Publicidade

Adolescente suspeito de matar médico em São Caetano é apreendido


Um adolescente de 16 anos suspeito de teratirado e matado um médico no dia 24 de março, em São Caetano do Sul, foi apreendido neste sábado (26) ao desembarcar em Guarulhos, na Grande São Paulo. Na época do crime, o ortopedista Dárcio Maurício Correiasaía de uma academia e foi abordado por dois rapazes que queriam roubar seu carro.

A Justiça determinou na quinta-feira (24) que o jovem fosse apreendido. Ele fugiu para o Nordeste logo após o crime, ao saber que seria detido. A família negociou para que o adolescente se entregasse.

A mãe do adolescente foi encontrada em Osasco, na Grande São Paulo, e o convenceu para que entregasse. O pai foi quem o buscou e trouxe a São Paulo de volta.

O caso
O médico morreu durante uma tentativa de assalto, por volta das 20h do dia 24 de março, na rua Rio de Janeiro, no bairro Santa Paula, em São Caetano do Sul, na região do ABC.

Dárcio chegava a uma academia, onde também trabalhava, quando foi abordado pelos assaltantes. Quando foi baleado, ele falava ao telefone com um paciente, que seria operado no dia seguinte. Sem levar nada, a dupla fugiu correndo.

R7 Notícias

Comentários

Publicidade