquistou a maioria dos votos em 141 municípios, enquanto Armando Monteiro (PTB) ultrapassou o socialista apenas em 44. Paulo venceu Armando em todas as cidades da Região Metropolitana do Recife e na grande maioria das cidades da Zona da Mata. Apenas no Sertão, o petebista aparece à frente do vencedor em boa parte dos municípios.

Em parte, isso se deve ao fato de Armando ter percorrido mais cidades do interior antes mesmo de lançar-se candidato, começando a amarrar alianças com prefeitos e lideranças. Mesmo assim, em algumas regiões, como o Sertão do São Francisco, foi vencido onde Paulo tinha como principal cabo eleitoral o candidato ao Senado, Fernando Bezerra (PSB), natural de Petrolina e ex-prefeito da cidade, que também venceu nas urnas.



Em alguns municípios, a votação de Paulo foi bastante expressiva. Por exemplo, em Primavera, na Mata Sul, o socialista obteve 92,45% dos votos, contra 7,36% de Armando. Outras votações de peso de Paulo ocorreram em Itaquitinga e Tracunhaém, ambas na Mata Norte, registraram mais de 86% dos votos para Paulo, contra cerca de 13% para o petebista.

No Recife, o governador eleito alcançou 77,83% dos votos, contra 20,13% de Armando. Em Caruaru, no Agreste, Paulo teve 76,92% dos votos, enquanto Armando alcançou 22,52%. Em Arcoverde, no Sertão, Paulo alcançou 55,31% dos sufrágios e Armando teve 44,51%.

Das cidades maiores, apenas em Garanhuns Armando bateu Paulo, mas mesmo assim, com uma diferença pequena. O petebista teve 51,6% dos votos e Paulo, 47,6%. A diferença mais expressiva do petebista foi em Alagoinha, onde recebeu 68,2% dos votos, contra 31,16% de Paulo.

Fonte: Jornal do Commercio

Comentários

Publicidade