quinta-feira, 8 de junho de 2017

Caruaru: Soltura de animais silvestres marca o Mês do Meio Ambiente


Atividade em parceria da CPRH com a Prefeitura de Caruaru será nesta sexta (9) e envolverá alunos da rede municipal (Foto: CPRH/Divulgação)

Aproximadamente 70 animais silvestres, entre pássaros, cágados e jiboias, serão soltos na manhã desta sexta-feira (9) no Parque Municipal Vasconcelos Sobrinho, em Caruaru, numa atividade que envolverá estudantes da rede municipal de ensino, dentro da programação comemorativa do Mês do Meio Ambiente. São animais reabilitados no Centro de Animais Silvestres de Pernambuco (Cetas Tangara), da Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH), muitos vítimas do tráfico.

A soltura será entre às 9h e 11h, com o acompanhamento do biólogo Eduardo Vasconcelos, da Unidade de Fauna da CPRH, que também falará aos estudantes sobre o trabalho de reabilitação realizado pelo Cetas. O Centro de Triagem fica no bairro da Guabiraba, no Recife, e é para lá onde são encaminhados os animais silvestres vítimas de acidentes e/ou do tráfico, ou seja, os recolhidos em operações de fiscalização da própria Agência e de órgãos parceiros, como a Cipoma (Polícia Militar) e brigadas municipais, entre outros.

No Cetas, eles são reabilitados e preparados para o retorno à natureza, em áreas de soltura do Estado, ou até são repatriados para outras regiões, quando se tratam de animais que habitam outros biomas. Na conversa com os estudantes, gestores da Fauna e da Educação Ambiental da CPRH passarão informações sobre os cuidados que se deve ter com os animais e o meio ambiente de maneira geral, focando na importância na preservação. O tráfico de animais silvestres é crime e precisa ser combatido cada vez mais.

ATIVIDADES – A programação conjunta da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas), Parque Estadual Dois Irmãos (PEDI), marcando o Mês do Meio Ambiente, prossegue até o fim do mês, com ações em parcerias com diversos municípios e entidades. Nesta quinta (8), houve atividades sobre em escolas de Tiúma, São Lourenço (sobre a Mata Atlântica), de Timbaúba (sobre o Rio Capibaribe Mirim), de Escada (animais silvestres) e de Casa Amarela, Recife, numa parceria com o Shopping Plaza, onde a gerente de Fiscalização da Unidade de Fauna da CPRH, Joice Brito, conversou com alunos sobre o trabalho realizado pelo Cetas e alguns animais que foram ou ainda são tratados lá.

Em outra ação, em parceria com a Prefeitura de Abreu e Lima, a Estação Ecológica de Caetés (Esec Caetés), em Paulista, exibiu vídeo sobre os danos causados pelo lixo nas praias e a importância do meio ambiente, em encontro com 53 alunos da Escola Municipal Eberson Santos de Meireles. Os alunos também visitaram o apiário de abelhas uruçu. No final, ganharam mudas de pitanga, acerola e goiaba cedidas pela prefeitura.

Núcleo de Comunicação Social e Educação Ambiental - NCSEA
Agência Estadual de Meio Ambiente - CPRH
www.cprh.pe.gov.br


0 comentários:

Postar um comentário